You are on page 1of 2

O FUTURO É UMA INCÓGNITA Desde pequenos ouvimos a famosa frase; “O futuro da humanidade está nas mãos da criança de hoje”

. Em Serra Leoa - África do sul, grupo rebelde costuma amputar mãos em protesto ao governo e seu lema ”o futuro está em vossas mãos” eles decepam uma das mãos das pessoas e dizem “nós somos o futuro e tiramos vossa mão, se não tem mãos, não tem votos”. A sociedade brasileira sobrepõe toda a responsabilidade de formar o cidadão do futuro sobre o professor, deixando as famílias omissas de cumprir sua parte na educação de seus descendentes. A cada dia que passa é mais constante os casos de delinqüência no país, e os adultos de hoje foram crianças no passado. Diante desta evolução na criminalidade há uma incógnita: Como será o futuro com a criança de hoje sendo adulto? Se no passado as famílias eram mais severas na criação dos filhos e temos hoje este quadro, imagine como será com a criança de hoje futuramente. Um exemplo claro é a “milagrosa Super Nanny” com sua infalível metodologia de reeducar filhos cujos pais não conseguem conviver com suas próprias proles. Uma verdadeira vergonha exposta as famílias através da TV. As leis do pais, contribuem infalivelmente para esta agravante situação, controlando as atitudes dos chefes de famílias, acredito que a “Psicologia infantil aplicada” no tempo exato, limita muitas atitudes de um ser humano, o espancamento e a execução devem ser proibidos, mas as boas maneiras devem ser repassadas, para que a criança de hoje saiba definir o que é correto e o que é incorreto desde pequeno. Quem exerce uma função em qualquer escola brasileira hoje, sabe o que se tem como “responsável pelo futuro” que nos espera; discentes que não respeitam pais nem professores. É comum alunos agredirem professores, e estes, tem o dever e o direito de receberem agressões verbais e físicas e não reagirem. A lei simplesmente não se aplica para quem é educador no Brasil, basta um comentário contra um docente para este ser punido, enquanto o discente faz o que quer e não pode ser nem ao menos advertido, a lei se coloca a seu lado para protegê-lo. Segundo Robert Kennedy (Ministro da Justiça dos Estados Unidos da América de 1961 até 1964) - Cada sociedade tem o tipo de criminoso que merece. O que é
igualmente verdade é que cada comunidade tem o tipo de polícia que insiste em ter.

Infelizmente é a verdade que se propaga não só no Brasil como em muitos outros paises. A legislação brasileira afirma que "É dever da família, da sociedade e do Estado
assegurar à criança e ao adolescente, com absoluta prioridade,o direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito,à liberdade e à convivência familiar e comunitária, além de colocá-los a salvo de toda forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão." Art.227 da Constituição federal.

No entanto abre “janelas” para a grande demanda de analfabeto funcionais

não permitindo que um aluno repita se série por causa da idade. Enquanto comemoram a quantidade de aprovação esquecem o fundamental, que é a qualidade da educação. Professor Evaldo Pereira Merim CEJA- Cleonice Miranda – Colíder -MT