Desenvolvimento de Soluções Integradas ao Autodesk Vault

Antonio Guimarães Chiachio Júnior – MAPData Esta sessão irá mostrar através de exemplos reais integrações do Autodesk Vault com sistemas externos. Os exemplos mostrarão que é possível utilizar e vincular as informações contidas no Autodesk Vault em aplicações para Web e para Desktop.

Objetivo de aprendizado
Ao final desta palestra você terá condições de:   Vislumbrar ideias e possibilidades de integração com Autodesk Vault Entender quais ferramentas e tecnologias podem ser utilizadas

Sobre o Palestrante
Antonio Guimarães Chiachio Jr. é graduado em Tecnologia em Processamento de Dados e pósgraduado em Análise de Sistemas. Há mais de 20 anos atuando na área de TI com desenvolvimento de software, atualmente desenvolve projetos em C# e ASP .Net. É Analista de Sistemas da empresa MAPData desde 2008, desenvolvendo soluções para produtos Autodesk entre eles, AutoCAD, Autodesk Inventor e Autodesk Vault. Antonio também é instrutor dos treinamentos em Visual LISP e API do Autodesk Inventor (.Net).

antonio.chiachio@mapdata.com.br

Desenvolvimento de Soluções Integradas ao Autodesk Vault Introdução Através deste material quero demonstrar exemplos práticos de aplicações desenvolvidas utilizando a plataforma .Net e integradas ao Autodesk Vault.  Acesso aos arquivos: com o MAPFlow é possível anexar arquivos do Autodesk Vault às etapas do fluxo ou consultar arquivos já anexados ao fluxo. veremos isso mais detalhadamente. A integração do MAPFlow com o Autodesk Vault ocorre em dois momentos:  Autenticação dos usuários: os usuários que acessam o MAPFlow são os mesmos usuários cadastrados no Autodesk Vault. mas sim mostrar o funcionamento das aplicações e discutir as ferramentas e técnicas utilizadas para integração com o Autodesk Vault. O MAPFlow foi desenvolvido para dar maior flexibilidade a implantação de fluxos de trabalho pois permite a criação de fluxos com diversas etapas e regras para aprovação e rejeição. Autenticação dos Usuários O MAPFlow é um software que funciona completamente integrado ao Autodesk Vault sendo assim não há necessidade que os usuários façam um novo cadastro no MAPFlow. além de ser algo complexo. A mesma regra vale para o Banco de Dados do software. invalida a garantia do software. Esta sessão não vai mostrar detalhes técnicos de como as soluções foram desenvolvidas. O software utiliza inclusive a mesma estrutura de grupos de usuários e também é possível utilizar a modalidade “Windows Authentication”. Muitas empresas têm necessidade de acessar a estrutura de arquivos do Autodesk Vault ou acessar propriedades dos arquivos armazenados.Net e C# para criação de fluxos de trabalho customizados e integrados ao Autodesk Vault. Isto pode ser feito somente através da API do Autodesk Vault uma vez que o acesso direto aos arquivos. 2 . Exemplos MAPFlow O MAPFlow é um software desenvolvido em ASP .

as senhas dos usuários não são copiadas. existe um procedimento que importa a estrutura de grupos e usuários do Autodesk Vault.Desenvolvimento de Soluções Integradas ao Autodesk Vault Esta integração não é feita de forma automática. ou seja. Os usuários e grupos importados para o MAPFlow serão os usuários/grupos responsáveis pelo cumprimento das etapas previstas no fluxo de trabalho. Acesso a Estrutura de Arquivos Quando um fluxo de trabalho está em andamento os usuários podem anexar a uma determinada etapa um ou mais arquivos armazenados no Autodesk Vault. O usuário pode escolher um ou mais arquivos para serem adicionados ao fluxo de trabalho e quando isto é feito links como do exemplo abaixo são associados ao fluxo: 3 . porém a autenticação é feita pelo Autodesk Vault. Para que isso fosse possível foi criada uma interface bem simples semelhante ao Vault Explorer para facilitar a localização dos arquivos.

ao invés dos tradicionais arquivos DLL fornecidos com o SDK. Mas o ponto de destaque neste exemplo é a utilização da API (Application Programming Interface) do Autodesk Vault através de vários “Web Services” disponíveis.asmx http://servidorvault/AutodeskDM/Services/WinAuth/WinAuthService.com/msd/plm/ExplorerAutomation/2004-1101"> <Server>servidorvault</Server> <Vault>Vault</Vault> <Operations> <Operation ObjectType="File"> <ObjectID>$/InventorTeste/Drawing12.aspx?Vault=Vault&ObjectId=%24%2fInve ntorTeste%2fDrawing12. Ferramentas e Técnicas Para este desenvolvimento foi utilizado o Microsoft Visual Studio 2010 e 2012 e a linguagem de programação C# (C Sharp).autodesk. A única ação necessária é adicionar novas referências aos “Web Services” quando uma nova versão do Autodesk Vault é disponibilizada.asmx: 4 .asmx http://servidorvault/AutodeskDM/Services/InformationService.asmx http://servidorvault/AutodeskDM/Services/DocumentService.asmx http://servidorvault/AutodeskDM/Services/SecurityService.0" encoding="utf-8"?> <ADM xmlns="http://schemas.asmx A vantagem desta abordagem é que utilizando uma técnica do . Neste projeto foram utilizados os seguintes “Web Services”: http://servidorvault/AutodeskDM/Services/AdminService.idw</ObjectID> <Command>Select</Command> </Operation> </Operations> </ADM> Caso o usuário possua o Autodesk Vault Client instalado em seu computador. basta que ele dê dois cliques neste arquivo e automaticamente o Autodesk Vault Explorer será aberto com o arquivo selecionado (a autenticação é requerida).Net Framework chamada “Reflection” foi possível que o software não ficasse preso a uma determinada versão do Autodesk Vault no que diz respeito a lógica de programação. Na imagem abaixo podemos ver a tela do Visual Studio 2012 onde está sendo criada uma referência (“Web Reference”) para InformationService.idw&ObjectType=File&Command=S elect Este link quando é acessado gera um arquivo padrão XML com a extensão ACR para “download” que pode ser salvo em qualquer pasta do computador.Desenvolvimento de Soluções Integradas ao Autodesk Vault http://servidorvault/AutodeskDM/Services/EntityData CommandRequest. o conteúdo do arquivo será como o exemplo abaixo: <?xml version="1.

Desenvolvimento de Soluções Integradas ao Autodesk Vault MAPView O segundo exemplo também é uma aplicação desenvolvida em ASP .Net e C# que permite a visualização de arquivos DWF através de um navegador. 5 . Da mesma forma que no exemplo anterior. Esta aplicação possui uma interface bastante simples onde através de uma caixa de texto. o MAPView pesquisa na base de dados do Autodesk Vault Workgroup por arquivos que satisfaçam as seguintes condições:   A propriedade “State” deve estar “Aprovado”. o acesso ao sistema é feito utilizando o mesmo usuário usado para conectar no Autodesk Vault. O texto inserido na caixa de pesquisa deve aparecer em qualquer parte do nome do arquivo.

Outra configuração necessária é habilitar a opção do Autodesk Vault que exporta arquivos DWF em uma pasta da rede. pois é nesta pasta que a aplicação irá buscar o arquivo a ser visualizado. 6 .Desenvolvimento de Soluções Integradas ao Autodesk Vault A pesquisa listará os resultados encontrados: O usuário poderá clicar em qualquer arquivo retornado para que o sistema exiba o respectivo arquivo DWF no próprio navegador: Para que o arquivo DWF seja exibido é necessário que o usuário tenha instalado em seu computador o Autodesk Design Review e o Browser Add-in.

WebServices.com/ http://wikihelp.typepad.com/Vault/enu/Help/Help/0378-Develope378/0379-Vault_De379 7 . porém o acesso a API do Autodesk Vault foi feito através dos arquivos DLL fornecidos com o SDK. Para versão 2014 do Autodesk Vault existe uma novidade que é o Vault Developer Framework (VDF) que disponibiliza aos desenvolvedores uma série de novos controles visuais que aceleram o desenvolvimento de aplicações. em um primeiro momento não precisa ter acesso ao servidor para dar início ao desenvolvimento da aplicação.dll A vantagem desta abordagem é que o programador.Connectivity.Desenvolvimento de Soluções Integradas ao Autodesk Vault Ferramentas e Técnicas Para este desenvolvimento foi utilizado o Microsoft Visual Studio 2012 e a linguagem de programação C# (C Sharp).Explorer.Extensibility.Explorer. Finalizando Neste documento foram mostradas duas aplicações reais que acessam a API do Autodesk Vault de formas diferentes. Neste projeto foram referenciados os seguintes arquivos:  Autodesk.autodesk. As duas formas de acesso possuem vantagens e desvantagens cabendo ao desenvolvedor decidir a melhor forma de trabalho.Connectivity.Connectivity.ExtensibilityTools. porém toda vez que uma nova versão do Autodesk Vault for liberada haverá a necessidade de refazer as referências para ter acesso à nova API e será necessário gerar uma nova versão do aplicativo.dll  Autodesk.dll  Autodesk. Mais informações podem ser obtidas em: http://justonesandzeros.