ALIMENTOS ANTIOXIDANTES por: Amanda Dezze do Amaral Alimentos Antioxidantes INTRODUÇÃO É preciso entender a ação dos radicais livres

antes de citarmos os antioxidantes. Todas as células do nosso corpo precisam ser abastecidas constantemente de oxigênio para converter os nutrientes absorvidos dos alimentos em energia. Só que a queima do oxigênio, também chamada de oxidação, libera moléculas de radicais livres que são instáveis e possuem um elétron com carga negativa que se associa rapidamente a moléculas de cargas positivas com as quais pode reagir ou oxidar. Esse processo pode danificar as células sadias do corpo, pois o excesso dessas moléculas pode atingir e prejudicar o DNA das células, provocando doenças. 1 Mas as células do nosso corpo já estão acostumadas a ser bombardeadas pelos radicais livres dezenas de vezes por dia, pois possuem enzimas que "consertam" 99% dos danos causados pela oxidação. O problema acontece quando há radicais livres demais no organismo. E isso nem sempre é causado apenas por reações químicas, mas também por fatores externos, que também podem contribuir para o aumento da quantidade desses radicais livres e causar danos irreparáveis. Exemplos? Cigarro, fumaça de cigarro e álcool; poluição ambiental e gases emitidos por escapamentos de veículos; substâncias tóxicas presentes em alimentos e bebidas, como hormônios e aditivos químicos; estresse e consumo alto de gorduras saturadas, como frituras e alimentos embutidos; exposição a raios X e à radiação ultravioleta do sol. 1 REFERENCIAL TEÓRICO Antioxidantes x Radicais livres O grande interesse no estudo dos antioxidantes é decorrente, principalmente, do efeito dos radicais livres no organismo. Os radicais livres são produzidos naturalmente em nosso organismo durante processos como respiração e produção de energia. Estas moléculas reagem com DNA, RNA, proteínas e outras substâncias oxidáveis, contribuindo para o envelhecimento precoce e a instalação de doenças degenerativas, como câncer, aterosclerose, artrite reumática, entre outras. Quando há um desequilíbrio entre a produção de radicais livres e os mecanismos de defesa antioxidante, ocorre o chamado “estresse oxidativo”. Os radicais livres em excesso podem ser originados não só de processos endógenos, mas também por fatores exógenos, como poluição, hábito de fumar, ingestão de bebidas alcoólicas, ou ainda, por uma nutrição inadequada. O excesso de radicais livres no organismo é combatido por antioxidantes, que podem ser obtidos através da alimentação. 2 Alimentos Antioxidantes Combatendo os Radicais livres Para combater todos esses efeitos maléficos, entram em ação os antioxidantes, moléculas de carga positiva que anulam a ação de oxidação dos radicais livres. E eles estão mais ao alcance do que se imagina: nos alimentos. Estudos mostram que uma alimentação rica em frutas, legumes, vegetais, hortaliças e cereais garantem uma boa proteção contra os radicais livres e ainda reduzem consideravelmente o risco de envelhecimento precoce e também de várias doenças. 1 Os antioxidantes estão presentes nos seguintes Nutrientes: Vitamina A: abóbora, batata doce, brócolis, cenoura, damasco seco e melão; Vitamina C: frutas cítricas e vegetais verdes, como acerola, brócolis, caju, couve, kiwi, laranja, lima, limão, morango e tomate; Vitamina E: a fonte mais importante é o gérmen de trigo, mas também pode ser encontrada em

Fatores como poluição. ao contrário dos alimentos naturais. arroz. O problema é que os antioxidantes sintéticos não estão com essa bola toda entre as comunidades médica e científica. Zinco: aves. Óleo de coco: rico em vitamina E. são fontes de vitamina C que atua no retardo do envelhecimento precoce. limão e tangerina. não significa que uma cápsula contendo o mesmo composto tenha o mesmo efeito. Cenoura: fonte de betacaroteno um pigmento natural. girassol. Cúrcuma: também chamada de açafrão. Isoflavonas: principalmente na soja. Para manter seu corpo saudável e longe destas substâncias. . A conclusão é óbvia: só porque um alimento contendo determinado composto é benéfico para a saúde. de ação antioxidante. 1 Alimentos antioxidantes que não podem faltar! Os radicais livres em excesso reagem com proteínas e outras substâncias contribuindo para o envelhecimento precoce. nos Estados Unidos. Oleaginosas: fontes de gorduras insaturadas. Evita danos celulares que promovem a iniciação do desenvolvimento de tumores. leite e nozes. Linhaça: fonte de ômega 3 que apresenta ação vasodilatadora e inibe a agregação plaquetária. Cápsulas e pílulas funcionam? Parece ser muito mais prático ingerir suplementos alimentares em cápsulas e pílulas do que ter o trabalho de ir até a feira ou ao supermercado para comprar alimentos frescos. Catequinas: chá verde. Licopeno: principalmente no tomate. fígado e castanha-do-pará. vitaminas e minerais.amêndoas. castanhas-do-pará. carnes. estudos que mostram que eles não têm os mesmos resultados de uma alimentação natural. O betacaroteno pode ser encontrado na forma de cápsulas. gemas. Fonte de curcumina. vegetais folhosos e óleos de algodão. que previne doenças cardiovasculares. feijões. protege contra doenças cardiovasculares e também contra iniciação e desenvolvimento de tumores. Bioflavonóides: frutas cítricas e uvas vermelhas ou escuras. câncer e combatem o envelhecimento precoce. substâncias antioxidantes benéficas à saúde do coração e à circulação. morango e uva. frutos do mar. Chá verde: preparado através da infusão da planta Camellia sinensis. vêm sendo realizados. carnes. e na proteção a doenças crônicas não transmissíveis como câncer e doenças cardiovasculares. legumes. 3 Cacau: presente em grandes quantidades no chocolate amargo. milho e soja. ingestão de bebidas alcoólicas e nutrição inadequada podem agravar a produção de radicais livres. Atua no retardo do envelhecimento precoce. que atua na diminuição do processo de envelhecimento das células. Frutas cítricas: como laranja. Selênio: aves. 1 Um dos resultados apresentados pelos pesquisadores mostra que alguns suplementos teriam uma digestão rápida demais para fazer efeito no organismo. Atuam na prevenção de doenças cardiovasculares. tabagismo. também conhecido como pró-vitamina A. é fonte de catequinas que apresentam importante ação antioxidante. segue alguns alimentos antioxidantes. Desde a década de 80. frutos do mar. Rico em polifenóis. Outros estudos mostram que pessoas que tomaram doses diárias de vitaminas e minerais por mais de uma década não tiveram melhor saúde nem viveram mais do que as que não usavam esses suplementos. cereais integrais.

4 Tabela exposta no site http://www. mas que. Para se ter uma ideia. a tabela ORAC (do inglês. 2012. Eles podem e devem fazer parte da rotina de uma dieta variada e equilibrada. 4 “O método ORAC é interessante para saber a capacidade de antioxidação de um alimento. ANTIOXIDANTES E RADICAIS LIVRES. ainda assim.html 5 Ingestão diária Outro risco envolvendo os suplementos antioxidantes diz respeito à posologia. também. sem dúvida. lembrando que é impo rtante haver equilíbrio entre os compostos oxidantes e antioxidantes para a manutenção da boa saúde.com/corpo/alimentos-antioxidantes-8267. Acesso em: 16 set. Os suplementos só podem ser recomendados quando a pessoa estiver doente e não conseguir alcançar as necessidades diárias de vitaminas e minerais através das refeições. um poderoso antioxidante presente na casca da uva. O melhor.bolsademulher. "A dieta dos países mediterrâneos é composta pelo alto consumo de frutas. doses altas de vitamina E podem interferir na coagulação sanguínea e ainda aumentar o risco de hemorragia.therapeutic-grade. é caprichar na alimentação e manter uma boa qualidade de vida". oleaginosas (amêndoas.html>. Oxygen Radical Absorbance Capacity). pois contém bioflavonóides. uma divisão dos Institutos Nacionais de Saúde dos Estados Unidos criaram um método para medir a capacidade antioxidante de alimentos. Tomate: fonte de licopeno. O vinho tinto também é uma ótima fonte. que também possuem essa característica". aumentando a oxidação. pulmão e estômago. Seu consumo está relacionado à redução do risco de desenvolvimento de câncer de próstata. ressalta a nutricionista Karina Barros. somente em casos especiais.Suco de uva integral: fonte de resveratrol. Disponível em: <http://www. 2. Disponível em: . Quando ingeridos em excesso. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 1. É preciso. Uma das dietas que mais favorecem o trabalho dos alimentos antioxidantes é a do Mediterrâneo. hortaliças (verduras e legumes). ANTIOXIDANTES X RADICAIS LIVRES.com/refs/orac. peixes. vinho e azeite de oliva. azeitonas. um antioxidante da família da vitamina A. evitar contato com os fatores externos que aumentam a quantidade de radicais livres no organismo. alguns nutrientes podem ter efeito contrário. esses nutrientes não fazem milagres. 1 Tabela ORAC Os cientistas no Instituto Nacional do Envelhecimento. mas ter uma dieta saudável e variada já é capaz de garantir o equilíbrio entre as substâncias oxidantes e antioxidantes no organismo”. auxiliando na prevenção de doenças cardiovasculares. sozinhos. "A suplementação só deve ser feita se for recomendada por um profissional. que são antioxidantes. inibe a oxidação das gorduras e a agregação plaquetária. leite e derivados (iogurte e queijos). nozes). 1 CONCLUSÃO A alimentação antioxidante garante ótimos resultados. Este último é rico em fenóis. cereais. Atua “varrendo” os radicais livres do organismo. leguminosas (grão-de-bico e lentilha). O licopeno também pode ser encontrado em cápsulas.

TABELA ORAC. 4. 2012.com.html>.com.html>. 2012.br/blog/2010/10/25/conhecaos-alimentos-antioxidantes/>.therapeutic-grade. 3.com/refs/orac.portaleducacao. Acesso em: 15 set. TABELA ORAC. Disponível em: <http://www. Fonte: PORTAL EDUCAÇÃO . ALIMENTOS ANTIOXIDANTES.ig. Disponível em: <http://saude. Disponível em: <http://mundoverde. 2012.Cursos Online : Mais de 1000 cursos online com certificado http://www. Acesso em: 16 set. 5. Acesso em: 16 set.com.br/nutricao/artigos/17212/alimentosantioxidantes?_kt=8494173369&gclid=CLWM4qGBp7oCFcZZpQod6ioA7A#ixzz2iKChdqNE .com. 2012.br/alimentacao-bemestar/2012-06-28/alimentosantienvelhecimento. Acesso em: 16 set.br/Saude/Artigo/2010/10/26/Conheca-os-alimentos-antioxidantes/>.<http://www.mundoverde.