You are on page 1of 17

Vetores

Disciplina Física I

Profa. Michele Lemos

.Grandezas físicas Podemos dizer de modo mais usual que grandeza é tudo aquilo que pode variar quantitativamente. São divididas em dois grupos: escalares e vetoriais. grandezas físicas são as que podem ser medidas. Deste modo.

Grandezas vetoriais: são aquelas que não ficam totalmente determinadas com um valor e uma unidade. para que fiquem totalmente definidas necessitam de módulo (número com unidade de medida). massa. tempo. calor. etc. etc. aceleração.Grandezas escalares e vetoriais Grandezas escalares: ficam totalmente expressas por um valor e uma unidade. direção e sentido. força. Exemplos: temperatura. Exemplos: velocidade. .

Vetor Ente matemático abstrato. . definido por um valor real (módulo ou intensidade) associado a uma direção e um sentido.

   O módulo do vetor representa numericamente o comprimento de sua seta. O vetor acima tem módulo igual a 3 u.Representação gráfica de um vetor  Para representar graficamente um vetor usamos um segmento de reta orientado. Para indicar vetores usamos as seguintes notações: V AB onde: A é a origem e B é a extremidade . que é igual a distância entre os pontos A e B.

)  Sentido: .. dada pela ponta da seta (ex: norte.Principais características de um vetor  Módulo: comprimento do segmento (através de uma escala pré-estabelecida). |A| (Lê-se: módulo de A)  Direção: reta que contém o segmento (ex: vertical.. sul. horizontal. diagonal) orientação do segmento. O módulo de um vetor é indicado utilizando-se duas barras verticais.

Veja um exemplo com o vetor e o seu respectivo oposto.Vetor oposto O vetor oposto é aquele que possui o mesmo módulo. a mesma direção e o sentido oposto. A -A .

Adição vetorial  Determinação do vetor soma. ou vetor resultante a partir de dois ou mais vetores.  . Pode ser efetuada através do método gráfico e do método analítico.

O vetor resultante (R) é o que tem origem na origem do 1º vetor e extremidade na extremidade do último vetor.Método gráfico 1) Regra do polígono: Ligam-se os vetores origem com extremidade. Dados os vetores abaixo: A A B B C D C R D .

Método gráfico 2) Regra do Paralelogramo: os dois vetores a serem somados devem estar unidos pela origem. A B A R B .

R  A B . chamado de resultante máxima.Método analítico Podemos encontrar o módulo da resultante de dois vetores. 1) Se θ = 0º. conforme figura abaixo: A B O módulo do vetor resultante entre estes dois vetores será a soma dos módulo dos dois. Exemplos: Sejam dois vetores de módulos A e B. sabendo-se apenas o módulo dos vetores e o ângulo entre eles. têm a mesma direção e mesmo sentido. os vetores são paralelos. e que formam entre si um ângulo θ.

têm a mesma direção e sentidos opostos. R A B 2 2 . os vetores são paralelos. chamado de resultante mínima. conforme figura abaixo: A B O módulo do vetor resultante entre estes dois vetores será a diferença dos módulo dos dois.2) Se θ = 180º. os vetores são perpendiculares. conforme figura abaixo: A B O módulo do vetor resultante entre estes dois vetores será a raiz quadrada da soma dos quadrados dos módulo dos dois (teorema de Pitágoras). R  A B 3) Se θ = 90º.

conforme figura abaixo: α A B O módulo do vetor resultante entre estes dois vetores será dada pela lei dos cossenos: R  A2  B 2  2  A  B  cos  . for um ângulo qualquer.4) Se θ. os vetores são oblíquos. diferente dos mencionados anteriormente.

Decomposição vetorial A decomposição de vetores é usada para facilitar o cálculo do vetor resultante. Deste modo. podemos escrever ainda: R2 = (Ax)2 +(Ay)2 .

inteiro ou fracionário. A direção é a mesma de A. obtemos como resultado um vetor produto (P). O sentido é igual ao de A se n for positivo ou sentido oposto ao de A se n for negativo.Multiplicação de um vetor por um número real Ao multiplicarmos um vetor qualquer (A) por um número real (n) positivo ou negativo. com as seguintes condições:    O módulo do vetor P é igual a n x |A|. .

Divisão de um vetor por um número real Ao dividirmos um vetor qualquer (A) por um número real (n) obtemos como resultado um vetor quociente (Q). com as seguintes condições:  O módulo do vetor Q é igual a |A|/n. .  A direção é a mesma de A.  O sentido é igual ao de A se n for positivo ou sentido oposto ao de A se n for negativo.

Referências da aula: •http://br.com/saladefisica3/laboratorio/vetores/vetores.br/content/ABAAAfZkcAK/fisicavetores# .com.geocities.com/saladefisica3/laboratorio/vetores2/vetore s2.htm •http://www. htm •http://br.ebah.geocities.