You are on page 1of 11

2.

Álgebra Booleana

EEL5105 – Circuitos e Técnicas Digitais Aula 2

2.1. Definições Iniciais 2.2. Operações/Portas Lógicas 2.3. Teoremas Booleanos

Prof. Eduardo L. O. Batista ebatista@inf.ufsc.br http://www.inf.ufsc.br/~ebatista

2.4. Universalidade das Portas NAND e NOR

2

2. Álgebra Booleana 2.1. Definições Iniciais • Álgebra com dois níveis lógicos:
0 1 True Alto Sim Fechado

2.1. Definições Iniciais

False Baixo

2.2. Operações/Portas Lógicas 2.3. Teoremas Booleanos 2.4. Universalidade das Portas NAND e NOR

Não Aberto

3

4

2. Álgebra Booleana 2.1. Definições Iniciais • Operações Lógicas Básicas • OR (“ou”) • AND (“e”) • NOT (“não”) • Realizadas por portas lógicas construídas com circuitos elétricos

2. Álgebra Booleana 2.1. Definições Iniciais • Tabela Verdade • Técnica para descrever a relação de entrada e saída de um
circuito ou porta lógica

5

6

1

Definições Iniciais – Tabela Verdade • Tabela Verdade • Técnica para descrever a relação de entrada e saída de um circuito ou porta lógica 2. Definições Iniciais • Outro exemplo hipotético: A B C 2. Álgebra Booleana 2. Definições Iniciais – Tabela Verdade • Tabela Verdade • Técnica para descrever a relação de entrada e saída de um circuito ou porta lógica 2. Definições Iniciais – Tabela Verdade • Tabela Verdade • Técnica para descrever a relação de entrada e saída de um circuito ou porta lógica • Exemplo: porta lógica hipotética A N=2 entradas B • Outro exemplo hipotético: S M=1 saída A B C ? ? S1 S2 Quantas linhas e colunas terá a tabela verdade para essa porta lógica? • Tabela verdade: N colunas A 2N linhas 0 0 1 1 B 0 1 0 1 M colunas S 1 0 1 0 9 10 2.4.1.1.2. Álgebra Booleana 2.1. Álgebra Booleana 2.1. Teoremas Booleanos 2.1. Álgebra Booleana 2. Definições Iniciais – Tabela Verdade • Tabela Verdade • Técnica para descrever a relação de entrada e saída de um circuito ou porta lógica • Exemplo: porta lógica hipotética A N=2 entradas B • Exemplo: porta lógica hipotética A S N=2 entradas B ? ? S M=1 saída M=1 saída • Tabela verdade: A 0 0 1 1 7 B 0 1 0 1 S 1 0 1 0 8 2.2. Definições Iniciais • Tabela Verdade • Técnica para descrever a relação de entrada e saída de um circuito ou porta lógica 2. Universalidade das Portas NAND e NOR 2 .1. Álgebra Booleana 2.3. Operações/Portas Lógicas A 0 0 0 0 1 1 1 1 B 0 0 1 1 0 0 1 1 C 0 1 0 1 0 1 0 1 S1 1 0 1 0 1 1 1 0 S2 1 1 0 0 0 1 0 1 11 12 ? S1 S2 2.

. Operações/Portas Lógicas 2. Operações/Portas Lógicas 2.2. Operações/Portas Lógicas 2.2.2.2.2.2. • Representação da porta: A B S A 0 0 1 1 B 0 1 0 1 S 0 0 0 1 15 16 2.2.2.2.1.2.2..2. Operação e porta OR (“OU”) • Representação da operação: • 3 entradas: S = A + B + C A B C A S 0 0 0 0 1 1 1 1 B 0 0 1 1 0 0 1 1 C 0 1 0 1 0 1 0 1 S 0 1 1 1 1 1 1 1 2. Operação e porta OR (“OU”) • Representação da operação: • 2 entradas: S = A + B • Mais entradas: S = A + B + C + D + . Operação e porta AND (“E”) • Representação da operação: • 3 entradas: S = A · B · C A B C S A 0 0 0 0 1 1 1 1 B 0 0 1 1 0 0 1 1 C 0 1 0 1 0 1 0 1 S 2. Operação e porta OR (“OU”) • Representação da operação: • 3 entradas: S = A + B + C A B C A S 0 0 0 0 1 1 1 1 B 0 0 1 1 0 0 1 1 C 0 1 0 1 0 1 0 1 S 13 14 2. Operação e porta AND (“E”) • Representação da operação: • 2 entradas: S = A · B • Mais entradas: S = A · B · C · D · ..1.2.2. Operações/Portas Lógicas 2.1.2.. Operações/Portas Lógicas 2. • Representação da porta: A B S A 0 0 1 1 B 0 1 0 1 S 0 1 1 1 2.2. Operações/Portas Lógicas 2. Operação e porta AND (“E”) • Representação da operação: • 3 entradas: S = A · B · C A B C S A 0 0 0 0 1 1 1 1 B 0 0 1 1 0 0 1 1 C 0 1 0 1 0 1 0 1 S 0 0 0 0 0 0 0 1 17 18 3 .

4.3.4.2. Operações/Portas Lógicas 2.2.2. Operações/Portas Lógicas 2.2. Operações/Portas Lógicas 2.2.2. Outras Portas 19 20 2.2.2. Operações/Portas Lógicas 2. Operações/Portas Lógicas 2. Outras Portas • XOR (OU-EXCLUSIVO): A B A 0 0 1 1 B 0 1 0 1 S 0 1 1 0 S=A ⊕ B =AB+AB =A'B+AB' S=A ⊕ B =AB+AB =A'B+AB' • XNOR (NÃO-OU-EXCLUSIVO): A B A 0 0 1 1 B 0 1 0 1 S 1 0 0 1 S=A ⊕ B = AB+AB = AB+A'B' 23 24 4 . Outras Portas • NAND (NÃO-E): A B A 0 0 1 1 B 0 1 0 1 S 1 1 1 0 2.2.4. Outras Portas • NAND (NÃO-E): A B A 0 0 1 1 B 0 1 0 1 S 1 1 1 0 S=A ⋅ B = (A ⋅ B)' S=A ⋅ B = (A ⋅ B)' • NOR (NÃO-OU): A B A 0 0 1 1 B 0 1 0 1 S 1 0 0 0 S=A + B =(A + B)' 21 22 2. Operação e porta NOT (“NÃO”) • Representação da operação: • 1 entrada: S = A = A’ A 0 1 S 1 0 2. Outras Portas • XOR (OU-EXCLUSIVO): A B A 0 0 1 1 B 0 1 0 1 S 0 1 1 0 2.2.2.2. Operações/Portas Lógicas 2.4.2.4.

Operações/Portas Lógicas 2. Definições Iniciais 2. Teoremas Booleanos • Teoremas com uma única variável: 1) a) X ⋅ 0 = b) X + 1 = a) X ⋅ 0 = 0 b) X + 1 = 1 29 30 5 . Teoremas Booleanos • Teoremas com uma única variável: 1) 2.4.3. Universalidade das Portas NAND e NOR 27 28 2. Operações/Portas Lógicas • Exemplo 1: Fazer a tabela verdade do circuito abaixo 2.2.2.2.2. Teoremas Booleanos 2.1. Teoremas Booleanos 2.3. Operações/Portas Lógicas • Exemplo 2: Fazer a tabela verdade do circuito abaixo A A B S B C S C 25 26 2.3.3.

3.2. Teoremas Booleanos • Teoremas com uma única variável: 1) 2.3. Teoremas Booleanos • Teoremas com uma única variável: 1) a) X ⋅ 0 = 0 b) X + 1 = 1 a) X ⋅ 0 = 0 b) X + 1 = 1 2) a) X ⋅ 1 = b) X + 0 = 2) a) X ⋅ 1 = X b) X + 0 = X 31 32 2. Teoremas Booleanos • Teoremas com uma única variável: a) X ⋅ X = X b) X + X = X 4) a) X ⋅ X = X ⋅ X' = 2) 1) a) X ⋅ 0 = 0 b) X + 1 = 1 3) a) X ⋅ 0 = 0 b) X + 1 = 1 a) X ⋅ 1 = X b) X + 0 = X 3) a) X ⋅ X = X b) X + X = X 2) a) X ⋅ 1 = X b) X + 0 = X 4) a) X ⋅ X = X ⋅ X' = 0 b) X + X = X + X' = b) X + X = X + X' = 1 35 36 6 .3.3.3. Teoremas Booleanos • Teoremas com uma única variável: 1) 2.3. Teoremas Booleanos • Teoremas com uma única variável: a) X ⋅ X = b) X + X = 2) 1) a) X ⋅ 0 = 0 b) X + 1 = 1 3) a) X ⋅ 0 = 0 b) X + 1 = 1 a) X ⋅ 1 = X b) X + 0 = X 3) a) X ⋅ X = X b) X + X = X 2) a) X ⋅ 1 = X b) X + 0 = X 33 34 2. Teoremas Booleanos • Teoremas com uma única variável: 1) 2.

2. Teoremas Booleanos • Teoremas com mais de uma variável: 9) a) X + X ⋅ Y = X + Y b) X ⋅ (X + Y) = X ⋅ Y a) X + X ⋅ Y = X + Y b) X ⋅ (X + Y) = X ⋅ Y 10) 10) Teoremas de “DeMorgan” a) X + Y + Z = X ⋅ Y ⋅ Z b) X ⋅ Y ⋅ Z = X + Y + Z 41 42 7 .3. Teoremas Booleanos • Teoremas com mais de uma variável: 5) 2.3.3. Teoremas Booleanos • Teoremas com mais de uma variável: 5) a) X + Y = Y + X b) X ⋅ Y = Y ⋅ X a) X + Y = Y + X b) X ⋅ Y = Y ⋅ X 6) 6) a) X+(Y+Z) = (X+Y)+Z= X+Y+Z b) X ⋅ (Y ⋅ Z) = (X ⋅ Y) ⋅ Z=X ⋅ Y ⋅ Z 37 38 2.3.3. Teoremas Booleanos • Teoremas com mais de uma variável: 9) 2. Teoremas Booleanos • Teoremas com mais de uma variável: 7) 2.3. Teoremas Booleanos • Teoremas com mais de uma variável: 7) a) X ⋅ (Y+Z) = X ⋅ Y + X ⋅ Z b) X + (Y ⋅ Z) = (X + Y) ⋅ (X + Z) a) X ⋅ (Y+Z) = X ⋅ Y + X ⋅ Z b) X + (Y ⋅ Z) = (X + Y) ⋅ (X + Z) 8) 8) a) X + X ⋅ Y = X b) X ⋅ (X + Y) = X 39 40 2.

• A dualidade pode ser usada para simplificar expressões booleanas. é verdadeira. Teoremas Booleanos • Somente com portas NAND ou somente com portas NOR.3.1. Universalidade das Portas NAND e NOR 47 48 8 . Prova por ser feita usando tabela verdade ou os teoremas da álgebra booleana. Teoremas Booleanos • Dualidade 0 → 1 1 → 0 • a) → b) fazendo  +→⋅  ⋅ → + • Em todos teoremas: • Resposta: Sim.4. forma anterior deve ser restaurada. Teoremas Booleanos • Dualidade • Exemplo: Simplificando X + X ⋅ Y X + X⋅Y ⇓ dual X ⋅ (X + Y) = X ⋅ X + X ⋅ Y = 0 + X ⋅ Y = X ⋅ Y ⇓ dual = X+Y 2.3.4. é possível implementar qualquer função lógica.2. 2. 43 44 2. Feita a simplificação.2. Teoremas Booleanos • Exercícios – Simplificar as seguintes expressões: (i) y = ABD + ABD (v) y = ABCD + ABCD (ii) y = (A + B)(A + B) (vi) y = (A + C)(B + D) (iii) y = ACD + ABCD (iv) y = AD + ABD 45 46 2.3.3.3. Operações/Portas Lógicas 2. Definições Iniciais 2. Teoremas Booleanos • Exercício: Demonstre se a igualdade abaixo é ou não verdadeira. (A ⊕ B) ⊕ C = A ⊕ (B ⊕ C) 2. Universalidade das Portas NAND e NOR 2.

Universalidade das Portas NAND e NOR • Somente com portas NAND ou somente com portas NOR. é possível implementar qualquer função lógica. é possível implementar qualquer função lógica. é possível implementar qualquer função lógica. Universalidade das Portas NAND e NOR • Somente com portas NAND ou somente com portas NOR. • OR (“OU”): A B A B A B A+B S = A+B S = A+B S = A+B = A+B 53 54 9 . é possível implementar qualquer função lógica. é possível implementar qualquer função lógica. Universalidade das Portas NAND e NOR • Somente com portas NAND ou somente com portas NOR.4.4. Universalidade das Portas NAND e NOR • Somente com portas NAND ou somente com portas NOR. • Inversor: A A S=A S=A A S= A⋅A = A 49 50 2.4. • OR (“OU”): 2. Universalidade das Portas NAND e NOR • Somente com portas NAND ou somente com portas NOR. • Inversor: 2.4. é possível implementar qualquer função lógica.4. Universalidade das Portas NAND e NOR • Somente com portas NAND ou somente com portas NOR.2. • Inversor: 2. • OR (“OU”): A B S = A+B A S=A A S= A⋅A = A A S=A+A =A 51 52 2.4.

Universalidade das Portas NAND e NOR • Exemplo: Implementar S = AB+CD usando somente NAND A B A B S= A⋅B A+A =A S=A+B B+B= B = A⋅B = A⋅B 59 60 10 .4.4. Universalidade das Portas NAND e NOR • Somente com portas NAND ou somente com portas NOR. • OR (“OU”): 2. é possível implementar qualquer função lógica. é possível implementar qualquer função lógica. Universalidade das Portas NAND e NOR • Somente com portas NAND ou somente com portas NOR.4. • AND (“E”): A B A B S= A⋅B S= A⋅B A B A⋅B S = A⋅B= A⋅B 57 58 2. • AND (“E”): A B A B A B S = A+B S= A⋅B A⋅A = A S= A⋅B B⋅ B = B =A+B =A+B 55 56 2. Universalidade das Portas NAND e NOR • Somente com portas NAND ou somente com portas NOR.2. é possível implementar qualquer função lógica. • AND (“E”): 2.4. • AND (“E”): 2.4. Universalidade das Portas NAND e NOR • Somente com portas NAND ou somente com portas NOR. é possível implementar qualquer função lógica. é possível implementar qualquer função lógica. Universalidade das Portas NAND e NOR • Somente com portas NAND ou somente com portas NOR.4.

Eduardo L. O. Universalidade das Portas NAND e NOR • Exemplo: Implementar S = AB+CD usando somente NAND AB A B 2.ufsc.49 • A versão digital da 11ª edição do livro do Tocci está disponível no site da BU • Mais especificamente em: http://150.4.32 3. Batista ebatista@inf.4.br/~ebatista EEL5105 – Circuitos e Técnicas Digitais Aula 2 63 Exercícios • Os exercícios de diferentes edições do livro do Tocci indicados abaixo são os recomendados: 10ª Edição 3. 3. 3.26 e 3.23.16 (a) e (b) 3.32 3.16 (a) e (b) 3.10/pergamum/biblioteca_s/php/login_pearson.br http://www.26. 3.49 11ª Edição 3.48 e 3.4.27 e 3.ufsc. Universalidade das Portas NAND e NOR • Exemplo: Implementar S = AB+CD usando somente NAND A B C D S = AB+CD C D CD 61 62 2.inf.162. 3.2. 3.php 65 11 .4.24.23. Universalidade das Portas NAND e NOR • Exemplo: Implementar S = AB+CD usando somente NAND A B C D S = AB+CD Prof.24.