You are on page 1of 59

CPU

Lúcio Guimarães

Tópicos:
   

Conceitos e Funções Básicas Unidade Lógica e Aritmética (ULA) Unidade de Controle (UC) Arquitetura

Conceitos e Funções Básicas

Instrução de máquina: identificação formal do tipo de operação a ser realizada pela cpu. Ciclo de instrução: etapas que compõem todo o processo de execução de uma instrução. Funções Básicas: Processamento e

Controle.

Função Processamento
  


Operações aritméticas; Operações lógicas; Movimento de dados; Desvio; Operações de entrada e saída.

ULA, Registradores e Barramentos

a Interligação da UAL ao restante da UCP.

Unidade Lógico Aritmética (ULA) .

ULA: Circuito Somador .

Unidade Lógico Aritmética (ULA) .

Unidade Lógico Aritmética (ULA)  INSTRUÇÕES    REGISTRADOR-REGISTRADOR REGISTRADOR-MEMORIA MEMORIA-MEMORIA .

existem muitos tipos de registradores especializados. Em sistemas de computação modernos. endereços ou mesmo instruções.REGISTRADORES  São dispositivos de armazenamento. proporcionam rápido tempo de transferência de bits( até 64 bits). Localizam-se na CPU e servem de armazenamento temporário de dados.  .

Registrador de Instrução .

Contador de Instrução. .

Decodificador de Instrução .

.Reg.de dados e endereços de memória.

REGISTRADORES     Registradores Registradores Registradores Registradores de de de de Uso Geral Índice Segmentos Status (Flags) .

Negative FLAG Z – Zero FLAG V – Overflow FLAG C – Carry FLAG X – Extend FLAG .REGISTRADORES  Registradores N Z FLAGS V C X N .

interpretação e controle da execução das instruções – a unidade de controle. É exercida pelos componentes da CPU que se encarregam das atividades de busca. .Função Controle   A área de controle é projetada para entender o que fazer e comandar quem vai fazer no momento adequado.

A execução de uma instrução envolve uma sequência de passos chamados ciclos ( busca. Funcionamento baseado em um relógio. resultando na transferência de dados entre registradores e ULA. execução. A ativação e desativação é realizada através de portas lógicas. que marca o início de cada nova operação do ciclo. e em circuitos lógicos capazes de. interrupção). Cada ciclo é formado por uma sequência de operações básicas chamadas de microoperações. ativar ou desativar as conexões adequadas entre os diversos componentes de modo que a instrução correspondente seja executada. indireto. A UC faz com que o processador execute uma série de micro-operações na sequência correta e gera os sinais de controle que fazem com que cada micro-operação seja executada. a cada ciclo.Unidade de Controle (UC)      A Unidade de Controle é um circuito lógico responsável pelo funcionamento da máquina. .

.Micro-operações  A execução de um programa consiste da execução sequencial de instruções. A execução de cada subciclo envolve uma sequência de micro-operações. Cada instrução é executada durante um ciclo de instrução feito de subciclos menores.

Micro-operações .

... ÷ . parada. define-se o seu conjunto ("set") de instruções .o conjunto de instruções elementares que o hardware é capaz de executar.desvio de seqüência de execução. . ..Registrador <---> Registrador # Operações de entrada e saída: .. . or.De complemento . xor.Leitura e escrita em dispositivos de E / S # Operações de controle .Memória <---> CPU . # Operações Matemáticas: .. . × .Lógicas: and.De deslocamento # Operações de movimentação de dados .Aritméticas: +.Unidade de Controle Conjunto de Instruções Quando se projeta um hardware.

que será manipulado (processado) pela instrução.Código de Operação ou OPCODE : É o campo da instrução cuja valor binário identifica (é o código binário) a operação a ser realizada pelo processador. ou pode conter o endereço onde o resultado da operação será armazenado. -Operando(s) ou OP : Campo da instrução cujo valor binário indica a localização do dado. Identifica o endereço de memória onde está contido o dado que será manipulado. É único para cada instrução. OBS: Existem instruções que não tem operando.: Instrução HALT (PARE).Unidade de Controle Formato das Instruções . . Ex.

Diagrama de blocos da UC .

Unidade de Controle (UC)    A UC é construída contendo a programação de emissão de sinais conforme a instrução que será decodificada. Controle por microinstrução. . Há duas maneiras utilizadas no projeto e no funcionamento de uma UC de caracterizar conceitos diferentes de controle: Controle programado diretamente no hardware.

de máquina. As linhas de controle são conectadas diretamente com as inst. os quais produzem sinais de controle de saída de acordo com os sinais de entrada recebidos no circuito.Controle programado no Hw  Neste tipo de implementação.  . UC é construída como um conjunto de circuitos logicamente combinados.

Controle Programado no Hw PQ= 00 ciclo de busca PQ= 01 ciclo indireto PQ= 10 ciclo de execução PQ= 11 ciclo de interrupção PQ C5 = P’Q’T2+P’QT2+PQ`(LDA+ADD)T2 .

que converte instruções de máquina de 0`s e 1`s em sinais de controle.Controle microprogramado   Emprega software que consiste de microinstruções que realizam as microoperações de uma instrução. Todas as instruções de máquina dão entrada em um programa especial. . o microprograma ou firmware.

.Controle microprogramado    Cada micro-operação é descrita em notação simbólica – a microinstrução. As microinstruções são arranjadas em rotinas em uma memória de controle. Cada microinstrução representa um padrão diferente de 1`s e 0`s em uma palavra de controle.

Memória de controle .

UC microprogramada .

Exemplo: PC. com ciclo de processamento rápido. Macintosh. com ciclo de processamento mais lento. implicando num processador mais simples. Alpha. implicando num processador mais complexo. Exemplo: Power PC.  RISC -Reduced Instruction Set Computer Um conjunto de instruções menor e mais simples. . Sparc.Unidade de Controle Estratégias de implementação de instruções nos processadores  CISC .Complex Instruction Set Computer Um conjunto de instruções maior e mais complexo.

Execução da instrução. os quais fornecem os dados que serão manipulados (processados) da instrução.Fluxo de um ciclo de instrução Ciclo da Instrução 1 . Senão. 3 . tipicamente utilizando a ULA para realizar operações sobre os valores contidos nos registradores de propósito geral. 2 .O circuito lógico da UC (Unidade de Controle) decodifica a instrução da operação.Se o programa tiver terminado.A CPU busca o código de operação (Opcode) na memória principal e armazena no IR (Registrador de Instrução). 4 .A UC busca o(s) operando(s). volta ao passo 1. sai do ciclo. . 5 .

Contador instrução os o Registrador passo tipo dados usa se da dados 1 houver de em instrução para Programas locais de da execução algum. Instrução memória.Arquitetura: Execução de Instruções: Passo 5: 1: 3: 4: 2: 6: 8: 7: Busca Memória Determina Se Atualiza Executa Recomeça Armazena a instrução oso a -> dados. Para determina da apropriados próxima registradores onde instrução eles internos estão da CPU Busca – Decodifica – Executa .

FUNCIONAMENTO DA CPU: Ciclo de Instrução .

Diagrama de estados .

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

Exemplo: Execução de Programa  Caracteristicas da maq. hipotética .

Exemplo da Execução de um Programa 47 .

e outro com um sinal baixo. .Fluxo de Informações: Endereço e Ativa linha de Controle CPU Dado e Sinal Memória Alguns pinos são ativados com um sinal alto (+5 V).

Processador X Memória .

Fluxo de Dados: .

M pinos de endereço = 2M bytes de memória .Um processador com 8 pinos de dados levará 4 operações para ler uma palavra de 32 bits .Desempenho do Processador    Número de pinos de endereço Número de pinos de dados EX: .

Pinos de Controle Regulam o fluxo e a temporização dos dados para e do processador      Controle de Barramento Interrupções Arbitragem de Barramento Sinalização de co-processador Status .

Barramento: Conceito: Barramento é um conjunto de fios de cobre paralelos (50 a 100) gravados na placa mãe ou internos no processador. dispositivos de E/S e ao co-processador (interno)    Barramento de dados Barramento de endereço Barramento de controle . que comunicam o processador a memoria.

Considerações sobre CPU`s  Pontos relevantes da arq. e org.da UC      . dos processadores: Tecnologia de fabricação Largura da palavra Conjunto de instruções Registradores de dados Metodologia de func.

com espessura de 45 nanometros. Desafio: maior desempenho consumo de energia. e menor   . Atualmente os chips já atingem 1 bilhão de transistores.Tecnologia de fabricação   1971 a Intel criou o primeiro ci com 200 transistores. Os chips são fabricados em um wafer de silício fundido com outros componentes.

Largura da palavra  Um maior valor de palavra pode representar a possibilidade de a cpu operar. de uma só vez. Manter a mesma largura do valor de palavra e de endereços. com valores muito grandes. requeridos em processamento científico. As CPU`s de 64 bits: 264 = 16 EB (exabyte)   . bem como para valores comerciais de grande porte.

As instruções interferem em todos os circuitos do processador e seu formato e partes componentes. de uma cpu define as operações primitivas que a máquina irá executar. de inst.Conjunto de instruções   O conj. . bem como a natureza do desempenho de suas atividades. determinam a organização do decodificador e do registrador de intrução.

Devido há uma menor quantidade em relação as memórias economiza-se bits de endereçamento. de dados acarreta uma série de vantagens aos sistemas: Registradores são mais rápidos. .Registradores de dados     A existencia de reg. É mais fácil para o compilador usar registradores do que pilhas de dados.

. Microprogramada ou hardwared. Cada instrução de máquina é decomposta em microoperações. responsáveis por uma operação específica do hardware.Metodologias de func. através da programação que traz em seu interior. da UC    Componente responsável pela efetiva atividade do processador.