ESCOLA SUPERIOR

DE

TECNOLOGIA

Instituto Politécnico de Castelo Branco

ENGENHARIA INFORMÁTICA Ficha 6 – Testes de hipóteses
1. Numa linha de engarrafamento de azeite a quantidade vertida em cada garrafa, medida em decilitros, é uma variável aleatória X com distribuição Normal, admitindo-se numa primeira fase que a variância é conhecida e igual a 0,5. O processo de enchimento considera-se regulado quando enche em média 1 l, não sendo de admitir grandes desvios nem para menos (cliente prejudicado) nem para mais ( a empresa é prejudicada). Para controlar o processo escolhem-se ao acaso N=20 garrafas da produção de um certo dia. Teste a hipótese de que o processo está regulado, contra a hipótese de que o processo não está regulado, com 95% de confiança. Suponha que a média obtida nas 20 garrafas foi de 9,97 dl. 2. Uma firma tem seguido a política de oferecer uma garantia de 2000 utilizações para determinado aparelho que vende. Esse procedimento baseia-se em estudos levados a efeito no período inicial de produção, que indicaram um número médio de utilizações possíveis por aparelho de 2060 com uma variabilidade traduzida por σ= 20. Existindo indícios de que presentemente a situação pode ter mudado (diferente qualidade dos materiais utilizados, condições de fabrico alteradas, etc), pretende-se averiguar se continua a ser de 2060 o número médio de utilizações possíveis por aparelho. Para isso foram seleccionados ao acaso 10 aparelhos e testados pela firma obtendo-se os seguintes dados: 2100 2025 2071 2067 2150 2115 2064 2088 1995 2095 Supondo que o número de utilizações permitidas por aparelho se comporta de forma aproximadamente normal e que σ se mantém, proceda ao teste apropriado.

3. Uma empresa tenciona importar um grande lote de instrumentos de precisão no país. Os fabricantes garantem que o peso médio é de 100 grama. Sendo no entanto, o peso uma característica importante na qualidade do produto, resolveu-se testar a garantia do fabricante. Para tal, o departamento técnico da empresa importadora obteve uma amostra de 15 instrumentos, donde resultaram os seguintes valores:

∑ xi = 1344 g
i =1

15

∑ (x
15 i =1

i

−x

)

2

= 3150 g 2

Admitindo que o peso é normalmente distribuído, diga qual a conclusão a tirar (α=0,01).

4. O departamento de controlo de qualidade de uma firma produtora de conservas de alimentos específica que o peso líquido médio por embalagem de certo produto deve ser de 500 g. Experiência passada indica que os pesos são normalmente distribuídos com desvio padrão σ=15 g. Se numa
Probabilidades e Estatística 2007/08

1

amostra de 20 embalagens for encontrado um peso líquido médio de 495 g, constitui isso prova suficiente de que o verdadeiro peso médio é inferior ao estabelecido? (α=0,05)

5. A média do conteúdo de um determinado creme em cada tubo é de 5 g. Para verificar se essa quantidade aumentou ultimamente foi recolhida uma amostra de 10 tubos e foram determinados os seus conteúdos em gramas, obtendo-se os seguintes: Tubo 1 Conteúdo (g) 5,2 2 4,9 3 5 4 5,1 5 5,2 6 4,8 7 4,9 8 5,3 9 4,6 10 5,4

Teste a hipótese de que o conteúdo em creme de cada tubo tenha aumentado (α=0,05).

6. Certo equipamento de empacotamento automático encontra-se regulado para encher embalagens de um certo quilo de certo produto. O seu deficiente funcionamento origina prejuízo para a empresa: se a maioria das embalagens têm peso inferior ao estabelecido, haverá reclamações por parte dos clientes e perda de prestígio; peso excessivo será, por outro lado, anti-económico. Aceita-se, da experiência passada que o peso das embalagens se comporta normalmente com uma dispersão dada por σ=12 g. Para verificar a afinação do equipamento, seleccionaram-se em certo período, nove embalagens cujos pesos exactos foram anotados (em gramas): 983 992 1011 976 997 1000 1004 983 998

a) Construa intervalos de confiança para a μ, com os seguintes graus de confiança: 90%, 95% e 99%. Como varia a precisão do intervalo (a sua amplitude ) com o grau de confiança escolhido? b) Suponha que, em vez da amostra de nove embalagens, tinha sido obtida uma outra de 100 embalagens cujo peso médio x = 994 g . Construa novo intervalo de confiança, 95%, com base nesta segunda amostra. Que conclusão retira do aumento do tamanho da amostra? c) Qual deverá ser o tamanho da amostra a recolher, de forma que a amplitude do intervalo (a 95%) seja de 2.

7. Duas variáveis aleatórias X1 e X2 seguem uma distribuição normal com variâncias σ12 =3,64 e σ22=4,03, respectivamente. Das amostras recolhidas obtiveram-se os seguintes resultados: Amostra 1
Amostra 2

n1=32
n2=40

x1 = 16,20 x 2 = 14,85

Construa os intervalos de confiança a 95% para cada uma das amostras.

8. Pretende-se investigar o nível da remunerações de certa categoria profissional. Dentre os resultados obtidos destacaram-se os seguintes (em u.m.): Amostra de 150 mulheres: Amostra de 250 homens: x = 31 x = 33,8 s 2 = 10,3 s 2 = 5,7

a) Construa os intervalos de confiança a 95% para cada uma das amostras. b) Efectue o teste apropriado que permita comparar as duas amostras. c) Estabeleça o intervalo de confiança para a diferença das médias.
Probabilidades e Estatística 2007/08

2

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful