You are on page 1of 3

Lição 13 - Reavivamento

prometido: missão cumprida

Sábado à tarde
VERS

21 a 28 de
setembro

Ano Bíblico: Am 5–9

O PARA MEMORIZAR:

“Sede
, pois, irmãos,
pacientes, até à vinda do Senhor. Eis que o lavrador aguarda com paciência o
precioso fruto da terra, até receber as primeiras e as últimas chuvas. Sede
vós também pacientes e fortalecei o vosso coração, pois a vinda do Senhor
está próxima” (Tg 5:7, 8).
Leituras da Semana: Mt 28:18-20; Tg 5:7, 8; Zc 10:1; Mt 3:11; Ap 18:1; 19:11-16
O desafio de pregar o evangelho ao mundo inteiro no contexto das
mensagens dos três anjos pode parecer impossível. Embora a Igreja
Adventista do Sétimo Dia esteja crescendo rapidamente, ela não está
acompanhando o crescimento da população. Existem várias áreas do mundo
onde nem mesmo o nome “Adventista do Sétimo Dia” não é conhecido.
A realidade desse fato difícil leva a sérias questões. É possível pregar o
evangelho a todo o mundo nesta geração? Será que haverá algum movimento
incomum que irá acelerar drasticamente a proclamação da mensagem dos
três anjos? Devemos ter sempre um aspecto em mente quando discutimos
esse tema: A missão é de Deus e Ele irá realizá-la. No entanto, é preciso
lembrar que nós também fomos chamados a cumprir um papel crucial nessa
obra final.

Domingo

Ano Bíblico: Obadias e Jonas

O poder prometido
1. A grande comissão de Cristo em Mateus 28:18-20 é acompanhada
por uma grande promessa. Qual é essa promessa, o que significa na
prática e como podemos obter conforto nela? Por que ela é tão
importante para nós?

em testemunho a todas as gentes. A luz que acompanhava este anjo penetrou por toda parte” (Ellen G. Ele derramará Seu Espírito em grande poder e realizará o que parece impossível de acordo com todo o planejamento humano.. De que maneira você pode ser uma testemunha mais eficiente para o Senhor? Isto é. o que você pode fazer para ajudar a ver o cumprimento de Mateus 24:14? Segunda Chuva temporã e chuva serôdia Ano Bíblico: Mq 1–4 . “Vi anjos. Grande poder e glória foram comunicados ao anjo e. mas o poder de Deus vai superar todos os obstáculos. a fim de unir sua voz com a do terceiro anjo. Embora alguns possam questionar o significado preciso das palavras de Paulo. ao descer sobre vós o Espírito Santo. e sereis Minhas testemunhas tanto em Jerusalém como em toda a Judeia e Samaria e até aos confins da Terra” (At 1: 8). Cada pessoa na Terra terá uma oportunidade razoável de ouvir e compreender a mensagem do amor e verdade de Deus antes da vinda de nosso Senhor (Ap 18:1). RC). O Salvador acrescentou: “Recebereis poder. indo apressadamente de um lado para outro. p. Vi então outro poderoso anjo comissionado para descer à Terra. a Terra foi iluminada com sua glória. White. é uma promessa. no Céu. mas na força de Cristo. De acordo com Paulo. Não importa a dificuldade da tarefa. descendo à Terra. Ele mudou o mundo. A declaração de Jesus de que “este evangelho do Reino será pregado em todo o mundo. e então virá o fim” (Mt 24:14.] a promessa de [Seu] Pai” e eles receberiam poder do alto (Lc 24:49). Cristo prometeu aos Seus discípulos que iria “[enviar. e ascendendo de novo ao Céu. 277). é inegável que o evangelho causou forte impacto sobre a sociedade do primeiro século. e dar poder e força à sua mensagem. Deus concluirá Sua obra. Primeiros Escritos.Os discípulos pregaram não em sua força. o evangelho foi pregado a toda criatura debaixo do céu em apenas alguns anos (Cl 1:23).. descendo ele. as promessas de Deus são certas. A proclamação do evangelho ao mundo inteiro pode parecer impossível. preparando-se para a realização de algum acontecimento importante.

Tanto o Antigo quanto o Novo Testamento usam o simbolismo da água para representar o Espírito Santo. os profetas hebreus predisseram a dotação de graça espiritual em medida extraordinária à igreja de Deus. 28-32. ou temporã.. Deus usa o simbolismo das chuvas temporã e serôdia de duas maneiras. declarou: “Acontecerá. a fim de lançar a missão cristã. A última chuva caía no fim da primavera para amadurecer o fruto para a colheita. “Chuva serôdia” é uma expressão usada para descrever uma dotação especial do Espírito Santo sobre a Igreja de Cristo antes da vinda de Jesus. no verão e outono..] derramarei o Meu Espírito sobre a tua posteridade” (Is 44:3). “Sob a figura das chuvas temporã e serôdia. instruir. que derramarei o Meu Espírito sobre toda a carne” (Jl 2:28). para completar Sua missão na Terra.] . O profeta Isaías citou as palavras de nosso Senhor: “Derramarei água sobre o sedento [. depois. Deus prometeu regar os campos de Israel. A colheita de cevada e outros cereais era um evento da primavera. 8 Nos tempos bíblicos. Então. logo após a queda das primeiras chuvas. A primeira chuva do Espírito (temporã) caiu sobre os discípulos no Pentecostes.. que faziam germinar a semente e alimentavam seu crescimento inicial. Tg 5:7. seguida pela colheita das frutas. 2. A chuva serôdia será derramada sobre a Igreja de Deus no fim dos tempos. Quais são os dois símbolos que os seguintes textos usam para representar derramamento do Espírito Santo? Como podemos entender o que eles significam? Jl 2:21-24.. Isaías usou um recurso literário hebraico chamado paralelismo. O profeta Joel também apresenta o simbolismo da água. orientar e capacitar cada cristão. A segunda expressão da passagem explica a primeira. o trabalho de semear e arar ocorria a partir de meados de outubro. [. ao convencer. e glorioso foi o resultado. Jesus usou o simbolismo da água para representar o Espírito Santo (Jo 7:37-39). que caem nas terras orientais ao tempo da semeadura e da colheita. O derramamento do Espírito Santo nos dias dos apóstolos foi o começo da primeira chuva. A expressão “chuva temporã” também se refere à obra diária do Espírito de Deus.