You are on page 1of 2

Economia brasileira em 2013

O comportamento da economia brasileira no ano que está terminando decepcionou investidores e grande número de analistas. A principal tarefa para a política econômica em 2014 recuperar a credibilidade. O !rasil levou d cadas para conquistar a confian"a de investidores e ag#ncias de risco. $sso nos colocou na capa da revista de economia mais influente do mundo% a &'e (conomist% em 200). O !rasil decolava% um retrato do país que durou anos% at 201*. +O governo iniciou o ano com uma manobra contábil% vamos di,er assim% nas contas publicas% redu,indo a transpar#ncia da e-ecu".o da política fiscal% e isso ao longo do tempo foi minando a credibilidade da política fiscal/% e-plica 0ustavo 1o2ola% e-3presidente do !anco 4entral. A manobra foi redu,ir o taman'o da poupan"a do 0overno 5ederal para pagar 6uros da dívida. (ra *%17 do 8$!% mas passou para menos. A c'amada 9contabilidade criativa9% e-press.o mais repetida entre economistas em 201*% a6udou a derrubar o valor dos nossos ativos.

+Os títulos públicos tiveram uma perda superior a :; 200 bil'<es. Os pre"os das a"<es na bolsa caíram =0% >0 bil'<es de reais% aqueles contratos que voc# v# lá fora% que medem o risco do país. 8ara voc# ver% um ano atrás% o nosso risco era bem parecido com o do ? -ico. @o6e o nosso risco muito superior ao risco do ? -ico/% di, 1ui, 5ernando 5igueiredo% e-3diretor do !anco 4entral. (nquanto a imprensa internacional colocava em c'eque a estabilidade do !rasil% at ent.o menina dos ol'os dos investidores% os cadernos brasileiros de economia noticiavam a disparada do dAlar% contida ao custo de uma atua".o pesada do !anco 4entral no mercado de cBmbio. $nfla".o e mudan"a na política monetária% que voltou a apertar a atividade com alta de 6uros. Cepois de anos de tranquilidade% 201* veio apresentar a conta. A infla".o apertou o or"amento das famílias% 6á endividadas como nunca. (m abril% a culpa era do tomate. A fruta tin'a subido quase 1D07 no acumulado de 12 meses. Eirou o símbolo da alta de pre"os pu-ada pelos alimentos. A pro6e".o para o $84A do ano ultrapassava a meta do governo quando o comit# de política monetária come"ou a subir os 6uros. Ce abril a novembro% a Felic saltou de >%2D7 para 107 ao ano.

o e-ista% mas evitar parece sA trabal'o nosso. 1ui. 0ustavo.enda arriscava onde a moeda americana poderia parar% Há no fim do ano vieram algumas boas notícias.o parte do custo !rasil% que impede nossa economia de ser mais competitiva internacionalmente/% garante o e-3presidente do !anco 4entral.+Aparentemente o !anco 4entral recuperou sua autonomia% sua iniciativa. G. Al m disso% o governo cedeu importantes rodovias e aeroportos J iniciativa privada. $sso afastou do 'ori. (m 6un'o% o rea6uste das tarifas de ônibus colocou fogo na discuss.o que o risco ainda n. GAs precisamos agora gerar alguma confian"a para que o !rasil volte a ter um ambiente de mais estabilidade/% di.o come"ava a causar danos políticos irreversíveis para o governo/% di. O !anco 4entral dos (stados Inidos anunciou um corte gradual da política de incentivo J economia americana.onte de 2014 a c'amada 9tempestade perfeita9% a combina". . ( a pobre infra3estrutura do !rasil% as dificuldades de infra3 estrutura s. Ga virada do semestre% o dAlar disparava. Gem o ministro da 5a.o importante esse ano que n.o difícil. +Fe tem uma li". 8orque a infla".o de uma fuga de investimentos e de uma possível perda do grau de investimento% aquele que levamos tanto tempo para conquistar. +$sso fundamental% porque o !rasil tem uma car#ncia de infra3 estrutura.o. 5ernando 5igueiredo.