You are on page 1of 2

Resumo da Polícia Federal

Administração Direta Administração Pública Centralizada ou Direta é a exercida diretamente pela União, por Estados e Municípios que, para tal fim, utiliza-se de ministérios,secretarias, departamentos e outros órgãos. O poder de polícia corresponde ao “conjunto de poderes para editar regras, produzir decisões e promover sua execução concreta visando conformar, dentro de certos limites, liberdades e direitos individuais, para promoção da harmonia social” função administrativa prestacional- compreende os poderes para promover a satisfação concreta das necessidades coletivas por meio da prestação de serviços públicos. função administrativa reguladora compreende o conjunto de providências por meio das quais o Estado busca influenciar a sociedade civil à assunção de encargos de interesse coletivo e à adoção de condutas reputadas conforme certos valores. CLASSIFICAÇÃO DOS ÓRGÃOS PÚBLICOS Quanto à posição hierárquica Independentes: São os órgãos originários da Constituição e representativos dos poderes do Estado, sem qualquer subordinação hierárquica ou funcional, somente sujeitos ao controle constitucional de um Poder pelo outro. Exemplos: Congresso Nacional, Câmara Municipais, Presidência da República, Governadorias de Estados e Prefeituras. Autônomos São os órgãos localizados imediatamente abaixo dos independentes e diretamente subordinados aos seus chefes, mas com autonomia administrativa, técnica e financeira. São órgãos diretores com competências deplanejamento, supervisão e controle. Exemplos: Ministérios, Secretarias de Estado e de Municípios. Superiores São os órgãos que não possuem autonomia administrativa e financeira. Detém competências decisórias e diretivas, mas que se encontram subordinados a uma chefia superior. Exemplos: Gabinetes, Secretarias Gerais, Coordenadorias, Procuradorias Administrativas.

Subalternos

São os órgãos com competências executórias. Governadoria do Estado. Câmaras. a Administração Direta é composta pelo conjunto de órgãos integrados n a estrutura administrativa do Governo Municipal e das Secretarias Municipais. Exemplo: Tribunais Administrativos. de recepção. Noâmbito municipal. Quanto à estrutura Simples São os órgãos constituídos por apenas um centro de competência. Exemplo: Secretaria de Saúde que tem postos de saúde em sua estrutura. Presidência da República. com reduzido poder decisório. Compostos São os órgãos que reúnem em sua estrutura outros órgãos menores. normalmente relativas às rotinas administrativas. Colegiados São os órgãos que atuam e decidem pela manifestação majoritária de vários agentes. Exemplos: Setores de protocolo. Exemplo: Presidência da República. Quanto à atuação funcional Singulares ou unipessoais São os órgãos que atuam e decidem por meio de um único agente. . Exemplo: Gabinete do Governador.