You are on page 1of 11

Metabolismo do glicogênio

O glicogênio é uma forma prontamente mobilizável de armazenamento de

glicose. É um polímero ramificado de radicais de glicose. A presença de glicogênio aumenta Material muito a quantidade de glicose que é imediatamente refeições muscular. ou disponível durante a entre atividade

Didático

A glicose é virtualmente a única fonte de energia usada pelo cérebro, exceto durante o jejum prolongado.
http://www.nobelprize.org/nobel_prizes/medicine/laureates/1992/illpres/glycogen.html

A maioria das unidades de glicose no glicogênio é unida por ligações glicosídicas α-1.6. cria-se uma ramificação por uma ligação glicosídica α-1. Material Didático .4 e a cerca de 10 oses.

A concentração é maior no fígado.nicerweb.com/bio1152/Locked/media/ch05/glycogen.Os principais locais de armazenamento de glicogênio são o fígado e o músculo esquelético. http://www. bem como as enzimas que catalisam a síntese e a degradação do glicogênio. Esses grânulos O glicogênio esta presente no citossol na forma de contêm proteínas regulatórias. mas há mais glicogênio no musculo esquelético devido sua massa ser maior.html . Material Didático grânulos.

edu/com/abell/histo/histolab2.une.Material Didático http://faculty.htm .

Outra diferença é que a Material Didático glicose 1. que teria de ser fosforidada à custa de um ATP para entrar na via glicolítica. . gerando um novo tipo de ose fosforilada. a clivagem por hidrólise geraria a glicose. enquanto a glicose sim. E a enzima envolvida neste processo é a glicogênio fosforilase.O glicogênio é clivado pelo ortofosfato (Pi).fosfato na forma ionizada não pode se difundir-se para fora da célula. A clivagem fosforilítica do glicogênio é energeticamente vantajosa porque a ose liberada é fosforilada. Ao contrário. conhecido como glicose 1fosfato.

As fosforilases param de clivar quando atingem um terminal a quatro oses de distância de um ponto de ramificação. as ligações glicosídicas α-1.6 nos pontos de ramificação não são suscetíveis à clivagem pela fosforilase.O glicogênio é degradado até um grau limitado pela fosforilase.4 em uma ramificação e três na outra são clivadas pela fosforilase. No entanto. A clivagem pela fossforilzase cessa nesse estágio porque as oses terminais a e d estão à distância de quatro do ponto h de ramificação. . Material Didático Cinco ligações glicosídicas 1.

Material Didático Essa enzima hidrolisa a ligação glicosídica α-1.Uma transferase move um bloco de três glicosilas de uma ramificação externa para outra. uma α-1.6-glicosidase. Essa tranferênvia expõe a ose z à ação de uma terceira enzima degradativa. que é também conhecida como enzima desramificadora. .6 entre os radicais z e h.

Desse modo.6-glicosidase) tranformam a estrutura rmaificada em uma linear. Material Didático . a transferase e a enzima desramificadora (α-1. A hidrólise de z torna todos os radicais de a a l suscetíveis à fosforilase. o que prepara o caminho para mais clivagem pela fosforilase.

A fosfoglicomutase transforma glicose 1-fosfato em glicose 6-fosfato A glicose 1-fosfato formada na clivagem fosforolítica do glicogênio tem de se transforma em glicose 6-fosfato para entrar no fluxo metabólico principal. Material Didático . O deslocamento de fosforila é catalisado pela fosfoglicomutase.

A glicose liberada pelo é captada e pelo principalmente cérebro músculo esquelético. . O fígado libera glicose para o sangue durante a atividade muscular e no intervalo entre as refeições. Material Didático A glicose fosforidada. O fígado contém uma enzima hidrolítica.Uma função improtante do fígado é manter um nível relativamente constante de glicose no sangue. a glicose 6fosfatase. que permite que a glicose saia desse órgão. não pode difundir-se facilmente para fora das células. ao contrário da glicose.

ativa a glicogênio sintase. a insulina estimula a síntese do glicogênio por disparar uma via metabólica que desfosforila e. portanto.Em tempos de saciedade. Material Didático .