102

8 Celibato
CeIibato: estado ou condição de celibatário, de pessoa solteira;
isolado, solitário; etim lat. caelibátus ou coelibátus, 'estado de
solteiro'.
CeIibatário: que ou aquele que ainda não se casou, apesar de
haver ultrapassado a meia-idade, que não faz tenção de se
casar.
8.1 Continência voluntária
Jr 3,
15
"Dar-vos-ei pastores segundo o meu coração¨.
Jesus convida à continência perpétua aqueles que querem
consagrar-se exclusivamente ao Reino dos Céus.
Mt 19,
10
"Seus discípulos disseram-lhe: Se tal é a condição do
homem a respeito da mulher, é melhor não se casar!
11
Respondeu ele: Nem todos são capazes de compreender o
sentido desta paIavra, mas somente aqueIes a quem foi
dado.
12
Porque há eunucos
a
que o são desde o ventre de suas
mães, há eunucos tornados tais pelas mãos dos homens e há
eunucos que a si mesmos se fizeram eunucos por amor do
Reino dos céus. Quem puder compreender, compreenda.
Ap 14,
1
Eu vi ainda: o Cordeiro estava
de pé no monte Sião, e perto dele cento
e quarenta e quatro mil pessoas que
traziam escritos na fronte o nome dele e
o nome de seu Pai.
2
Ouvia, entretanto,
um coro celeste semelhante ao ruído de
muitas águas e ao ribombar de potente
trovão. Esse coro que eu ouvia era ainda
semelhante a músicos tocando as suas
cítaras.
3
Cantavam como que um cântico novo diante do trono,
diante dos quatro Animais e dos Anciãos. Ninguém podia
aprender este cântico, a não ser aqueles cento e quarenta e
quatro mil que foram resgatados da terra.
4
Estes são os que
|a| Eunuco substantivo masculino; no Oriente. homem castrado que tinha a Iuncão de guardar
as mulheres do harem; ETIM gr. eunoukhos.ou 'guardião da cama. guardião de mulheres'. de eunê
"leito. cama" e o v. ekho "levar. ter; conduzir. guiar; manter; reprimir. prender; conter. encerrar;
governar. administrar". pelo lat. eunuchus.i
103
não se contaminaram com muIheres, pois são virgens. São
eIes que acompanham o Cordeiro por onde quer que vá;
foram resgatados dentre os homens, como primícias
oferecidas a Deus e ao Cordeiro.
5
Em sua boca não se achou
mentira, pois são irrepreensíveis.
8.2 Castidade
Castidade: abstinência completa dos prazeres do amor;
abstenção de prazeres carnais e de tudo que a eles se refere;
característica de uma coisa casta; pureza etimologia latina
castìtas, átis "castidade, pureza de costumes, integridade¨;
sinônimo candidez, candideza, candor, candura, honestidade,
honra, inocência, pureza, puridade, respeitabilidade, temperança,
virginalidade, virgindade, virtude; continência.
Jt 15,
11
Deste prova de alma viril e coração valente. Amaste a
castidade, e não quiseste, depois da morte do teu marido,
conhecer outro homem; então o Senhor te fortaIeceu e por
isso serás eternamente bendita.
Jt 16,
22
À coragem juntava a castidade, de tal sorte que nunca
em toda a sua vida conheceu outro homem, desde que morreu
Manassés, seu marido.
Sb 4,
1
Mais vale uma vida sem filhos, mas rica de virtudes: sua
memória será imortal, porque será conhecida de Deus e dos
homens.
2
Quando está presente, imitam-na; quando passada,
desejam-na; ela leva na glória uma coroa eterna, por ter triunfado
sem mancha nos combates.
Eclo 26,
16
A graça de uma mulher cuidadosa rejubila seu
marido,
17
e seu bom comportamento revigora os ossos.
18
É um
dom de Deus uma mulher sensata e silenciosa, e nada se
compara a uma mulher bem-educada.
19
A mulher santa e
honesta é uma graça inestimável;
20
não há peso para pesar o
valor de uma alma casta.
21
Assim como o sol que se levanta nas
alturas de Deus, assim é a beleza de uma mulher honrada,
ornamento de sua casa.
At 24,
24
Passados que foram alguns dias, veio Félix com sua
mulher Drusila, que era judia. Chamou Paulo e ouvia-o falar da fé
em Jesus Cristo.
25
Mas, como Paulo lhe falasse sobre a justiça,
104
a castidade e o juízo futuro, Félix, todo atemorizado, disse-lhe:
Por ora, podes retirar-te. Na primeira ocasião, chamar-te-ei.
Rm 8,
5
Os que vivem segundo a carne gostam do que é
carnaI; os que vivem segundo o espírito apreciam as coisas
que são do espírito.
6
Ora, a aspiração da carne é a morte,
enquanto a aspiração do espírito é a vida e a paz.
7
Porque o
desejo da carne é hostil a Deus, pois a carne não se submete à
lei de Deus, e nem o pode.
8
Os que vivem segundo a carne
não podem agradar a Deus.
9
Vós, porém, não viveis segundo a
carne, mas segundo o Espírito, se realmente o espírito de Deus
habita em vós. Se alguém não possui o Espírito de Cristo, este
não é dele.
10
Ora, se Cristo está em vós, o corpo, em verdade,
está morto pelo pecado, mas o Espírito vive pela justificação. [...]
26
Outrossim, o Espírito vem em auxílio à nossa fraqueza; porque
não sabemos o que devemos pedir, nem orar como convém, mas
o Espírito mesmo intercede por nós com gemidos inefáveis.
27
E
aquele que perscruta os corações sabe o que deseja o Espírito,
o qual intercede pelos santos, segundo Deus.
Rm 12,
1
Eu vos exorto, pois, irmãos, peIas misericórdias de
Deus, a oferecerdes vossos corpos em sacrifício vivo, santo,
agradáveI a Deus: é este o vosso cuIto espirituaI.
2
Não vos
conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela
renovação do vosso espírito, para que possais discernir quaI é
a vontade de Deus, o que é bom, o que Ihe agrada e o que é
perfeito.
3
Em virtude da graça que me foi dada, recomendo a
todos e a cada um: não façam de si próprios uma opinião maior
do que convém, mas um conceito razoavelmente modesto, de
acordo com o grau de fé que Deus Ihes distribuiu.
1Cor 7,
1
"Agora, a respeito das coisas que me escrevestes.
Penso que seria bom ao homem não tocar mulher alguma. [...]
7
Pois quereria que todos fossem como eu; mas cada um tem de
Deus um dom particular: uns este, outros aquele.
8
Aos solteiros e
às viúvas, digo que lhes é bom se permanecerem assim, como
eu. [...]
32
Quisera ver-vos livres de toda preocupação. O solteiro
cuida das coisas que são do Senhor, de como agradar ao
Senhor.
33
O casado preocupa-se com as coisas do mundo,
procurando agradar à sua esposa.
34
A mesma diferença existe
com a mulher solteira ou a virgem. Aquela que não é casada
105
cuida das coisas do Senhor, para ser santa no corpo e no
espírito; mas a casada cuida das coisas do mundo, procurando
agradar ao marido.
35
Digo isto para vosso proveito, não para vos
estender um laço, mas para vos ensinar o que melhor convém, o
que vos poderá unir ao Senhor sem partilha.¨
Gl 5,
19
Ora, as obras da carne são estas: fornicação
a
, impureza
b
,
libertinagem
c
,
20
idolatria, superstição, inimizades, brigas, ciúmes,
ódio, ambição, discórdias, partidos,
21
invejas, bebedeiras, orgias
d

e outras coisas semelhantes. Dessas coisas vos previno, como
já vos preveni: os que as praticarem não herdarão o Reino de
Deus!
22
Ao contrário, o fruto do Espírito é caridade, alegria, paz,
paciência, afabilidade, bondade, fidelidade,
23
brandura,
temperança. Contra estas coisas não há lei.
24
Pois os que são de
Jesus Cristo crucificaram a carne, com as paixões e
concupiscências.
25
Se vivemos pelo Espírito, andemos também
de acordo com o Espírito.
Ef 4,
1
Exorto-vos, pois, ÷ prisioneiro que sou pela causa do
Senhor ÷ , que Ieveis uma vida digna da vocação à quaI
fostes chamados,
2
com toda a humiIdade e amabiIidade, com
grandeza de aIma, suportando-vos mutuamente com
caridade.
3
Sede solícitos em conservar a unidade do Espírito no
vínculo da paz.
4
Sede um só corpo e um só espírito, assim como
fostes chamados pela vossa vocação a uma só esperança.
5

um só Senhor, uma só fé, um só batismo. [...]
7
Mas a cada um
de nós foi dada a graça, segundo a medida do dom de
Cristo, [...]
11
A uns eIe constituiu apóstoIos; a outros,
profetas; a outros, evangeIistas, pastores, doutores,
12
para o
|a| Fornicação: ato de fornicar; prática sexual, coito, especialmente
com prostitutas; Rubrica: reIigião. ato sexual que não é entre
cônjuges; o pecado da luxúria; pecado da carne
|b| Impureza: Ialta de pudor. de castidade; imoralidade. impudicicia.
impuridade; Ialta de pureza. de limpidez
|c| Libertinagem: licenciosidade de costume. conduta de pessoa que se
entrega imoderadamente a prazeres sexuais; a pratica do libertino.
|d| Orgias: na Antiguidade. ritual Iestivo geralmente realizado a noite em
honra do deus chamado Dioniso (entre os gregos) ou Baco (entre os romanos);
bacanal; qualquer reunião que se caracterize pela lubricidade. pela orgia sexual
entre mais de duas pessoas; bacanal. esbornia. pândega. suruba
106
aperfeiçoamento dos cristãos, para o desempenho da tarefa que
visa à construção do corpo de Cristo,
13
até que todos tenhamos
chegado à unidade da fé e do conhecimento do Filho de Deus,
até atingirmos o estado de homem feito, a estatura da
maturidade de Cristo.
14
Para que não continuemos crianças ao
sabor das ondas, agitados por quaIquer sopro de doutrina,
ao capricho da maIignidade dos homens e de seus artifícios
enganadores.
15
Mas, pela prática sincera da caridade,
cresçamos em todos os sentidos, naquele que é a cabeça,
Cristo.
16
É por ele que todo o corpo ÷ coordenado e unido por
conexões que estão ao seu dispor, trabalhando cada um
conforme a atividade que lhe é própria ÷ efetua esse
crescimento, visando a sua plena edificação na caridade.
17
Portanto, eis o que digo e conjuro no Senhor: não persistais em
viver como os pagãos, que andam à mercê de suas ideias
frívoIas.
18
Têm o entendimento obscurecido. Sua ignorância e
o endurecimento de seu coração mantêm-nos afastados da vida
de Deus.
19
Ìndolentes, entregaram-se à dissolução, à prática
apaixonada de toda espécie de impureza.
20
Vós, porém, não
foi para isto que vos tornastes discípulos de Cristo,
21
se é que o
ouvistes e dele aprendestes, como convém à verdade em Jesus.
22
Renunciai à vida passada, despojai-vos do homem velho,
corrompido pelas concupiscências enganadoras.
23
Renovai sem
cessar o sentimento da vossa alma,
24
e revesti-vos do homem
novo, criado à imagem de Deus, em verdadeira justiça e
santidade.
25
Por isso, renunciai à mentira. Fale cada um a seu
próximo a verdade, pois somos membros uns dos outros.
26
Mesmo em cólera, não pequeis. Não se ponha o sol sobre o
vosso ressentimento.
27
Não deis lugar ao demônio.
28
Quem era
ladrão não torne a roubar, antes trabalhe seriamente por realizar
o bem com as suas próprias mãos, para ter com que socorrer os
necessitados.
29
Nenhuma palavra má saia da vossa boca, mas
só a que for útil para a edificação, sempre que for possível, e
benfazeja aos que ouvem.
30
Não contristeis o Espírito Santo de
Deus, com o qual estais selados para o dia da Redenção.
31
Toda
amargura, ira, indignação, gritaria e calúnia sejam desterradas
do meio de vós, bem como toda malícia.
32
Antes, sede uns com
107
os outros bondosos e compassivos. Perdoai-vos uns aos outros,
como também Deus vos perdoou, em Cristo.
1Tm 3,
4
deve saber governar bem a sua casa, educar os seus
filhos na obediência e na castidade.
5
Pois quem não sabe
governar a sua própria casa, como terá cuidado da Ìgreja de
Deus?
1Tm 4,
12
Ninguém te despreze por seres jovem. Ao contrário,
torna-te modelo para os fiéis, no modo de falar e de viver, na
caridade, na fé, na (pureza) castidade.
8.3 Padres da Igreja sobre a Castidade:
Sê tu sacrifício e sacerdote de Deus
a
: [...]
Ouçamos, porém, a insistência do
Apóstolo: "Eu vos exorto a vos oferecerdes
em sacrifício vivo¨ (Rm 12,
1
). Pedindo deste
modo, o Apóstolo ergueu todos os seres
humanos à dignidade sacerdotal: a vos
oferecerdes em sacrifício vivo. Ó inaudito
mistério do sacerdócio cristão, em que o
ser humano é para si mesmo vítima e
sacerdote! O ser humano não precisa ir
buscar fora de si a vítima que deve
oferecer a Deus; traz consigo e em si o que irá sacrificar a Deus.
Permanecem intactos tanto a vítima como o sacerdote; a vítima é
imolada mas continua viva, e o sacerdote que oferece o sacrifício
não pode matar a vítima. Admirável sacrifício
em que o corpo é oferecido sem imolação e o
sangue sem derramamento! "Pela misericórdia
de Deus eu vos exorto a vos oferecerdes em
sacrifício vivo¨. Ìrmãos, este sacrifício é
imagem do sacrifício de Cristo que, para dar a
vida ao mundo, imolou o seu corpo,
permanecendo vivo; na verdade, ele fez de
seu corpo um sacrifício vivo, porque tendo
morrido, continua vivo. Num sacrifício como
|a| Dos Sermões de São Pedro Crisologo. bispo (Sermo 108: PL 52.499-500)
(Sec. V)
108
este, a morte teve a sua parte, mas a vítima permanece; a vítima
vive, enquanto a morte é castigada. Pela misericórdia de Deus,
eu vos exorto, irmãos, a vos oferecerdes em sacrifício vivo,
santo. É o que também cantava o Profeta: "Tu não quiseste nem
vítima nem oferenda, mas formaste-me um corpo¨ (cf. Sl 39,
7
; Hb
10,
5
). Ó homem, sê tu sacrifício e sacerdote de Deus; não percas
aquilo que te foi dado pelo poder do Senhor. Reveste-te com a
túnica da santidade, cinge-te com o cíngulo da castidade; seja
Cristo o véu de proteção da tua cabeça; que a cruz permaneça
em tua fronte como defesa. Grava em teu peito o sinal da divina
ciência; eleva continuamente a tua oração como perfume de
incenso; empunha a espada do Espírito; faze de teu coração um
altar. E assim, com toda confiança, oferece teu corpo como
vítima a Deus. [...]
a
[a] Liturgia das Horas, Vol. ÌÌ - Tempo da Quaresma, Tríduo Pascal,
Tempo da Páscoa. Págs. 694-696.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful