You are on page 1of 4
Fisiologia do Sistema Gastrointestinal Fisiologia humana – Parte 1 Nome: Data: / /

Fisiologia do Sistema Gastrointestinal

Fisiologia humana – Parte 1

Nome:

Data:

/

/

Fisiologia do Sistema Gastrointestinal

1° - Componentes

Trato Gastrointestinal (TGI) – boca, grande parte da faringe, esôfago, estômago, intestino delgado e intestino grosso.

Glândulas Acessórias – dentes, fígado, língua, glândulas salivares, vesículas biliares e o pâncreas.

Bom saber!!! Nenhum órgão com exceção da língua e dos dentes entra em contato direto
Bom saber!!!
Nenhum órgão com exceção da língua e dos dentes entra em contato direto com o
alimento, tendo a suas secreções jogadas através de ductos no TGI.

2° - Funções Basicas

1. Ingestão – Transporte do alimento a boca.

2. Secreção – Realizado pelas glândulas do TGI, fígado e glândulas salivares.

3. Mistura e Propulsão - Depende da contração da musculatura lisa da parede do sistema TGI, permitindo assim também o deslocamento do alimento através do gastrointestinal.

4. Digestão – Quebra de macromoléculas em partículas menores, facilitando assim a melhor absolvição de nutrientes.

5. Defecação – Eliminação para o meio ambiente do material alimentar não utilizado pelo organismo.

3° - Camadas do TGI

Divide-se em 4 camadas, descritas abaixo na ordem da luz do órgão a periferia, são:

1. Túnica Mucosa – Dividida em 3 partes é a mais interna( epitélio / lâmina própria da mucosa / túnica muscular da mucosa ), tendo como função de revestimento da luz do TGI.

2. Túnica Submucosa – Formada por tecido conjuntivo aerolar, ligando a túnica mucosa a túnica muscular da mucosa, muito vascularizada recebe as moléculas de alimentos absorvidos. Contendo uma rede de nervosa formada por neurônio do plexo submucoso

3. Túnica Muscular – Apresenta-se em maioria formada por tecido muscular liso, tendo a boca, faringe e parte superior do esôfago formado por tecido muscular esquelético que trabalha na deglutição do alimento.

4. Túnica Serosa – Mais superficial, formada por uma membrana serosa composta por tecido conjuntivo areolar e epitélio pavimentoso simples, porem, somente o esôfago é ausente dessa camada tendo uma simples camada de tecido conjuntivo denominada, túnica adventícia.

Fisiologia do Sistema Gastrointestinal

4° - Inervação do TGI

Formada por aproximadamente 110 milhões de neurônios que se estendem desde o esôfago ate o anus

Dividida em conjuntos de nervos intrínsecos ( acoplado ), denominado nervos entérico - SNE e em conjuntos de nervos extrínsecos que é a a parte autônoma do SN.

1. Nervos intrínsecos - SNE

a) Plexo mioentérico – localizado na túnica muscular.

b) Plexo submucoso – localizado na tela submucosa.

Nervos extrínsecos – SNA

Atuam regulando o SNE, tendo os nervos vagos espalhados através de fibras parassimpáticas por grade parte do TGI, tendo única exceção a ultima parte do Intestino grosso, que recebe fibras nervosas vindas da região sacral.

5° - Órgãos do TGI

a) Boca

Chamado também de cavidade oral.

Formado por bochechas, palatos mole e duro e língua.

Tem função de:

Ingestão do alimento;

Misturar o alimento a saliva

Barreira microbiana, destruindo

microrganismos – lisozima. Inicio da deglutição.

microrganismos – lisozima. Inicio da deglutição. • Os palatos têm como função divisão da cavidade oral

Os palatos têm como função divisão da cavidade oral da cavidade nasal

b) Faringe

Canal que interliga a boca ao esôfago, funcionando como via de passagem de ar para a larínge ou do alimento ate o esôfago.

c) Esôfago

Com aproximadamente 25cm de comprimento.

Tem característica de conduzir o alimento que já passou pela faringe ate o estomago.

Terminando assim a deglutição.

característica de conduzir o alimento que já passou pela faringe ate o estomago. • Terminando assim

Fisiologia do Sistema Gastrointestinal

d) Estomago

Anatomia parecida com a letra “J”.

Conecta o esôfago ao duodeno – parte inicial do ID.

Tem função de:

Armazenar o alimento;

Barreira microbiana, destruindo

microrganismos; Produz o fator intricido que é

essencial na produção de vitamina

B12;

intricido que é essencial na produção de vitamina B12; • Iniciada a digestão de proteínas e

Iniciada a digestão de proteínas e triglicerídeos.

Sua digestão esta relacionada a ondas de mistura, movimentos ondulatórios peristálticos, esse ocorre a cada em media de 15 a 25 segundos, realizando a mistura do suco gástrico com o alimento.

O transformando em uma massa semilíquida denominada quimo, sempre lembrando que o fundo gástrico tem somente função de armazenamento.

Cada onda força 3ml de quimo a entra no duodeno – parte inicial do ID.

e) Intestino Delgado

no duodeno – parte inicial do ID. e) Intestino Delgado • Dividido em duodeno, jejuno e

Dividido em duodeno, jejuno e íleo.

Aproximadamente 90% da absolvição ocorre no intestino delgado.

Tem como função:

Finalização da digestão mecânica através de sua

motilidade, capaz de compactar e misturar o alimento; Finalização da digestão química através da secreção de seus órgãos anexos( suco pancreático, bile) e do suco intestinal;

Tem como região de maior absolvição de nutriente importantes o Jejuno

Ficando assim o Íleo com a absolvição de gorduras e o duodeno com controle do pH e com parte da digestão química.

f) Intestino Grosso

Parte terminal do TGI.

Tem em media 1,5m de comprimento, estendendo do íleo até o ânus.

Tem função de :

Absorver H 2 O;

Armazenamento de fezes;

Absolvição de sais minerais;

até o ânus. • Tem função de : Absorver H 2 O; Armazenamento de fezes; Absolvição