“Giba” da Lótus

Pioneiro do Jiu jitsu na Zona Norte de São Paulo
O Jiu jitsu implantou-se na cidade de São Paulo através do trabalho de três grandes mestres – que se tornaram a pedra fundamental da arte na capital paulista: Pedro Hemetério (falecido), na região central; Octávio de Almeida (falecido), na zona sul e Oswaldo Carnivalle (ainda atuante em sua Academia Carnivalle, no bairro do Belenzinho, junto a seus filhos Luis Roberto “Tuco” e Sônia mais netos). Esses três grandes mestres mantinham suas academias, aulas e alunos, cada qual em seu reduto, participando de competições entre as próprias academias, até porque o Jiu jitsu não era uma modalidade popularmente conhecida.

o início da déca de 1980, chega a São Paulo do interior do Estado, o jovem faixa azul Moisés Muradi, aluno de Orlando Saraiva, e que se revela o grande propagador do Jiujitsu na capital paulista. A seu lado, desde o começo, iniciador do Jiujitsu na zona norte de São Paulo, mais precisamente no bairro de Santana, Gilberto Carlos Cardoso – o Giba da Lotus, como é conhecido – em seus 30 anos de trabalho nessa arte marcial, foi um grande “alavancador” da modalidade. Conheça uma síntese de sua trajetória, tão importante na implantação e divulgação de nosso Jiujitsu. Aos 46 anos, 87kg, 1m73, faixa preta 5° Dan, Giba foi aluno e cooperador direto do fundador e presidente da Federação Paulista de Jiujitsu, Moisés Muradi, também fundador da Federação do Estado de São Paulo de Brazilian Jiujitsu – FESP e da primeira academia de Jiujitsu da zona norte de São Paulo, a Lótus Club. Giba competiu numa carreira brilhante que lhe deu, entre outros, títulos nacionais e internacionais: campeão europeu 2010, campeão mundial, campeão do Open New Yotk 2010, 7 vezes campeão internacional, 4 vezes campeão brasileiro, 2 vezes campeão da Liga Brasileira, 4 vezes campeão do Open São Paulo e 9 vezes campeão paulista. Enfrentou atletas de renome: Demian Maia, Saulo Ribeiro e Fábio Leopoldo, por exemplo. Todos mais jovens, segundo Giba. O INÍCIO Nascido em Santo André – SP, Giba sempre morou com a família na zona norte de São Paulo. Menino franzino só conseguiu cursar o 1° ano primário aos 9 anos de idade. Já gostava muito de artes marciais e, com esforço, terminou o primário e também o 2° grau aos 19 anos. Desde os 13 anos, jogava futebol no infanto-juvenil do São Paulo e do
26 -

N

Foto: Selleri

Tae-kwon-do e três primeiros grandes mestres – os pilares do Jiujitsu Aikido.27 . irmã de Moisés Muradi. tanto no Dojo como no cotidiano. pital Amico. independente do obstáculo existente. a Lótus Club e depois a Federação Paulista de Jiu jitsu leal para poder exigir lealdade e nunca desista de seus que passou a organizar graduações. atividade que interrompeu devido a uma lesão teve o prazer de estar presente na inauguração). chegou a neira de superá-lo! Brasil. concomitante à Capoeira precisa de sol. era a Confederação Brasileira de Boxe. Só treinava! Mesmo assim. formação de professoobjetivos. conperiores. Sentiu Consequentemente. faço Kung Fu e Capoeira. Muay thai. Ali estado de humor. em Santana. Karate. ginástica. Jiujitsu da melhor forma possível! No moDo primeiro casamento tem uma filha de mento era o mais importante! obstáculo existente. tendo também aulas específicas para mulheres. eu sou mais e 4° anos) e os horários coincidiram com os horários das forte. É nela que Giba ensina Jiujistu. está de agenda lotada Giba passou a priorizar o Jiujitsu em sua para personal e palestras dentro e fora do vida. de outro de técnico de Raio X. Foi A segunda academia de Jiu jitsu criada na zona Norte de quando Moisés Muradi iniciou as competições abertas para São Paulo é a Omini Sport Center. Fez então Kung Fu. atletas e professores cariocas. em trabalhado na parte administrativa do HosJiujitsu e Defesa Pessoal... natação. escolheu o Jiu A partir daquele dia.uma planta que vive em caverna. como nos conta Giba (que Corinthians. Tremembé. devido ao maior paulista – já citados. as! Comprou sua casa. O Jiu jitsu mostra res. rua Duarte Azevedo 521/ das. precisava do apoio e do reconhecimento dos hidroginástica. seu carro. Inevitavelmente. Elias Muradi sugeriu a flor de Lótus. Foram dois anos de treino. “Me ataque como quiser”. Os aulas semanais ganhava mais do que se primeiros treinos se deram em 1982 para trabalhasse em outro setor dez horas diári1983. Quem dava o aval final. independente do um homem plenamente realizado na vida. Até que Moisés Muradi – sempre com Giba cooperando a seu MENSAGEM lado – fundou a primeira academia de Jiujitsu na zona nor“Jiu jitsu é filosofia de vida e jamais briga de rua! Procure ser te. rua Maria Amália de tornar a modalidade conhecida pelo grande público paulista Azevedo. conheceu o Jiu jitsu. Vou lhe dar um soco!” Mas. campeonatos. Giba foi e viu um quarto grande só de tatame: lona Giba entrara na faculdade para completar seus estudos suem cima e palha por baixo. opção e não teve dúvidas. amizades. o mais necessário.. 15 anos e da segunda união um menino de 1 ano e 4 meses. Desenvolve um projeto. e que não no joelho. após vários contato: gibateamjiu@hotmail. autoestima e Muradi e também passou a treinar com ele lições do Tatame é saúde! tendo aulas na FATEC SP. exames e todo que é possível amenizar e reverter situações complicadas. Com duas a Moisés que o levasse para treinar. Dá aulas de Jiu jitsu na JIUJITSU: UMA OPÇÃO DE VIDA há sempre uma maacademia Omini. É proprietário da Só assim as competições seriam devidamente reconheciacademia Triplo X. aos 15 anos. Giba conheceu o irUma das grandes grandes melhoras em seu estilo de vida. Também com: musculação. com o Jiu Nadia Muradi. Para isso. junto à profazer um curso de analista de sistema e fessora de Pole Dance. interessaram-se pela expansão sobre a luta que o irmão praticava. pilates. em São Paulo. E ela lhe contava jitsu forte em seu Estado. Não havia graVivendo exclusivamente do Jiu jitsu. conheceu a colega Os lutadores. sejam no esporte ou na vida. O curso superior em administração hospitalar foi interrompido no 4° ano.. 845. demonsa fim de participar do movimento em prol da modalidade e trou certo espanto: “Homem agarrando homem numa lona fazer um intercâmbio e incrementaram ainda mais o Jiu chamada tatame?” jitsu competitivo paulista. espaço disponível que a Omini oferece. pela primeira vez: “Jiu jitsu”! Ao saber como era. mas ficara devendo dois estágios obrigatórios (2° vidou Muradi. mão mais velho de Moisés Muradi.. precisava fazer uma a cada ataque. Giba é duações porque o intuito era difundir o que. era Giba quem pedia jitsu! Mesmo porque dele vivia. . um nome que ouvia em São Paulo e começaram a vir para a capital paulistana.. por não haver ainda federação 531. Mas como Lótus Club nasceu em 1989. já que é um de seus grandes propagadores? O PESSOAL DO RIO DE JANEIRO Quando estava na escola. Renata Wilke. Boxe. E Giba pensou: “Cara doido. Mas o que A OMINI queria era mesmo fazer tudo que podia no Jiu jitsu. regras e regulamentos.com esboços e sugestões. ou seja. Uma das grandes lições do Tatame é que. Giba conheceu Moisés Muradi: “Vamos lá em casa – disse Moisés – que vou lhe mostrar o que é o UMA OPÇÃO DE VIDA Jiujitsu”. con(No Rio de Janeiro o Jiu jitsu já estava consolidado). Giba era dominado e arremessado ao chão. caracteristicamente resistente! E a com mestre Carapau. dicionamento físico. aulas de Jiujitsu que ele ministrava. há O NOME “LÓTUS” sempre uma maneira de superá-lo!” Quando Moisés Muradi e seus colaboradores pensaram em que nome dar para a academia a ser criada.