You are on page 1of 4

Boletim Esperança

Informe de Estudos Espíritas, RJ, Ano 1, N. 3 JULHO, 2009
EDITORIAL
Os dias que se sucedem são mini-encarnações
oportunizando novas possibilidades.
O seminário sobre Filosofia, Filosofia espírita, Ciência,
Ciência espírita e Religião, ministrado pelo professor Silvio
Seno Chibeni, físico e filósofo da Unicamp, São Paulo, foi um
acontecimento ímpar e encantador. Mestre em Física, doutor
em Lógica e Filosofia da Ciência, com pós-doutorado pela
Universidade de Paris 7, esse pensador, desvendou a
complexidade das matérias referidas facilitando a
compreensão de todos.
Foi mais um evento promovido pelo Grupo Espírita
Caminho da Esperança. A EQUIPE

VULTOS ESPÍRITAS
SHEILLA
Trata-se de um Espírito muito
conhecido e querido no
movimento espírita brasileiro.
HOMENAGEM AO CASAL GUIMARÃES
Em sua última encarnação, O CAMINHO DA ESPERANÇA CASADA HÁ 44 ANOS
nasceu na Alemanha e foi É UMA SEARA DE LUZ COM GERALDO GUIMARÃES
enfermeira durante a 2ª Guerra, SUA MADRINHA É BENEDITA PESSOA DE HÁBITOS SIMPLES

tendo desencardo em 1943, O SEU PADRINHO É JESUS LARGA CULTURA CRISTÃ

vítima dos bombardeios sofridos E TODA A FALANGE DO BEM ELE ENCANTA COM SUA FALA

QUE ESTA CASA CONDUZ TODOS NÓS SOMOS SEUS FÃS
pela cidade de Hamburgo.
Surgem, pouco tempo depois, as suas primeiras NOSSA ANA GUIMARÃES TAL QUAL PASTOR APASCENTA
manifestações no grupo espírita de Macaé (RJ), através do COM FIRMEZA E SENSATEZ AS OVELHAS DO REBANHO

médium Peixotinho, local em que chegou a se materializar e OS CAMINHOS VAI GUIANDO DEDICANDO AS ATENÇÕES

produzir belos fenômenos de efeitos físicos, como o “apport” PULSO FIRME E ALTIVEZ PROPICIA SEMPRE UM GANHO

ÀS VEZES FAZ SABATINA OBSERVANDO AS LIÇÕES
e a distribuição de flores, pequenos objetos, ou a
SOBRE O ASSUNTO DA VEZ O BENEFÍCIO É TAMANHO
impregnação do ambiente com éter ou perfumes.
Seu retrato mediúnico revela um belo semblante, QUANDO SE ERRA A LIÇÃO SOMOS TODOS OS OBREIROS

profundos olhos azuis e cabelos loiros. ELA NOS MANDA ESTUDAR NO TRABALHO, NO LABOR

Desde o início, Scheilla demonstrou devotamento aos POIS, “ NÃO SABEMOS A HORA AQUI SE CUIDA DO IDOSO

enfermos procurando, tanto quanto possível, amenizar-lhes QUE VAMOS DESENCARNAR E DA CRIANÇA, COM AMOR

E O FUTURO, É AGORA PREPARANDO-OS PARA A VIDA
os sofrimentos ou recuperar-lhes a saúde, tarefa em que
NÃO ADIANTA PROTELAR ” PRA AMENIZAR SUA DOR
prossegue atuando junto de equipes espirituais socorristas,
em todo o Brasil, por intermédio de diferentes médiuns. COM RARA SABEDORIA QUE JESUS SEMPRE ABENÇOE

Faz oferece sua voz, com característico sotaque alemão, TOMA SEMPRE A DECISÃO A PLENA DEDICAÇÃO

para pregar a excelência do Evangelho, conclamando a RECLAMA, ORIENTA E GUIA TRANSFORMANDO A CADA SER

EXIGE COOPERAÇÃO NUM CENÁCULO DE ORAÇÃO
todos para que sigam o Cristo.
E TODOS CUMPREM O DEVER BUSCANDO SEMPRE A VERDADE
(Trechos do texto “De Scheilla para Você”, do livro “A
COM A MAIS GRATA DEVOÇÃO PARA A NOSSA EVOLUÇÃO.
Mensagem do Dia”, do médium Clayton B. Levy)
REVISTA O TREVO - ABRIL DE 2000 AUTORA: RITA PONTES / RIO-MAIO 2009.

Boletim Esperança – Página 1
NOTÍCIAS DO FEIRÃO
COLUNA DO JOVEM
Essa é mais uma das histórias, que tanto nos ensinam,
de Chico Xavier:
Já contamos com inúmeras adesões; está garantida a
HISTÓRIA DA CHAVE
Com a saída do chefe da casa, dos filhos mais velhos presença dos confrades dos Estados Unidos, Canadá e Paraguai.
para o trabalho, e com a ausência das crianças por estarem Confirmadíssimos os doces portugueses, a panificação, os
na escola, Dona Cidália era obrigada, por vezes, a deixar a
artesanatos, as rendas, os tapetes e mais centenas de artigos de
casa, a sós, porque devia buscar lenha, a distância.
Aí começou a dificuldade. utilidade doméstica e uso pessoal.
Certa vizinha, vendo a casa fechada, ia ao quintal e
colhia as verduras. Estamos completando o quadro de participantes. Isso
A madrasta bondosa preocupou-se, pois, sem verduras, indica que ainda há chances de novas adesões.
não haveria dinheiro para o serviço escolar.
Dona Cidália observou... observou... Venha, participe do XIX Feirão Beneficente: um encontro
E ficou sabendo quem lhe subtraía os recursos da horta;
com a Grande Família Espírita do Feirão. Vamos rever amigos!
entretanto, repugnava-lhe a ideia de ofender uma pessoa
amiga por causa de repolhos e alfaces. Fraternalmente,
Chamou, então, o Chico e lembrou: Jurandyr Paulo
─ Meu filho, você diz que, às vezes, encontra o Espírito
de Dona Maria. Peça-lhe um conselho. Nossa horta está
desaparecendo e, sem ela, como sustentar o serviço da COLUNA DO CAMINHO
escola? Chico procurou o quintal à tardinha e rezou e, como
de outras vezes, a mãezinha apareceu.  Sucesso!
O menino contou-lhe o que se passava e pediu-lhe No dia 14 de junho, tivemos a
socorro. realização do seminário “Filosofia
D. Maria então lhe disse: Espírita” com o professor Silvio
─ Você diz à Cidália que realmente não devemos brigar com Chibeni. O estudo foi excelente e
os vizinhos que são sempre pessoas de quem nossa casa estava adornada com
necessitamos. Será, então, aconselhável que ela dê a chave tantos irmãos presentes. E ainda
da casa à amiga que lhe vem talando a horta, sempre que tivemos a oportunidade de fruir o
precise ausentar-se, porque, desse modo, a vizinha, ao encanto da música do Saulo.
invés de prejudicar os legumes, nos ajudará a tomar conta
 Vem chegando o Feirão
deles.
Dona Cidália achou o conselho excelente e cumpriu a
determinação. O sentimento singular já é sentido, o Feirão vem se
aproximando, os colaboradores já estão começando seus
Foi assim que a vizinha não mais tocou nas hortaliças, trabalhos... Por isso fazemos o convite para que todos
porque passou a responsabilizar-se pela casa inteira. venham participar desse evento tão especial. No futuro,
diremos: “O XIX Feirão aconteceu de forma tão marcante que
ficou registrado na memória para sempre.”
RESPOSTAS DA CRUZADINHA DO BOLETIM N.2 Júlia Solino

Horizontal Vertical ANIVERSARIANTES DO MÊS
3. Mahatma Gandhi 1. Satiagraha
01 de julho - Rafael Rodrigues
5. Martin Luther King 2. Ernesto Bozzano.
7. FEB. 4. Léon Denis. 04 de julho - Amanda
8. Teresa de Jesus. 6. Zilda Gama. 12 de julho - Giuseppe
9. Pestalozzi
15 de julho - Joana
10. Anália Franco
11. Carmine Mirabelli 25 de julho - Inês
12. Alexandre Aksakof 27 de julho – Helena

NOTÍCIAS
Projeto “Centenário de Chico Xavier” lançado no Nordeste “O Livro dos Espíritos” em árabe
Aracaju (SE) foi o local do lançamento do “Projeto Centenário de Chico Xavier”, Em evento realizado em Santos
na noite do dia 3 de abril. Com representatividade expressiva, contando com a (SP), com o apoio da União das
presença de espíritas da cidade; o “Projeto Centenário de Chico Xavier” foi Sociedades Espíritas (USE) –
apresentado por Antonio Cesar Perri de Carvalho, diretor da FEB e coordenador Intermunicipal de Santos, a USE-SP
da Comissão Organizadora Central do citado Projeto, e por Olga Maia, secretária disponibilizou exemplares de “O Livro
da Comissão Regional Nordeste. dos Espíritos” em árabe. O livro foi
O objetivo deste projeto é enfatizar a obra de Chico Xavier e contribuir com a distribuído aos órgãos
memória de sua atuação. Na oportunidade, foram distribuídos cartazes e folhetos de Unificação doEstado
alusivos ao 3º Congresso Espírita Brasileiro (16 a 18 de abril de 2010) que tem de São Paulo, às
como tema central: “Chico Xavier: Mediunidade e Caridade com Jesus e Kardec” e Federativas brasileiras e
houve apresentação da página eletrônica do Congresso, já disponível: a outras instituições
www.100anoschicoxavier.com.br . especializadas.

Boletim Esperança – Página 2
MENSAGEM DO MÊS
Atributo das pessoas equilibradas, que têm paz, a serenidade pressupõe suavidade, calma, placidez.
Os espíritos bons, superiores têm serenidade sempre.
Esse estado interior permite a floração dos mais belos sentimentos e abre as portas da alma à inspiração divina.
Os que têm serenidade comandam palavras e sentimentos, jamais ferindo o outro.
Trocam ideias, administram, podem até discordar, mas sempre tomando cuidado para não denegrir nem humilhar
ninguém.
Respeitam as reflexões alheias, mesmo quando discordam. Não têm o objetivo de dominar a verdade, não pretendem
o título de líderes ou sábios.
Sabem que a evolução chega para todos; que a verdade é proporcional à compreensão de cada um. Ela, a verdade, é
como um brilhante: tem várias facetas.
Por isso, cultive a serenidade. Faça exercícios de paciência, de compreensão, até de humildade. Guarde silêncio
interior e não se esqueça de orar sempre. “A oração – diz Joanna de Ângelis – é o hálito de Deus fecundando a vida.”
Seja feliz e faça os outros felizes também. GERALDO GUIMARÃES

ENCONTRO COM A CIÊNCIA PROGRAMAÇÃO DA CASA
“O segredo do sucesso depende única e
2ª Feira (20:00 às 21:00)
exclusivamente de você e das escolhas das prioridades.
Saber o que você quer é o primeiro passo, seguido da PALESTRAS DOUNTRINÁRIAS: LIVRO DOS ESPÍRITOS
disciplina...” Estas são as palavras de Arthur Moreira Lima,
considerado o “Pelé do piano”. Integrado, desde 2003, no 06 de julho – Ana Guimarães LIVRE
Projeto “Um Piano pela Estrada”, este gênio implementa a 13 de julho – Ricardo Drummond Questões 200 a 202
inclusão social através da música universal, por todos os
cantos do Brasil. O caminhão transforma-se em palco e ele 20 de julho – Jânio Salles Questões 203 a 206
toca em praças, escolas e diversos espaços públicos. A 22 de julho – Neandertal Alves Somos imortais?
essa iniciativa agregou-se um projeto paralelo: “Um Sorriso
pela Estrada”. Sua esposa, que é dentista, acompanha o 3ª Feira (14:50 às 15:25)
marido realizando palestras educativas sobre prevenção de
saúde geral e bucal, além de fluorar as bocas das crianças, 07 de julho – Evangelho - cap.II item 6 – exp. Gracinha
em parceria com a direção das escolas. Não existe caminho 14 de julho – Evangelho - cap.II item 7 – exp. Marco Túlio
longo nem desperdício de tempo. Ciência e a arte: duas
gemas preciosas que enlevam a alma brasileira estrada 21 de julho – Evangelho - cap.II item 8 – exp. Beto
afora. 28 de julho – Evangelho - cap.III itens 1 e 2 – exp. Cláudia
Admiráveis os Espíritos Superiores na resposta a
Kardec, na questão 573 de O Livro dos Espíritos: Instruir e Passarelli
auxiliar o progresso dos homens melhorando as instituições 5ª Feira (19:30 às 21:00)
é uma grande missão. “Cada um tem neste mundo a sua
missão, porque todos podem ter alguma utilidade.” REUNIÕES MEDIÚNICAS
Parabéns aos nossos brasileiros.
Sábado (8:30 às 15:00)
Vanessa Bianca
ESCOLA DE ESTUDOS ESPÍRITAS ESPERANÇA
LIVRO DO MÊS – NA SOMBRA E NA LUZ
O Espírito Victor Hugo ditou a Convite fraterno
Zilda Gama uma novela passada
quase toda no século XIX, Aceita... Entrega... Confia... Espera...
desenvolvida em cinco livros. Cada
um desses "livros" trata de uma Procura restituir à Vida tudo que dela recebes na mesma proporção.
encarnação dos personagens, viven- Alimenta tua alma com a seiva das flores para exalar seu perfume
ciada numa existência tumultuosa. por onde passares.
O objetivo da obra é mostrar
aos seres sofredores e moralmente Trabalha as dores no cadinho da oração e, brevemente, te
mutilados a possibilidade da regene- surpreenderás com o horizonte ditoso dos raios luminescentes do
ração humana, que se vai verificando por meio das diversas amanhecer.
reencarnações do Espírito.
Isso é realizado pela afirmação da Justiça Divina, Serve e ora.
que permite o consolo e a análise das quedas ou conquistas Pensa nisso!...
que cada personagem vai caracterizando em uma trajetória, Ser colaborador na seara do Cristo é contribuir para um mundo
marcada pela saída das sombras, resultantes do erro, para a
luz, definida pela ascensão à perfeição. melhor.
Vem, a Escola Esperança espera por ti. 
APROVEITE!!! ESSE LIVRO ESTÁ COM PREÇO Giannina Laucas
PROMOCIONAL NA LIVRARIA DO CAMINHO.

Boletim Esperança – Página 3
AMIGOS DO CAMINHO:
DATAS IMPORTANTES DO MÊS DE JULHO

Depoimento prestado por sua filha, Maria Alice, que, até
hoje, dá continuidade ao gesto magnânimo do pai, 04/07/1966 – É criado, no Brasil, o Dia da Caridade, pela
sendo colaboradora do GECE, onde labora. Lei 5063.
Júlio Lopes Trindade nasceu em Rebordosa, distrito
de Penacova, Portugal, a 27 de setembro de 1919. Filho de
Abel Lopes Trindade e Maria Esperança Trindade, chegou 06/07/1932 – Lançada a primeira edição da obra
ao Brasil no dia 20 de abril de 1935, contando com 16 anos. psicografada por Francisco Cândido Xavier, por diversos
Inicialmente, trabalhou no comércio de palitos
advindos de Portugal, tendo que percorrer todos os recantos poetas portugueses e brasileiros, pela Federação Espírita
do Rio. Desse modo, tornou-se conhecedor de toda a Brasileira, intitulada Parnaso de Além-Túmulo.
Cidade Maravilhosa, o que muito o alegrava.
Pelos idos de 1946, no Teatro João Caetano,
conheceu Stella de Almeida, que, acompanhada de sua mãe 07/07/1930 – Desencarne de Arthur Conan Doyle, criador do
Casemira de Jesus, fora assistir a uma peça. Desde então,
famoso detetive Sherlock Holmes. Adepto do Espiritismo,
eles jamais se separaram, casando-se a 15 de maio de
1947. Tiveram cinco filhos: Eduardo, Armando, Maria Lúcia, Conan Doyle escreveu “A História do Espiritismo”.
Maria Esperança e Maria Alice.
Após casar-se, Júlio Trindade tornou-se sócio de
seu sogro, Bernardino Lopes de Almeida, comerciante 20/07/1918 – Data do desencarne da médium Elizabeth
promissor na cidade do Rio de Janeiro. Estabeleceu-se D*Esperance.
entre ambos uma relação comercial de muito respeito e
profunda amizade, pois eles nunca se desentenderam, eram
almas fraternas conduzidas pelo bem-querer da afeição 28/07/1890 – Na Inglaterra, em reunião de efeitos físicos,
recíproca. com a médium Elizabeth D'Esperance, materializa-se um
Como pai, ele deixou um legado de exemplos de
dignidade, fé, coragem e perseverança no bem. Suas falas lírio dourado, com 7 pés de altura, estando presentes vários
eram sempre pautadas na Doutrina Espírita e nunca faltava cientistas, entre os quais o prof. Alexandre Aksakof.
uma palavra de encorajamento a quem precisasse. Dizia
que, quando retornasse ao plano espiritual, jamais seria
acusado de negar informação a respeito dos conhecimentos
adquiridos no Espiritismo. GRUPO ESPÍRITA CAMINHO DA ESPERANÇA
Rua Aristides Lobo, 51 – Rio Comprido
No trabalho, divulgava a doutrina aos clientes
incluindo mensagens e livros espíritas nas embalagens dos
produtos. Rio de Janeiro/RJ CEP.: 20.250-450
Tel.: (21) 2504-8512
Em casa, à noite, durante dez anos consecutivos,
imprimia e subscrevia, através de catálogo telefônico,
mensagens da lavra dos médiuns Chico Xavier e Divaldo
Pereira Franco, passando a distribuí-las nas ruas. Desse EXPEDIENTE
modo peculiar, ele divulgava a doutrina dos Espíritos. Direção do Jornal: Rafael Rodrigues
Foi através de sua esposa que ele tornou-se
espírita e, como tal, passou a ser leitor assíduo das obras de Secretária: Regina Celia
Allan Kardec, Chico Xavier e Divaldo Franco, bem como dos Revisora: Giannina Laucas
textos espiritualistas de Luiz da Rocha Lima, Ramatis e
Colaboradores:
Pietro Ubaldi, entre outros.
Júlio Trindade iniciou suas atividades doutrinárias Ana Guimarães Geraldo Guimarães
no Centro Espírita Ibirajara, local onde permaneceu por Vanessa Bianca Allan Laucas Pereira
muitos anos, quando, então, seus filhos receberam a
Jurandyr Paulo Júlia Solino
instrução espírita. Ali travou contato com oradores espíritas
de escol, tais como Divaldo Franco e Nilton Boechat, tendo a
DIREÇÃO DA INSTITUIÇÃO
oportunidade de levá-los à sua terra natal, em tarefas
doutrinárias. Presidente: Jurandyr Paulo
Em 1980, o casal Trindade passou a frequentar a Vice-presidente: Geraldo Guimarães
residência da Sra. Lize Bravo, onde se realizavam reuniões
Secretária: Vanessa Bianca
de tratamento espiritual, com a presença dos espíritas
Deolindo Amorim, Geraldo e Ana Guimarães, entre outros. Tesoureiras: Cristiane Drummond e Cláudia Passarelli
A partir de então, Júlio e Stella estreitaram o
relacionamento com o casal Guimarães, que, na ocasião,
buscava um local para sediar o grupo espírita que havia
fundado. Júlio e esposa franquearam a casa situada à Rua
Aníbal Benévolo, no 330, no bairro Cidade Nova, que
passou a ser a sede do Grupo Espírita Caminho da
Esperança (GECE), administrado por Geraldo e Ana
Guimarães.
Aos 03 de junho de 1990, faleceu JúlioTrindade,
deixando empós um rastro de luz.
Boletim Esperança – Página 4