You are on page 1of 40

Igreja em Conquista

Ministério com Crianças
Telefone para contato(77)421-0021
2
Me
Me
u
u
c
c
o
o
mp
mp
r
r
o
o
m
m
is
is
s
s
o
o
Esta é a minha revista de FUNDAMENTOS DA FÉ EM JESUS. Nela
vou encontrar verdades bsicas !ara "ue eu cres#a no
conhecimento de Deus e !ossa viver com Ele e !ara Ele todos
os dias da minha vida.
$ou a!render coisas im!ortantes como o "ue si%ni&ica di'er
"ue Jesus é o Senhor( o "ue s)o arre!endimento e &é( o "ue
s)o os batismos nas %uas e no Es!*rito Santo e( &inalmente(
saber !ara "ue Deus me &e'( isto é( "ual o seu !ro!+sito
eterno !ara mim e !ara todas as !essoas.
Meus !ro&essores v)o me a,udar( mas vou !recisar muito mesmo
é dos meus !ais !ara me ensinarem a viver as coisas "ue vou
a!render. Eles !recisar)o( inclusive( escrever uma cartinha
!ara mim no &inal de cada ca!*tulo me animando a !raticar o
assunto tratado.
Sem -*blia , sei "ue n)o d. Tem "ue ser a revista com a
-*blia do lado( !ara con&erir todas as re&er.ncias b*blicas
/vou !er%untar em casa o "ue é re&er.ncia b*blica0.
Assumo o com!romisso comi%o mesmo( com os !ro&essores( com
os meus !ais e com Deus de 'elar !or essa revista e me
em!enhar !ara !raticar toda a vontade de Deus ensinada nela.
Tenho certe'a "ue o Senhor Jesus mesmo vai me a,udar nessa
tare&a.
Ass.: __ ___ __ __ ___ ___ __ __ ___ ___ __ __ ___ ___ __ __ ___ ___ __ __ ___ ___ __ __ ___ ___ __ __ ___ ___ __ __ _
Data: 11 111 11 11 1/11 111 11 11 1/11 111 11 11 1
3
I
I
O Senhor Jesus 2risto
“Emanuel: Deus Conosco”
“Eis que a virgem conceberá e dará à luz um filho, o qual será chamado
EMANUEL, que traduzido ! "eus conosco#$
Mateus 1:23
4

O Senhor Jesus Cristo “Emanuel! "eus conosco#
“Eis que a virgem conceberá e dará à lu um !il"o# o qual será c"amado EM$%&E'# que
traduido é: Deus conosco(”
Mateus ):*+
Antes de sermos formados na barriga das nossas m%es nenhum de n&s e'istia$ Mas com
(esus foi diferente$ Ele )á e'istia antes de vir nascer aqui na terra$ *or que+ *orque ele o
,ilho de "eus$ Ele sem-re esteve com "eus antes da e'ist.ncia de todas as coisas$ E mais,
Ele mesmo "eus$ (o%o, a-&stolo de (esus, diz que (esus era a *alavra /0 1erbo2 que veio
nascer como gente no nosso meio /(o%o 3!3,4,5,362!
“No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era
Deus. Ele estava no princípio com Deus. Todas as coisas foram feitas por
intermédio dEle, e sem Ele nada do que foi feito se fez. E o Verbo se fez
carne, e habitou entre ns.!
1iu s&+ (esus foi gerado no 7tero de Maria -elo Es-8rito 9anto -ara -oder nascer como
um homem na terra, mas ele tambm estava no inicio de tudo criando o mundo com "eus *ai
e "eus Es-8rito 9anto$ 0s tr.s! o *ai, o ,ilho e o Es-8rito 9anto s%o uma s& -essoa e um s&
"eus$ :sso um milagre muito grande! o milagre da Unidade$ (esus mesmo diz isso /(o%o
3;!5;2!
“Eu e o "ai somo um.!
*ortanto, voc. )á sabe que quando (esus nasceu de Maria lá em <elm foi o mesmo que
"eus ter vindo viver entre os homens$ E Ele nasceu como um -essoa igualzinha a voc. e eu$
*ara isso (esus se E91A=:0U da sua divindade$ > como se o rei de um -a8s tirasse sua rou-a
de rei, vestisse rou-as velhas e fosse morar no meio dos -obres sem ningum saber que ele
era o rei$ (esus foi humilde e n%o se a-egou a sua -osi?%o de "eus, mas veio ser homem e
ser servo no nosso meio$ 0 a-&stolo *aulo escreveu aos irm%os da cidade de ,ili-os contando
como isso aconteceu /,ili-enses 4!@AB2!
“Tende em vs aquele sentimento #humildade$ que houve também em
%risto &esus, o qual, subsistindo em forma de Deus, n'o considerou o ser
i(ual a Deus coisa a que se devia aferrar, mas esvaziou)se a si mesmo,
tomando a forma de servo, tornando)se semelhante aos homens.!
E sabe -orque (esus veio ao mundo+ 9omente -or causa de uma coisa! AM0C$ Ele n%o
veio fazer turismo aqui na terra, nem somente dar e'em-lo de um menino bonzinho$ Ele veio
-ara nos salvar do -ecado que destr&i todos os homens e -ara colocar seu Ceino entre os
homens$ Ele veio -or amor a voc. e a mim$ Ele veio com o firme -ro-&sito de fazer a 7nica
coisa que -oderia nos salvar dos nossos -ecados! morrer na cruz levando a nossa cul-a$ E ele
fez isso$ LembreAse do que (o%o diz no seu Evangelho /(o%o 5!3D2!
“"orque Deus amou o mundo de tal maneira que deu #para morrer na
cruz no nosso lu(ar$ seu *ilho uni(+nito para que todo aquele que nele
cr+ n'o pere,a, mas tenha a vida eterna.!
5
O Senhor Jesus Cristo “Emanuel! "eus conosco#
“Eis que a virgem conceberá e dará à lu um !il"o# o qual será c"amado EM$%&E'# que
traduido é: Deus conosco(”
Mateus ):*+
1
1 Marque (1) quando as afirmações aai!o forem "erdadeiras e () quando forem falsas#
(1) () $esus foi um %omem como qualquer outro& 'le apenas foi muito om com as pessoas( nada
mais do que isso)
(1) () $esus nasceu como uma pessoa i*ual a todos n+s( mas na "erdade ele era o ,il%o de -eus que
sempre e!istiu)
(1) () $esus esta"a no princ.pio de todas as coisas criando o mundo /unto com o 0ai e o 'sp.rito
1anto)
(1) () $esus se es"a2iou da sua di"indade para "ir 3 terra)
(1) () $esus nasceu para "i"er como um milion4rio que todo mundo tin%a que tratar em( para ser
ser"ido por todos e para n5o ser"ir a nin*u6m)
(1) () $esus "eio ao mundo porque queria derruar o 7mp6rio 8omano e se tornar imperador do
mundo todo)
(1) () $esus "eio ao mundo porque nos ama e precisa"a morrer na cru2 para le"ar aos nossos pecados)
(1) () $esus n5o se importa"a com a situaç5o do %omem e permaneceu no c6u "estido da sua
di"indade)
(1) () $esus n5o precisa"a ter "indo ao mundo morrer por n+s( pois temos outras maneiras para ser
sal"os)
(1) () 9ada um de n+s 6 pecador e precisa do perd5o de -eus atra"6s de $esus)
2
2 :prendemos que $esus se es"a2iou da sua di"indade para "ir at6 n+s como %omem) 'le n5o precisa"a
se es"a2iar de nada ruim( pois era -eus e n5o %4 nada de ruim em -eus) Mas 'le fe2 isso por amor ao
mundo) Mas n+s temos muitas coisas ruins para dei!ar) Marque um (!) nas situações em que
demonstramos quando n+s tam6m es"a2iamos de n+s mesmos#
; < =uando perdoamos um cole*a que nos fe2 al*um mal)
; < =uando di"idimos al*o que temos com outra pessoa)
; < =uando somos e*o.stas e queremos tudo para n+s mesmos)
; < =uando queremos que os outros sempre nos tratem em e nunca tratamos os outros em)
; < =uando dei!amos os outros serem >os primeiros?)
; < =uando queremos sempre falar mais alto e mandar nos outros)
@
; < =uando fico ale*re quando outra pessoa est4 feli2 e triste quando est4 triste)
7
O Senhor Jesus Cristo “Emanuel! "eus conosco#
“Eis que a virgem conceberá e dará à lu um !il"o# o qual será c"amado EM$%&E'# que
traduido é: Deus conosco(”
Mateus ):*+
3
3 9:A:-0:B:C8: D 'ncontre as pala"ras em destaque de ,ilipenses 2#5-7#
“Eende em v&s aquele 9ENE:MENE0 que houve tambm em Fristo (E9U9, o qual,
subsistindo em forma de "EU9, n%o considerou o ser :GUAL a "eus F0:9A a que se devia
aferrar, mas E91A=:0UA9E a si mesmo, tomando a forma de 9EC10, tornandoAse
semelhante aos H0MEN9#$
9 C F 0 : I 9 0 E A A M
F 9 " H E 9 E C 1 0 E M
0 H 0 E 1 : N C J F : K
: G U A L K E ( E 9 E 9
9 G E U ( F : L L = M N
A A ( G L E M E < < 0 I
L < E : ( " E U 9 L H 1
C G ( C : U N M F : 0 C
F E E N 9 F E E E U M F
F F 9 1 < L 0 E M 0 E A
C E U F < : G J L U N 9
, E 9 1 A = : 0 U A 9 E
4
4 Beia com seus pais ,ilipenses 2#1-1E e peça para eles falarem sore o te!to para "ocF) -epois peça
que um deles escre"a aai!o uma pequena carta sore o assunto para "ocF#
Querido GGGGGGGGGGGG#
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
Um beijo de seus pais: GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
E
II
II
O SEN3O4 JESUS 245STO
“Deus era com Ele”
“$$$(esus de Nazar andou -or toda a -arte, fazendo o bem e curando a todos os
o-rimidos do diabo, -orque "eus era com Ele$#
Atos 10:38
H
O Senhor Jesus Cristo “"eus era com Ele#
“(((,esus de %aaré andou -ro toda a -arte !aendo o bem e curando a todos os o-rimidos
do diabo# -orque Deus era com Ele(”
$tos ).:+/
(esus foi beb., foi crian?a, adolescente, )ovem e adulto$ Ele viveu como qualquer um de
n&s e -assou -elas mesmas coisas que -assamos$ Muando Ele tinha doze anos, Lucas
escrevendo o seu Evangelho disse assim /Lucas 4!@42!
“E crescia (esus em sabedoria, em estatura e em gra?a diante de "eus e
dos homens$#
(E9U9 0<E"EF:A a "eus e aos seus -ais$ LembraAse que ele veio -ara fazer uma
coisa! morrer na cruz -ara -erdoar os nossos -ecados+ *ois a <8blia diz que ele obedeceu à
vontade de "eus a -onto de morrer -or n&s$ Ele em tudo foi obediente a "eus, o seu *ai$ Mas
ele a-rendeu a obedecer a "eus obedecendo àqueles que lhe criaram aqui na terra /Lucas
4!@32!
“Ent%o, /(esus2 indo com eles /com (os e Maria, sua m%e2 foi -ara
Nazar, e eraAlhes su)eito /obediente2$#
(E9U9 NN0 *EF0U, ainda que foi tentado da mesma forma como n&s somos$ 9er
tentando ter vontade de desobedecer a "eus mentindo, odiando, brigando, sendo ego8sta,
etc$ Mas como )á vimos, (esus n%o desobedeceu, isto , n%o -ecou$ Muem n%o quer -ecar,
s& n%o fazer a -r&-ria vontade, mas a de "eus$ 0 a-&stolo *edro tambm diz isso de (esus /:
*edro 4!442!
“Ele /(esus2 n%o cometeu -ecado, nem na sua boca se achou engano$#
(E9U9 9EC1:A a "eus e às outras -essoas, fazendo o bem, curando os doentes,
lavando os -s dos disc8-ulos$ Ele disse que veio salvar os -erdidos e servir as -essoas e n%o
-ara ser servido$ Ele ensinou que no Ceino de "eus a melhor -essoa n%o aquela que manda
nos outros, mas aquela que serve e a)uda os outros /Mateus 4;!4B e 4O2!
“Mualquer que entre v&s quiser ser o -rimeiro, será vosso servoP assim
como o ,ilho do homem /(esus2 n%o veio -ara ser servido, mas -ara
servir, e dar a sua vida em resgate de muitos$#
(E9U9 E:NHA A *CE9ENQA "E "EU9 F0M ELE$ Eudo que (esus fez foi -orque ele
tinha a ben?%o do seu *ai$ Ele falava o que tinha ouvido "eus falar com ele$ Ele fazia o que
"eus lhe mandava fazer$ Ele tinha -oder -orque o Es-8rito 9anto estava nele$ Ele foi santo
-orque andava com o *ai$ (esus sem-re se retirava das -essoas -ara orar$ Um dia ele disse
/Lucas 6!3B,3O2!
“ 0 Es-8rito do 9enhor está sobre mim e me ungiu -ara anunciar o
evangelho, curar os cegos e -Rr em liberdade os o-rimidos$#

10
O Senhor Jesus Cristo “"eus era com Ele#
“(((,esus de %aaré andou -ro toda a -arte !aendo o bem e curando a todos os o-rimidos
do diabo# -orque Deus era com Ele(”
$tos ).:+/
1
1 9oloque as pala"ras em destaque em cada lu*ar( como o e!emplo#
(esus 0<E"EF:A a "eus e a seus *A:9$
(E9U9 nunca -ecouP sem-re fez a 10NEA"E de "eus$
(esus 9EC1:A a "eus e às *E990A9$
(esus tinha a *CE9ENQA de "EU9 com Ele$
P
A
I
S
2
2 $esus disse que "eio para ser"ir e n5o para ser ser"ido) 'scre"a trFs maneira como "ocF poder ser"ir
3s pessoas#
- GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
- GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
- GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
11
O Senhor Jesus Cristo “"eus era com Ele#
“(((,esus de %aaré andou -ro toda a -arte !aendo o bem e curando a todos os o-rimidos
do diabo# -orque Deus era com Ele(”
$tos ).:+/
3
3 $esus "i"eu em oediFncia) 'scre"a trFs maneiras como "ocF maneiras como "ocF demonstrar
oediFncia#
- GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
- GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
- GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
4
4 9%ame seus pais e peça para eles lerem com "ocF Bucas 4#11-21) -epois ouça o que eles tFm para
di2er a "ocF sore o assunto) Io final( peça para eles escre"erem nas lin%as aai!o uma pequena carta
para "ocF falando sore o assunto do te!to#
Querido GGGGGGGGGGGG#
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
Um beijo de seus pais: GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
12
III
III
O SEN3O4 JESUS 245STO
“Ele é o 0en"or”
“9aiba -ois com certeza toda a casa de :srael que a esse mesmo (esus, a quem
v&s crucificastes, "eus o fez 9enhor e Fristo$#
Atos 2:36
13
O Senhor Jesus Cristo “Ele o 9enhor#
“0aiba -ois com certea toda a casa de Israel que a esse mesmo ,esus# a quem v1s
cruci!icastes# Deus o !e 0en"or e Cristo(”
$tos *:+2
Muando estava com os disc8-ulos (esus sem-re falava de si mesmo$ /Lucas
S!442!
“> necessário que o ,ilho do homem -ade?a, que se)a re)eitado, que se)a
morto, e que ao terceiro dia ressuscite$#
E assim aconteceu$ (esus foi tra8do, crucificado e se-ultado$ Na cruz ele levou os nosso
-ecados e a maldi?%o que havia sobre os homens$ Morreu na se'taAfeira, mas no domingo
ressuscitou$ <em de manha algumas mulheres foram ao se-ulcro onde estava o cor-o de
(esus$ ,oram -ara ungiAlo com -erfumes, mas o que encontraram lá foi um t7mulo vazio e os
an)os que disseram a elas /Mateus 4O!@ e D2!
“N%o temais, -ois eu sei que buscais a (esus, que foi crucificado$ N%o
está aqui, -orque ressurgiu, F0M0 ELE ":99E$ 1inde, vede o lugar onde
)azia$#
"e-ois de ressuscitado, (esus a-areceu aos disc8-ulos várias vezes durante quarenta
dias e, entre outras coisas disse aos disc8-ulos /Mateus 4O!3O2!
“,oiAme dada toda a autoridade no cu e na terra$#
:sso quer dizer que a -artir da sua ressurrei?%o (esus era o 9enhor$ 9er o 9enhor
significa ter autoridade, ser o dono de todas as coisas$ "izer que (esus o 9enhor diferente
de chamarmos algum de “senhor fulano#$ Muando voc. faz isso está a-enas tratando essa
-essoa com res-eito$ Mas quando dizemos “9enhor (esus Fristo# estamos afirmando que ele
o dono da nossa vida, tem autoridade sobre n&s e Cei sobre toda a terra$ 1oc. )á -arou
-ara -ensar no que isso significa+ 1oc. -ode dizer que (esus o seu 9enhor+ 1e)a mais isso
que o a-ostolo *aulo escreveu sobre o 9enhor (esus /,ili-enses 4!OA332!
“(esus, achado na forma de homem, humilhouAse a si mesmo, tornandoA
se obediente at a morte, e morte de cruz$ *elo que "eus o e'altou
soberanamente, e lhe deu o nome que sobre todo o nomeP -ara que ao
nome de (esus se dobre todo )oelho, e toda l8ngua confesse que (esus
Fristo o 9ENH0C, -ara gloria de "eus *ai$#
"e-ois daqueles quarenta dias (esus foi elevado ao cu e assentando à direita do *ai em
sua -osi?%o de senhorio e autoridade$ Mas ele quer colocar esse dom8nio no cora?%o de cada
-essoa, -ois ele disse antes de ir ao *ai /Mateus 4O!4;b2!
“$$$ eis que estou convosco todos os dias at o fim dos tem-os$#
14
O Senhor Jesus Cristo “Ele o 9enhor#
“0aiba -ois com certea toda a casa de Israel que a esse mesmo ,esus# a quem v1s
cruci!icastes# Deus o !e 0en"or e Cristo(”
$tos *:+2
1
1 Marque a reposta certa em cada quest5o#
a) $esus sempre a"isa"a aos disc.pulos que#
; < -estruiria o 7mp6rio 8omano e criaria o 7mp6rio $udeu&
; < 1eria tra.do( morto e ressuscitaria no terceiro dia&
; < ,aria uma "ia*em muito lon*a( mas um dia "oltaria&
; < Morreria( mas al*u6m iria sustitui-lo na liderança dos disc.pulos&
; < Iunca a"isou nada a nin*u6m
) $esus morreu na GGGGGGGGGGGGGGGG e ressuscitou no GGGGGGGGGGGGGGGG)
; < quinta-feira J domin*o
; < se!ta-feira J s4ado
; < se!ta-feira J domin*o
; < se!ta-feira J dia se*uinte
; < quinta-feira J s4ado
c) :s primeiras pessoas a "erem $esus ressuscitado foram#
; < mul%eres
; < %omens
; < crianças
; < "el%os
; < nin*u6m "iu $esus ressuscitado
d) $esus foi fiel at6 a morte de cru2) 0or isso( o 0ai o ressuscitou e o fe2#
; < "i"er mais uns anos e morrer no"amente
; < *o"ernador da $ud6ia
; < an/o
; < um esp.rito superior
; < 1en%or de "i"os e mortos
2
2 'scre"a com suas pala"ras o que si*nifica di2er que $esus 6 o 1en%or#
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
15
O Senhor Jesus Cristo “Ele o 9enhor#
“0aiba -ois com certea toda a casa de Israel que a esse mesmo ,esus# a quem v1s
cruci!icastes# Deus o !e 0en"or e Cristo(”
$tos *:+2
3
3 -escura o que ser4 escrito sustituindo os s.molos pelas letras#
+ º 1 © 1  · = 1 + 1 º 1
1 º 1 ´ 1 ·
C1digo:
R - ·
S - 1
E - º
T - +
J - +
N - 1
I - =
- ©
! - ´
C - 
O - 1
4
4 Beia com seus pais o te!to de ,ilipenses 2#E-11 e peça para eles con"ersarem com "ocF sore o
assunto) ,ale para eles tam6m o que "ocF tem aprendido sore o assunto) -epois peça para eles
escre"erem nas lin%as aai!o uma pequena carta para "ocF sore o te!to lido)
Querido GGGGGGGGGGGG#
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
Um beijo de seus pais: GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
1@
IV
IV
OS 6ASSOS 6A4A A
SA7$A89O
“$rre-endimento”
“Arre-endeiAvos, -orque chegado o Ceino dos cus$#
Mateus 3:2
17
O Passos "ara a Sa#$a%&o “Arre-endimento#
“$rre-endei3vos# -orque é c"egado o 4eino dos Céus(”
Mateus +:*
A <8blia conta de um homem chamado =aqueu$ Ele queria ver (esus, que estava
-assando na sua cidade$ Fomo era bai'inho, subiu em uma árvore -ara que -udesse ver
(esus -or cima da cabe?a dos outros$ (esus o viu, chamouAo e foi at a casa dele$
Mas havia uma -roblema$ Ele queria seguir (esus, mas era desonesto nos neg&cios que
fazia$ Ele era um cobrador de im-ostos que roubava as -essoas cobrando mais do que devia$
Mas ve)a o que ele disse -ara (esus na sua casa /Lucas 3S!O2!
“Eis aqui, 9enhor, dou aos -obres metade dos meus bensP e se em
alguma coisa tenho defraudado algum, eu lho restituo quadru-licado$#
1e)a s& o que (esus res-ondeu /Lucas 3S!S2!
“Ho)e veio salva?%o a esta casa$#
1oc. -ercebeu como =aqueu mudou+ *ois isso se chama arre-endimento$ > mudar de
atitude, mudar a maneira errada como se vivia -ara uma maneira certa como "eus quer que
vivamos$
1oc. se lembra que dissemos que (esus o 9enhor+ *ois , quando eu digo que fa?o o
que quero e que ningum manda em mim ent%o (esus n%o está sendo o 9enhor da minha
vida$ Mas quando n%o fa?o a minha -r&-ria vontade, mas busco obedecer a "eus, ent%o
sinal de que me arre-endi do -ecado e coloquei (esus como 9enhor da minha vida$
Arre-enderAse como mudar a raiz de um arvore$ Fomo assim+ Um - de lim%o nunca
dará laran)as doces, n%o mesmo+ 1oc. -ode at mesmo -endurar laran)as no limoeiro, mas
n%o adiantará, ele continuará sendo limoeiro e de-ois dará limTes bem azedos$ Assim tambm
a -essoa que n%o se arre-endeu de viver desobedecendo a "eus e fazendo a -r&-ria
vontade$ *ode at ir -ara a :gre)a, mas s& dará “limTes azedos# /mentir, raiva, brigas, inve)as,
etc$2$
Mas quando nos arre-endemos, fazemos como =aqueu, -assamos a dar “laran)as doces#
/amor, -erd%o, -az, obedi.ncia, dividir as coisas com os outros, etc$2$ Antes =aqueu -roduzia
roubo e mentira$ "e-ois do arre-endimento diante do 9enhor (esus ele come?ou a -roduzir
verdade e amor$
(o%o <atista tambm falou sobre isso$ 1e)a s& /Mateus 5!O,3;2!
“*roduzi, -ois, frutos dignos de arre-endimento$ E )á está -osto o
machado à raiz das arvoresP toda arvore, -ois que n%o -roduz bom fruto,
cortada e lan?ada no fogo$#
Fomo que esta a raiz do seu cora?%o+ 1amos -roduzir “laran)as doces#+
1E
O Passos "ara a Sa#$a%&o “Arre-endimento#
“$rre-endei3vos# -orque é c"egado o 4eino dos Céus(”
Mateus +:*
1
1 Bi*ue os frutos aos *al%os de cada ar"ore( conforme suas ra.2es( se*uindo os e!emplos#
Amor
*az
Udio
Mentira
*erd%o
"esobedi.ncia
Farinho
1erdade
4ai de 4ebeli5o 4ai de $rre-endimento
2
2 'scre"a al*umas coisas das quais "ocF sae que precisa se arrepender#
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
3
3 'scre"a al*umas coisas das quais "ocF /4 se arrependeu e sua atitude mudou#
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
1H
O Passos "ara a Sa#$a%&o “Arre-endimento#
“$rre-endei3vos# -orque é c"egado o 4eino dos Céus(”
Mateus +:*
4
4 Marque um E na afirmati"a certa#
a) : pessoa arrependida#
; < Ci"e de qualquer /eito e n5o est4 nem a. para nada
e nin*u6m)
; < I5o 6 reelde( mas "i"e uscando saer qual 6 a
"ontade de -eus para cada situaç5o)
) : pessoa arrependida#
; < ,ica com remorso por causa de al*umas coisas erradas que fe2)
; < :rrepende-se de ter "i"ido reelado contra -eus e passa a ser *uiado por 'le)
c) : pessoa arrependida#
; < 'm todo lu*ar e em todo momento sae que -eus anda com ele)
; < 0ensa que -eus s+ o "F na %ora do culto na reuni5o da 7*re/a)
5
5 Beia com seus pais o te!to de Bucas 1H#1-10 e peça para eles con"ersarem com "ocF sore o assunto)
,ale para eles tam6m o que "ocF tem aprendido sore arrependimento) -epois peça para eles
escre"erem nas lin%as aai!o uma pequena carta para "ocF sore o te!to lido)
Querido GGGGGGGGGGGG#
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
Um beijo de seus pais: GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
20
21
V
V
OS 6ASSOS 6A4A A
SA7$A89O
“6é no 0en"or ,esus Cristo”
“Fr. no 9enhor (esus Fristo e serás salvo, tu e tua casa$#
Atos 18:31
22
O Passos "ara a Sa#$a%&o “, no 9enhor (esus Fristo#
“Cr7 no 0en"or ,esus Cristo e serás salvo# tu e tua casa(”
$tos )8:+)
9abia que ningum -ode com-rar a salva?%o+ Nem com dinheiro, nem com nada que
fa?amos$ 1oc. n%o -recisa agradar a "eus -ara que ele ame voc.$ Ele )á lhe ama, sabia+ Ele
ama tanto a mim e a voc. que ele deu -or nos o que ele tinha de mais -recioso! o seu ,ilho
Unig.nito$ N&s vivemos -ara agradar a "eus -orque Ele nos ama e )á nos deu a salva?%o$
(esus -agou -or n&s com a sua -r&-ria vidaV
Ferta vez uma mulher que tinha uma doen?a que mdico nenhum tinha conseguido curar
disse! “9e eu conseguir tocar na rou-a de (esus ficarei curada$ N%o -reciso nem falar com ele,
basta tocar na sua rou-a#$ *ois ela fez isso e ficou mesmo curada$ Ent%o ve)a s& o que (esus
disse -ara ela /Marcos @!562!
“,ilha, a tua f te salvouP vaiAte em -az e fica livre desse teu mal$#
Assim tambm conosco! -ela f no 9enhor (esus somos salvos$ 1e)a o que diz o
a-&stolo *aulo /Efsios 4!O e S2!
“*orque -ela gra?a sois salvos, -or meio da fP e isto n%o vem de v&s,
dom de "eusP n%o vem das obras, -ara que ningum se glorie#$
Aqueles que cr.em em (esus s%o filhos de "eus /(o%o 3!342!
“Mas, a todos quantos o receberam /a (esus2, aos que cr.em no seu
nome, deuAlhes o -oder de se tornarem filhos de "eus$#
9omente um lembrete$ N%o adiante s& falar que cr.$ > -reciso viver de acordo com a f$
N&s cremos em (esus como 9enhor, isto , cremos que ele nos salva e dirige a nossa vida$ (á
-ensou algum que diz que cr. em (esus e vive mentindo e brigando+ 1e)a a -ergunta de
Eiago na <8blia!
“Mue -roveito há, meus irm%os, se algum disser que tem f e n%o tiver
obras+#
A gente demonstra que cr. em (esus quando ouve e obedece ao que Ele diz$ *or isso
n%o im-orta o tamanho da sua f, mas o fato de que voc. está crendo naquele que -ode
salvar e -ara quem nada im-oss8vel$ 1e)a o que o 9enhor (esus diz sobre isso /Mateus
3B!4;2!
“Em verdade vos digo que, se tiverdes f como um gr%o de mostarda,
direis a este monte! -assa daqui -ara acolá, e ele he de -assarP e nada
vos será im-oss8vel$#
Fomo gostoso crer em (esus e obedec.Alo, -ois estamos crendo em algum que nunca
mente$ Eudo que ele fala verdade e -ara ele e -ara os que nele cr.em tudo -oss8vel$
23
O Passos "ara a Sa#$a%&o “, no 9enhor (esus Fristo#
“Cr7 no 0en"or ,esus Cristo e serás salvo# tu e tua casa(”
$tos )8:+)
1
1 Marque (1) para as frases que correspondem ao te!to estudado e () para as incorretas#
(1) () -eus n5o nos ama& precisamos a*rada-lo para que 'le nos sal"e)
(1) () -eus sempre nos amou e $esus pro"ou isso morrendo na cru2 por n+s)
(1) () Ci"emos para a*radar a -eus porque 'le nos sal"ou e nos trou!e para o seu 8eino)
(1) () 1omos sal"os pelas oas oras e pelo sofrimento)
(1) () 1omos sal"os pela f6 em $esus)
(1) () 1e eu creio no 1en%or $esus 9risto( eu o oedeço em todas as coisas)
(1) () =uem crF em $esus 6 fil%o de -eus)
2
2 Km dia al*u6m per*untou ao apostolo 0aulo o que de"eria fa2er para ser sal"o) 'ssa %istoria est4 em
:tos 1@#1@-34) Tende colocar em ordem as pala"ras aai!o e "ocF encontrar4 a reposta do apostolo que
est4 nesse te!to .lico)
“9enhores, que me necessário fazer -ara me salvar+#
Responderam eles:
>GGGGGGG GGGGGG GGGGGGGGGG GGGGGGGGGGG GGGGGGGGGG e -GGGGGGGGG GGGGGGGGGG(
GGGGG GGGGGG a GGGGGGG GGGGGGGGGGGG)?
24
tua
e
1en%or
Jesus
tu
2risto
no
casa
cr.
salvo
ser
s
e
a
O Passos "ara a Sa#$a%&o “, no 9enhor (esus Fristo#
“Cr7 no 0en"or ,esus Cristo e serás salvo# tu e tua casa(”
$tos )8:+)
3
3 :*ora recorte letras ou pala"ras em re"istas e /ornais e cole-as no espaço aai!o de maneira a formar
o "ers.culo do e!erc.cio anterior)
4
4 Ia classe os professores "5o /untar os alunos em equipes para que cada um conte para os outros uma
e!periFncia de f6 que te"e com -eus na sua "ida e na sua fam.lia) 'scre"a lo*o aai!o qual a sua
e!periFncia para que "ocF se lemre na %ora de contar)
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
5
5 Beia com seus pais o te!to de Bucas 21#1E-22 e peça para eles con"ersarem com "ocF sore o
assunto) ,ale para eles tam6m o que "ocF tem aprendido sore f6) -epois peça para eles escre"erem nas
lin%as aai!o uma pequena carta para "ocF sore o te!to lido)
Querido GGGGGGGGGGGG#
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
Um beijo de seus pais: GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
25
VI
VI
OS 6ASSOS 6A4A A
SA7$A89O
“9 :atismo nas ;guas”
“Muem crer e for batizado será salvo$#
Mar'os 16:16
2@
O Passos "ara a Sa#$a%&o “0 <atismo nas Wguas#
“<uem cr7 e !or batiado será salvo(”
Marcos )2:)2
,ili-e estava numa cidade chamada 9amaria anunciando o Ceino de "eus, levando
(esus -ara as -essoas$ Ent%o a-areceu um an)o a ele falando que fosse at um lugar deserto$
Ele foi e encontrou um homem que estava lendo a <8blia$ Esse homem era um eunuco que
trabalhava -ara a rainha da Eti&-ia$ 0 eunuco fez algumas -erguntas sobre o que estava
lendo e ,ili-e lhe res-ondeu falando de (esus$ Mais adiante chegaram a um lugar que tinha
água, e o homem falou!
“Eis aqui água, que im-ede que eu se)a batizado+#
Ent%o ,ili-e lhe disse!
“Nada, se cr.s de todo cora?%o$#
Ent%o desceram at o lugar onde tinha água e ,ili-e batizou o homem$ Esta historia está
em Atos O!4DA6;$
1oc. viu a condi?%o -ara ,ili-e batizar o eunuco+ A f$ ,ili-e disse que se o homem
cresse de todo cora?%o -odia ser batizado$ *ortanto, o batismo -ara todas as -essoas que
cr.em no 9enhor (esus Fristo$
Mas qual o sentido do batismo+ Muando somos batizados estamos confirmando que
morremos -ara o mundo e -ara a nossa -r&-ria vontade$ Muando Fristo morreu, n&s
morremos com ele$ Assim tambm quando ele ressuscitou nos ressuscitamos com ele -ara
uma nova vida$ *ois , quando a -essoa mergulhada na água estamos enterrando o morto
/a velha maneira de viver2, e quando ela levantada da água está ressuscitando com uma
nova vida em "eus /uma nova maneira de viver2$ Esse o sentido do batismo$ Na <8blia está
escrito isso /Comanos D!62!
“,omos, -ois, se-ultados com Ele -elo batismo na morte, -ara que, como
Fristo foi ressuscitado dentre ao mortos -ela gl&ria do *ai, assim
andemos n&s tambm em novidade de vida#$
(á -ensou se aquele eunuco voltasse -ara a Eti&-ia e continuasse a viver como sem-re
viveu+ Fontinuasse a odiar, a mentir, roubar, etc$+ Ent%o na verdade o batismo n%o teria sido
verdadeiro, -orque a sua vida n%o tinha mudado$ Mas ainda bem que n%o foi assim que
aconteceu$ 0 sentido do batismo acom-anhou aquele homem -or toda a sua vida$
A gente s& -recisa ser batizado uma vez na vida, mas o sentido do batismo, isto , o fato
de que morremos -ara o mundo e -ara o -ecado e vivemos -ara "eus nos acom-anha todos
os dias da nossa vida e em todos os lugares onde estamos /Gálatas 4!4;2!
“(á estou crucificado com FristoP e vivo, n%o mais eu, mas Fristo vive em
mim$#
27
O Passos "ara a Sa#$a%&o “0 <atismo nas Wguas#
“<uem cr7 e !or batiado será salvo(”
Marcos )2:)2
1
1 'scre"a com suas pala"ras (sem copiar do te!to) o que "ocF entendeu que 6 o sentindo do atismo)
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
2
2 'scre"a no loco al*umas caracter.sticas da "el%a maneira de "i"er (a pessoa antes do
arrependimento e da f6) e no diploma al*umas caracter.sticas de no"a maneira de "i"er (a >no"idade de
"ida? de 8omanos @#4( para quem /4 se arrependeu e creu em $esus)#
=el"a maneira %ova Maneira

2E
O Passos "ara a Sa#$a%&o “0 <atismo nas Wguas#
“<uem cr7 e !or batiado será salvo(”
Marcos )2:)2
3
3 0:B:C8:1-98KL:-:1#
a) Bi"ro que 6 a 0ala"ra de -eus re"elada aos %omens)
) >))) como 9risto foi ressuscitado dentre os mortos pela *l+ria do 0ai( assim andemos n+s tam6m
em GGGGGGGGGGGGGGG de "ida)? 8omanos @#4
c) 0a.s da 4frica que 6 citado em :tos cap.tulo E)
d) 0essoa que falou de $esus para um %omem et.ope em um camin%o deserto e( depois de ati2a-lo(
foi arreatado pelo 'sp.rito 1anto para outro lu*ar)
e) >$4 estou crucificado com GGGGGGGGGGGGGGGGG& e "i"o( n5o mais eu( mas 9risto "i"e
em mim)? M4latas 2#20
f) 9idade onde ,ilipe esta"a antes de ser en"iado ao camin%o deserto para falar com o 't.ope)
*) >=uem crer e for ati2ado ser4 GGGGGGGGGGGG)? Marcos 1@#1@
a)
<
b)
A
c)
E
d)
:
e)
9
f)
M
g)
0
4
4 Beia com seus pais o te!to de 8omanos @#1-11 e peça para eles con"ersarem com "ocF sore o
assunto) ,ale para eles tam6m o que "ocF tem aprendido sore >N Oatismo nas P*uas?) -epois peça
para eles escre"erem nas lin%as aai!o uma pequena carta para "ocF sore o te!to lido)
Querido GGGGGGGGGGGG#
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
Um beijo de seus pais: GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
2H
30
VI
VI
O -AT5SMO NO ES6:45TO
SANTO
“$$$ Ele vos batizará no Es-8rito 9anto$#
Mateus 3:11
31
O (atis)o no Es"*rito Santo
“((( Ele vos batiará no Es->rito 0anto(”
Mateus +:))
No in8cio da :gre)a, quando (esus )á tinha subido ao cu, os disc8-ulos estavam todos
reunidos em um lugar orando, durante uma festa chamada *entecostes$ 0s 9enhor (esus
antes de ir ao cu tinha avisado que eles ficassem na cidade de (erusalm at receberem o
-oder de "eus$ Eles )á sabiam que esse -oder era a vinda do Es-8rito 9anto sobre eles$ E
ficaram es-erando )untos e orando at que, de re-ente algo aconteceu! veio um som de vento
muito forte no lugar onde eles estavam e desceu sobre cada um deles algo como l8nguas de
fogo$ E ve)a mais o que a <8blia diz que aconteceu /Atos 4!62!
“E todos ficaram cheios do Es-8rito 9anto, e come?aram a falar noutras
l8nguas, conforme o Es-8rito lhes concedia que falassem$#
9abe o que aconteceu de-ois+ 0 a-ostolo *edro se levantou e come?ou a -regar sobre o
Ceino de "eus e a falar que (esus tinha ressuscitado e era 9enhor$ 9& naquele dia tr.s mil
-essoas se converteram ao 9enhor (esus e foram batizadas$ "e-ois cada um deles tambm
saiu falando de (esus, curando -essoas, e'-ulsando demRnios e o Evangelho de "eus
come?ou a ser es-alhado -or toda a terra$ (esus mesmo tinha avisado que isso ia acontecer
/Atos 3!O2!
“Mas receberei -oder, ao descer sobre v&s o Es-8rito 9anto, e sermeAeis
testemunhas, tanto em (erusalm, como em toda a (udia e 9amaria, e
at os confins da terra$#
0 Es-8rito 9anto "eus$ 1oc. se lembra que "eus e'iste em tr.s -essoas! "eu *ai,
"eus ,ilho /(esus2 e "eus Es-8rito 9anto$ Mas um s& "eus$ *or isso (esus de-ois de
ressuscitado -Rde dizer ao mesmo tem-o em que ia -ara o *ai /(o%o 36!342, que enviaria
outro igual a Ele /0 Es-8rito 9anto X (o%o 36!3D2 e que estaria -ara sem-re conosco /Mateus
4O!4;2$ Ent%o ter o Es-8rito 9anto o mesmo que ter (esus$
0 que aconteceu com os disc8-ulos nessa hist&ria que contamos acima que eles foram
batizados no Es-8rito 9anto, isto , eles receberam o mesmo -oder que havia em (esus e, a
-artir da8, -assaram a ser testemunhas do 9enhor com -oder a autoridade, curando os
enfermos, e'-ulsando os demRnios e falando do amor e do Ceino de "eus -ara todos os
homens$
Alm disso, ve)a mais o que o 9enhor (esus disse sobre o Es-8rito 9anto!
- (o%o 36!3D /A)udador2
- (o%o 36!3B /Habita conosco e está em n&s2
- (o%o 36!4D /EnsinaAnos a vontade de "eus2
- (o%o 3D!35 /GuiaAnos na verdade2
- (o%o 3D!36 /Glorifica o 9enhor (esus2
0 Es-8rito 9anto um Amigo que está com voc. toda hora, em todo lugar$ 1oc. nunca
está s&$ Ele está em voc., lhe a)uda, coloca no seu cora?%o a vontade de "eus e lhe dá toda a
ca-acidade -ara viver como (esus viveu e fazer tudo que Ele fez aqui na terra$ 0 mesmo que
aconteceu com os irm%os no dia de *entecostes tambm uma -romessa de "eus -ara voc.$
32
O (atis)o no Es"*rito Santo
“((( Ele vos batiará no Es->rito 0anto(”
Mateus +:))
1
1 Bi*ue( conforme o e!emplo( para o que for correto sore o 'sp.rito 1anto#
2
2 Beia os "ers.culos aai!o e coloque do lado a coisa que o 'sp.rito 1anto fa2 ou 6( conforme o
e!emplo#
(o%o 36!3D N 'sp.rito 1anto 6 o :/udador )
(o%o 36!3B GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
(o%o 36!4D GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
(o%o 3D!35 GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
(o%o 3D!36 GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
: For$ 34!OA3D GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
Gálatas @!44A45 GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
33
Es!*rito
Es!*rito


Santo
Santo
É Deus em
n+s
É o A,udador
N)o se im!orta
conosco
É uma
ener%ia
Est lon%e de
n+s
Ensina;nos a
vontade de Deus
3abita na"ueles
"ue cr.em em Jesus
Distancia;nos de
Deus
D !oder e cora%em
!ara &alarmos de
Jesus !ara as !essoas
D;nos ca!acidade
de &a'er a vontade
de Deus
O (atis)o no Es"*rito Santo
“((( Ele vos batiará no Es->rito 0anto(”
Mateus +:))
3
3 8esponda as questões aai!o( se*undo os te!tos .licos#
a) -ia em que ocorreu a descida do 'sp.rito 1anto( se*undo
:tos 2#1-12)
) Km dos lu*ares de onde "ieram as pessoas que ou"iram
os disc.pulos falando nas suas l.n*uas( se*undo :tos 2#1-
12)
c) :postolo que pre*a"a quando "eio o 'sp.rito 1anto sore as pessoas na casa de 9orn6lio(
se*undo :tos 10#41-44)
d) 9idade onde 0aulo impQs as m5os sore os disc.pulos( se*undo :tos 1H#1-E)
e) 1e*undo :tos E#14-17 os irm5os de 1amaria receeram o GGGGGGGGGGGGGGGG com a imposiç5o
das m5os dos ap+stolos)
a+ P
,+ O
'+ -
.+ E
e+ R
4
4 Beia com seus pais o te!to de :tos 2#1-12 e peca para eles con"ersarem com "ocF sore o assunto)
,ale para eles tam6m o que "ocF tem aprendido sore atismo no 'sp.rito 1anto) -epois peça para eles
escre"erem nas lin%as aai!o uma pequena carta para "ocF sore o te!to lido)
Querido GGGGGGGGGGGG#
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
Um beijo de seus pais: GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
34
35
VIII
VIII
O 64O6<S5TO ETE4NO DE
DEUS
“,a?amos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhan?a$#
/0nesis 1:26
3@
O Pro"1sito Eterno .e -eus
“6açamos o "omem à nossa imagem# con!orme a nossa semel"ança(”
?7nesis ):*2
0s filhos s%o -arecidos com os -ais, n%o s%o+ *arecem tanto no f8sico como no )eito de
ser$ Muando "eus criou Ad%o e Eva n%o foi diferente$ "eus queria ter na terra homens e
mulheres que fossem -arecidos com Ele$ Ent%o Ele criou o seu humano /G.nesis 3!4B2!
“Friou, -ois, "eus o homem à sua imagemP à imagem de "eus o criouP
homem e mulher os criou#$
Mas voc. sabe como o homem e a mulher se rebelaram contra "eus, desobedecendoAo
e dando ouvidos a 9atanás que falou com eles atravs da ser-ente$ "a8 eles -erderam essa
imagem e essa semelhan?a de "eus que eles tinham$ ELE9 M0CCECAM$ E todos os outros
que nasceram de-ois disso n%o mais eram -arecidos com "eus, mas tinham a imagem do
-ecado /rebeli%o e desobedi.ncia contra "eus2 e da morte /Comanos @!342!
“ Assim como -or um s& homem /Ad%o2 entrou o -ecado no mundo, e
-elo -ecado a morte, assim tambm a morte -assou a todos os homens,
-orquanto todos -ecaram#$
Mas "eus n%o desistiu do seu *C0*Y9:E0 EEECN0 de ter na terra muitos filhos
semelhantes a ele$ *or isso mandou (esus -ara nos salvar do -ecado da morte e nos levar de
volta ao Ceino de "eus onde somos novamente transformados -ara termos a sua imagem$
Muando voc. confessa a (esus como seu 9enhor, "eus come?a a formar a imagem de (esus
em voc.$ Ent%o ficamos -arecidos com o nosso *ai, -ois (esus a imagem do *ai /Comanos
O!4S2!
“*orque os que dantes conheceu, tambm os -redestinou -ara serem
conformes a imagem de seu filho, a fim de que ele se)a o -rimog.nito
entre muitos irm%os#$
9er imagem de (esus andar como ele andou, amar como ele amou, -erdoar como ele
-erdoou etc$ *ara isso -recisamos conhecer (esus atravs da <8blia, falando com ele atravs
da ora?%o, obedecendo a voz do Es-8rito santo que o nosso A)udador, dei'andoAnos
transformar todos os dias naquilo em que ainda n%o estamos -arecidos com (esus$ <uscamos
ser iguais a (esus todos os dias$
Um dia, na volta do 9enhor, esse trabalho será com-letado$ 9eremos semelhantes a
(esus na nossa maneira de viver e tambm no nosso cor-o$ Eodos que cr.em em (esus,
quando ele voltar, receber%o um cor-o igual ao que ele tem agora, com-letamente livre das
doen?as, das fraquezas, das tenta?Tes$ Ent%o seremos como o 9enhor $ N%o bom demais
sabermos disso+ 1e)a o que o A-&stolo *edro nos diz /:: *edro 5!42!
“Amados, agora somos filhos de "eus, e ainda n%o manifesto o que
havemos de ser$ Mas sabemos que, quando ele se manifestar, seremos
semelhantes a eleP -orque assim como , o veremos#$
37
O Pro"1sito Eterno .e -eus
“6açamos o "omem à nossa imagem# con!orme a nossa semel"ança(”
?7nesis ):*2
1
1 -ecifre o c+di*o *re*o aai!o e descura qual o prop+sito eterno de -eus para n+s( os seus fil%os#
C1digo:
A - α ( - β C - γ - - δ E - ε 2 - ζ / - η ! - θ I - ι J - κ 3 - λ
M - μ N - ν O - ξ P - ο 4 - π R - ρ S - ς T - σ - τ 5 - υ 6 -
0 *ro-&sito de "eus !
σ ε ρ ν α σ ε ρ ρ α τ μ α
ζ α μ ι λ ι α δ ε ζ ι λ θ ξ ς
ς ε μ ε λ θ α ν σ ε ς α κ ε ς τ ς
2
2 Bi*ue as caracter.sticas de :d5o depois que ele caiu no pecado desoedecendo a -eus e as
caracter.sticas de 9risto( conforme o e!emplo(nas lin%as( coloque outras caracter.sticas "ocF mesmo)#
Mentira
<dio
Amor
E%o*smo
$erdade
6a'
-ri%as
Mansid)o
6alavr=es
111111111111
111111111111
3E
Ad)o
2risto
O Pro"1sito Eterno .e -eus
“6açamos o "omem à nossa imagem# con!orme a nossa semel"ança(”
?7nesis ):*2
3
3 9oloque (©) para as afirmati"as "erdadeiras e (C) para as falsas#
(©)(C) -eus criou o %omem e a mul%er como somente mais uma das criaturas)
(©)(C) -eus criou :d5o e '"a como seus fil%os( possuindo a sua ima*em e semel%ança)
(©)(C) N ser %umano continua sendo semel%ante a -eus( mesmo "i"endo em pecado)
(©)(C) 9om o pecado o %omem e a mul%er perderam a "ida de -eus que tin%am em si)
(©)(C) :s pessoas "i"em no sofrimento( no +dio( na fome( na in/ustiça))) 0orque perderam a
ima*em e a semel%ança de -eus)
(©)(C) -esde o pecado cada criança nasce com a semel%ança da reeli5o( do pecado e da morte
%erdada de seus pais)
(©)(C) -eus desistiu de ter fil%os semel%antes a ele sore a terra)
(©)(C) -eus en"iou $esus para que ele nos sal"asse do pecado fa2endo-nos "oltar a ter a
semel%ança de -eus)
(©)(C) N prop+sito eterno de -eus 6 ter na terra uma fam.lia de fil%os semel%antes a $esus)
(©)(C) =uando $esus "oltar seremos semel%antes a ele( por isso n5o "ou me preocupara em ser
semel%ante a $esus %o/e)
(©)(C) =uando $esus "oltar serei semel%ante a ele( mas %o/e /4 "i"o de tal forma que eu se/a
transformado a cada dia para que ten%a em meu car4ter a sua ima*em)
4
4 Beia com seus pais( 8omanos E#2E-30 e con"erse com eles sore como estar dentro do prop+sito de
-eus#
a) -ei!ando-se transformar a cada dia para ficar semel%ante a $esus&
) Ci"endo em fam.lia na 7*re/a( cuidando e ser"indo uns aos outros e
c) Be"ando $esus para quem ainda n5o o tem para que se con"ertam e entrem na ,am.lia de
-eus#
:*ora peça que ele(s) escre"a(m) aquela pequena carta para "ocF( falando sore o assunto
con"ersado#
Querido GGGGGGGGGGGG#
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
3H
Um beijo de seus pais: GGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
40