You are on page 1of 6

Noções de Gestão de Pessoas Elisabete Moreira Aula 1 e 2

SUMÁRIO 1. Gestão de Pessoas. Conceitos. Estratégias de RH. 2. Seleção. 3. Treinamento 4. Gestão de desempenho: conceitos, objetivos, métodos. 5. Cultura Organizacional: Conceitos. Elementos. Clima organizacional. 6. Motivação. 7. Liderança e Chefia. 8. Gestão de conflitos. 9. Aprendizagem organizacional. 10. Educação a distância. 11. Educação Corporativa. 12. Gestão por Competências.

1. Gestão de Pessoas
A área de Recursos Humanos é uma especialidade que surgiu do crescimento e complexidade das tarefas organizacionais. Estuda e estabelece o conjunto de políticas e práticas de uma organização para orientar o comportamento humano e as relações interpessoais no ambiente de trabalho, oferecendo os meios e os serviços de apoio. É interdisciplinar, contingencial, situacional, adaptável, flexível e sistêmica (sistema aberto).

Evolução de Gestão de Pessoas A área de gestão de pessoas acompanhou a evolução das organizações, apresentando em cada período as seguintes características: Era Industrial Clássica: de 1900 a 1950 • Estrutura piramidal, centralizadora, funcional, burocrática, rígida, inflexível, mecanicista; • Cultura com foco no passado, tradicional, teoria X, pessoas como recursos e instrumentos de produção e fornecedores de mão-de-obra; • Ambiente estável, previsível, com poucas mudanças; • Departamento de Pessoal ou de Relações Industriais. Era Neoclássica: de 1950 a 1990 • Estrutura matricial, com unidades de negócios, flexível, inovadora, dinâmica; • Cultura com foco no presente, na competitividade, na mudança e transição; • Pessoas como recursos que precisam ser administradas; • Departamento de Recursos Humanos. Era da Informação: após 1990 • Estrutura descentralizada, virtual, em rede, equipes multifuncionais, atividades provisórias, baseada em missões e objetivos, flexível, inovadora, dinâmica, adhocrática e orgânica; • Cultura com foco no futuro, competitividade, mudança, transição, turbulência, conhecimento e criatividade, teoria Y; • Pessoas inteligentes e proativas, fornecedoras de conhecimento e competências, como parceiros;

www.cers.com.br

1

cuja responsabilidade é da linha e a função de staff. com uma nova visão. Objetivos: (fora dela) • • • • Objetivo societário: ser socialmente responsável frente aos desafios da sociedade.br 2 . Evolução da gestão de pessoas nas empresas brasileiras: • Antes de 1930: uma na fase pré-jurídico-trabalhista. Objetivo organizacional: ser um prestador de serviços a toda a organização.com.Noções de Gestão de Pessoas Elisabete Moreira Aula 1 e 2 • Departamento de Gestão de Pessoas. • Década de 1960: foi surgindo um novo RH. www. Objetivo funcional: manter a contribuição em um nível apropriado. Formas de Atuação • Hoje deve ser visto como um consultor de áreas específicas. mantendo e retendo-os para que possam contribuir para a organização.cers. • No ano 2000: uma fase de Gestão Estratégica. Objetivo pessoal: dar assistência aos empregados na consecução de suas metas pessoais. com enfoque voltado mais para mudanças. produtividade e gestão de processos.

avaliação de desempenho. carreira e desempenho.com. www.cers. • Desenvolvimento: capacitação. regulamentos sobre como administrar seus subordinados. treinamento. promoções. seleção. • Processos de RH • Movimentação: recolocação. Presta serviços especializados como recrutamento. expatriação. regras. inclui captação. internalização.Noções de Gestão de Pessoas Elisabete Moreira Aula 1 e 2 • Responsabilidade de linha: a administração do pessoal cabe ao gerente que decide pelas admissões.br 3 . informações e recomendações para que a linha tome decisões. transferências. promoções. Função de Staff: o órgão de RH proporciona orientação.

aspirações e percepções singulares. valores. visão. facilitando o acesso à informação e ao conhecimento). operacional (dia-a-dia) e atividades de processo – pessoa.cers. 2. desenvolvimento e educação com vistas à obtenção de resultados estratégicos. competências e tecnologias aplicadas de forma integrada para concretizar a missão e visão. • Capital social: capital humano em rede.br 4 . gerado através das redes de relacionamentos entre os indivíduos e instituições (baseadas na confiança. As pessoas deixam de ser simples recursos (humanos) organizacionais para serem abordadas como seres dotados de inteligência. destrezas. que afetam a maneira de encarar o trabalho.com.Noções de Gestão de Pessoas Elisabete Moreira Aula 1 e 2 • Valorização: remuneração. • Gestão do conhecimento: capital intelectual – ativos intangíveis da organização – habilidades. Estimular relacionamentos confiantes e colaborativos. formal ou informal. • Visa a desenvolver: • Capital humano . habilidades. www. • A Gestão Estratégica de RH deve proporcionar motivação que agem no médio e longo prazo. • Competências essenciais que atendam às demandas dos diferentes stakeholders. personalidade. Realizar análise externa e interna. Estimular os trabalhadores a atingir seus objetivos pessoais e profissionais. gerando vantagem competitiva. a partir das seguintes ações: 1. serviços e facilidades. cooperação e inovação. objetivos e estratégias organizacionais. • A área deve ser vista a partir das seguintes perspectivas: foco estratégico (longo prazo). Estratégias de RH – como diferencial competitivo: Hoje. premiação. integrar os cargos aos novos perfis e desenvolver programas de treinamento.Talento que agrega valor. a área de RH deve realizar o planejamento estratégico alinhando-se à missão. conhecimentos.

criando e gerindo atividades capazes de ouvir responder e atender as demandas. da arquitetura organizacional.Sintonia: plano bem sintonizado com as necessidades sentidas em todos os níveis da organização. para que a empresa e as pessoas possam situar-se em diferentes circunstâncias. • • Uma gestão eficaz de RH satisfaz e motiva o trabalhador. desenvolver expertise nas melhores práticas e prover consultoria de mudança. mas não necessariamente motivado. 4. . como mediador das relações. É necessário transparência. fornecendo assistência especializada. Papéis assumidos pelo RH estratégico: • Administração de Estratégias de Recursos Humanos: como parceiro estratégico.Credibilidade: credibilidade a todos os membros da estrutura. Valores Subjacentes em Gestão de Pessoas: • • • Desenvolvimento mútuo: permite à empresa e às pessoas atuarem em realidades cada vez mais complexas. . Administração da Contribuição dos Funcionários: defensor dos funcionários. deve elaborar políticas e práticas alinhadas à estratégia organizacional.com. Administração da Transformação e Mudanças: agente de mudanças – catalisador e condutor de processos de mudança na organização. conectados ao negócio da organização.cers. A AERH deve trabalhar os líderes e o sistema de valores com as seguintes premissas no âmbito organizacional: . da cultura organizacional. Satisfação mútua: ajuste entre os objetivos estratégicos da organização e o projeto profissional e de vida das pessoas. Consistência no tempo: a gestão de pessoas deve oferecer parâmetros estáveis no tempo. pois ele pode estar satisfeito. físicas e psicológicas que permitam qualidade de vida. defendendo um tratamento justo e ético. Propiciar motivação centrada no compromisso com as metas e objetivos estratégicos da organização e da equipe. simplicidade na formulação dos critérios e flexibilidade para construir um bom modelo. identificando os talentos críticos e as competências críticas para a geração de vantagens competitivas.Noções de Gestão de Pessoas Elisabete Moreira Aula 1 e 2 3.Respeito: deve existir um sentimento de respeito mútuo. a partir de processos que criem condições ambientais satisfatórias. • • • www. Administração de Infraestrutura da empresa: especialista administrativo. desenvolvendo sistemas eficientes e eficazes capazes de reter os empregados talentosos.br 5 . Propiciar condições financeiras. provedor de serviços e soluções.

Noções de Gestão de Pessoas Elisabete Moreira Aula 1 e 2 Os profissionais de RH precisam desempenhar papéis múltiplos e agir em parceria com os gerentes de linha e outros. para construir um sistema de gestão de pessoas que possa contribuir para a vantagem competitiva.cers.br 6 .com. www.