Curso: Tecnologia em Sistemas para Internet Disciplina: Programação para Web Período: 5º Professor: Alex Sandro da Cunha Rêgo

TUTORIAL – Instalação e Configuração do Tomcat
(Autor: Julio César da Silva Gomes. Revisão: Prof. Alex Sandro) Versão 1.1 (20-05-2013): tradução do item 5.2

1. INTRODUÇÃO O Tomcat é um container web de código aberto, parte da plataforma corporativa Java Enterprise Edition (Java EE, anteriormente denominada J2EE), que provê suporte às especificações Servlet e JSP. Como o Tomcat implementa apenas as especificações JEE específicas para lidar com o desenvolvimento de aplicações web, não utilize-o caso queira trabalhar com componentes EJB (Enterprise Java Beans). Neste caso, deve-se utilizar um servidor de aplicações JEE completo, como por exemplo, JBoss AS (software livre), JBoss Enterprise Application Platform, GlassFish (software livre), Sun GlassFish Community, Apache Geronimo (software livre), IBM WebSphere (comercial), dentre outros. Este é um tutorial de instalação e configuração básica do Tomcat, escrito e testado com base na instalação do Tomcat 7.0.33 em um computador com sistema operacional Windows 7. As configurações aqui propostas independem de ambiente integrado de desenvolvimento (IDE), e são suficientes para um primeiro contato com o Tomcat e as tecnologias Java para web. 2. PRÉ-REQUISITOS Antes de iniciar o tutorial de instalação do tomcat, é necessário que você tenha previamente instalado em seu computador o JDK (Java Development Kit), de preferência a versão mais recente. Não se esqueça de incluir e configurar adequadamente a variável de ambiente JAVA_HOME. 3. DOWNLOAD DO PRODUTO Baixe o tomcat em http://tomcat.apache.org/download-70.cgi. A versão mais recente, disponível no período de elaboração deste tutorial, é a 7.0.33. Encontre a seção Binary Distributions, clique na versão de 32 ou 64 bits para Windows, em formato zip (Figura 1).

Figura 1. Download do tomcat

Existe também uma versão de instalação mais fácil denominada “Windows Service Installer”. Neste caso, o tomcat é instalado com uma sequência de cliques do mouse e disponibilizado sob a forma de um serviço no Windows. Entretanto, não utilizaremos esta versão porque queremos obter o máximo de familiaridade possível com o funcionamento e estrutura do mesmo, o que justifica a opção de adotar o mecanismo de instalação manual. [falar aqui da versão com instalador, que adiciona o tomcat como um serviço do Windows]

1

zip) na raiz da unidade C. No resultado. renomeie a pasta de instalação para c:\tomcat. selecione a opção “Editar as variáveis de ambiente do sistema”.0. Em seguida pressione OK. Nota Assumimos que o JDK está instalado corretamente no computador e que a variável JAVA_HOME foi corretamente definida.33-windows-x64. No menu iniciar digite “variáveis de ambiente” (Figura 2). INSTALAÇÃO a) Descompacte o arquivo (ex: apache-tomcat-7. 2 . pois sua ausência impedirá a inicialização do tomcat. consulte o Tutorial de Instalação e Configuração do JDK. Figura 2. pressione o botão novo logo abaixo da caixa que mostra as variáveis de sistema (Figura 3).4. Esta opção fará com que a variável criada fique disponível para todas as contas de usuário existentes no computador. b) Vamos acrescentar e configurar a variável de ambiente CATALINA_HOME. Para o “nome da variável” digite CATALINA_HOME. Para maiores detalhes. clique no botão Variáveis de Ambiente. Pra evitar que façamos referência a um nome de pasta extenso do tomcat após a descompactação. digite “c:\tomcat”. Em seguida. Localização da seção “variáveis de ambiente” c) Na janela que irá se abrir. e para o valor.

Se a página da Figura 5 for exibida.bat”. Criando a variável de ambiente CATALINA_HOME d) Ainda na mesma janela. Isto fará com que o tomcat possa ser iniciado via linha de comando em qualquer diretório que você esteja. localizado na pasta c:\tomcat\bin. execute o arquivo “shutdown. e clique em OK. Teste de funcionamento do tomcat. Figura 4. digite “startup” no prompt do DOS. CONFIGURAÇÕES ADICIONAIS 5. No final do valor da variável PATH. 5. Figura 5.1 Reload automático dos servlets Agora faremos uma configuração no tomcat para que o mesmo recarregue automaticamente os servlets que estão na memória quando os mesmos sofreram modificação 3 . além de informar ao sistema o local que o tomcat deve utilizar caso procure por um arquivo específico. localize a variável de ambiente PATH e clique no botão Editar.bat”. Pra finalizar o tomcat. abra seu browser de preferência e digite http://localhost:8080. os procedimentos foram realizados com sucesso. e) Cria um ícone no desktop para o arquivo “startup. Editando a variável PATH.Figura 3. Ou então. adicione o texto %CATALINA_HOME%\bin. Pra saber se o tomcat foi instalado corretamente.

de modo que a torne disponível novamente. Só assim as mudanças surtirão efeito. logo em seguida. Recarregar uma web app existente. mesmo que você não tenha declarado “reloadable=true” no arquivo de configuração do servidor Tomcat. Iniciar uma aplicação que foi anteriormente parade. assim como as sessões ativas para todas as web apps. tornando-a indisponível (mas não remove-a do container). Caso contrário. o Tomcat inclui uma aplicação web (instalada no contexto webapps/manager) para gerir tais funções: Tomcat Manager. Parar uma aplicação existente. terá que derrubá-lo e levantá-lo em seguida.xml” que está dentro da pasta “conf”. Listar os papéis de segurança disponíveis. 4 . Além disso. Para isso. sem necessitar desta configuração. Implantar e Remover uma web app. para que possa refletir mudanças no conteúdo das pastas /WEB-INF/classes or /WEB-INF/lib. O resumo das principais funções do Tomcat manager:        Implantar uma nova aplicação web (web app) a partir do conteúdo de um arquivo WAR. será necessário reiniciar o tomcat1.2 Adicionando usuário para acesso ao Tomcat Manager Em muitos ambientes de produção. Abra o arquivo e adicione as tags role com valor managergui (privilégio para operar a aplicação web “Tomcat Manager”) e “user” com os parâmetros de sua preferência para “username” e “password”. é necessário efetuar configurações adicionais (criação de usuário) para ter acesso ao “Tomcat Manager”. Lembrando que qualquer mudança que você fizer dentro do Tomcat. Abra o arquivo “context. 1 O uso do eclipse integrado ao tomcat realiza o reload do servlet automaticamente. para cada modificação realizada em seus servlets. Listar as aplicações web implantadas no momento. se torna bastante útil implantar uma nova aplicação web (ou desimplantar uma existente) sem ter que encerrar e reiniciar o container web inteiramente. teremos que editar o arquivo “tomcat-users. A Figura abaixo exemplifica a configuração.xml” localizado no diretório “c:\tomcat\conf” e altere a tag <Context> para <Context reloadable="true"> 5. Visto que o presente tutorial aborda a instalação do tomcat através de uma distribuição . bem como deletar seus documentos do diretório base. Para dar suporte a essas funcionalidades. definidos no banco de dados do usuário.no seu bytecote em ambiente de produção.zip. você pode até mesmo solicitar que uma aplicação existente “recarregue-se”.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful