AÇO PARA MOLDES

Composição Química:

VP20ISO

C 0,36

Mn 1,60

Cr 1,80

Mo 0,20

Ni 0,70

Similares: Cores de Identificação: Características:

WNr 1.2738 Lilás – Preto - Lilás Aço elaborado através de desgaseificação a vácuo, com usinabilidade melhorada por tratamento com cálcio. Os principais benefícios são: • Boa usinabilidade, tanto no estado recozido como beneficiado. • Boa soldabilidade. • Excelente polibilidade. • Boa uniformidade de dureza. • Boa reprodutibilidade de desempenho. Fornecido temperado e revenido - dureza de 285 a 321 HB. Pode também ser fornecido, sob consulta, no estado recozido ou com outros valores de dureza. Redondo: max. 1.000 mm. Quadrado: max. 885 mm. Retangular: área max. 9.000 cm2 (p/ espessura máx. 900 mm). Outras dimensões, sob consulta.

Estado de fornecimento:

Formas e bitolas disponíveis:

Aplicações: • Moldes para injeção de plásticos não clorados, em especial moldes de grandes dimensões. • Matrizes para extrusão de termoplásticos não clorados. • Moldes para sopro.

Recozimento:

Aquecer lenta e uniformemente até temperaturas entre 760 e 800 ºC, a uma taxa de 100 ºC/h, mantendo 1 hora para cada 25 mm da maior seção da peça. Resfriar lentamente em forno (30 ºC/h) até 600 ºC; após, resfriar em ar calmo. Após usinagem com grande remoção de material, recomenda-se alívio de tensões, aquecendo os moldes lenta e uniformemente (100 ºC/h) até 530 ºC, mantendo 0,5 hora em temperatura para cada 25 mm da maior seção na peça; independente da seção, o tempo não deve ser inferior a 2 horas. Após o alívio, resfriar em ar calmo.

Alívio de Tensões:

Dez/2003

tão logo atinjam 60 ºC. 2 revenimentos e entre cada revenimento as peças devem resfriar lentamente até a temperatura ambiente. A temperatura de revenimento deve ser escolhida. Nitretação: Recomendada quando são requeridos altos níveis de dureza superficial e resistência à abrasão. entre 840 e 860 ºC. Manter em temperatura até completa homogeneização de toda peça. em seguida. As ferramentas devem ser revenidas imediatamente após a têmpera. Considerar 1 hora para cada polegada de espessura. deve-se proteger a superfície dos moldes contra descarbonetação e oxidação. Nota: Todas as informações apresentadas são apenas orientativas. com rebolo de grana fina ou lixa e revenir a peça em uma temperatura de 50 ºC abaixo do último revenimento realizado. Eletroerosão: Quando utilizada a eletroerosão nos moldes beneficiados. Dez/2003 . de no mínimo. conforme dureza desejada (curva abaixo). Para peças maiores que 70 mm. agitado e aquecido entre 40 e 70ºC. O tempo de cada revenimento deve ser. no mínimo. deve-se calcular o tempo em função de sua dimensão. Elas não têm relação com garantias de propriedades específicas. recomenda-se remover a camada superficial alterada. Aquecer lenta e uniformemente a (100 ºC/h) até 400 ºC e. 2 horas. O resfriamento deve ser realizado em óleo apropriado para têmpera. desde que a temperatura de nitretação seja no mínimo 50 ºC inferior à temperatura do último revenimento. Em seguida.AÇO PARA MOLDES Têmpera: VP20ISO Durante a têmpera. até que a temperatura do molde atinja 100 ºC. no máximo a 300 ºC/h até a temperatura de austenitização. Revenimento: Curva de Revenimento: 60 Dureza (HRC) 50 40 30 20 100 200 300 400 500 600 700 Temperatura de Revenimento ( °C ) Curva obtida após tratamento térmico em corpos de prova de 20 x 20 mm 2. resfriar ao ar calmo entre 50 e 70 ºC. Fazer. Deve ser realizada após a têmpera e revenimento.