É comum se dizer que a filosofia ocidental nasceu na Grécia por volta de 585 a.C, precisamente em Mileto.

Se o fato de que a filosofia na Grécia pode ser questionado ou não, o que não se pode negar que é a filosofia grega foi e ainda é o ponto de referencia para se estudar a matéria. O registro mais antigo que temos acerca da filosofia ocidental vem de Mileto uma cidade que fica na atual Turquia, mas que antes era território grego. Ali em Mileto havia um grupo de filósofos que é comumente conhecido como Pre - Socrático. Dentre eles encontramos um filosofo chamado Tales. As datas a respeito de sua vida são incertas, sabendo-se, porém, com segurança, que ele viveu no período compreendido entre o final do século VII e meados do século VI a.C. Famoso como matemático, alguns historiadores consideram que sua colocação pelos antigos entre os "sete sábios da Grécia" deveu-se principalmente a sua atuação política: teria tentado unir as cidades-Estados da Ásia Menor numa confederação, no intuito de fortalecer o mundo helênico diante das ameaças de invasões de povos orientais. Os originais escritos por Tales, se perderam, mas alguns dos seus pensamentos podem ser reconstruídos a partir de histórias contadas sobre ele por outros escritores antigos, que citam seus textos e fazem referências às suas ideias. Tales é considerado o pai da filosofia ocidental porque ele se distanciou da Mitologia e poesia tradicionais. E atribuído a ele a introdução da geometria egípcia na Grécia. Em 585 a.C Tales fez uma predição bem sucedida de um eclipse Solar. Para a história da filosofia, a importância de Tales advém sobretudo de ter afirmado que a água era a origem de todas as coisas. A filosofia antiga nasceu da antiga busca da unidade em meio da diversidade e a busca do cosmo sobre o caos. Tales buscava a substância principal e dominante denominada avrch/| a parti da qual todas as coisas são feitas e existem. Tales percebe que todas as coisas que ele observou nesse mundo apresenta-se em tamanhos e formas e cores incontáveis, e que todos e mostram em um dos três estado possível Solido, liquido e gasoso. Todas as coisas existente, segundo Tales, precedem a agua. Ao se resfriar a agua, tornou’se densa e deu origem a terra, ao se aquecer o ar transforma ‘ se em vapor retornando novamente a Terra como chuva, após se resfriar. A agua é a natureza da materia e a razão disto seria que o alimento e a semente dos animais de das platas são umidos. A terra fluta sobre a agua. Um dos aspectos fundamentais da mentalidade científico-filosófica inaugurada por Tales consistia na possibilidade de reformulação e correção das teses propostas. A estabilidade dos mitos arcaicos e à estagnação das esparsas e assistemáticas conquistas da ciência oriental, os gregos, a partir de Tales, propõem uma nova visão de mundo cuja base racional fica evidenciada na medida mesma em que ela é capaz de progredir, ser repensada e substituída.