PROGRAMA DE CONCURSO

ÍNDICE

1 - Designação da empreitada e consulta do processo 1

2 - Reclamações ou dúvidas sobre as peças patenteadas no concurso 1

3 - Inspecção do local dos trabalhos 2

4 - ntrega das propostas 2

! - "cto público do concurso 2

# - $uali%icação dos concorrentes 3

& - 'odalidade (ur)dica de associação de empresas 3

* - +ipo de empreitada e %orma de proposta 4

, - -roposta condicionada 4

1. - -roposta com variantes ao pro(ecto 4

11 - -roposta base !

12 - /alor para e%eito do concurso !

13 - -rograma de trabalhos !

14 - Documentos #

1! - 'odo de apresentação da proposta e dos demais documentos *

1# - -ra0o de validade da proposta ,

1& - sclarecimentos a prestar pelos concorrentes ,

1* - 1rit2rios de apreciação das propostas para ad(udicação ,

1, - 'inuta do contrato3 noti%icação3 ad(udicação e caução 1.

2. - ncargos do concorrente 1.

21- 4egislação aplic5vel 11

22- 6ornecimento de e7emplares do processo 11

"ne7o8 'odelo de proposta 12
-R9:R"'" D 19;1<R=9 19;=+R<>?9 D" =194" @A=I1" ;B 3 D9 4<'I"R

1
1 - DESIGNAÇÃO DA EMPREITADA E CONSULTA DO
PROCESSO

1C1 9 processo do concurso público internacional para a e7ecução da empreitada de
construção da scola @5sica nB 3 do 4umiar3 4isboa encontra-se patente na
Direcção :eral das 1onstruções scolares do 'inist2rio da ducação3 sito na "vC
! de 9utubro 1.&3 4isboa onde pode ser e7aminado3 durante as horas de
e7pediente3 desde a data da publicação do respectivo anúncio at2 ao dia e hora do
acto público do concursoC

1C2 "s peças Due instruem o processo são as indicados no )ndice geralC

1C3 Desde Due solicitadas at2 ao dia 2! de 9utubro de 1,,,3 os interessados poderão
obter cEpias das peças escritas e desenhadas do processo do concurso3 nas
condições indicados no nCB 223 no pra0o de ! dias3 contados a partir da data da
recepção do respectivo pedido escrito na entidade Due preside ao concursoC " %alta
de cumprimento daDuele pra0o poder5 (usti%icar o adiamento do concurso3 desde
Due imediatamente reDuerido pelo interessado3 em documento apresentado nas
condições do nCB 2C4 deste programa de concursoC

1C4 =er5 da responsabilidade dos interessados a veri%icação e comparação das cEpias
com os elementos do processo patenteado3 sem pre(u)0o do estipulado no nCB ! do
artigo !,B do Decreto-4ei nCB 4.!F,33 de 1. de De0embroC


2 - RECLAMAÇÕES OU DÚVIDAS SOBRE AS PEÇAS
PATENTEADAS NO CONCURSO

2C1 " entidade Due preside ao concurso 2 o 'inist2rio da ducação3 doravante
designado por dono da obra3 a Duem deverão ser apresentados nas condições do
nCB 2C43 as reclamações e pedidos de esclarecimento de DuaisDuer dúvidas surgidas
na interpretação das peças patenteadas3 at2 ao dia 31 de 9utubro de 1,,,C

2C2 9s esclarecimentos a Due se re%ere o número anterior serão prestados3 por escrito3
at2 ao dia 2. de ;ovembro de 1,,,C " %alta de resposta at2 esta data poder5
(usti%icar o adiamento do concurso3 desde Due reDuerido pelo interessado em
documento apresentado nas condições do nCB 2C43 at2 ao dia 3. de ;ovembro de
1,,,C " partir desta data considera-se Due todos os concorrentes se encontram em
condições de elaborar atempada e esclarecidamente as suas propostas3 não
havendo lugar a DuaisDuer outros pedidos de esclarecimento3 de prorrogações ou
de reclamaçõesC

2C3 =imultaneamente com a comunicação dos esclarecimentos ao concorrente Due os
solicitou3 (untar-se-5 cEpia dos mesmos Gs peças patentes em concurso e proceder-
se-5 G comunicação aos potenciais concorrentes Due tenham solicitado cEpias do
processo de concurso nos termos do número 13 ou outra %orma de divulgaçãoC

2C4 +oda a correspondHncia relativa ao concurso ser5 sempre em l)ngua portuguesa e
dirigida ao Director :eral das 1onstruções scolares e entregue3 durante as horas
normais de e7pediente3 no 'inist2rio da ducação no endereço indicado em 1C13
-R9:R"'" D 19;1<R=9 19;=+R<>?9 D" =194" @A=I1" ;B 3 D9 4<'I"R

2
contra recibo3 ou remetida pelo correio sob registo e com aviso de recepçãoC =e o
envio %or %eito pelo correio3 o interessado ser5 o único respons5vel pelos atrasos
ou e7travios Due porventura se veri%iDuem3 não podendo apresentar reclamação na
hipEtese de a entrada dos documentos no endereço indicado em 1C1 se veri%icar (5
depois dos pra0os e7piradosC ;a contagem dos pra0os aplicar-se-ão as regras
estabelecidos no artC 23*B do Decreto-4ei nCB 4.!F,3 de 1. de De0embroC


3 - INSPECÇÃO DO LOCAL DOS TRABALHOS

3C1 Durante o pra0o do concurso3 os interessados deverão inspeccionar os locais de
e7ecução da obra e reali0ar neles os reconhecimentos Due entenderem
indispens5veis G elaboração das suas propostas3 devendo inteirar-se das condições
aparentes do terreno ou da estrutura e7istentes e outras Due in%luam no modo de
e7ecução da obraC

3C2 9s concorrentes deverão apresentar documento onde declarem ter inspeccionado o
local dos trabalhos inteirando-se das condições re%eridas em 3C1C


4 - ENTREGA DAS PROPOSTAS

4C1 "s propostas serão entregues3 at2 Gs 1& horas do dia 1. de De0embro de 1,,,3
pelos concorrentes ou seus representantes no endereço indicado em 1C13 contra
recibo3 ou remetidas pelo correio3 sob registo e com aviso de recepçãoC

4C2 =e o envio da proposta %or %eito pelo correio3 o concorrente ser5 o único
respons5vel pelos atrasos ou e7travios Due porventura se veri%iDuem3 não podendo
apresentar DualDuer reclamação na hipEtese de a entrada dos documentos na
Direcção :eral das 1onstruções scolares se veri%icar (5 depois do pra0o de
entrega de propostas indicado em 4C1C


5 - ACTO PÚBLICO DO CONCURSO

!C1 9 acto do concurso 2 público3 ter5 lugar na sala de reuniões da Direcção :eral das
1onstruções scolares3 no endereço indicado em 1C13 e reali0ar-se-G pelas 1.
horas do dia 13 de De0embro de 1,,, e ser5 reali0ado de acordo com o artC *2B e
seguintes do DC4C 4.!F,33 de 1. de De0embroC

!C2 =e3 por ra0ões de espaço ou outras3 %or necess5rio reali0ar o acto público do
concurso em dia ou local di%erente do indicado em !C13 os concorrentes serão
avisadosC

!C3 =E poderão intervir no acto do concurso dois representantes de cada concorrente
Due3 para o e%eito3 estiverem devidamente credenciados3 bastando3 para tanto3 no
caso de intervenção do titular de empresa em nome individual3 a e7ibição do seu
bilhete de identidadeC

-R9:R"'" D 19;1<R=9 19;=+R<>?9 D" =194" @A=I1" ;B 3 D9 4<'I"R

3
6 - UALI!ICAÇÃO DOS CONCORRENTES

#C1 9s concorrentes estabelecidos segundo a legislação portuguesa devem ser titulares
de alvar5 de mpreiteiro de 9bras -úblicas contendo as seguintes autori0ações8

aI da 1J subcategoria Kmpreiteiro :eral de di%)ciosI
da 1J categoria Kdi%)cios e 'onumentosI e da classe correspondente ao valor
total da propostaL

#C2 9s concorrentes estabelecidos noutros estados membros das 1omunidades
uropeias e Due não possuam o alvar5 e autori0ações re%eridas em #C13 deverão3
nos termos do artC #,B do Decreto 4ei nCB 4.!F,3 de 1. de De0embro3 %a0er prova
da sua inscrição como empreiteiro no pa)s de estabelecimento3 com eDuivalHncia G
inscrição e classi%icação portuguesas e7igidas no concursoC =e essa inscrição não
e7istir ou não tiver a eDuivalHncia mencionada3 os concorrentes deverão
comprovar documentalmente a sua idoneidade3 e7periHncia e capacidade t2cnica e
econEmica para a e7ecução de trabalhos daDuela nature0a3 Duando o valor da
empreitada %or igual ou superior ao limiar estabelecido nas directivas da
1omunidade uropeia relativas G coordenação dos processos de ad(udicação de
empreitadas de obras públicasC

#C3 +odos os concorrentes deverão apresentar documentos Due permitam apreciar a
sua aptidão para a boa e7ecução da empreitada3 no Due respeita Gs condições
m)nimas de car5cter t2cnico3 econEmico e %inanceiroC

#C4 " titularidade do alvar5 ou alvar5s contendo as autori0ações e7igidas3 prova-se
pela apresentação de declaração3 subscrita pelo concorrente3 a Dual deve ser
acompanhada por cEpias dos mesmos ou de documentos eDuivalentes e3 Duando
e7igido3 pela e7ibição do original no pra0o de dois dias a contar da
correspondente noti%icaçãoC


" - MODALIDADE #URÍDICA DE ASSOCIAÇÃO DE
EMPRESAS

&C1 "o concurso poderão apresentar-se agrupamentos de empresas3 sem Due entre elas
e7ista DualDuer modalidade (ur)dica de associação3 desde Due todas as empresas
do agrupamento possuam condições legais adeDuadas ao e7erc)cio da actividade
de empreiteiro de obras públicasC

&C2 " constituição (ur)dica dos agrupamentos não 2 e7igida na apresentação da
proposta3 mas as empresas agrupadas serão respons5veis perante o dono da obra
pela manutenção da sua proposta com as legais conseDuHnciasC

&C3 ;o caso de a ad(udicação da empreitada ser %eita a um agrupamento de empresas3
estas associar-se-ão obrigatoriamente3 antes da celebração do contrato3 na
modalidade de "1 M "ssociação 1omplementar de mpresasC



-R9:R"'" D 19;1<R=9 19;=+R<>?9 D" =194" @A=I1" ;B 3 D9 4<'I"R

4
$ - TIPO DE EMPREITADA E !ORMA DE PROPOSTA

*C1 " empreitada 2 por -reço :lobalC

*C2 " proposta de preço3 elaborada em con%ormidade com o modelo ane7o e em
duplicado3 ser5 redigida na l)ngua portuguesa3 sem rasuras3 entrelinhas ou palavras
riscadas3 sempre com o mesmo tipo de m5Duina3 se %or dactilogra%ada3 ou com a
mesma caligra%ia e tinta3 se %or manuscritaC

*C3 " proposta ser5 assinada pelo concorrente ou seu representanteC =empre Due se(a
assinada por representante3 (untar-se-5 procuração Due con%ira a este último
poderes para o e%eito3 ou pública- %orma da mesma3 devidamente legali0adaC

*C4 " proposta de preço dever5 ser sempre acompanhada pela lista de preços unit5rios
Due lhe serviu de base3 apresentada em duplicadoC

*C! 9 preço da proposta ser5 e7presso em escudos portugueses e não incluir5 o I/"C


% - PROPOSTA CONDICIONADA

;ão 2 admitida a apresentação de propostas Due envolvam alterações de cl5usulas do
caderno de encargosC

1& - PROPOSTA COM VARIANTES AO PRO#ECTO

1.C1 N admitida a apresentação pelos concorrentes de variantes ao pro(ecto ou a parte
deleC

1.C2 "s variantes a parte do pro(ecto patente sE poderão envolver alterações Gs
condições seguintes8
aI 1oberturaL
bI Revestimento dos pavimentosC

1.C3 9 dono da obra reserva-se no direito de não considerar na apreciação das
propostas DuaisDuer variantes apresentadasC

1.C4 9s concorrentes Due apresentem propostas com variantes ao pro(ecto ou a parte
dele deverão adoptar3 em ve0 do modelo previsto no nCB *C2 deste programa de
concurso3 um modelo adeDuado a cada caso3 tendo em conta o Due 2 estipulado
neste programa de concurso e no caderno de encargosC

1.C! ;a %orma de apresentação da proposta observarão ainda os concorrentes o
estabelecido nos n
os
* e ,3 na parte aplic5velC

1.C# " proposta com variantes ao pro(ecto ou a parte dele ser5 devidamente
identi%icada e encerrada no mesmo invElucro Due conter5 a proposta base re%erida
no nCB *C

-R9:R"'" D 19;1<R=9 19;=+R<>?9 D" =194" @A=I1" ;B 3 D9 4<'I"R

5
10.7 Os elementos escritos e desenhados relativos às variantes serão
devidamente identificados e encerrados no invólucro que contenha os
restantes documentos que instruem a proposta.


11 - PROPOSTA BASE

11C1 " apresentação de propostas com variantes ao pro(ecto3 ou a parte dele3 nos
termos do nCB 1. não dispensa o concorrente da apresentação de proposta para a
e7ecução do pro(ecto do dono da obra nos e7actos termos em Due %oi posto a
concurso Kproposta baseIC

11C2 ;ão serão reconhecidos nas propostas com variantes ao pro(ecto3 ou a parte dele3
DuaisDuer condicionamentos a essas propostas Due não se(am e7pressamente
indicados como tais e %ormulados nos precisos termos do artigo &*B do Decreto-
4ei nCB 4.!F,33 de 1. de De0embroC

11C3 6ora dos casos previstos no nCB 1.3 as propostas apresentadas pelos concorrentes
serão consideradas como totalmente incondicionadas3 tendo-se como não escritas
DuaisDuer condições divergentes do caderno de encargos ou alternativas de
DualDuer nature0a Due constem das mesmas propostas ou de outros documentos
Due as acompanhem3 com a única e7cepção dos previstos no nCB ! do artigo &3B3
do Decreto-4ei nCB 4.!F,33 de 1. de De0embroC


12 - VALOR PARA E!EITO DE CONCURSO

9 valor para e%eito de concurso 2 de 21.C...C...O.. Kdu0entos e de0 milhões de
escudosI, não incluindo o Imposto sobre o valor acrescentadoC


13 - PROGRAMA DE TRABALHOS

13C1 N obrigatEria a apresentação pelos concorrentes do programa de e7ecução dos
trabalhos da empreitadaC

13C2 9 programa ser5 acompanhado de uma memEria (usti%icativa e descritiva do modo
de e7ecução da obra e por um plano de pagamentos mensal com valores e7pressos
em percentagem do valor da propostaC ;esta memEria o concorrente especi%icar5
os aspectos t2cnicos do mesmo programa3 e7pressando ineDuivocamente os Due
considera essenciais G validade da sua proposta e cu(a re(eição implicaria3 por
conseguinte3 a sua ine%ic5ciaC

13C3 9 programa de trabalhos dever5 ser elaborado por %orma a mostrar o ritmo das
principais tare%as a e7ecutar3 devendo obrigatoriamente incluir os seguintes
elementos3 por ordem decrescente de prioridade de e7ecução8

aI 'ontagem do estaleiroL
bI 6undações e struturasL
-R9:R"'" D 19;1<R=9 19;=+R<>?9 D" =194" @A=I1" ;B 3 D9 4<'I"R

cI "cabamentosL
dI Instalações especiaisL
eI "rran(os e7terioresL
%I Duipamentos espec)%icosC

13C4 9s concorrentes deverão apresentar documento onde indiDuem os pra0os
parcelares3 contados a partir da data da consignação da obra3 de in)cio e conclusão
de cada um dos trabalhos re%eridos no nCB 13C3C

13C! 9 programa de trabalhos a apresentar no concurso dever5 e7plicitar com precisão
o in)cio e %im de cada um dos trabalhos re%eridos em 13C33 os Duais apEs aceitação
pelo dono da obra3 constituirão marcos da obra Due o empreiteiro ad(udicat5rio
não poder5 alterar na apresentação do programa de%initivo de trabalhos a não ser
com o pr2vio consentimento ou a solicitação da eDuipa de coordenação e
%iscali0ação da obraC


14 - DOCUMENTOS

14C1 Documentos de habilitação dos concorrentes - os concorrentes tHm de apresentar
os seguintes documentos K#I8

aI Declaração3 subscrita pelo concorrente3 de titularidade do alvar5 ou alvar5s
e%ica0es e respectivas cEpias3 ou de documentos eDuivalentes3 e7igidos no nCB #
deste programa de concurso K$uali%icação dos concorrentesIL

bI Declaração3 com assinatura reconhecida3 na Dual o concorrente indiDue o seu
nome3 o número %iscal de contribuinte3 o estado civil e o domic)lio ou3 no caso
de ser uma sociedade3 a denominação social3 o número de pessoa colectiva3 a
sede3 as %iliais Due interessem G e7ecução do contrato3 os nomes dos titulares
dos corpos gerentes e de outras pessoas com poderes para a obrigarem3 o
registo comercial de constituição e das alterações do pacto social e Due não est5
em divida G 6a0enda ;acional por contribuições e impostos liDuidados nos
últimos trHs anosL

cI 1Epia autenticada da última declaração periEdica de rendimentos para e%eitos
de IR= ou IR13 na Dual se contenha o carimbo de PReciboQ3 ou para as
entidades Due não este(am su(eitas a obrigação declarativa3 certidão dessa
ine7istHncia passada pelos competentes serviços da administração %iscalL

dI Documento comprovativo de se encontrar regulari0ada a sua situação
contributiva para com a segurança social portuguesa3 passado pelo Instituto de
:estão 6inanceira da =egurança =ocialC

14C2 Documentos Due instruem a proposta - " proposta ser5 instru)da com os seguintes
documentos8

aI Declaração de Due se su(eita G tabela de sal5rios m)nimosL
-R9:R"'" D 19;1<R=9 19;=+R<>?9 D" =194" @A=I1" ;B 3 D9 4<'I"R

7
bI -rograma de trabalhos e respectivos plano de pagamentos e cronograma
%inanceiro3 elaborados e acompanhados dos documentos e7igidos no nCB 13
deste programa de concursoL

cI 4ista de preços unit5rios Due serviu de base G propostaL

dI ;ota (usti%icativa do preço proposto3 tendo em conta o disposto no nCB 3 do
artigo ,&B do Decreto-4ei nCB 4.!F,33 de 1. de De0embro e3 caso o concorrente
considere conveniente3 documento contendo esclarecimentos G propostaL

eI Documento re%erido no nCB 3C2 deste programa de concurso KInspecção do local
dos trabalhosIL

%I Declaração respeitante ao volume de negEcios global e ao volume de obras da
empresa nos últimos 3 anos3 acompanhada de cEpia da relação de obras
e7ecutadas Kno mesmo per)odo e apresentada G 1"9--I sob a autori0ação
re%erida na al)nea aI do número #C1 do presente programa de concursoL

gI Declaração respeitante ao volume de trabalhos da empresa previstos para o
per)odo de e7ecução da presente obra3 mencionando Due estes não
comprometerão a sua reali0ação no pra0o contratualL

hI 4ista das de0 obras mais importantes reali0adas pela empresa nos últimos !
anos sob a autori0ação re%erida na al)nea aI do número #C1 do presente
programa de concurso3 acompanhada3 de pre%erHncia3 por certi%icados passados
pelos respectivos donos de obra3 indicando-se o local de e7ecução3 o modo
como decorreram os trabalhos3 os pra0os de e7ecução contratual e %inal3 os
valores de ad(udicação e %inal de cada empreitadaL

iI Declaração indicando o eDuipamento e os meios t2cnicos Due o concorrente
utili0ar5 na e7ecução da obra e3 se %or caso disso3 o eDuipamento Due pretende
alugarL

(I 4ista dos trabalhos a reali0ar no regime de subempreitada ou tare%a a Due o
concorrente recorrer5 para a e7ecução da obraL

RI Declaração relativa aos e%ectivos m2dios anuais da empresa e G dimensão dos
seus Duadros permanentes durante os últimos 3 anos3 discriminada por classes
pro%issionais3 e indicação dos corpos gerentes da empresaL

lI Declaração Due mencione a constituição nominativa da eDuipa t2cnica Due o
concorrente propõe para a e7ecução da obra3 acompanhada dos respectivos
curr)culos e organograma %uncionalL


mI Declarações de capacidade %inanceira emitidas por entidades banc5rias nos
últimos trHs mesesL

nI lementos de nature0a contabil)stica re%erente aos últimos 3 anosL

-R9:R"'" D 19;1<R=9 19;=+R<>?9 D" =194" @A=I1" ;B 3 D9 4<'I"R

!
oI 9utros documentos Due3 em determinadas situações3 são e7igidos neste
programa de concurso e no caderno de encargosL

pI Documentos Due o concorrente entenda apresentar para uma melhor apreciação
da sua capacidade t2cnica3 econEmica e %inanceira KIndicadores econEmico-
%inanceirosIL

DI -lanta do estaleiro com indicação de eventual ocupação de via públicaC

14.3 "uando os documentos referidos em 14.1 e 14.2 não estiverem redi#idos
em l$n#ua portu#uesa% serão acompanhados de tradu&ão le#ali'ada ou
em rela&ão à qual o concorrente declare aceitar a sua preval(ncia% para
todos e quaisquer efeitos% so)re os respectivos ori#inais.

14C4 9 documento comprovativo e7igido na al)nea dI do nCB 14C1 observar5 a sua
validade legal3 devendo ser apresentados os originais emitidos pelo serviço
competente ou %otocEpia autenticada notoriamenteC

14C! 9s concorrentes Due3 no caso de lhes ser ad(udicada a obra3 pretendam solicitar
adiantamento nos termos da cl5usula 3C2 do caderno de encargos3 deverão
apresentar com a sua proposta documento onde mani%estam a intenção de reDuerer
a sua concessão3 e o valor pretendido3 e7presso em percentagemC

14C# $uando os documentos re%eridos no presente número 14 não estiverem redigidos
em l)ngua portuguesa3 serão acompanhados de tradução legali0ada ou em relação
G Dual o concorrente declare aceitar a sua prevalHncia3 para todos e DuaisDuer
e%eitos3 sobre os respectivos originaisC

14C& 9s documentos a seguir indicados3 Duando %ormados por mais de uma %olha3
deverão constituir %asc)culo ou %asc)culos indecompon)veis com todas as p5ginas
numeradas3 criados por processo Due impeça a separação ou acr2scimo de %olhas3
devendo a primeira p5gina escrita de cada %asc)culo mencionar o número total de
%olhasC

14C* 9s documentos a seguir indicados3 Duando %ormados por mais de uma %olha3
deverão constituir %asc)culo ou %asc)culos indecompon)veis com todas as p5ginas
numeradas3 criados por processo Due impeça a separação ou acr2scimo de %olhas3
devendo a primeira p5gina escrita de cada %asc)culo mencionar o número total de
%olhas8 +odos os documentos mencionados em 14C2C

15 - MODO DE APRESENTAÇÃO DA PROPOSTA E DOS DEMAIS
DOCUMENTOS

1!C1 9s documentos de habilitação dos concorrentes re%eridos em 14C1 devem ser
encerrados em invElucro opaco3 %echado e lacrado3 no rosto do Dual deve ser
escrita a palavra PDocumentosQ3 indicando-se o nome ou denominação social do
concorrente e a designação da empreitadaC

1!C2 m invElucro com as caracter)sticas indicados no número anterior3 devem ser
encerrados a propostaKsI e os documentos Due aKsI instruam re%eridos no número
-R9:R"'" D 19;1<R=9 19;=+R<>?9 D" =194" @A=I1" ;B 3 D9 4<'I"R

*
1!3 no rosto do Dual deve ser escrita a palavra P-ropostaQ3 indicando-se o nome
ou denominação social do concorrente e a designação da empreitadaC

1!C3 9s invElucros a Due se re%erem os números anteriores são encerrados num
terceiro3 igualmente opaco3 %echado e lacrado3 Due se denominar5 PInvElucro
e7teriorQ3 indicando-se o nome ou denominação social do concorrente3 a
designação da empreitada e a entidade Due a pSs a concurso3 para ser remetido sob
registo e com aviso de recepção3 ou entregue contra recibo3 G Direcção :eral das
1onstruções scolares3 no endereço indicado em 1C1C


16 - PRA'O DE VALIDADE DA PROPOSTA

1#C1 Decorrido o pra0o de ## dias3 contados a partir da data do acto público do
concurso3 cessa3 para os concorrentes Due não ha(am recebido comunicação de
lhes haver sido ad(udicada a empreitada3 a obrigação de manter as respectivas
propostasC

1#C2 9 pra0o a Due se re%ere o número anterior considerar-se-5 prorrogado3 por
consentimento t5cito dos concorrentes Due nada reDueiram em contr5rio3 por mais
44 diasC


1" - ESCLARECIMENTOS PRESTAR PELOS CONCORRENTES

1&C1 =empre Due na %ase de apreciação das propostas a entidade Due preside ao
concurso tenha dúvidas sobre a real situação econEmica e %inanceira ou
capacidade t2cnica de DualDuer dos concorrentes poder5 e7igir deles e solicitar de
outras entidades todos os documentos e elementos de in%ormação3 inclusive de
nature0a contabil)stica3 indispens5veis para o esclarecimento dessas dúvidasC

1&C2 T entidade Due preside ao concurso assiste o direito de se poder in%ormar das
condições t2cnicas e econEmicas actuais de DualDuer dos concorrentes (unto da
1omissão de "lvar5s de mpresas de 9bras -úblicas e -articulares K1"9--I ou
outras entidadesC
1&C3 9s esclarecimentos Due vierem a ser solicitados aos concorrentes deverão ser
prestados no pra0o Due no seu pedido escrito %or %i7ado3 não in%erior a seis diasC 9
não cumprimento destes pra0os sem apresentação de (usti%icação antes deles
e7pirados3 poder5 implicar Due a posição tomada pelo concorrente se(a de
desistHncia do concurso3 com todas as conseDuHncias da) decorrentesC


1$ - CRIT(RIOS DE APRECIAÇÃO DAS PROPOSTAS

1*C1 " ad(udicação ser5 %eita G proposta mais vanta(osa3 tendo em conta o crit2rio
e7cepcional de ad(udicação previsto no nCB ! do artCB ,&B do Decreto-4ei nCB
4.!F,3 de 1. de De0embro3 caso este(a em vigor3 e os seguintes crit2rios por
ordem decrescente de importUncia8

- -reço :lobal !.V
-R9:R"'" D 19;1<R=9 19;=+R<>?9 D" =194" @A=I1" ;B 3 D9 4<'I"R

10
- 1apacidade +2cnica do 1oncorrente 3.V
- -ra0o de 7ecução -roposto 2.V

1!.2 O dono da o)ra reserva+se no direito de não ad,udicar a o)ra% nos casos
previstos no art.- **- do .ecreto+/ei n.- 4050*3% de 10 de .e'em)ro% e
quando tal se,a superiormente decidido.


1% - MINUTA DO CONTRATO) NOTI!ICAÇÃO) AD#UDICAÇÃO
E CAUÇÃO

1,C1 9 concorrente cu(a proposta ha(a sido pre%erida %ica obrigado a pronunciar-se
sobre a minuta do contrato no pra0o de cinco dias apEs a sua recepção3 %indo o
Dual3 se o não %i0er3 considerar-se-5 aprovada a mesma minutaC

1,C2 ;o contrato %icarão indicados os trabalhos a reali0ar em regime de subempreitada3
a identidade dos respectivos subempreiteiros e as condições relativas aos
correspondentes pagamentos3 pra0os3 Dualidade dos trabalhos3 preços e respectiva
revisãoC ;os contratos de subempreitada3 os interesses do dono da obra deverão
%icar garantidos em condições idHnticas Gs estipuladas no contrato da prEpria
empreitadaC

1,C3 ;a empreitada sE poderão ter lugar as subempreitadas Due %igurem no contrato ou
Due entretanto venham a ser autori0adas pelo dono da obra3 as Duais serão
reali0adas nas condições para as mesmas estabelecidasC

1,C4 " ad(udicação ser5 noti%icada ao concorrente pre%erido3 determinando-se-lhe logo
Due preste3 no pra0o de seis dias3 a caução Due %or devida e cu(o valor
e7pressamente se indicar53 sob pena de a ad(udicação caducar procedendo-se de
acordo com o estipulado no artCB 1.3B do DC4C nCB 4.!F,3 de 1. de De0embroC

1,C! " ad(udicação ser5 tamb2m comunicada aos restantes concorrentes3 nos termos e
para os e%eitos dos n
os
33 4 e ! do artigo 1.2B do Decreto-4ei nCB 4.!F,33 de 1. de
De0embroC

1,C# 9 valor da caução 2 de !V e ser5 prestada por depEsito em dinheiro ou em t)tulos
emitidos ou garantidos pelo stado3 ou mediante garantia banc5ria ou seguro
caução3 con%orme escolha do ad(udicat5rio3 nos termos estipulados no caderno de
encargosC


2& - ENCARGOS DO CONCORRENTE

2.C1 =ão encargos do concorrente as despesas inerentes G elaboração da proposta3
incluindo as de prestação da caução e seus re%orçosC

2.C2 =ão ainda da conta do concorrente as despesas e encargos inerentes G celebração
do contrato3 nos termos do nCB 3 do artigo 111B3 do Decreto-4ei nCB 4.!F,33 de 1.
de De0embroC

-R9:R"'" D 19;1<R=9 19;=+R<>?9 D" =194" @A=I1" ;B 3 D9 4<'I"R

11
21 - LEGISLAÇÃO APLIC*VEL

21C1 m tudo o omisso no presente programa de concurso observar-se-5 o disposto no
Decreto-lei nCB 4.!F,33 de 1. de De0embro3 e restante legislação aplic5velC

21C2 9s tribunais competentes para (ulgar as Duestões emergentes do presente concurso
serão os do %oro da 1omarca de 4isboaC


22 - !ORNECIMENTO DE E+EMPLARES DO PROCESSO

"s cEpias do processo de concurso re%eridas no nCB 1C3 serão %ornecidas contra
pagamento em cheDue ou em dinheiro3 pela Duantia de 3.C...O.. Ktrinta mil escudosI3 a
Due acresce o I/" G ta7a legal em vigorC





Lisboa, 11 de Outubro de 1999





























-R9:R"'" D 19;1<R=9 19;=+R<>?9 D" =194" @A=I1" ;B 3 D9 4<'I"R

12


ANE+O



MODELO DE PROPOSTA




6CCC Kindicar nome3 estado3 pro%issão e morada3 ou %irma e sedeI3 titular do alvar5 de
empreiteiro de obras públicas nB CCC 3 contendo aKsI autori0açãoKõesI daKsI CCC Kindicar
nature0a e classes respectivasI3 depois de ter tomado conhecimento do ob(ecto da
empreitada de 1onstrução da scola @5sica nB 3 do 4umiar3 4isboa3 a Due se re%ere o
anúncio datado de 11 de 9utubro de 1,,,3 obriga-se a e7ecutar todos os trabalhos Due
constituem essa empreitada3 em con%ormidade com o caderno de encargos3 no pra0o de
CCC dias3 pelo preço global de CCCOCCC Kpor algarismos e por e7tensoI3 Due não inclui o
imposto sobre o valor acrescentadoC

T Duantia supramencionada acrescer5 o imposto sobre o valor acrescentado G ta7a legal
em vigorC

'ais declara Due renuncia a %oro especial e se submete3 em tudo o Due respeita G
e7ecução do seu contrato3 ao Due se achar prescrito na legislação portuguesa em vigorC


DataCCC

"ssinaturaCCC