FITNESS: Treino Funcional, a técnica para ganhar

resistência e moldar os músculos vira mania

O Treinamento funcional já existe há muito tempo só que antes era
restrito ao universo esportivo e utilizado para a preparação física dos
atletas com exercícios específicos para cada modalidade de esporte.
De uns tempos pra cá o que era exclusividade dos atletas
profissionais virou mania nas academias e passou a beneficiar um
número cada vez maior de pessoas que buscam saúde, bem-estar e
um bom preparo físico para enfrentar a rotina da vida moderna.

Achou interessante? Então vamos conhecer um pouco mais dessa
modalidade de exercício físico. O Treinamento Funcional é uma
metodologia de treinamento que se destaca pelos exercícios
dinâmicos e motivantes, ou seja, evita as faltas freqüentes na
academia dos mais preguiçosos! O treino é baseado nos movimentos
naturais e funcionais do ser humano, como levantar, agachar, puxar,
empurrar e girar.




Visando trabalhar o corpo de uma maneira global sem separar por
segmentos trabalhando os músculos do CORE, que são músculos
estabilizadores da postura e primários para diversos movimentos. As
vantagens são a possibilidade de experimentar novas formas de se
exercitar levando o praticante a explorar seus limites. O principal
equipamento utilizado no Treino Funcional é o próprio corpo do
praticante, além de fita de treinamento em suspensão, meia bola,
medicineball, prancha de equilíbrio, alem de halteres, barras e
anilhas. Caso você esteja se perguntando a freqüência desse tipo de
treinamento, fique sabendo que é igual a qualquer outro tipo de
atividade física, o ideal é que se pratique pelo menos quatro vezes
por semana podendo ser praticado todos os dias com um
planejamento adequado e dependendo objetivo do praticante.





Uma das grandes vantagens do Treinamento Funcional é a pouca ou
quase nenhuma restrição a idade. Respeitando as fases
maturacionais e as habilidades específicas, desde criança, por
exemplo, já se pode praticar esse tipo de treino. O mais bacana ainda
é que as crianças pratiquem o esporte favorito e seus treinadores
utilizem o treinamento funcional de maneira adequada aliando as
duas atividades. Idosos também podem ser beneficiados, desde que
não apresentem nenhuma restrição médica e dessa forma podem ser
auxiliados a manter a vitalidade e exercerem seus movimentos de
rotina sem alteração por conta da idade, como subir escada, agachar
para pegar um objeto no chão, por exemplo.


O treinamento funcional proporciona ainda diversos benefícios à
saúde, destacando-se por trabalhar mais de uma valência física por
exercício como a força, resistência muscular, resistência
cardiopulmonar, flexibilidade, coordenação e equilíbrio. O praticante
fica preparado para realizar suas atividades diárias e esportivas com
mais vigor e segurança, além de proporcionar motivação pelo
dinamismo dos treinos e deixar o corpo forte e definido. Para os
atletas vale lembrar que todos os esportes são beneficiados com o
treinamento funcional. Os exercícios são direcionados para
proporcionar ao atleta o mais perto possível do gesto esportivo da
modalidade que ele pratica. O importante é a prescrição correta dos
exercícios para cada esporte.


Na hora de escolher onde e com quem realizar seu Treinamento
Funcional procure um Educador Físico ou Fisioterapeuta, enquanto o
professor de educação física vai trabalhar com treinamento para
rendimento esportivo e promoção da saúde e o Fisioterapeuta para
reabilitação física. Agora que você já conhece o Treino Funcional,
mexa-se e pratique saúde!

Fotos: Gregorio Rosa
Agradecimento: Marcello Mulatinho
Participação especial: Rafael Bruno (atleta)
Locação: Ace Fitness Studio - www.acefitnessstudio.blogspot.com