CENTRAL ÚNICA DOSTRABALHADORES

Fundada em 28/8/83
OS TRABALHADORES E OS TRANSGÊNICOS
Produtos transgênicos ou organismos geneticamente modificados (OGMs) é como
são chamados animais, !antas ou outros seres cu"os genes, e!ementos #$sicos dos
organismos %i%os, são a!terados or engenharia genética em !a#orat&rios' O rocesso
consiste na transferência de um gene resons$%e! or uma determinada caracter(stica num
organismo ara outro ao )ua! retende se incororar essa caracter(stica' *essas
transferências odem+se misturar genes de !antas, #actérias ou %(rus ara outros seres
%i%os, ou ainda, com#inar genes de esécies e gêneros entre si, suerando or com!eto
as #arreiras naturais )ue seararam, até ho"e, as esécies e as re!a,-es de rocria,ão'
Os e.em!os estão a( ara )uem )uiser %er/ ore!ha humana em rato, macaco
transgênico e %$rios a!imentos "$ 0 %enda no mercado com genes modificados, sem )ue a
ou!a,ão sai#a ou ossa distingu(+!os' Para 1os donos do mundo e da nature2a3 nada
ode #arrar a rocura insana e!o !ucro e e!a hegemonia do mercado de #iotecno!ogia,
nem )ue com isso se destrua a sa4de humana e o meio am#iente'
5 artir do momento em )ue a discussão so#re transgênicos %eio a 4#!ico, %$rias
entidades da sociedade ci%i! e da comunidade cient(fica têm se osicionado so#re o
assunto' 6i%ersas organi2a,-es não go%ernamentais, e dos mo%imentos sociais se
articu!aram ara !utar contra a !i#era,ão dos rodutos transgênicos no 7rasi!' 5!guns
go%ernos estaduais se osicionaram contra a !i#era,ão dos OGMs e %$rias entidades do
mo%imento ou!ar e sindica! têm mostrado como é re"udicia! a !i#era,ão desses
organismos'
8o"e nada "ustifica a osi,ão do go%erno #rasi!eiro, rincia!mente da 9:*7io
(9omissão :écnica *aciona! de 7iosseguran,a), !igada ao Ministério da 9iência e
:ecno!ogia, de !i#erar !antio e/ou %enda de sementes transgênicas ou mesmo !i#erar
financiamento ara e.eriência cient(fica com tais organismos, %isando sua rodu,ão e
comercia!i2a,ão'
;ma osi,ão minimamente resons$%e! e comrometida com a sa4de, com a
seguran,a a!imentar, com a defesa do meio am#iente e com a so#erania naciona! e.ige
uma morat&ria imediata ara os rodutos transgênicos e a rea!i2a,ão de estudos rigorosos
ara, a artir de dados cient(ficos e, tam#ém mediante consu!ta a am!os setores da
sociedade, discutir de forma isenta, so#erana e democr$tica o assunto'
<a#emos )ue oderosos interesses econ=micos e o!(ticos estão or tra2 da
!i#era,ão dos transgênicos' *a %erdade, as grandes emresas mu!tinacionais do setor de
a!imentos e de #iotecno!ogia são as rinciais interessadas e!a rodu,ão e
comercia!i2a,ão dos organismos geneticamente modificados' ;ti!i2am argumentos como o
au.(!io ara o fim da fome no mundo, a cura de in4meras doen,as e uma radica! me!horia
na )ua!idade de %ida' Ora, é #om !em#rar )ue esses são os mesmos argumentos
aresentados e!as grandes emresas mu!tinacionais ara rea!i2ar a 1re%o!u,ão %erde3 )ue
intensificou a monocu!tura na agricu!tura, o aumento no n4mero de !atif4ndios e destruiu
grande arte da #iodi%ersidade'
Passados esses >? anos, não s& não reso!%eu a )uestão da fome, como hou%e
grande aumento desse ro#!ema' 8o"e, h$ um #i!hão de essoas no mundo sem ter o )ue
comer' *ão hou%e a%an,o significati%o no com#ate de doen,as uti!i2ando+se
#ioengenharia, a!ém de ha%er in4meros indicati%os de ma!es decorrentes dos
e.erimentos, de%ido aos efeitos sistêmicos nos organismos e a ausência dos estudos de
riscos'
Rua Caetano Pinto, 575 – CEP – 0304!000 – B"#$ – S%o Pau&o – SP
Te&'( )0* 3+7+ ,4 – -a.( )0* 3+7+ ,/0 – E!0ai&( 1ut21ut'o"3'4"
CENTRAL ÚNICA DOSTRABALHADORES
Fundada em 28/8/83
O )ue as emresas mu!tinacionais )uerem é aumentar seus "$ %u!tosos !ucros e
hegemoni2ar o mercado de #iotecno!ogia no mundo' Os transgênicos são ho"e um
instrumento fundamenta! ara essa estratégia' Os detentores das tecno!ogias de
#ioengenharia )uerem contro!ar insumos e rinc(ios ati%os de medicamentos, "$ )ue é
&#%io )ue esse rocesso ser$ atenteado, imondo rincia!mente aos tra#a!hadores
com!eta deendência dos insumos geneticamente modificadas'
5ssim, ha%er$ uma e.!ora,ão ainda maior dos tra#a!hadores, "$ )ue a!ém de
todos os ro#!emas )ue enfrentam ho"e, estarão su#ordinados aos interesses e dom(nio
tecno!&gico das mu!tinacionais' *o caso dos tra#a!hadores rurais, )ue sofrem com o
aumento e concentra,ão de !atif4ndios, fa!ta de o!(tica agr(co!a %o!tada ara e)uenos e
médios rodutores, descaita!i2a,ão e aueri2a,ão das condi,-es de tra#a!ho, etc', terão
ainda, )ue se su#meterem ao contro!e das sementes transgênicas transnacionais'
5 tentati%a de monoo!i2a,ão do setor roduti%o e das re!a,-es sociais da
agricu!tura, e a imosi,ão de um no%o adrão tecno!&gico imosto e!as grandes
emresas mu!tinacionais do setor de #iotecno!ogia, arofundar$ ainda mais a deendência
do Pa(s' 9onstitui+se ainda em um gra%e atentado 0 so#erania naciona!, "$ )ue essa
o!(tica confronta com os interesses e o direito dos tra#a!hadores #rasi!eiros de ter uma
o!(tica de ciência e tecno!ogia so#erana e de seguran,a a!imentar mais "usta e e)u@nime'
Outro e!emento gra%e desse rocesso é )ue a rodu,ão dos organismos
geneticamente modificados trar$ danos 0 sa4de dos tra#a!hadores e causar$ gra%es
imactos ao meio am#iente' A$rios cientistas estão denunciando )ue os transgênicos
aumentam e geram no%os casos de a!ergias, odem causar resistência a anti#i&ticos,
ocasionar no%as doen,as, fa%orecer o aarecimento de no%os %(rus e o aumento do
consumo de agrot&.icos, dentre outros ro#!emas'
Os imactos am#ientais são tam#ém #astante %is(%eis/ contamina,ão dos so!os,
das $guas, e!imina,ão de insetos #enéficos 0 nature2a, destrui,ão da #iodi%ersidade, entre
outros' Mesmo com todos esses ro#!emas e no%as den4ncias a cada momento, "$
e.istem a!imentos transgênicos sendo comercia!i2ados no mercado sem nenhuma
rotu!agem' 6os rodutos )ue ti%eram e.erimentos autori2ados e!a 9:*7io, não h$ até
agora, o efeti%o estudo e es)uisa so#re riscos e danos )ue odem causar' 5 !i#era,ão
dos organismos geneticamente modificados, neste momento, odem acarretar gra%es
danos 0 sa4de humana e ao meio am#iente, dados seus efeitos se darem de maneira
sistêmica'
Por todos esses moti%os é )ue a E.e1uti5a Na1iona& 6a C7T se osiciona contra
a !i#era,ão dos transgênicos e orienta as inst@ncias e sindicatos !igados 0 9entra! a se
enga"arem nessa !uta' *esse sentido, romo%er$ uma camanha naciona! de
esc!arecimentos e mo#i!i2a,-es dos tra#a!hadores ara #arrarem a !i#era,ão dos
organismos geneticamente modificados, defendendo uma morat&ria e somar$ for,as com
outras entidades da sociedade ci%i! contra a medida ro%is&ria 2B3C de 28 de de2em#ro de
2???'
<ão Pau!o, Daneiro de 2??B'
E.ecuti%a *aciona! da 9;:
<ecretaria de Po!(tica <ociais da 9;:
9omissão *aciona! do Meio 5m#iente da 9;:
Rua Caetano Pinto, 575 – CEP – 0304!000 – B"#$ – S%o Pau&o – SP
Te&'( )0* 3+7+ ,4 – -a.( )0* 3+7+ ,/0 – E!0ai&( 1ut21ut'o"3'4"