You are on page 1of 5

Escola Superior de Advocacia

Cursos

Título: 534/01 - Curso de Direito do COOPERATIVISMO

Objetivo: Difundir o estudo do direito cooperativo e da doutrina cooperativista
capacitando profissionais do campo jurídico e outros interessados
para atuação na área.

Coordenador: Antonio Luís Guimarães de Álvares Otero

Início das Aulas: 23/03/2010

Matrícula: On line a partir de 18/11, para os inscritos na OAB-SP e/ou
pessoalmente na sede da Escola, das 9h às 21h30min.(Obs.: Não
inscritos na OABSP devem apresentar cópia do diploma)

Tipo de Curso: Presencial (São Paulo )
Largo da Pólvora, 141 Sobreloja
Bairro Liberdade - SÃO PAULO, SP

Horário: Das 9 às 12 horas (terças-feiras)

Período: Previsão de Início: 23/03 - Previsão de término: 22/06

Carga Horária
42 horas
Total:

Investimento:

A quem Advogados e Estagiários Inscritos na OAB, Bacharéis em Direito e
se destina: Profissionais graduados de outras áreas.

Tipo de Aula:

Critério de
Avaliação:

PROGRAMAÇÃO:

Objetivos Específicos:

Fornecer o curso com o objetivo de ampliar o estudo do direito cooperativo e capacitar
advogados e outros profissionais para atuação nos diversos ramos do cooperativismo,
ampliando o mercado de trabalho e contribuindo para a formação de profissionais com
uma visão ampla das questões jurídicas que envolvem a doutrina cooperativista.

Ementa:

Apesar da importância jurídica e econômica do setor, a doutrina cooperativista ainda é
pouco estudada e difundida, particularmente dentro das universidades. Há, portanto, uma
carência de profissionais com formação específica para guarnecer o sistema cooperativista
e também de profissionais que possam conferir às cooperativas e aos cooperados,
assessoria jurídica especializada. São poucos também os economistas, contadores,
gerentes de recursos humanos e outros profissionais especializados, inclusive advogados,
que conhecem a doutrina cooperativista.

O curso visa contribuir para difundir o estudo do direito cooperativo, com especial ênfase
na capacitação técnica para a ampliação do mercado de trabalho e conseqüente atuação
profissional dos advogados e outros operadores do direito.

Programa

Unidade 1 - Introdução ao Estudo do Direito cooperativo
1.1 - origem;
1.2 - Histórico das sociedades cooperativas;
1.3 - Princípios cooperativistas;
1.4 - Sistema cooperativista;
1.5- Cooperativas singulares, federações, centrais e confederações;

Unidade 2- Aspectos Legais e Societários
2.1 - Sociedades;
fundações;associações;
2.2 -Natureza jurídica das sociedades cooperativas;
2.3- Sociedades de pessoas e de capital;
2.4 - Sociedades empresárias e sociedades simples;
2.5- A cooperativa como sociedade simples ;

Unidade 3
2.6 - A Lei 5764/71 e suas características;
2.7 - Constituição Federal do Brasil – Fim da interferência estatal;
2.8 - As cooperativas e a Lei 10.406/02 (Código Civil);
2.9 - Relações do direito cooperativo com os outros ramos do direito;

Unidade 4
2.8- Classificação das cooperativas;
2.9- Constituição das sociedades cooperativas;
2.10-Da associação nas cooperativas;
2.11-Capital Social;

Unidade 5
2.12- Assembléia Geral;
2.13- Órgãos de administração;
2.14- Conselho Fiscal;
2.15- Fusão, incorporação e desmembramento;

Unidade 6 - Sistema Tributário, Contábil e Sindical das Sociedades
Cooperativas
3.1 Sistema Tributário:
3.1.1 Ato Cooperativo;
3.1.2 Negócios Cooperativos;
3.1.3 Ato não Cooperativo;

Unidade 7
3.1.4 Reflexos do ato cooperativo sobre a tributação;
3.1.5 - Histórico da tributação das sociedades cooperativas;
3.1.6 Atual situação da tributação das sociedades cooperativas;
3.1.7 - Adequado tratamento tributário ao ato cooperativo;
3.1.8 - Exemplo de tributação: Imposto de Renda das sociedades cooperativas;
3.1.9 - As Cooperativas na Lei Geral 123/06 e Lei 11.488/07;

Unidade 8
3.2 Sistema Contábil:
3.2.1 Noções básicas de Contabilidade;
3.2.2 Aspectos contábeis específicos para sociedades cooperativas- NBCT 10,8 e NBCT
10.21;
3.2.3 - 5 cinco peças contábeis;
3.2.4 - Obrigações acessórias;

Unidade 9
3.3 Sistema Sindical:
3.3.1 Conceito;
3.3.2 Contrato de Trabalho;
3.3.3 Representação Sindical;
3.3.4 Convemção Coletiva;
3.3.5 Segmentos Específicos do Cooperativismo

Unidade 10
- Cooperativismo e Regulação
4.1- Cooperativas e o direito concorrencial e regulatório ;
4.2 - Regulação econômica e cooperativismo;
4.3 - Concorrência X Cooperativismo / o posicionamento do CADE frente às sociedades
cooperativas;
4.4 - Jurisprudência das sociedades cooperativas /Entendimento dos Tribunais;

Unidade 11
modalidades de cooperativas: Ramos do Cooperativismo
5.1 Cooperativismo de Compra em Comum:
5.1.1 Habitacional;
5.1.2 Cooperativismo Consumo ;
5.1.3 Cooperativismo Infra-estrutura;

Unidade 12
5.2 Cooperativismo de Venda em Comum:
5.2.1 Produção: Industrial e Agrícola;
5.2.2 Cooperativismo de Trabalho;
5.2.3 Cooperativismo de Saúde e trabalho Médico;
5.2.4 Cooperativismo de Transporte;

Unidade 13
5.3 - Cooperativismo de Crédito e Seguros;

Unidade 14 - Economia social e cooperativismo
6.1 - Cooperativismo e Terceiro Setor: afinidades e distinções - definindo conceitos e
papéis;
6.2 - Cooperativismo e Economia Solidária;
6.3 - Responsabilidade Social: um pilar da economia social;
6.4 - Dimensão social das Cooperativas;

Metodologia:
A metodologia das atividades será aplicada através de aulas expositivas com a discussão
de casos concretos

Recursos Instrucionais e audiovisuais:
Retro projetor, multimídia (data show, TV e vídeo, som), filmadora, material gráfico .

Bibliografia Básica:

AZEVEDO, Osmar Reis (e Silvio Helder Lencioni). Obrigações fiscais das entidades sem fins
lucrativos e sociedades cooperativas. São Paulo. Thomson IOB. 2006.

BECHO, Renato Lopes. Tributação das Cooperativas. São Paulo: Dialética 1988.

BECHO, Renato Lopes. Elementos de Direito Cooperativo. São Paulo: Dialética, 2002.

BIALOSKORSKI NETO, Sigismundo. Aspectos Econômicos das Cooperativas, Belo
Horizonte: Ed. Mandamentos. 2006.

BULGARELLI, Waldírio. As Sociedades Cooperativas e a sua Disciplina Jurídica. Rio de
Janeiro: Renovar 1998.

KRUEGER, Guilherme (coord.). Cooperativismo e o Novo Código Civil. 2ª Ed. Belo
Horizonte: Editora Mandamentos, 2006.

MIRANDA, André Branco (e Guilherme Gomes Krueger --- Coordenadores). Comentários à
Legislação das sociedades Cooperativas. Belo Horizonte. Mandamentos. 2007.

Organização das Cooperativas Brasileiras. Cooperativismo brasileiro: uma história.SP,
2004.

POLONIO, Wilson Alves. Manual das Sociedades Cooperativas. 4ª ed. São Paulo: Editora
Atlas, 2004.

Professores:

André Branco de Miranda
Advogado, pós-graduado em Direito da Economia e da Empresa-FGV

Adriano Alves
Advogado, Coordenador jurídico da Organização das Cooperativas Brasileiras - OCB

Ana Maria de Jesus de Souza Barrio
Advogada, Presidente da Comissão do Cooperativismo da OAB/São José dos Campos

Gislaine Caresia
Advogada, Mestre em Direito Internacional Público – UNISANTOS

Marco Aurélio Bellato Kaluf
Advogado, Pós-graduado no nível Especialização em Direito, Faculdade de Direito da
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC/SP- MBA Cooperativismo, FEA/USP
Ribeirão Preto

Marília Lima
Administradora de Empresas - Faculdade Santa Marta -Presidente da Cooperativa Cultural
Brasileira

Paulo Gonçalves Vieira
Advogado, Coordenador jurídico da Organização das Cooperativas do Estado de São Paulo
– OCESP

Renato Lopes Becho
Doutor em Direito Tributário pela PUC/SP. Professor de Direito Tributário da PUC/SP. Juiz
Federal

Vanessa Cardone
Advogada, Mestre em Direito das Relações Sociais, Subárea de Difusos e Coletivos -
PUC/SP- Especialista em Direito de Família - PUC/SP - Professora Auxiliar de Lógica
Jurídica - PUC/SP

Paulo Melchor
Especialista em Direito Processual Civil - FMU -Mestre em Direito - UNIMES de Santos

Fabio Godoy Teixeira da Silva
Advogado, especialista em Direito Tributário – PUC/SP

Antonio Luiz Fonseca
Bacharel em Ciências Contábeis, Pós Graduado em Controladoria – FECAP Auditor interno
do Sicoob Central Cecresp

José Bento Oliveira
Bacharel em Ciências Contábeis, assessor contábil da Unimed do Brasil
José Cláudio Ribeiro de Oliveira
Advogado, mestre em Direito Constitucional pela PUC/SP, Professor de Direito Tributário
na Universidade Mackenzie

José Roberto Silvestre
Advogado, Assessor Jurídico Do Sincoomed- Sindicato Nacional das Cooperativas de
Serviços Médicos

Paulo Celso Oliveira Paulo Celso
Advogado, presidente da FECOERESP - Federação das Cooperativas de Eletrificação Rural
do Estado de São Paulo

William Kun Niscolo
Advogado, presidente da Federação das Cooperativas Habitacionais do Estado de São
Paulo -FECOOHESP e diretor do ramo Habitacional da Organização das Cooperativas do
Estado de São Paulo -OCESP

______________

Obs.1: A Escola Superior de Advocacia - ESA poderá alterar datas e horários ou cancelar
os cursos, de acordo com o número de interessados. Em caso de imprevisto com o
docente, poderá haver substituição, a critério da ESA, sem alteração do programa.

Obs.2: O conteúdo desta página é propriedade da ESA. Todos os direitos reservados.

http://www2.oabsp.org.br/asp/esa/cursos/esa1.1.asp?proc=1&id_area=2&id_curso=1692