PROJETO TELECENTRO

Os telecentros são espaços públicos localizados em escolas da rede municipal de
ensino, com computadores conectados à internet. Utilizados como meio de integração
entre as instituições públicas e a comunidade, os telecentros possuem acesso livre,
porém controlado e organizado para atender alunos, professores, funcionários e
comunitários.
Com o objetivo de promover capacitação e democratização do acesso à informação, os
telecentros não possuem quaisquer fins lucrativos, mas garantem acesso público e
gratuito às tecnologias da informação e comunicação à disposição de toda a sociedade.
PROGRAMA VIAJANDO NA LEITURA
O Programa Viajando na Leitura objetiva criar condições para contribuir com a
melhoria dos índices de aproveitamento de ensino apontados nas avaliações escolares,
favorecendo o desenvolvimento e a consolidação do hábito da leitura por meio de várias
ações: Hora da Leitura (2º ao 9º ano); Dia da Leitura no Município de Manaus (11 de
junho); Concurso de Desenho e Redação; I Encontro Municipal de Leitura; participação
em Feiras de Livros; Almanaque do Programa Viajando na Leitura; além de espaços
privilegiados de acesso à leitura; ampliação do acervo e formação específica na área.
PROGRAMA ALFABETIZANDO NA HORA CERTA
É desenvolvido em todo o primeiro ano do ensino fundamental das escolas
municipais e tem por objetivo subsidiar a prática pedagógica criando ações direcionadas
ao atendimento das necessidades de ensino e aprendizagem da alfabetização. Está
inserido em uma das três grandes áreas de atuação da Semed: Infraestrutura, Gestão
Escolar e Projetos e Programas Pedagógicos. Entre as ações do programa encontram-se:
elaboração de um guia com os fundamentos teóricos e metodológicos da alfabetização,
formação continuada para professores, produção de livros infantis, estudos dirigidos,
ampliação do acervo da biblioteca escolar, curso de pós-graduação em Alfabetização,
aquisição de materiais pedagógicos, acompanhamento efetivo das turmas, entre outros.
PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO
Instituído em abril do ano passado, tem como proposta ampliar o tempo e o
espaço educativo dos alunos da rede pública. Trata-se de uma contribuição para a
formação integral de crianças, adolescentes e jovens, por meio da articulação de ações,
projetos e programas do governo federal. A iniciativa promove ações sociais e
educativas em escolas e outros espaços socioculturais. Os alunos participam das
atividades no turno contrário ao das aulas regulares.
O programa conta com o esforço dos ministérios da Educação, Esporte, Cultura,
Ciência e Tecnologia, Desenvolvimento Social e Meio Ambiente. Também foram
firmadas parcerias com a Presidência da República, na área da Secretaria Nacional da
Juventude, com a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação(Undime) e
com o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed).
PROGRAMA RELAÇÃO ESCOLA COMUNIDADE
O objetivo do programa é tornar as escolas públicas de educação básica, em
espaços alternativos para o desenvolvimento de atividades complementares às ações
educacionais, nos finais de semana, melhorando a qualidade da educação, contribuindo
para a construção de uma cultura de paz, reduzindo os índices de violência e
aumentando as oportunidades de emprego aos jovens, sobretudo aqueles em situação de
vulnerabilidade social por meio de oficinas e atividades de lazer, esporte, educação e
cultura.
A execução do Programa é feita pelo Ministério da Educação, por meio do
Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE/MEC), sob a coordenação da
Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade (Secad/MEC), em
parceria com as secretarias municipais de Educação e os ministérios do Trabalho e
Emprego, do Esporte e da Cultura, contando com a cooperação da Organização das
Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).
ENFRENTAMENTO E PREVENÇÃO À VIOLÊNCIA SEXUAL INFANTO-
JUVENIL
As ações de Enfrentamento e Prevenção à Violência Sexual Infanto-Juvenil
desenvolvidas pela Semed visam favorecer a prevenção do abuso e da exploração sexual
de crianças e adolescentes, envolvendo toda a comunidade escolar e sociedade civil. Sua
participação ativa e qualificada tem o objetivo de cumprir o papel da escola na rede de
proteção da Infância e da Juventude, por meio da realização de palestras, seminários,
mobilizações, caminhadas e outras ações para o combate.
PROGRAMA ESCOLA ATIVA
O programa Escola Ativa é o único programa no Brasil voltado para turmas
multisseriadas com uma estrutura de uma sala voltada para as dificuldades do aluno,
dando um suporte para a professora e para os técnicos, um suporte metodológico e de
gestão envolvendo a participação dos comunitários e alunos. Consiste em um trabalho
contínuo e combina uma série de elementos e instrumentos de caráter pedagógico,
social e de gestão da escola seguindo os pressupostos da ação-reflexão-ação como base
da aprendizagem; o professor e o estudante como protagonistas do processo ensino e
aprendizagem; a escola como um lugar de apropriação de conhecimentos e outros.
PROGRAMA SAÚDE NA ESCOLA
O Programa Saúde na Escola (PSE) visa constituir uma política para a
integração e articulação intersetorial permanente entre a Educação e a Saúde, com a
participação da comunidade escolar, envolvendo a Estratégia de Saúde da Família e da
Educação Básica. Sua finalidade é contribuir para a formação integral dos estudantes
por meio de ações de promoção, prevenção e atenção à saúde, com vistas ao
enfrentamento das vulnerabilidades que comprometem o pleno desenvolvimento de
crianças e jovens da rede pública municipal de ensino.
PROGRAMA CIÊNCIA NA ESCOLA
O Programa Ciência na Escola é desenvolvido pela Fundação de Amparo à
Pesquisa do Estado do Amazonas em parceria com a Secretaria Municipal de Educação.
Consiste em apoiar, com recursos financeiros e bolsas, sob formas de cotas
institucionais, estudantes do 5º ao 9º ano do ensino fundamental integrados no
desenvolvimento de projetos de pesquisas de escolas públicas.


PROJOVEM URBANO
O ProJovem Urbano destina-se a promover a inclusão social dos jovens
brasileiros de 18 a 29 anos que, apesar de alfabetizados, não concluíram o ensino
fundamental, buscando sua re-inserção na escola e no mundo do trabalho, de modo a
propiciar-lhes oportunidades de desenvolvimento humano e exercício efetivo da
cidadania. Com duração de 18 meses, o curso oferece a conclusão do ensino
fundamental, treinamento em informática, formação profissional inicial e atividades de
participação cidadã. Aos jovens que cumprem determinados requisitos de freqüência e
elaboração de trabalhos é concedido um benefício mensal de R$100,00. Beneficiando
mais de 10 mil jovens alunos nos últimos quatro anos, Manaus é destaque no Projovem
entre as outras cidades no Norte do País.
AGENDA AMBIENTAL ESCOLAR
A Agenda Ambiental Escolar (AAE) é um instrumento de planejamento
participativo e democrático para o desenvolvimento sustentável da realidade local de
cada escola de Manaus que segue as Diretrizes da Agenda 21 local, nacional e global. A
iniciativa veio da necessidade de um modelo padrão de orientação para o trabalho
cotidiano e sua elaboração teve a participação de professores, gestores e pedagogos da
rede municipal. Desde o primeiro semestre de 2009, está disponível em formato
multimídia para todas as unidades.
PROJETO MUDANDO A HISTÓRIA
O Projeto tem por objetivo promover a reflexão sobre a leitura como
instrumento de transformação da sociedade, por meio de mediação de leitura pelos
multiplicadores do projeto aos alunos da rede pública municipal, uma iniciativa da
Fundação Abrinq, em parceria com a Nokia, a Internacional Youth Foundation, a
Secretaria Municipal de Educação (Semed) e a Secretaria Municipal de Assistência
Social e Direitos Humanos (Semasdh).
PROINFO
O Programa Nacional de Informática na Educação tem como objetivo implantar
a informática nas escolas da rede pública de ensino de forma descentralizada em
parceria com os Estados e Municípios. A Semed possuiu uma equipe de multiplicadores
especialistas em informática educativa, assessorados por um grupo de suporte técnico e
administrativo que dá apoio às escolas municipais que possuem Laboratório de
Informática, capacitando professores, pedagogos e diretores.
PROGRAMA MUNICIPAL SAÚDE DO ESCOLAR
Esse Programa existe a nível federal, criado em 1984 e tem como objetivo
promover a saúde do escolar da Rede Municipal de Ensino, por meio de ações
educativas, preventivas e curativas nas áreas de saúde geral, oftalmologia e odontologia.
Em Manaus, o programa foi implantado em 1994 sobre a mesma lógica. As ações de
Saúde Geral são desenvolvidas por Agentes de Saúde Escolar (ASE) e tem como
objetivo promover a conscientização dos pais, alunos e funcionários sobre a importância
da saúde e a necessidade de mudança de hábitos e comportamentos para uma vida
saudável.
PAA
O Programa de Aceleração da Aprendizagem foi instituído pelo Ministério da
Educação (MEC) e visa corrigir a distorção do fluxo escolar, entre a idade e a série que
os alunos deveriam estar cursando, geralmente ligado à repetência e à evasão escolar,
considerados os principais problemas da educação nacional. A aceleração da
aprendizagem é considerada uma estratégia pedagógica que parte da idéia de que o nível
de maturidade dos alunos permite uma abordagem mais rápida dos conteúdos para
ajudar-lhes a recuperar o tempo perdido.
PROJETO MPT NA ESCOLA
O Projeto MPT na Escola evento teve o objetivo de apresentar a cartilha aos
gestores das escolas municipais, sensibilizando-os no combate ao trabalho infantil
estimulando que a temática seja trabalhada em sala de aula, de modo que os alunos
possam desenvolver atitudes de cuidado e respeito com a sua vida e dos outros,
repensando seus valores e seu posicionamento em relação ao exercício da sua cidadania.

Referencia Básica
http://semed.manaus.am.gov.br/programas-e-projetos/