You are on page 1of 2

Portefólio Reflexivo de Aprendizagens

Reflexão / Balanço de Competências
Formando/a: Rui de Jesus Martins Nº: 19
Cód. UFCD: 567 Identii!a"#o UFCD: No"$es de is!a%idade
Formador: Jos& 'edro Cam(os Mediadora: Ana Figueiredo
)ss. Formador )ss. Mediadora
C%assii!a"#o
* +a%idado
* N#o +a%idado
Os conteúdos desta UFCD visam reconhecer a atividade financeira do Estado, bem
como a definição, interpretação e a aplicação dos impostos, taas e outras receitas como um
meio para atingir um fim! Este tema tem sido alvo de imensas cr"ticas pelos mais variados
setores da sociedade e #ue convergem num #uadro de suspeição #uanto $ sua
aplicabilidade! O meu interesse não tem essa pretensão, mas sim o de melhor aprofundar e
compreender toda a mec%nica #ue fa& manter vivo o Estado de Direito!
'atisfa&er as necessidades coletivas dos cidadãos e a coordenação entre os meios e
estas necessidades re#uer uma engenharia financeira #ue nem sempre ( aplicada da forma
mais e#uitativa entre a população mais desprotegida e de menos recursos financeiros!
)arafraseando, * Em casa onde não h+ pão toda a gente ralha e ningu(m tem ra&ão,! A
grande m+#uina #ue ( o Estado vai al(m do Estado 'ocial e #ue para mant-.lo,
providenciando a manutenção de um sistema de saúde, segurança interna e eterna,
educação, transportes, comunicaç/es, e outros compromissos internos e eternos, #ue
estão $ disposição de todos n0s, suporta uma despesa pública a curto e longo pra&o,
corrente e de capital respetivamente!
1 lu& da con2untura econ0mica e social desfavor+vel #ue vivemos atualmente, muitas
ve&es somos confrontados com a informação de #ue o Estado não tem condiç/es
financeiras para pagar os sal+rios dos funcion+rios públicos por falta de li#uide&, sendo #ue
esta ( uma despesa corrente3 outras ve&es chega.nos a informação #ue não haver+ verbas
1/1
Portefólio Reflexivo de Aprendizagens
para reembolsar as despesas de capital, empr(stimos cu2a maturidade vence.se
brevemente, enfim uma s(rie compromissos! As medidas #uantitativas de impostos como
forma de angariação de mais receitas, e sendo #ue esta correspondente a mais de 456 das
receitas, nem sempre se tem provado ser a mais efica&! 7 da responsabilidade do governo
eecutivo legislar atrav(s de decretos.lei, aprovados em Assembleia da 8epública e com
princ"pios #ue estão sub2acentes $s normas 2ur"dicas, mas #ue terão #ue ir ao encontro aos
princ"pios b+sicos descritos na nossa Constituição! Assim, o princ"pio da legalidade não
deia dúvidas, o da igualdade em #ue o pagamento de impostos deve ser reali&ado em
função da capacidade contributiva de cada um t-m.se revelado um #uebra.cabeças, e da
anualidade em #ue a cobrança de impostos ( decidida todos os anos e não tem duração
indeterminada, deia um pouco a duvidar 2+ #ue por ve&es certo imposto sendo uma medida
provis0ria, etrafiscal, desconhecendo.se o dia em #ue deia de o ser com apenas um mera
previsibilidade!
De igual modo e utili&ando a UFCD de 98', verifica.se a redução dos escal/es de taas
de 98' sobre os rendimentos bem como a redução dos benef"cios fiscais sobre a mat(ria
colet+vel, ficando as fam"lias desta forma com menos rendimentos e maior vulnerabilidade
social!
Em termos profissionais e nas funç/es #ue desempenhava, tanto na +rea comercial bem
como na +rea financeira, estava bem patente as dificuldades #ue tinha para encontrar os
recursos financeiros a fim de fa&er face ao pagamento dos impostos, tanto estaduais bem
como os não estaduais, #ue devido $ sua carga ser enorm"ssima ao ponto de ter #ue optar
pelo não pagamento de alguns impostos, assumindo as respeitantes coimas e serem pagos
os sal+rios! 7 desta eperi-ncia profissional e pessoal #ue considero #ue os impostos
deveriam ser uma medida #ualitativa e não #uantitativa na atividade financeira do Estado, 2+
#ue estas ecedem as meramente fiscais e constituem um meio de pol"ticas econ0micas do
)a"s!
:o #ue concerne a dificuldades sentidas nesta UFCD não foram de todo sentidas, no
entanto num ponto ou outro foram colmatadas com os elementos escritos, informaç/es e
esclarecimentos sempre bem orientados pelo formador no sentido pr+tico e te0rico das
#uest/es levantadas!
,/1