You are on page 1of 6

Tabela matriz a utilizar para a realização da 1ª parte da tarefa, conforme indicações do Guia da Sessão

Conhecimento na área Biblioteca escolar

Aspectos críticos que a
Desafios. Acções
Domínio Literatura identifica Pontos fortes Fraquezas Oportunidades Ameaças
a implementar

1. Competências - Construir uma biblioteca - Continuidade de 5 - Dificuldade de - Responder de - Dificuldade para - Tomar a
do professor escolar de qualidade; anos no cargo. avaliar o sucesso da forma adequada às responder às iniciativa, ir à
bibliotecário BE, traduzido na solicitações da solicitações; procura de
- Liderar bem uma equipa; - Exercício do
forma como os Comunidade soluções, antecipar
cargo a tempo - Dificuldade para
- Gerir um serviço, gerir alunos atingem os Educativa. necessidades –
inteiro; pôr em prática um
expectativas, definir objectivos de assumir um papel
plano de trabalho
políticas de actuação, - Presença em aprendizagem. proactivo.
exaustivo;
planear e projectar, tendo em Cons. Ped.
- Dificuldade em
conta o contexto escolar e - Dificuldade para
- Formação de aferir
um determinado horizonte liderar uma equipa.
competências que sistematicamente a
temporal;
envolvem os eficácia dos
- Antecipar e alterar práticas recursos da BE. serviços prestados,
e modelos de trabalho; identificando
- Formação de
- Desenvolver competências competências que sucessos e
exigíveis ao uso da envolvem as insucessos;
informação, à construção do aprendizagens dos
conhecimento e á construção alunos.
da cidadania;
- Aferir a eficácia dos
serviços prestados,
identificando sucessos e

Pág. 1 de 6
A Formanda, Maria Alice Ribeiro de Abreu
Conhecimento na área Biblioteca escolar

insucessos;
- Fazer entender à
Comunidade Educativa
(alunos, professores, pais)
que a BE partilha os
objectivos em que a restante
escola se empenha.
- Fazer entender à
Comunidade Educativa
(alunos, professores, pais)
que a BE tem uma quota
parte de participação no
sucesso escolar obtido.
2. Organização e - Perspectivas da mudança - Entrada na RBE; - Falta de verbas - Obras de - Rede de Internet - Elaborar um plano
Gestão da BE que o PTE trará à BE; para aquisição de reconstrução do com dificuldades de marketing da BE
- Horário de
Fundo Documental. edifício da escola; para responder às
- Criação de ambientes funcionamento;
necessidades da BE
virtuais de aprendizagem - Mudanças a
- Assistente e da escola.
ligados ao currículo; operar com o PTE.
operacional a
- Organização de informação tempo inteiro;
digital;
- 100% do Fundo
- Organização e equipamento Documental
de acordo com os standards registado e
definidos, facultando catalogado no
condições de acesso e de Pobase.
trabalho individual ou em
- Serviço
grupo;
informatizado de

Pág. 2 de 6
A Formanda, Maria Alice Ribeiro de Abreu
Conhecimento na área Biblioteca escolar

requisições e
- Desenvolvimento de
empréstimo
estratégias de gestão
domiciliário;
baseadas na recolha
sistemática de evidências - Regulamento
(evidence based practice). Interno da BE;
- Regimento da BE;
- Manual de
Procedimentos;
- Espaço da Be
funcional e
acolhedor;
- Mobiliário
moderno e
confortável.
- Apetrechar a BE de - Definir
3. Gestão da - Aquisições, tanto - Definição formal (Não encontro nada - Falta de verbas.
recursos e equipamentos de formalmente uma
Colecção quanto possível, de de uma política de a assinalar)
qualidade, intrinsecamente política de gestão
acordo com as gestão da colecção
relacionados com o processo da colecção –
necessidades – aquisição,
de ensino-aprendizagem; aquisição, desbaste
curriculares e/ou desbaste e
e divulgação das
- Disponibilização de um dos utilizadores. divulgação das
“novidades”.
conjunto de recursos de “novidades”.
informação, em diferentes
ambientes e suportes,
actualizada e em extensão e
qualidade adequadas às
necessidades dos
utilizadores.

Pág. 3 de 6
A Formanda, Maria Alice Ribeiro de Abreu
Conhecimento na área Biblioteca escolar

4. A BE como - Centro de conhecimento; - Apoio aos - Dificuldade em, - Articular com - Falta de - Promover acções
espaço de docentes na por vezes, tomar a regularidade com receptividade de visando a
- Espaço funcional,
conhecimento e concretização das iniciativa, ir à os Departamentos e Departamentos e de integração da BE,
transformativo e formativo;
aprendizagem. actividades procura de os docentes. docentes. enquanto espaço de
- Articulação com curriculares soluções, antecipar conhecimento e
Trabalho
departamentos, professores e desenvolvidas no necessidades – aprendizagem.
colaborativo e alunos na planificação e espaço da BE ou assumir um papel
articulado com desenvolvimento de tendo por base os proactivo.
Departamentos e actividades educativas e de seus recursos;
docentes. aprendizagem;
- Apoio aos
- Desenvolvimento de docentes na
estratégias de gestão e de ocupação e
integração da BE na escola e utilização de
no desenvolvimento recursos da BE;
curricular.
- Produção e
difusão de
materiais de apoio
para diferentes
actividades.
5. Formação para - Desenvolvimento de - Desenvolvimento - A falta de gosto - A política da -O - Melhorar a
a leitura e para as competências de leitura e de de estratégias e de muitos jovens de escola para a desconhecimento articução com os
literacias um programa de Literacia da actividades em hoje para a Leitura promoção da das potencialidades docentes.
Informação, integrado no articulação com e o Livro; articulação da BE.
- Criar grupos de
desenvolvimento curricular; docentes para a curricular.
- Articulação leitores para
promoção do gosto
- Transversalidade da Leitura parcial com os partilha de gostos e
pela leitura e o
a todas as áreas do saber. docentes. leituras
desenvolvimento de

Pág. 4 de 6
A Formanda, Maria Alice Ribeiro de Abreu
Conhecimento na área Biblioteca escolar

competências
associadas à leitura;
- Leitura/consulta
de jornais e revistas
para alunos e
professores.
6. BE e os novos - Perspectivar a mudança - Plataforma - Blogue da BE; - O PTE; - A dificuldade na - Perspectivar a
ambientes que o PTE trará à BE; Moodle; mudança de mudança que o
- Falta de formação - A certificação na
digitais. atitudes, tanto dos PTE trará à BE;
- Criar ambientes virtuais de - O portal da para utilizadores de área das TIC para
discentes, como dos
aprendizagem ligados ao Escola; ambientes digitais. os professores; - Criar ambientes
docentes.
currículo; virtuais de
- Serviço de - A renovação da
aprendizagem
- Organizar informação impressões e Escola;
ligados ao
digital. fotocópias, através
currículo;
do “ambiente de
trabalho” do - Organizar
utilizador e do informação digital.
cartão magnético.

7. Gestão de - Aferir a eficácia dos - O levantamento - O “medo” dos - O modelo de - A morosidade em - Aferir a eficácia
evidências/ serviços prestados, sistemático de inquiridos. auto-avaliação da alguns aspectos dos serviços
avaliação. identificando sucessos e dados estatísticos; RBE; “burocráticos”. prestados,
insucessos; identificando
- A aplicação de - A ADD;
sucessos e
- Avaliar o sucesso da BE inquéritos a alunos
- A Avaliação insucessos;
traduzido na forma como os e professores;
Interna e Externa
alunos atingem os objectivos - Avaliar o sucesso
- As reuniões da da Escola.
de aprendizagem. da BE traduzido na
equipa.
forma como os

Pág. 5 de 6
A Formanda, Maria Alice Ribeiro de Abreu
Conhecimento na área Biblioteca escolar

alunos atingem os
objectivos de
aprendizagem.

Gestão da mudança
Factores de sucesso Obstáculos a vencer Acções prioritárias
SÍNTESE

- Gerir para o sucesso educativo; para - Ser prospectivo, estar atento e ter - Mudar o conceito e visão da BE - Perspectivar a BE no centro das
a melhoria das aprendizagens e do uma postura de investigação e de como um espaço fechado e à parte. aprendizagens e da construção do
trabalho escolar; aprendizagem contínua; conhecimento.
- Criar mais-valias comportamentais, - Gerir para a prestação de serviços de
formativas e de aprendizagem junto qualidade;
dos nossos alunos.
- Formação de uma equipa motivada e
- Gerir no sentido da optimização dos devidamente credenciada.
processos que produzam resultados e
impacto na qualidade da BE e dos
serviços que prestamos.
- Ser prospectivo, estar atento e ter
uma postura de investigação e de
aprendizagem contínua.

FIM

Pág. 6 de 6
A Formanda, Maria Alice Ribeiro de Abreu