You are on page 1of 3

O SACERDÓCIO DE MELQUISEDEQUE

Juliana Gonzaga da Silva
Instituto Teológico Quadrangular – Sorocaba
Curso Livre em Teologia (ITQ - Noite) – Hebreus
2!"2!2"#$
RESUMO
Este estudo fala sobre o sacerdócio de Melquisedeque e o sacerdócio eterno e
perfeito de Cristo.
%alavras-c&ave' sacerdócio( Cristo)
1. INTRODUÇO
* +resente trabal&o tem como ob,etivo a+resentar algumas das
caracter-sticas do Sacerdócio de .el/uisede/ue a +artir do estudo da 0+-stola aos
Hebreus ca+-tulo ) Sua genealogia 1 descon&ecida( como tamb1m n2o 1 registrado
nada de+ois do seu a+arecimento at1 3bra2o) * /ue se sabe de .el/uisede/ue 1
/ue era sacerdote do 4eus 3lt-ssimo( rei de ,usti5a e /ue recebeu os d-6imos de
3bra2o) Se esse sacerdote 7oi &onrado +elo +atriarca( maior &onra deve ter o
Sen&or 8esus( /ue 1 in7initamente su+erior a .el/uisede/ue)
!. MELQUISEDEQUE" UM TI#O DE JESUS
0m Salmo ##"( um salmo messi9nico escrito +or 4avi (.ateus 22'$:)(
.el/uisede/ue 1 visto como um ti+o de Cristo (modelo ou 7igura de Cristo)) * tema
1 re+etido no livro de Hebreus( onde .el/uisede/ue e Cristo s2o considerados reis
da ,usti5a e da +a6) 3o citar .el/uisede/ue e seu sacerdócio es+ecial como um ti+o(
o autor mostra /ue o novo sacerdócio de Cristo 1 su+erior ; ordem lev-tica e ao
sacerdócio de 3r2o (Hebreus '#-#")) .el/uisede/ue 1 semel&ante a Cristo +or/ue
os dois s2o sacerdotes e reis< +or isso .el/uisede/ue +ode ser c&amado de um
=ti+o> de Cristo( mas os dois n2o s2o as mesmas +essoas)
!.1. $ESSE MELQUISEDEQUE% & '. 1
* nome 1 com+osto' meleq, =rei>( e tsedeq =retid2o>( no sentido legal)
Signi7ica =rei da ,usti5a>) .el/uisede/ue n2o era sacerdote +ag2o( mas de El Elyôn(
=4eus 3lt-ssimo>( /ue 3bra2o( recon&eceu como o seu 4eus (?n #$)#@-2")) N2o 1
uma +r1encarna52o de Cristo) A uma 7igura &istórica) A o +rimeiro &omem c&amado
de sacerdote (qohen) na B-blia) A =rei de Sal1m> (Shalem, =+a6>) e =rei da ,usti5a>)
Sal1m era o nome antigo de 8erusal1m (=cidade da +a6>)( talve6 a+enas uma
7orti7ica52o( na 1+oca) El Elyôn era um nome +rimitivo de 4eus( antes dele se revelar
como CHDH (EF G)2-:)) 0le 1 rei da +a6( rei da ,usti5a e sacerdote do 4eus
3lt-ssimo( t-tulos de 8esus) *s demHnios sabiam /ue 8esus era =Iil&o do 4eus
3lt-ssimo> (Lc @)2@)) .el/uisede/ue 1 um ti+o de 8esus)

!.!. $SEM #AI" SEM ME" SEM ORIGEM NEM ANTE#ASSADOS" SEM
#RINC(#IO DE DIAS NEM )IM DE 'IDA% & '. *
3lgu1m +ode ser 7il&o sem +ai( mas n2o sem m2e) Todo mundo tem uma
m2e) =Sem origem nem ante+assados( sem +rinc-+io de dias nem 7im de vida> n2o 1
literal) Só 3d2o n2o teve ante+assados) Isso signi7ica /ue ele n2o +recisou +rovar
sua genealogia) Todo sacerdote +recisava +rovar a sua) Caso contrJrio( n2o +odia
ser sacerdote (0d 2)G2)) Tin&a /ue +rovar /ue era descendente de 3bra2o)
.el/uisede/ue n2o +recisou +rovar nada) 0ra sacerdote sem ter /ue +rovar sua
genealogia) N2o se trata de uma cristo7ania( mas ele 1 um ti+o de Cristo) 0ste n2o
+recisou +rovar nada) 0ra o /ue era) 8esus n2o teve +rinc-+io de dias e seus dias
n2o ter2o 7im) Como se encarnou +recisou de uma m2e) .as ele era desde o
+rinc-+io (8o #)#-2))

2
!.*. $#ARA O QUAL TAM+,M A+RAO ENTREGOU O D(-IMO% & '. !
3bra2o( o +ai da na52o l&e entregou o d-6imo) 0sta a7irma52o se re+ete nos
vers-culos $( G( @-K) Quem recebia os d-6imos era maior /ue a/uele /ue os dava)
0nt2o 3bra2o era in7erior a .el/uisede/ue) 0ste ainda o aben5oou (vv) # e )) Quem
aben5oava era su+erior ao aben5oado) 0nt2o( .el/uisede/ue era su+erior a
3bra2o) * sacerdócio ,udaico vin&a de Levi( /ue vin&a de 3bra2o) * sacerdócio de
8esus era do ti+o de .el/uisede/ue) 0ra su+erior( +ortanto ao ,udaico)
Conse/uentemente( o cristianismo era su+erior ao ,uda-smo) %or /ue eles /ueriam
voltar +ara o in7eriorL Que 7icassem com 8esus( +ois =0le +ermanece sacerdote
+er+etuamente> (v) :)) Con7ira com Hebreus )2M e Nomanos @):$)

*.CONCLUSO
=%or ser ; semel&an5a do Iil&o de 4eus> (v) :) deiFa bem claro /ue .el/uisede/ue
1 um ti+o de 8esus) * Salvador 1 o rei da +a6 e da ,usti5a e 1 nosso sacerdote)
.el/uisede/ue 1 o +rimeiro rei de 8erusal1m de /ue se tem not-cia) 8esus serJ o
Oltimo) Sua entrada triun7al em 8erusal1m sinali6ou isto (.t 2#)M)) Hebreus 1 um livro
altamente cristológico e seu ensino nos recorda o lugar central de 8esus na 71
b-blica)
.. RE)ER/NCIAS
+01lia Sag2ada) Tradu52o de 8o2o Ierreira de 3lmeida) 0d)( Nevista e corrigida'
?eogrJ7ica editora) Santo 3ndr1( S%( 2"")
PucQ( NoR B( A interpretação Bíblica #KK$
3