DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA HOMOLOGAÇÃO DE RESCISÕES

. Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho - 05 (cinco) vias;

. CTPS – Atualizada
. Ficha de Registro ou Livro de Empregados, devidamente atualizado, conforme
CTPS;

. PAGTO – somente em dinheiro, cheque Administrativo, Ordem de Pagamento
ou deposito bancário na conta do empregado – se for o último dia do prazo, e o
pagamento for realizado em cheque administrativo o mesmo deverá ser feito
até às 12 horas, após este horário será aceito somente em dinheiro, (depósito
bancário, somente em nome do empregado), depósito bancário ou ordem de
pagamento o empregado terá que apresentar o extrato bancário para
comprovar que o depósito foi efetivado no dia.

. No caso de pessoa ANALFABETA ou MENOR DE IDADE o valor a ser pago,
deverá ser em moeda corrente (dinheiro) e o mesmo deverá vir acompanhado
do responsável legal;

. Aviso Prévio ou Pedido de Demissão em 03 (três) vias.]
. Carta de Preposto;

. Extrato Analítico atualizado do FGTS e cópia das Guias de recolhimento dos
meses que não constem no extrato; (mesmo em caso de Pedido de Demissão)

. GRFF (Guia de Recolhimento Rescisório do FGTS + Demonstrativo do
Trabalhador de Recolhimento FGTS Rescisório. em 03 (três) vias, devidamente
quitada;

. Guias de Recolhimento da Contribuição Sindical dos últimos 03 (três anos)

. Formulário SD/CD (Requerimento de Seguro Desemprego/Comunicação de
Dispensa) corretamente preenchido (assinado/carimbado);

. Chave de Identificação do FGTS (3 vias);

. Recibos de pagamento (12 últimos), poderão ser substituídos por ficha de
horas extras ou média de horas extras e adicionais pagos. (em folha anexa);

. Exame Demissional é obrigatório
. Perfil Profissiográfico Previdenciario (PPP) atualizado .
. Alvará judicial ou comprovante de beneficiário do INSS, quando p/falecimento

. Documento que comprove a alta do INSS (quando for o caso)

. Cópia da decisão Judicial referente a pensão alimentícia (se houver)

PRAZO PARA PAGAMENTO DAS RESCISÕES

1- – AVISO PRÉVIO TRABALHADO – 1° (primeiro) dia útil após o término do
aviso.

2- – AVISO PRÉVIO INDENIZADO – 10º (décimo) dia.
Para o cômputo do prazo previsto na alínea “b” do § 6º do art. 477 da CLT, a
regra geral é de que na ausência de aviso-prévio, indenização deste ou
dispensa de seu cumprimento, a contagem inicie-se no dia seguinte ao da
notificação. Se o décimo dia recair em feriado, sábado ou domingo, o
pagamento será antecipado para o dia útil imediatamente anterior.
Em caso de pagamento antecipado e posterior homologação, será observado o
prazo previsto em CCT CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA - HOMOLOGAÇÃO
E ENTREGA DOS DOCUMENTOS RESCISÓRIOS. As empresas terão um
prazo máximo de 15 dias, após a quitação das verbas rescisórias, observado
os prazo do art. 477 da CLT, para a homologação das rescisões de contrato de
trabalho e a entrega dos documentos rescisórios.
O mesmo prazo deverá ser observado, naqueles casos em que não há
necessidade de homologação das rescisões de contrato de trabalho.
PARÁGRAFO ÚNICO: As empresas que não cumprirem o prazo acima, ficarão
sujeitas a uma multa equivalente a uma remuneração do empregado.


. PARA HOMOLOGAÇÃO DAS RESCISÕES é necessário marcação prévia de
horário, pelo Telefone: 3322-2956
OBS: NÃO SERÃO ACEITAS RESCISÕES SEM OS DOCUMENTOS ACIMA.