You are on page 1of 3

RETENÇÃO DE LÍQUIDOS – O QUE FAZER PARA ELIMINAR!!!

Por:
Osvaldo Neto
Mestre em Ciências Farmacêuticas
Pós-graduado em Nutrição Esportiva
Pós-graduado em Fitoterapia
Pós-graduando em Nutrição Funcional
Nutricionista da equipe de treinamento do professor Waldemar Guimarães
Contato: (047) 33619105 – 88495532 – 78127751 – 96*48944
E-mail: osvaldo_rosarioneto@hotmail.com

“DOUTOR, acordo de manhã e me sinto bem, magrinha, fininha, ótima… MAS com o passar do
dia vou inchando como uma bolha, a noite pareço um balão de água de tão inchada, POR QUE
isso acontece???”. ESSA pergunta é comum ouvir dos clientes todos os dias no consultório e
algumas das respostas para EVITAR a retenção de líquidos seguem abaixo de uma forma bem
prática e simples, ATENÇÃO na leitura.

EM PRIMEIRO lugar, retenção de líquidos é o nome popular que descreve o inchaço no corpo
ou em parte dele, e até certo ponto é comum às pessoas sentirem que estão retendo líquidos.
As pernas inchadas no final do dia, com marcas de pressão das meias ou dos sapatos, são um
exemplo de inchaço. O inchaço é o resultado do extravasamento de um líquido (pobre em
proteínas do sangue) que sai dos vasos sanguíneos e vai para o tecido subcutâneo. Esse líquido
confere o aspecto inchado e brilhante da pele, muitas vezes compressível por acessórios da
roupa ou mesmo com a pressão dos nossos dedos sobre a pele, deixando uma marca, um
sulco, transitoriamente. Vamos às dicas:

1) PARE de consumir alimentos ricos em sódio, como enlatados, embutidos, fast food,
conservas, carnes salgadas etc. O sódio faz o corpo reter líquido;

2) REDUZA o consumo de sal, opte por temperos naturais e sal LIGHT. O sal rosa do Himalaia é
outra ótima opção;

3) BEBA mais água. Acredite ou não, a ingestão maior de líquidos ajuda a eliminar o sódio – e o
inchaço;

4) EVITE carboidrato simples (como pão branco, massa branca, bolachas, doces, batata frita
etc). Carboidratos são transformados em glicose e armazenados no organismo sob a forma de
glicogênio para geração de energia. Para ser retida no corpo, uma molécula de água deve ligar-
se a glicose. Quanto mais carboidratos armazenados você tiver, mais pesada e inchada vai se
sentir;

5) MEXA-SE, os exercícios ajudam a eliminar o excesso de água por meio da respiração e
aceleram a digestão. Quando você se exercita, estimula os músculos a moverem mais rápido o
alimento e a água pelo seu organismo. Acabe com a constipação fazendo alguma atividade de
sua preferência pelo menos 30 minutos por dia para promover a passagem dos alimentos pelo
sistema digestivo. Suar também libera líquidos;

6) CONSUMA suplementos ou alimentos ricos em cálcio e magnésio (vegetais verdes escuros,
nozes, abacate, queijo cottage, iogurte desnatado, cereais integrais, oleaginosas). Ambos
competem com o sódio pela absorção no organismo; por isso, se você consumir quantidades
adequadas de ambos, seu corpo será forçado a eliminar o sal que não foi efetivamente
absorvido;

7) CUIDADO com os diuréticos. Quando paramos de tomar diurético, o corpo retém mais água
e fica inchado durante uma ou duas semanas. Isso pode levar a uma dependência física,
fazendo com que o corpo necessite do medicamento para se livrar do excesso de líquido, em
vez de eliminá-lo naturalmente;

EVITE refrigerantes. A cafeína dos refrigerantes causa desidratação e o fósforo, um aditivo
comum desse tipo de bebida, pode provocar inflamação na parede do intestino, aumentando
ainda mais a sensação de inchaço;

9) CUIDADO com a pílula anticoncepcional, elas podem estabilizar o nível de progesterona,
hormônio que induz o inchaço;

10) COMA legumes e verduras variadas, estas auxiliam e eliminar água do corpo;

11) A MAIORIA dos adoçantes contribuem para o inchaço, assim como a cafeína, álcool e até
mesmo a nicotina são fatores. Prefira os adoçantes naturais como STEVIA e SUCRALOSE.

12) EVITE também laticínios que contenham lactose, eles agravam a retenção.

13) AUMENTE o consumo de alimentos ricos em proteínas, eles tem um efeito diurético no
corpo.

14) CONSUMA suplementos probióticos.

15) REALIZE procedimentos estéticos como massagem modeladora e drenagem linfática;

16) AUMENTE o consumo de chás 100% naturais com atividade diurética – cavalinha, carqueja,
hibisco, chá verde carqueja, hibisco, cidreira, erva-doce, capim-limão, camomila, cabelo de
milho, dente-de-leão, quebra-pedra, salsaparrilha porangaba, guabiroba, chá de bugre).