You are on page 1of 1

Questões resolvidas para revisão - colonização

1. Entre os conquistadores espanhóis, dois figuram como os
principais. Quem são eles?
Hernán Cortez, conquistador do Império Asteca (de Montezuma)
e Francisco Pizarro, conquistador do Império Inca (de
Atahualpa).

2. Sabe-se que Cortez pôs fim ao Império Asteca. Como ele
conseguiu tal feito?
Aprisionou Montezuma e começou a tomar os objetos de ouro
dos astecas. Por meio de Malinche, ficou sabendo que os
astecas tinham vários inimigos, estabeleceu aliança com eles e
atacou os astecas. Em 1521, Cortez bombardeou a capital
asteca e pôs fim ao império.

3. Que razões levaram à derrota de tantos índios por tão
poucos espanhóis?
Superioridade militar dos espanhóis, doenças entre os
indígenas, os espanhóis tinham informantes entre os nativos,
como foi o caso de Malinche, a mulher que passava os planos
dos Astecas para Cortez.

4. Conceitue Mita e Encomienda
A mita foi uma forma de trabalho indígena compulsório
utilizada na América hispânica à época colonial. De origem inca,
herdado pelos espanhóis, geralmente era utilizado nas minas e
nas grandes propriedades. Os espanhóis encarregavam os
chefes das tribos de escolher homens para trabalhar em minas,
geralmente distantes, durante quatro meses ou mais. Esses
homens chamados de mitayos recebiam um pagamento. A
"encomienda", em uma definição mais simples, era a entrega de
um lote de indígenas sob a guarda de um encomendero, que era
encarregado de protegê-los, dar assistência religiosa e pagar
seus impostos à Coroa, que os usava como mão-de-obra.

5. Dê o significado de

Casa de Contratação: criada em 1503 e sediada em Sevilha, era
responsável pelo controle de todo o comércio realizado com as
colônias da América e foi responsável pelo estabelecimento do
regime de Porto Único.

Conselho das Índias: criado em 1524, a ele cabia as decisões
políticas em relação às colônias, nomeando Vice-reis e Capitães
gerais, autoridades militares, e judiciais.

Cabildo: eram equivalentes às câmaras municipais, eram
formadas por elementos da elite colonial, subordinados as leis
da Espanha, mas com autonomia para promover a
administração local, municipal.

6. Como era a formação da sociedade hispano-americana?
Chapetones - eram os homens brancos, nascidos na Espanha e
que vivendo na colônia representavam os interesses
metropolitanos, ocupando altos cargos administrativos,
judiciais, militares e no comércio externo.
Criollos - Elite colonial, descendentes de espanhóis, nascidos na
América, grandes proprietários rurais ou arrendatários de
minas, podiam ocupar cargos administrativos ou militares
inferiores.
Mestiços – Fruto da mistura de brancos com índios, eram
homens livres, trabalhadores braçais desqualificados e
superexplorados na cidade (oficinas) e no campo (capatazes).
Escravos negros - nas Antilhas representavam a maioria da
sociedade e trabalhavam principalmente na agricultura.
Indígenas - grande maioria da população, foram submetidos ao
trabalho forçado através da mita ou da encomienda, que na
prática eram formas diferenciadas de escravidão, apesar da
proibição oficial desta pela metrópole.

7. Como foram chamadas as primeiras expedições portuguesas
na América?
Expedições policiadoras e expedições colonizadoras.

8. Como se dava a prática do escambo?
A palavra escambo significa a troca de mercadorias por trabalho.
Ela é muito utilizada no contexto da exploração do pau-brasil
(início do século XVI). Os portugueses davam bugigangas (apitos,
espelhos, chocalhos) para os indígenas e, em troca de trabalho, os
nativos deveriam cortar as árvores de pau-brasil e carregar os
troncos até as caravelas portuguesas.

9. Qual foi a primeira expedição colonizadora para o Brasil e
quais seus feitos?
Expedição de Martim Afonso de Souza. Distribuiu terras
(sesmarias) aos colonos, que deveriam cultivá-las. Fundou, em
1532, a vila de São Vicente (no atual litoral do estado de São
Paulo). Combateu piratas franceses, chegando a capturar navios.
Começou o cultivo da cana-de-açúcar no Brasil. Criou o primeiro
engenho de açúcar do Brasil (Engenho do Governador), na ilha de
São Vicente (litoral paulista). Estabeleceu o domínio português na
região da foz do rio da Prata, que estava sendo controlada por
espanhóis.

10. O que foram as Capitanias Hereditárias?
As Capitanias hereditárias foram um sistema de administração
territorial criado pelo rei de Portugal, D. João III, em 1534. Este
sistema consistia em dividir o território brasileiro em grandes
faixas (15) e entregar a administração para particulares,
chamados capitães donatários.

11. Quais eram os direitos e deveres dos donatários?
Direitos: Cobrar impostos dos colonos; Escravizar índios para o
trabalho nas lavouras; Doar terras (sesmarias);Julgar situações,
podendo até condenar à morte.
Deveres: Pagar impostos ao governo português; Defender a terra e
colonizá-la; Promover o progresso das capitanias com seus próprios
recursos.

12. Que capitanias prosperaram? Por quê?
Somente duas capitanias prosperaram graças à lavoura canavieira,
Pernambuco e São Vicente, seguidas da Bahia.

13. Quem foi Tomé de Souza? O que foi criado no Brasil em
1548?
Foi o primeiro governador-geral do Brasil. Foi ele quem fundou a
primeira capital, Salvador, o primeiro bispado e foi responsável
pela vinda dos primeiros jesuítas.

14. Quais foram os outros dois governadores-gerais e seus
principais feitos?
Os outros Governadores Gerais foram: Duarte da Costa (1553 –
1558): atritos entre colonos e jesuítas, bispo e governador, atritos
com índios, invasão de franceses ao RJ; Mem de Sá (1558 – 1572):
restabelecimento da paz interna e expulsão de franceses do RJ.

15. O que eram as Câmaras Municipais? Quem fazia parte delas?
As câmaras municipais eram órgãos políticos responsáveis pela
administração local no período colonial, compostos pelos
“homens-bons”, que eram homens ricos, proprietários de terras
que definiam os rumos políticos das cidades brasileiras, já que as
massas mais populares do Brasil não poderiam participar da vida
pública nesta fase.

Related Interests