You are on page 1of 12

07/05/2012

1
EtherChannel/IEEE 802.3ad
EtherChannel
• Agregação de Portas:
– Etherchannel é um padrão
que permite agregar
múltiplas portas de
características comuns a fim
de formar uma porta de
maior capacidade.
• Atualmente é possível
criar portas agregadas
full-duplex com até 800
Mbps (Fast) ou 8 Gbps
(Giga)
• O número total de
Etherchannels é 48.
07/05/2012
2
Modos EtherChannel
• Apenas portas trunk com características
idênticas podem ser agregadas.
• A configuração pode ser:
• Automática:
– PAgP: Port Aggregation Protocol
– LACP: Link Aggregation Control Protocol
• Manual:
– On: sem protocolo de negociação
• Usado apenas para compatibilidade entre
switches que não suportam os protocolos de
negociação.
Identificação da Porta Agregada
• As portas Etherchannel são identificadas por uma interface lógica
(Logical port-channel), numerada de 1 até 6.
– Comandos aplicados a interface lógica afetam simultaneamente todas
as portas do grupo.
– Comandos aplicados as portas físicas não afetarão as demais portas
do grupo
Quando o grupo é criado pela primeira
vez, as portas seguem a configuração
da primeira porta do grupo:
• Allowed-VLAN list
• Spanning-tree path cost for each VLAN
• Spanning-tree port priority for each VLAN
• Spanning-tree Port Fast setting
07/05/2012
3
PAgP – Port Aggregation Protocol
• Protocolo proprietário da cisco
– Apenas para switches simples, não funciona em
stacks.
• Agrupa automaticamente portas com as
mesmas caracterísiticas:
– Velocidade, modo duplex, native VLAN, VLAN range,
trunking status.
• Portas Trunk devem pertencer a mesma native VLAN
• O grupo de portas é passado ao protocolo
Spanning-Tree como sendo uma porta única.
• Permite agregar até 8 portas.
Modos PAgP
• Auto: modo passivo que apenas responde a
solicitação para entrar no grupo.
• Desirable: modo ativo, que solicita a outra porta
entrar no modo Etherchannel.
Desirable Desirable
Desirable Auto
Auto Auto
Auto
Desirable
(Silent mode)
Não PAgP
Se não for usado o modo silent, a porta
não entra em operação
07/05/2012
4
Endereço MAC
• A primeira porta do Etherchannel que se
torna ativa provê o endereço MAC para
todo o grupo.
• Se a porta que cedeu o MAC for
removida, outra porta oferecerá o
endereço para o grupo.
• As mensagens PAgP são enviadas na
menor VLAN associada a porta.
LACP: Link Aggregation Control Protocol
• Padrão IEEE 802.3ad
• Operação similar ao PAgP, mas suporta
também stack switching.
• Modos de operação:
– Passivo
• Similar ao modo auto PAgP
– Ativo
• Similar ao modo desirable PAgP
• A escolha do MAC é similar ao PAgP
• Permite agregar até 16 portas, mas
apenas 8 estão ativas num dado instante.
07/05/2012
5
Configuração do EtherChannel
• Step 1:
– configure terminal
• Step 2:
– interface interface-id
• Step 3:
– switchport mode trunk
• Step 4:
– channel-group channel-group-number mode
• {auto [non-silent] | desirable [non-silent] | on} | {active | passive}
– PaGP: Auto/Desirable
– LACP: Active/Passive
• Step 5:
– end
• Step 6:
– show running-config
Remover a porta do Channel Group
• Step 1:
– configure terminal
• Step 2:
– interface interface-id
• Step 3:
– no channel-group
• Step 4:
– end
• Step 5:
– show running-config
07/05/2012
6
Exercício 1
B = 10.26.136.60
vlan1
A = 10.26.136.13
vlan1 vlan20
vlan20
Fa0/18
Fa0/6-10 Fa0/1-5
C = 10.26.136.184
vlan1 vlan20
Fa0/1-5 Fa0/6-10
Fa0/1-5 Fa0/6-10
Fa0/24
Fa0/21
Fa0/24 Fa0/23 Fa0/23
Fa0/19 Fa0/20
Ether 1 Ether 2
Comandos
• 2950 -A
– configure terminal
• interface range Fa0/18-19
– channel-group 1 mode desirable
– end
• interface range Fa0/20-21
– channel-group 2 mode desirable
– exit
• 2950 -B
– configure terminal
• interface range Fa0/23-24
– channel-group 1 mode desirable
– end
• 2950 -C
– configure terminal
• interface range Fa0/23-24
– channel-group 2 mode desirable
– end
07/05/2012
7
Verificando a Configuração
• Para zerar os contadores:
– clear pagp {channel-group-number counters | counters}
– clear lacp {channel-group-number counters | counters}
Verifique a configuração
• Comandos
– show etherchannel ?
– show interface ?
– show pagp ?
• Acrescente mais uma porta no
etherchannel e veja a alteração da
configuração
• Desconecte o cabo da nova porta, e após
verificar o efeito no switch, remova a porta
do Etherchannel
07/05/2012
8
Balanceamento de Carga
• O balanceamento de carga pode ser feito com
base:
– Endereço Mac de Origem
• Pacotes com o mesmo MAC de origem são sempre alocados
na mesma porta do grupo.
• Diferentes MACs de origem são distribuídos entre as portas.
A
B
C
D
E
F
Balanceamento de Carga
– Endereço Mac de Destino
• Pacotes com o mesmo MAC de destino são sempre
alocados na mesma porta do grupo.
• Diferentes MACs de destino são distribuídos entre os pares
– Ambos
• Mantém na mesma porta apenas o fluxo de quadro trocado
entre os mesmos parceiros.
A
B
C
D
E
F
07/05/2012
9
Escolha do Método de Balanceamento
• A escolha do
método depende
da topologia de
rede.
• O método deve
ser escolhido de
maneira a prover a
máxima utilização
de porta no
Etherchannel.
Configuração Default
07/05/2012
10
Balanceamento de Carga
• configure terminal
– port-channel load-balance {dst-ip | dst-mac
| src-dst-ip | src-dst-mac | src-ip | src-mac}
– end
• show etherchannel load-balance
Exercício 2 - SPT com EtherChannel
B = 10.26.136.60
vlan1
A = 10.26.136.13
vlan1 vlan20
vlan20
Fa0/18
Fa0/6-10 Fa0/1-5
C = 10.26.136.184
vlan1 vlan20
Fa0/1-5 Fa0/6-10
Fa0/1-5 Fa0/6-10
Fa0/24
Fa0/21
Fa0/24
Fa0/23
Fa0/23
Fa0/19 Fa0/20
Fa0/21
Fa0/22
Ether 1 Ether 2
Ether 3
07/05/2012
11
Comandos
• 2950 -B
– configure terminal
• interface range Fa0/21 - 22
– channel-group 3 mode desirable
– end
• 2950 -C
– configure terminal
• interface range Fa0/21 - 22
– channel-group 2 mode desirable
– end
Trabalhando com as Portas Lógicas
• Os comandos de configuração do SPT
podem ser aplicados aos
EtherChannels alterando-se a seleção
da interface para:
– interface port-channel port-channel-number
• Para apagar um EtherChannel
– no interface port-channel port-channel-
number
07/05/2012
12
Exercício 3 - Balanceamento de Carga
B = 10.26.136.60
vlan1
A = 10.26.136.13
vlan1 vlan20
vlan20
Fa0/18
Fa0/6-10 Fa0/1-5
C = 10.26.136.184
vlan1 vlan20
Fa0/1-5 Fa0/6-10
Fa0/1-5 Fa0/6-10
Fa0/24
Fa0/21
Fa0/24
Fa0/23
Fa0/23
Fa0/19 Fa0/20
Fa0/21
Fa0/22
Ether 1 Ether 2
Ether 3
Vlan 20
prio 16
Comandos: 2950
• Switch B
– configure terminal
• interface port-channel 3
• spanning-tree vlan 20 port-priority 16
• end
– show interface trunk
– show spanning tree
• Switch C
– idem