You are on page 1of 2

Universidade Federal do Vale do São Francisco- UNIVASF

Lista de Exercícios- Genética- Prova 1
Prof. João José de Simone Gouveia
Monitoria: Flávia Bezerra, José Marcos, Pâmela Raiele


1- O eucalipto é uma espécie que pode ser multiplicada assexuada e sexuadamente. Qual a diferença
entre esses dois processos em termos práticos?

2 – A forma dos rabanetes pode ser: arredondada, genótipo F
A
F
A
; comprida, F
C
F
C
; ou ovalada, F
C
F
A
.
Cruzando rabanetes ovalados, obtivemos 1524 novos rabanetes. Quantos podemos esperar em cada
categoria fenotípica? Qual o padrão de herança? Justifique sua resposta.

3 – Em ervilhas, os genes para planta alta (D), semente amarela (G) e semente lisa (W) são
dominantes sobre seus respectivos alelos para plantas anãs (d), sementes verdes (g) e rugosas (w).

a) Represente um cruzamento entre uma planta homozigota alta com sementes lisas e verdes e
plantas anãs com sementes rugosas e amarelas. Represente os possíveis gametas de cada parental
e da F1.
b) Represente um cruzamento entre duas plantas da F1. Complete este cruzamento fazendo uso do
método da linha ramificada e apresente os fenótipos esperados.
c) Usando o método da linha ramificada, esquematize um cruzamento entre um indivíduo F1 e
planta parental anã, com sementes verdes e rugosas. Sumarize os resultados para genótipos e
fenótipos.

4 – Uma planta de pepino de genótipo BBCCTTWW foi cruzada com outra de genótipo bbccttww
para produzir a geração F1, a qual foi auto-fecundada para obtenção da geração F2. Assumindo que
esses controlam as seguintes características : B espinhos pretos; b espinhos brancos; C resistência ao
vírus do mosaico; c suscetibilidade ao vírus do mosaico; T presença de gavinhas; t ausência de
gavinhas; W fruto imaturo de cor verde; w fruto imaturo de cor branca.

a) Que proporção de F2 apresentará o fenótipo espinhos brancos, suscetibilidade ao vírus do
mosaico, ausência de gavinhas e fruto de cor branca?
b) Que proporção de F2 apresentará o fenótipo espinhos pretos, resistência ao vírus do mosaico,
presença de gavinhas e fruto imaturo de cor verde?
c) Que proporção de F2 é genotipicamente semelhante à geração F1?
d) Quais seriam as respostas dos itens anteriores se os progenitores apresentassem genótipos
BBCCttww e bbccTTWW?

5 – Foram cruzadas duas linhagens de ervilhas de cheiro (Lathyrus odoratus) de flores brancas,
produzindo uma F1 com flores de cor púrpura. O cruzamento aleatório entre a F1 produziu 96
plantas, 53 destas apresentaram flores púrpuras e 43 flores brancas.

a) aproximadamente, qual é a proporção fenotípica da F2?
b) que tipo de interação está envolvido?
c) quais os prováveis genótipos dos tipos parentais?

6 - Do cruzamento de uma planta A com uma B, de feijão, foram obtidos 510 descendentes de flores
brancas e 176 de flores púrpuras. Quando a planta A foi autofecundada ela produziu 76 descendentes
com flores púrpuras e 58 com flores brancas.

a) Quais os genótipos das plantas A e B?
b) Quais as proporções genotípicas e fenotípicas esperada da planta B quando ela for
autofecundada?

7 – No sorgo, um determinado alelo apresenta a seguinte sequência de bases:

Éxon 1 Íntron 1 Éxon 2 Íntron 2 Éxon
5’-ATC CAC CGA AAT GAT AGA ATT ACG CCC CCA CCA CCA CCA CAA TAG-3’
3’- TAC CTC GCT TTA CTA TCT TAA TGC GGG GGT GGT GGT GGT GTT ATC-5’



A cadeia antissenso dessa molécula tem a timina como primeira base na posição 3’. A partir desse
alelo e da tabela do código genético, pergunta-se:
a) Qual é a sequência de bases no mRNA?
b) Qual o número de aminoácidos que farão parte da proteína codificada por esse alelo?
c) Qual é a sequencia de aminoácidos na proteína?

8 – Explique o que é:
a) Pleiotropia
b) Epistasia
c) Epistático
d) Dominância completa
e) Dominância incompleta
f) Codominância
g) Penetrância