NORMAS E PROCEDIMENTO TI

Por: Evandro Oliveira Gomes
Data de Criação: 26/07/2013 Data de Revisão: 26/07/2013 Nº: 001/2014
PCP – Planejamento e Controle de Prodção
• Ta!elas
• "ases do PCP
Projeto de Produção Planejamento da Produção
Controle da Produção
Plano estre Produção
Previsão de !endas
• Cadastros
• Movimentação
Ordem de Produção
Geração das Ordens de Produção
Geração "utom#ti$a %ela Projeção de Esto&ues
"'lutinação de Ordens de Produção
(a$ramentação de Ordem de Produção
Can$elamento de Ordem de Produção
En$erramento de OP
"juste de Em%en)o
Car'a #&uina
Car'a "$umulativa
"$om%an)amento da Produção
ovimentação de ateriais
*e&uisiç+es
,evolução de ateriais
Produção
Produção PCP O,- 1
Produção PCP O,- 2
Can$elamento das Ordens de Produção
"%ontamento de .oras /m%rodutivas
"%ontamento de Perda
*elat0rios e Consultas
• Consltas
• Relat#rios
• Di$as

P%&ina ' de '(
PCP)P*ENE+AMENTO E CONTRO*E DE PROD,-.O
Por: Evandro Oliveira Gomes
Data de Criação: 26/07/2013 Data de Revisão: 26/07/2013 Nº: 001/2014
PCP – Planejamento e Controle de Produção
Con$eitos e De/iniç0es
O 0dulo de PCP tem $omo o1jetivo um e2etivo %lanejamento e $ontrole da %rodução de uma em%resa3 mas
%ara tanto re&uer al'umas %remissas 1#si$as &ue são:
4un$iona1ilidade dos m0dulos de Esto&ues3 Com%ras e 4aturamento3 %ois 5 somente $om o su$esso na
im%lantação dos m0dulos $itados anteriormente &ue o PCP %oder# 2un$ionar na sua totalidade-
O PCP tem $omo o1jetivo %lanejar 6o &ue deve ser 2eito3 &uando deve ser 2eito e %or &uem deve ser 2eito73 e
$ontrolar 6indi$ar e solu$ionar os erros o$orridos na %rodução3 de2inir os %adr+es a &ue a %rodução vai se
su1meter3 identi2i$ar as e8$eç+es3 %ara %oder $ontrolar as mudanças e a'ir %ara mel)orar o %ro$esso
%rodutivo73 aumentando assim a e2i$i9n$ia e a e2i$#$ia do %ro$esso %rodutivo da em%resa-
Ta!elas tili1adas 2elo m#dlo PCP
Ta!ela Des$rição
02 /denti2i$a os ti%os de materiais
03 /denti2i$a os 'ru%os de %rodutos
0: ;otes de Conta1ilidade
62 <nidades de medida
E1 otivos
E2 (tatus da ordem de %rodução
"ases do PCP
Projeto de Prodção 6,e2inir se a %rodução ser# so1 en$omenda 6%edido de venda7 3 ou se a %rodução ser#
seriada 6Projeção de Esto&ues ou Plano estre de Produção7-
Planejamento da Prodção 64ormulação do %lano de %rodução e %ro'ramação da %rodução7
Controle da Prodção 6*elat0rios e aç+es $orretivas7
2
PCP)P*ENE+AMENTO E CONTRO*E DE PROD,-.O
Por: Evandro Oliveira Gomes
Data de Criação: 26/07/2013 Data de Revisão: 26/07/2013 Nº: 001/2014
As2e$tos 2rin$i2ais En$omenda *otes Cont3na
Produto
<m =ni$o %roduto de $ada
ve>
<m lote de %rodutos de
$ada ve>
(em%re o esmo
#&uinas
!ariedade e %ou$a
%adroni>ação
"'ru%adas em 1aterias do
mesmo ti%o
"lto 'rau de
%adroni>ação
ão de O1ra !ariada e es%e$iali>ada
Com%ensa o dese&uil?1rio
entre de%artamentos
*e'ularmente
utili>ada
5todos de @ra1al)o ut#veis e 'en5ri$os
ut#veis 6lote7 e r?'idos
na %rodução
4i8os e r?'idos
*itmo de Produção ,es$ontinuo e irre'ular Cont?nuo no lote Cont?nuo e re'ular
(u$esso do Pro$esso
Produtivo
,e%ende do su%ervisor
,e%ende do PCP no
%lanejamento
,e%ende do PCP
no %lanejamento
Plano Mestre Prodção
O Plano estre de Produção tem %or o1jetivo in2ormar ao sistema &uantidades l?&uidas a serem %rodu>idas
de Produtos "$a1ados e /ntermedi#rios- "trav5s da rotina de A*PB3 a %artir do Plano estre de Produção3 o
sistema 'era as Ordens de Produção %ara os %rodutos a$a1ados e intermedi#rios e determina as ne$essidades
de mat5riaC%rima e demais $om%onentes da&ueles %rodutos: " di2erença 1#si$a entre o Plano estre de
Produção e a Previsão de !endas3 5 &ue esta venda não 'era diretamente uma Ordens de Produção3 e sim uma
ne$essidade %ara a data da %revisão3 ou seja antes de se e2etivar a Ordem de Produção o sistema ir# $onsultar
o Esto&ue na&uele momento e mandar# %rodu>ir a%enas o ne$ess#rio3 en&uanto o Plano estre de Produção
'erar# uma Ordens de Produção na data na &ual se en$ontra tal dado3 na &uantidade e8ata e8%ressa
no %lano- Este ti%o de re$urso via1ili>a o *P %ara em%resas &ue tem vendas sa>onais e %rodu>em %ara
esto&ue durante 1oa %arte do ano-
Previsão de 4endas
" rotina de %revisão de vendas 5 utili>ada %or em%resas &ue tra1al)am $om esto$a'em de %rodutos 6aDe to
(to$D7- E um instrumento &ue ajuda a ind=stria a de2inir o total a ser %rodu>ido- E 2eita %elo 0r'ão $omer$ial
e visa $on$eder F em%resa o1jetivos de vendas a serem al$ançados num 2uturo %r08imo3 adotando $rit5rios
estat?sti$os na determinação3 juntando in2ormaç+es so1re a tend9n$ia do mer$ado atual e re'istros das vendas
)ist0ri$as C a&uelas o$orridas em %er?odos semel)antes no %assado-
" %revisão de vendas %ermite ao PCP %ro'ramar a &uantidade de %roduto a ser 2a1ri$ada num determinado
es%aço de tem%o3 a %artir da? &uanti2i$ar as ne$essidades de material3 mãoCdeCo1ra e e&ui%amentos- Esta
rotina tem $omo o1jetivo 'erar as Ordens de Produção %elo *P-
Cadastros
Centro de Csto
O Centro de Custo %ode ser de2inido $omo um setor ou de%artamento de uma em%resa3 de%endendo da
maneira em &ue a em%resa desejar tra1al)ar3 %ara e8em%lo de $urso o $entro de $usto ser# um setor e ter#
&uatro $ara$teres em seu $0di'o 6%adrão esta1ele$ido %elo %arGmetro M45MASCC,S do $on2i'urador7-
E8iste o $on$eito de os $entro de $usto %odem ser de2inidos $omo $entros de $usto %rodutivos 6a&ueles em
&ue o %roduto so2re al'uma ação direta da mão de o1ra73 e $entros de $usto im%rodutivos 6a&ueles em &ue o
3
PCP)P*ENE+AMENTO E CONTRO*E DE PROD,-.O
Por: Evandro Oliveira Gomes
Data de Criação: 26/07/2013 Data de Revisão: 26/07/2013 Nº: 001/2014
%roduto não so2re ação direta da mão de o1ra73 $itamos $omo e8em%lo o $entro de $usto da monta'em
6%rodutivo73 e o $entro de $usto da e8%edição 6im%rodutivo7-
Centros de Tra!al6o
Os Centros de @ra1al)o %odem ser $onsiderados $omo C5lulas %rodutivas de uma %rodução3 ou $omo uma
su1divisão de um $entro de $usto3 o $entro de tra1al)o tem $omo 2inalidade or'ani>ar e $lassi2i$ar os setores
%rodutivos de uma em%resa3
Prodtos
O $adastro de %rodutos 5 ne$ess#rio %ara &ue o usu#rio %ossa tra1al)ar de 2orma %lena3 todas as rotinas do
m0dulo de esto&ue-
Estrtras
O $adastro de estruturas tem $omo 2inalidade or'ani>ar de maneira %r#ti$a e o1jetiva F Hrvore de
$om%onentes dos %rodutos a$a1ados e intermedi#rios3 %ossi1ilitando assim &ue o sistema %ossa tratar de
maneira autom#ti$a as soli$itaç+es de $om%ras e as re&uisiç+es de materiais3 %ara as ordens de %rodução3
tam15m 5 %ela estrutura &ue o sistema $al$ula o $usto standard dos %rodutos a$a1ados e intermedi#rios3
$ontrola a e2i$i9n$ia da mão de o1ra3 %rojeta a $ar'a m#&uina em $onjunto $om o roteiro de o%eraç+es e
mede a variação entre o $usto standard dos %rodutos e o $usto real dos mesmos3 deveCse tam15m lem1rar &ue
as mãos de o1ra utili>adas na 2a1ri$ação dos %rodutos a$a1ados e intermedi#rios tam15m devem $onstar na
estrutura dos mesmosI e %ara as em%resas %restadoras de serviços e de $ara$ter?sti$as $omer$iais deveCse usar
o mesmo %ro$edimento utili>ado %ara as ind=strias3 s0 &ue $om o o1jetivo de se $ontrolar a utili>ação da mão
de o1ra-
Ti2os de Movimentação ) TM
E de e8trema im%ortGn$ia %ara o sistema3 %ois 5 atrav5s dos ti%os de movimentação &ue o sistema tra1al)a
$om todas as re&uisiç+es e devoluç+es autom#ti$as3 deve ser dado a este $adastro a mesma im%ortGn$ia dada
ao @E( 3 %ois o @E( trata da movimentação e8terna dos %rodutos e o @ trata das movimentaç+es internas
de materiais-
O %adrão do sistema %ara o $0di'o da movimentação 5 :
$0di'os menores &ue J00 C %roduç+es ou devoluç+es3
$0di'os maiores &ue J00 são re&uisiç+es-
O sistema tra1al)a $om tr9s $0di'os de uso autom#ti$os:
- 010 C %rodução autom#ti$a 6utili>ado %ara o in2orme de %rodução da mão de o1ra73
- 4:: C devolução autom#ti$a 6utili>ada &uando dos estornos3 ou dos a$ertos de invent#rio73
- ::: C re&uisição autom#ti$a 6utili>ada &uando dos in2ormes de %rodução e dos a$ertos de invent#rio7-
• "s movimentaç+es de devolção são identi2i$adas %elo %re2i8o ADEB se'uido de uma numeração &ue
de2ine o seu ti%o:
7 C manual 6a%ro%riação %elo real7
' C autom#ti$a 6a%ro%riação %elo real7
4
PCP)P*ENE+AMENTO E CONTRO*E DE PROD,-.O
Por: Evandro Oliveira Gomes
Data de Criação: 26/07/2013 Data de Revisão: 26/07/2013 Nº: 001/2014
8 C autom#ti$a de materiais $om a%ro%riação %elo standard 6%ro$esso CK O-P-7
9 C manual de materiais $om a%ro%riação %elo standard 6almo8ari2ado CK %ro$esso7
: C trans2er9n$ia
; C autom#ti$a na L-4- de entrada direto %ara O-P-
( C manual de materiais 6valori>ada7
• "s movimentaç+es de re<isição são identi2i$adas nos movimentos %elo %re2i8o MREM se'uido de uma
numeração &ue de2ine seu ti%o :
7 C manual 6a%ro%riação %elo real7
' C autom#ti$a 6a%ro%riação %elo real7
8 C autom#ti$a de materiais $om a%ro%riação %elo standard 6%ro$esso CK O-P-7
9 C manual de materiais $om a%ro%riação %elo standard 6almo8- CK %ro$esso7
: C trans2er9n$ia
; ) autom#ti$a na L-4- de entrada direto %ara O-P-
( C manual de materiais 6valori>ada7
= C desmonta'ens
> C inte'ração SIGAEIC Advanced
Calend%rios
O $alend#rio 5 im%ortante %ara de2inir os )or#rios de dis%oni1ilidade semanal de um *e$urso3 de um Centro
de Custo ou de toda a 2#1ri$a3 o o1jetivo %rin$i%al 5 a alo$ação da $ar'a m#&uina-
"o mar$ar os )or#rios de tra1al)o3 o usu#rio deve tomar o $uidado de $om%letar todos os es%aços a serem
tra1al)ados $om ?3 res%eitando o %adrão do sistema &ue 5 de &uin>e em &uin>e minutos-
E@$eç0es ao Calend%rio
(e 2a> ne$ess#rio o $adastro das e8$eç+es ao $alend#rio3 %ara &ue o sistema sai1a de todas as mudanças de
$alend#rio %revistas %ara o ano 62eriados3 $om%ensaç+es e jornada redu>ida7-
"erramentas
Este $adastro tem $omo o1jetivo %ossi1ilitar ao usu#rio o $ontrole das 2erramentas utili>adas nos re$ursos
6m#&uinas73 durante o %ro$esso %rodutivo-
4erramenta 5 um elemento $om%lementar ao *e$urso utili>ado- " alo$ação somente ser# e2etuada em um
*e$urso3 em um determinado %er?odo3 se3 neste mesmo %er?odo3 )ouver 2erramentas dis%on?veis-
,i2erentemente aos *e$ursos3 o $adastramento de v#rias 2erramentas i'uais se 2a> men$ionando o n=mero de
2erramentas dis%on?veis3 e não $adastrandoCse 2erramentas alternativas-
Alo<eio de "erramentas
O 1lo&ueio de 2erramentas 5 utili>ado3 &uando da ne$essidade %revista de tro$a de 2erramentas- Ou %aradas
de manutenção de re$ursos 6m#&uinas73 o sistema de%ende dos 1lo&ueios 62erramentas e re$ursos7 %ara %oder
alo$ar $orretamente a $ar'a m#&uina-
5
PCP)P*ENE+AMENTO E CONTRO*E DE PROD,-.O
Por: Evandro Oliveira Gomes
Data de Criação: 26/07/2013 Data de Revisão: 26/07/2013 Nº: 001/2014
Re$rsos
*e$urso 5 uma m#&uina3 o%erador3 $onjunto de m#&uina e o%erador3 &ue e8er$em uma determinada tare2a
%rodutiva3 e %or tanto 5 e8tremamente im%ortante o $adastramento $orreto dos re$ursos e8istentes em uma
em%resa- La medição da %rodutividade 2i$a di2?$il envolver todos os re$ursos simultaneamente- el)or 5
medir $ada um isoladamente-
"%0s e2etuar o $adastro dos re$ursos3 o usu#rio deve in$luir os re$ursos alternativos e se$und#rios %ara o
re$urso %rin$i%al j# $adastrado3 tomando o $uidado de se%arar os $0di'os dos re$ursos em %rin$i%ais3
alternativos e se$und#rios-
Alo<eio de Re$rsos
(e 2a> ne$ess#rio o 1lo&ueio de re$ursos3 %ara &ue o sistema %ossa %lanejar $orretamente a $ar'a m#&uina3
levando em $onsideração as %aradas %revistas %ara manutenção ou tro$a de e&ui%amentos e turnos de
tra1al)o-
O2eraç0es
E o elemento do roteiro 6da 4i$)a de Pro$esso7 de $ada %roduto- " o%eração 5 de2inida %elo *e$urso onde 5
e8e$utada3 @i%o de O%eração3 @em%o de Pre%aração 6(etu%73 @em%o de O%eração %ara um $erto ;ote3 @em%o
de (o1re%osição e @em%o de ,esdo1ramento-
O $adastro de o%eraç+es 5 o $adastro mais im%ortante do PCP3 a n?vel de $ar'a m#&uina3 %ois 5 atrav5s das
o%eraç+es 62i$)a de %ro$esso73 &ue o sistema $onse'ue alo$ar a ne$essidade de %rodução3 os re$ursos
6m#&uinas ou o%eradores do sistema73 em um $alend#rio %revisto-
E no $adastro de re$ursos3 &ue o usu#rio im%lantar# todas as 2ases %rodutivas dos seus %rodutos-
Movimentação
Ordem de Prodção
" Ordem de Produção 5 um do$umento &ue a$om%an)a todas as 2ases de 2a1ri$ação do %roduto3 rela$ionando
todos os $om%onentes e suas eta%as de 2a1ri$ação- "l5m disso3 2un$iona $omo um instrumento de $ontrole da
%rodução3 visando dar su%orte ao $#l$ulo de $usto dos %rodutos %rodu>idos e 'erar re&uisiç+es dos materiais-
O SIGAPCP tem um tratamento es%e$ial %ara Ordens de Produção3 &ue são:
C Ordem de Produção Prevista C (ão as Ordens de Produção &ue 'eram em%en)os e %rojeção de esto&ue3 mas
%ermitem mudanças3 %ois são a%enas %ara %lanejamento da Em%resa-
C Ordem de Produção 4irme C (ão as Ordens de Produção e2etivas3 &ue servirão de $ontrole %ara %rodução-
O sistema trata Ordem de Produção %ara %rodutos intermedi#rios3 desde &ue sejam in2ormados na estrutura
do %roduto-
Para 'erar as Ordem de Produção intermedi#rias automati$amente a %artir de uma Ordem de Produção3 deveC
se alterar o %arGmetro M!NGE*"OP/M3 no 0dulo do Con2i'urador3 onde:
@ C Gera automati$amente as OPs intermedi#rias 6,e2ault7-
4 C Lão 'era as OPs intermedi#rias-
6
PCP)P*ENE+AMENTO E CONTRO*E DE PROD,-.O
Por: Evandro Oliveira Gomes
Data de Criação: 26/07/2013 Data de Revisão: 26/07/2013 Nº: 001/2014
Beração das Ordens de Prodção
Leste momento iremos estudar &uais %ossi1ilidades o sistema nos o2ere$e %ara 'erarmos a nossa ne$essidade
de %rodução 6ordens de %rodução7 e de $om%ras 6soli$itaç+es de $om%ra7I
• Manal : O sistema a$eitar# &uais&uer &uantidades di'itadas na ordem de %rodução e soli$itaç+es de
$om%raI
• Ponto Pedido : O sistema levar# em $onsideração a &uantidade $onstante no $am%o %onto %edido do
$adastro de %rodutos 6o sistema 'era o valor do %onto %edido automati$amente7I
• Previsão de vendas : O usu#rio 2a> a di'itação das %revis+es de venda %ara um determinado %er?odo3 e o
sistema 2ar# uma %rojeção de esto&ues %ara as &uantidades %edidas na %revisão3 levando em $onsideração
o lote e$onOmi$o do %rodutoI
• Pedido de 4enda : O usu#rio 2ar# a di'itação do %edido de venda 6$on2irmação de uma venda7 e então o
sistema 2ar# a 'eração autom#ti$a das ordens de %rodução autom#ti$as e das soli$itaç+es de $om%ra3 se
ne$ess#rio 2or3 levando em $onsideração o lote e$onOmi$o do %roduto-
Puando da 'eração das ordens de %rodução o sistema 2ar# o em%en)o 6reserva7 dos %rodutos se'uindo as
&uantidades in2ormadas no $adastro de estruturas de %rodutos-
Beração Atom%ti$a 2ela Projeção de Esto<es
Para &ue o sistema %ossa 2a>er a 'eração autom#ti$a das ordens de %rodução se 2a> ne$ess#rio &ue o usu#rio
2aça %rimeiro uma %revisão de vendas- Em se'uida o usu#rio deve 2a>er a %rojeção de esto&ues e em se'uida
te$lar 410 6,O(7 ou 412 6Q/L,OQ(73 %ara $on2i'uração dos %arGmetros-
"%0s a $on2irmação o sistema a%resenta ainda mais um %arGmetro:
Projeção de Esto&ues : Cal$ular 6o sistema 2ar# o $al$ulo das ne$essidades de %rodução e de $om%ras7 ou
!isuali>ar 6o sistema 2ar# a%enas a visuali>ação das ne$essidades de %rodução e de $om%ras7-
"%0s a $on2irmação do $al$ulo3 o sistema 2ar# a %rojeção de esto&ues $on2orme a ne$essidade de vendas
6%revisão de vendas73 %ara &ue sejam 'eradas as ordens de %rodução e as soli$itaç+es de $om%ras o usu#rio
deve te$lar Berar OP/(C3 %ara &ue o sistema 'ere as ordens de %rodução e as soli$itaç+es de $om%ras-
A&ltinação de Ordens de Prodção
" a'lutinação das ordens de %rodução se 2a> ne$ess#ria %ara &ue o usu#rio tra1al)e $om um n=mero menor
de ordens de %rodução3 2a$ilitando assim o seu $ontrole e uso- @e$lando 410 6,O(7 e 412 6Q/L,OQ(73 5
%oss?vel a $on2i'uração dos %arGmetros ne$ess#rios do sistema-
"%0s a $on2irmação3 o sistema trar# uma tela $om as ordens de %rodução %ass?veis de serem a'lutinadas3 o
usu#rio %ode sele$ionar as ordens de %rodução te$lando REL@E*K so1re a ordem de %rodução desejada
6serão a'lutinadas as ordens de %rodução &ue estiverem mar$adas $om S73 e então 1asta $on2irmar a
a'lutinação-
Puando da a'lutinação das Ordens de Produção tem o in$onveniente de se %erder o elo3 $om a (C ori'inal3
%erdendo a re2er9n$ia &ue al'umas 2#1ri$as %re$isam de @er3 $om relação ao )ist0ri$o do %ro$esso %rodutivo-
E mais indi$ado nos $asos de %rodução %or Previsão de !enda e Plano estre de Produção3 &uando se est#
tra1al)ando $om OP %or venda e ou /tens em Ponto de Pedido3 nos &uais 5 im%ortante a (C e OP ori'jnal3
7
PCP)P*ENE+AMENTO E CONTRO*E DE PROD,-.O
Por: Evandro Oliveira Gomes
Data de Criação: 26/07/2013 Data de Revisão: 26/07/2013 Nº: 001/2014
tem de ser analisado $aso a $aso3 e levar em $onsideração os %r0s e $ontras de termos uma =ni$a OP
a'lutinando uma s5rie de outras3 isto deve ser 2eito $om o au8?lio do res%ons#vel %elo PCP-
Sa$ramentação de Ordem de Prodção
Esta rotina %ermite &ue as Ordens de Produção sejam sa$ramentadas3 isto 53 $on2i'uramCse $om %ra>os de
in?$io e 2im de %rodução imut#veis3 e durante o %ro$esso de Car'a #&uina não %odem ser realo$adas-
Can$elamento de Ordem de Prodção
Esta rotina %ermite $an$elar todas as Ordens de Produção em a1erto desde &ue não ten)am sido ini$iali>adas3
e8$luindo as (oli$itaç+es de Com%ra asso$iadas F Ordem de Produção e as re&uisiç+es em%en)adas-
En$erramento de OP
Puando uma ordem de %rodução 2or reali>ada %ar$ialmente e não vai mais ser ne$ess#rio a e2etivação do
t5rmino3 e8em%lo %rodu>iuCse :JT de uma OP e esta &uantidade atendeu as ne$essidades3 %ara &ue %rodu>ir
o restante da OP U
Então 5 %oss?vel en$errar a OP3 2a>endo assim a eliminação dos em%en)os-
E im%ortante ressaltar &ue &uando 5 2eito o en$erramento da OP o sistema não devolve automati$amente os
%rodutos j# re&uisitados 6 &ue %ossivelmente estejam so1rando7 %ara o almo8ari2ado3 5 ne$ess#rio &ue o
res%ons#vel %elas re&uisiç+es 2aça a devolução do material e8$edente3 %ois o (i'a a%enas ajusta os em%en)os
no (,43 >erandoCos-
E8em%lo:
Estrutura 6(G17
Prod1 6P1aseV17
Prod2 6P1aseV17
Prod4 6P1aseV17
ProdJ 6P1aseV17

Prod3 6P1aseV17
Prod6 6P1aseV17
Prod7 6P1aseV17
4oi a1erta uma ordem de %rodução do %roduto 1 de 100 %eças- Em se'uida o sistema a1re a janela de
em%en)os 6(,473 onde 2a> o em%en)o relativo as &uantidades ne$ess#rias a ordem de %rodução3 &ue neste
$aso seria de 100 %eças de todos os $om%onentes do %roduto 1-
Como e8em%lo 2oi a%ontada a %rodução de :J %eças do %roduto 2 e o sistema automati$amente re&uisitou :J
%eças do %roduto 4 e :J do %roduto J3 re%etindo a o%eração %ara o %roduto 33 o sistema re&uisitou
automati$amente :J %eças do %roduto 6 e :J do %roduto 7-
8
PCP)P*ENE+AMENTO E CONTRO*E DE PROD,-.O
Por: Evandro Oliveira Gomes
Data de Criação: 26/07/2013 Data de Revisão: 26/07/2013 Nº: 001/2014
Em se'uida 2oi 2eita uma re&uisição dos %rodutos J e 7 %ara ordem de %rodução $orres%ondente3 e a%0s esse
%asso 2oi e8e$utado o en$erramento- O sistema >erou os em%en)os e não e8e$utou a devolução dos materiais
%ara o almo8ari2ado3 sendo ne$ess#rio &ue seja 2eita a devolução dos materiais %elo usu#rio do PCP3 %ois
a%0s o en$erramento da OP não 5 %oss?vel 2a>er re&uisiç+es ou devoluç+es %ara uma OP en$errada-
Ajste de Em2en6o
O Em%en)o $onsiste em uma reserva &ue ser# utili>ado no %ro$esso de %rodução- (e torna ne$ess#rio &uando
a &uantidade de $om%onentes de estrutura 2or di2erente da &uantidade a ser utili>ada %or uma Ordem de
Produção3 ou em su1stituição de um $om%onente %or outro antes da %rodução-
Car&a M%<ina
" Car'a #&uina 5 a alo$ação dos re$ursos dis%on?veis das o%eraç+es dos itens a serem %rodu>idos 6C*P W
Planejamento das Le$essidades de Ca%a$idade7-
Car&a A$mlativa
O o1jetivo da $ar'a a$umulativa 5 o $al$ulo das )oras dis%on?veis dos $entros de tra1al)o em relação $om a
$a%a$idade dos mesmos-
A$om2an6amento da Prodção
O a$om%an)amento da %rodução 5 2eito $om relat0rios- (ão eles :
• Ordem de 2rodção : Emite as ordens de %rodução desejadas3 5 este relat0rio &ue $onstam as
ne$essidades de %rodução3 &uais o%eraç+es estão envolvidas no %ro$esso e em &ual $entro de $usto o
%roduto vai ser tra1al)ado3 &ual as %revis+es de ini$io e de t5rmino das ordens de %rodução-
• Relação das OCPDs : Emite uma relação de todas as ordens de %rodução não im%ortando em &ual situação
a ordem de %rodução se en$ontre 6en$errada3 em a1erto3 sus%ensa ou sa$ramentada7-
• Relação 2or OCPC : Emite uma relação de todas as movimentaç+es 2eitas %ara $ada ordem de %rodução3
e8i1indo in$lusive o $usto-
• Re$o e Avanço : Este relat0rio emite um ma%a 3 onde o usu#rio %oder# visuali>ar &uais as o%eraç+es
&ue %re$isam ser realo$adas3 5 neste relat0rio &ue são a%ontados os 'ar'alos 6di2i$uldades7 na %rodução-
• A$om2an6amento das O2eraç0es : Emite um relat0rio de a$om%an)amento da %rodução 3 tendo em
relação as o%eraç+es a serem e2etuadas em $ada %roduto3 e8i1indo a alo$ação das o%eraç+es e suas
ordens de %rodução-
Movimentação de Materiais
E %ela movimentação de materiais &ue o sistema 2a> a a%ro%riação de $ustos e d# a 1ai8a dos materiais
envolvidos no %ro$esso %rodutivo-
9
PCP)P*ENE+AMENTO E CONTRO*E DE PROD,-.O
Por: Evandro Oliveira Gomes
Data de Criação: 26/07/2013 Data de Revisão: 26/07/2013 Nº: 001/2014
• Movimentação Atom%ti$a : E dada &uando do in2orme de %rodução 6*e&uisiç+es73 esta movimentação
atuali>a o em%en)o e d# a 1ai8a real dos %rodutos do almo8ari2ado3 atuali>ando assim o saldo dis%on?vel
do %rodutoI
• Movimentação Manal : E dada &uando das re&uisiç+es ou devoluç+es manuais de %rodutos3
atuali>ando diretamente o saldo dis%on?velI
"s movimentaç+es são 2eitas em duas o%ç+es di2erentes no sistema3 uma das o%ç+es 5 utili>ada somente %ara
o in2orme de %rodução 61ai8a autom#ti$a73 e a outra o%ção 5 utili>ada %ara as re&uisiç+es e devoluç+es
manuais-
• Prodção : /n2orme de %rodução 61ai8a autom#ti$a de materiais7-
• Internos : Esta rotina tem a 2inalidade de lançamento das movimentaç+es internas de materiais3 na 2orma
de *e&uisiç+es ou ,evoluç+es- Estes %ro$edimentos atuali>am os saldos 2?si$o e 2inan$eiro dos %rodutos3
sendo um item %ara $ada do$umento $riado- .# duas maneiras das re&uisiç+es serem 'eradas:
- Automática : 5 dada &uando do in2orme de %rodução 6re&uisição73 atuali>ando o em%en)o
- Manual : 5 dada &uando da re&uisição ou devolução manual do %roduto3 atuali>ando diretamente o
saldo dis%on?vel do %roduto-
" o%ção de /nternos $omo movimentação %ossui uma se'unda %ossi1ilidade3 $omo Mmodelo 2M3 &ue
%ermite lançar v#rios itens num =ni$o do$umento-
Re<isiç0es
*otina &ue 'era re&uisiç+es autom#ti$as $om o o1jetivo de redu>ir esta di'itação3 &ue %ode ser 1astante
volumosa- Esta rotina 5 dividida em duas eta%as: 'eração do em%en)o e $onversão do em%en)o em
re&uisição-
O em%en)o 5 2eito de a$ordo $om a estrutura de um determinado %roduto a ser 2a1ri$ado- Lo $adastramento
da Ordem de Produção3 o sistema 2a> a e8%losão dos $om%onentes e 'era os em%en)o dos materiais diretos
6a%ro%riação %elo real7 e indiretos 6a%ro%riação %elo standard7 utili>ados na sua %rodução-
PodeCse di>er &ue mesmo os itens diretos3 ou seja3 $om a%ro%riação %elo real3 são re&uisitados de a$ordo $om
a &uantidade standard de2inida na estrutura- O$orre &ue estas %odem e devem ter seu $onsumo ajustado %elas
re&uisiç+es/devoluç+es adi$ionais3 2eitas manualmente na tela de ovimentos /nternos- Lote &ue esta
re&uisição não %ode atuali>ar o em%en)o3 utili>ando3 %ortanto3 um ti%o de movimentação 6@7 a%ro%riado-
Caso o usu#rio não &ueira &ue a $onversão do em%en)o seja 2eita3 %ois %re2ere di'itar @O,"( as re&uisiç+es3
1asta $olo$ar no @ da %rodução ALB %ara não atuali>ar o em%en)o-
.# dois ti%os de re&uisiç+es %oss?veis:
X *e&uisiç+es normais
X *e&uisiç+es %ara Ordens de Produção
"s re&uisiç+es 'eradas automati$amente %ara os itens de a%ro%riação %elo real tem su2i8o A1B e as manuais3
su2i8o A0B-
Para esta o%ção utili>e a vari#vel !N*EP"<@ V "-
"s re&uisiç+es manuais são e2etuadas nos $asos em &ue:
X a em%resa seja e8$lusivamente $omer$ial ou s0 2a> $ontrole do material de $onsumo e3 %ortanto3 não tem
estrutura de %rodutos- ,esta 2orma3 não 5 %oss?vel 'erar as re&uisiç+es autom#ti$as-
X a em%resa 6em 2unção do 2lu8o de in2ormaç+es7 resolve di'itar todas as re&uisiç+es-
X )ouve um $onsumo a mais da &uantidade %revista e re&uisitada %elo sistema3 assim3 di'itaCse uma
re&uisição adi$ional-
10
PCP)P*ENE+AMENTO E CONTRO*E DE PROD,-.O
Por: Evandro Oliveira Gomes
Data de Criação: 26/07/2013 Data de Revisão: 26/07/2013 Nº: 001/2014
Para os itens de a%ro%riação %elo standard 5 o1ri'at0rio 2a>er a re&uisição &ue leva o material do
almo8ari2ado %ara o %ro$esso- Esta re&uisição tem su2i8o i'ual a A3B e não leva nen)um n=mero de Ordem
de Produção- "o ser 2eita a %rodução 5 dada a 1ai8a do %ro$esso $om uma re&uisição $ujo su2i8o 5 A2B e &ue
5 a%ro%riada na O-P- $orres%ondente3 dando neste momento a 1ai8a do em%en)o-
La in2ormação de uma re&uisição 5 atuali>ado o saldo atual em esto&ue3 o $onsumo m5dio e os $ustos
6determinado %elo ti%o de movimentação7- Caso sejam destinadas Fs Ordens de Produção3 seus valores são
somados %ara valori>ação do %roduto 2a1ri$ado-
" *e&uisição de ateriais ao "lmo8ari2ado deve ser e2etuada antes da o%ção %rodução3 %ara &ue o sistema
$onsidere as &uantidades de materiais devolvidos nos $ustos e saldos-
YConsultar t0%i$o A@i%os de ovimentaçãoB %ara veri2i$ar a numeração &ue de2ine o ti%o de *e&uisição-
Devolção de Materiais
" ,evolução de ateriais $onsiste no retorno do material não utili>ado %elo soli$itante ao "lmo8ari2ado3
%ro$edendo a atuali>ação do saldo atual em esto&ue3 o $onsumo m5dio e o $usto3 se determinado %elo ti%o de
movimentação 6@7-
La transação de devolução rela$ionada a uma Ordem de Produção são veri2i$ados os $ustos %ara valori>ação
do %roduto 2a1ri$ado-
E re$omend#vel &ue as ,evoluç+es de ateriais ao "lmo8ari2ado seja e2etuada antes da o%ção %rodução3
%ara &ue o sistema $onsidere as &uantidades de materiais devolvidos nos $ustos e saldos-
YConsultar t0%i$o A@i%os de ovimentaçãoB %ara veri2i$ar a numeração &ue de2ine o ti%o de ,evolução-
Prodção
" rotina de in2orme de %rodução3 %ela o%ção Produção PCP3 5 utili>ada %ara &ue o sistema e2etue a 1ai8a de
materiais3 e a 1ai8a das o%eraç+es e2etuadas-
Prodção PCP MODC '
" Produção PCP $onsiste na atuali>ação do movimento de Produção3 'erando re'istros de movimentos
internos- Esta in2ormação %ode ser manual ou 'erada via $oletor de dados-
Esta transação tem $omo 2inalidade atuali>ar as o%eraç+es alo$adas de $ada Ordem de Produção3 in2ormando
as datas3 )oras3 &uantidades 1oas %rodu>idas e %erdas- "utomati$amente ao ser di'itada3 a =ltima o%eração da
OP-3 o sistema 'era um movimento de %rodução 6entrada do Produto "$a1ado no esto&ue7 e o
movimento de re&uisiç+es autom#ti$as dos materiais utili>ados 61ai8a nos esto&ues73 $al$ulando o $usto onC
line- Esta %rodução 5 vin$ulada F Car'a #&uina-
Prodção PCP MODC 8
" Produção PCP od- 2 e8e$uta a %rodução da mesma 2orma &ue a Produção PCP od- 13 %or5m 5
totalmente inde%endente da Car'a #&uina3 sendo vin$ulada somente ao *oteiro de O%eraç+es-
Can$elamento das Ordens de Prodção
Esta rotina 5 utili>ada %ara &ue o usu#rio $an$ele todas as ordens de %rodução &ue não 2oram movimentadas3
e 2aça uma seleção das ordens de %rodução j# movimentadas %ara &ue o usu#rio %ossa sele$ionar &uais ordens
de %rodução serão en$erradas-
A2ontamento de Eoras Im2rodtivas
11
PCP)P*ENE+AMENTO E CONTRO*E DE PROD,-.O
Por: Evandro Oliveira Gomes
Data de Criação: 26/07/2013 Data de Revisão: 26/07/2013 Nº: 001/2014
Lesta transação são in2ormadas as )oras im%rodutivas de $ada O%erador/ *e$urso3 sendo %oss?vel a
$lassi2i$ação %or otivo-
A2ontamento de Perda
Esta rotina tem %or o1jetivo 2a>er o tratamento de %rodutos &ue 2oram %erdidos 6e/ou dani2i$ados ao %ro$esso
de %rodução7- "trav5s desta3 %odemos in$luir em um almo8ari2ado determinado $omo su$ata3 $om um $0di'o
es%e$?2i$o-
Relat#rios e Consltas
,ado ao 'rande n=mero de $adastros e movimentaç+es &ue o sistema %ossui se'uem a1ai8o al'uns relat0rios
e $onsultas3 &ue ajudarão 1astante ao usu#rio $ontrolar o suas rotinas de PCP %elo sistema da i$rosi'a 6vale
lem1rar &ue3 %ode )aver o $aso de al'umas em%resas ne$essitarem de al'uns relat0rios &ue o sistema não
%ossui3 mas &ue %odem ser 2eitos via 'erador de relat0rios ou *daDe7
Consltas
X Cadastro
Gen5ri$os: $onsulta de todos os ar&uivos rela$ionados ao m0dulo e suas rotinasI
.isto'ramas: $onsulta a utili>ação dos re$ursos da em%resaI
Zarde8 %or dia: $onsulta %rodutos no almo8ari2ado3 dia a diaI
Produto: $onsulta de dados $adastrais dos %rodutos e suas movimentaç+esI
"$om%an)amento da Produção: $onsulta o andamento da %rodução-
X Rastrea!ilidade
*astreamento: $onsulta aos dados de rastrea1ilidade atri1u?dos aos %rodutosI
(u1C;otes: veri2i$ação dos su1Clotes $riados e atri1u?dos aos %rodutosI
;otes: $onsulta aos lotes de %rodutos-
X *o$ali1ação
(aldo ;o$ali>ação: $onsulta do saldo dos %rodutos %or lo$ali>ação 2?si$a onde 2oram $adastradosI
;ote S ;o$ali>ação: $onsulta os %rodutos %or lote amarrados F lo$ali>ação 2?si$a-
Relat#rios
O sistema %ossui uma &uantidade muito 'rande de relat0rios3 %or isso %ara e2eito de $urso iremos nos ater
a%enas aos relat0rios mais im%ortantes no modo 'eral-
• Cadastros
Prodtos : E8i1e uma lista'em dos dados $adastrais dos %rodutos-
12
PCP)P*ENE+AMENTO E CONTRO*E DE PROD,-.O
Por: Evandro Oliveira Gomes
Data de Criação: 26/07/2013 Data de Revisão: 26/07/2013 Nº: 001/2014
Estrtra Sim2les : E8i1e uma lista'em das estruturas dos %rodutos-
Onde F ,sado I 4orne$e uma relação dos materiais 6insumos73 levando em $onsideração a sua utili>ação
6&ual %roduto e onde 5 usado7
Relação de re$rsos : E8i1e uma lista'em $om todos os re$ursos $adastrados no sistemaI
Relação de O2eraç0es : E8i1e uma lista'em $om todas as o%eraç+es $adastradas %ara os %rodutos3 listando
tam15m os re$ursos alternativos %ara as o%eraç+esI
Y!eri2i$ar os outros relat0rios $itados no t0%i$o A"$om%an)amento da ProduçãoB
• Es2e$3/i$os
Re<isiç0es : ;ista um relat0rio $om todas as movimentaç+es o$orridas na em%resa em um determinado
%er?odo 6lista todas as re&uisiç+es3 devoluç+es3 %roduç+es e estornos7I
Analise de esto<es : e8i1e uma lista'em mostrando a situação de $ada %roduto em relação ao seu saldo3
&uantidade em%en)ada3 suas entradas %revistas e a sua $lassi2i$ação "[C-
Projeção de Esto<es : Emite a lista'em da %rojeção de esto&ues-
13
PCP)P*ENE+AMENTO E CONTRO*E DE PROD,-.O
Por: Evandro Oliveira Gomes
Data de Criação: 26/07/2013 Data de Revisão: 26/07/2013 Nº: 001/2014
D I C A S
 Roteiro de Im2lantação
E im%res$ind?vel3 %ara im%lantação do 0dulo PCP3 &ue os 0dulos de Esto&ue/Custos3 Com%ras e
4aturamento j# estejam instalados e 2un$ionando-
Lo SIGA Advanced3 )# uma se&u9n$ia de inserção de dados e %ro$edimento das movimentaç+es a ser
se'uida- ,evido a 2le8i1ilidade do sistema3 não 5 ne$ess#rio &ue os $adastramentos sejam 2eitos em ordem
se&uen$ial3 os $adastros %odem ser atuali>ados simultaneamente-
- Cadastrar :
Centro de Custos
<nidades de edida
Gru%os de O%$ionais
Produtos
Estruturas
Gru%os de (eletividade
Com%osição
Previsão de !endas
Plano estre de Produção
Centros de @ra1al)o
Calend#rios
E8$eç+es ao Calend#rio
4erramentas
[lo&ueio de 4erramentas
*e$ursos
[lo&ueio de *e$ursos
O%eraç+es
Ordem de Produção anual
- Geração de Ordem de Produção "utom#ti$a
- Geração de (oli$itação de Com%ras "utom#ti$a
- C#l$ulo do *P
- Car'a #&uina
- .isto'rama
- Controle da Produção
- Car'a #&uina "$umulativa
- "%ontamentos Produção PCP
- *e&uisiç+es "di$ionais 6/nternas7
- @rans2er9n$ias
 E@$lsão de Ordem de Prodção 2ara Atori1ação de Entre&a
Criado tratamento %ara o %arGmetro M!N,E;E"EM &ue tratara a e8$lusão de autori>ação de 4orne$imento
de Entre'a 6Contrato de Par$eria7 da se'uinte 2orma &uando da e8$lusão da Ordem de Produção:
(e $onte=do i'ual a M(M CK E8$lui a "-E- 6de2ault7
Caso $ontrario não e8$lui e lim%a da "E o numero da Ordem de Produção-
14
PCP)P*ENE+AMENTO E CONTRO*E DE PROD,-.O
Por: Evandro Oliveira Gomes
Data de Criação: 26/07/2013 Data de Revisão: 26/07/2013 Nº: 001/2014
,is%on?vel %ara vers+es : 8-07 6devera ser $riado o %arGmetro7
 ParGmetros a serem $on/i&rados 2ara im2ressão de relat#rio
X !NCOP : Cara$ter "(C// %ara $om%a$tação da im%ressora- Por de2ault3 o sistema tra> o $onte=do M1JM-
X !N,*/!E* : ,river %adrão da im%ressora- Por de2ault3 o sistema tra> o $onte=do MEP(OLM-
X !NLO* : Cara$ter "(C// %ara des$om%a$tar a im%ressora- Por de2ault3 o sistema tra> o $onte=do M1\M-
X !NPO*@ : L=mero da %orta da im%ressora- Por de2ault3 o sistema tra> o $onte=do M1M-
X !NP*/L@ : ,ire$iona a sa?da do relat0rio %ara im%ressora ou dis$o- Por de2ault3 o sistema tra> o
$onte=do M36M-
 Con/i&raç0es 2ara /n$ionar Car&a M%<ina
O[(:- (0 roda visualmente em dos3 na versão ]indo]s roda3 %or5m o1temCse o resultado a%enas em
relat0rio-
Cadastro de o%eraç+es 61aseado na estrutura de %rodutos7
Estrutura e8em%lo:
P"1

P1
P2
P/1
P3
P/2
P4
P/3
PJ
'
o
Cadastrar $alend#rios
8
o
Cadastrar re$ursos 6m#&uinas7 e8: )omens
C-C<(@O
C";EL,H*/O
*EC<*(O( ";@E*L"@/!O( C ";@E*L"@/!O(
(EC<L,H*/O(
9
o
Cadastrar 2erramentas
15
PCP)P*ENE+AMENTO E CONTRO*E DE PROD,-.O
Por: Evandro Oliveira Gomes
Data de Criação: 26/07/2013 Data de Revisão: 26/07/2013 Nº: 001/2014
:
o
O%eraç+es:
OPE*"^_O / *EC<*(O( / 4E**"EL@"(-
;O@E P",*_O 1000 P/ .O*"
@EPO P",*_O 1 .
@/PO ,E OPE*"^_O 1 W LO*"; W P*OPO*C/OL";
2 W @EPO 4/SO W (eja &ual 2or o taman)o do lote o tem%o 5 o mesmo-
3 W /;//@",O C *EC<*(O (EP*E ,/(POL`!E;-
@/PO ,E (O[*EPO(/^_O V PE*CEL@<";
@EPO ,E (O[*EPO(/^_O V 10T 6e8em%lo7
@/PO ,E ,E(,O[*"EL@O V 1 P<"L@/,",E 6usa o re$urso alternativo3 %ara 'an)ar tem%o7-
2 @EPO
@EPO ,E ,E(,O[*"EL@O V P*OPO*C/OL";/,",E EL@*E O *EC<*(O 01 E 02-
CEL@*O ,E @*"[";.O V C","(@*"* CEL@*O ,E @*"[";.O E ";OC"* O( *EC<*(O( E
CEL@*O( ,E @*"[";.O-
C"*G" HP</L" V ";OC"*
!/(<";/a"*
O;."* V !N*"(@*O
[1N*"(@*O
[1N;OC";/a
16