You are on page 1of 5

CGA

Aluno (a) ________________________________________________________________
Prof: Trajano Física
____/Outubro 2012 Lista
Questão 01 - (UFRN)

Num jogo de futebol, os jogadores exercem
forças de contato sobre a bola, as quais são
detectadas pelos seus efeitos, como deformação
da bola e modificações do seu estado de
repouso ou de movimento.
Quando o jogador chuta a bola, aplica-lhe uma
força de intensidade varivel e h uma interação
entre o p! e a bola durante um curto intervalo de
tempo.
"om os recursos tecnol#gicos de que se dispõe
atualmente, ! poss$vel determinar tanto a força
m!dia exercida pelo p! quanto o tempo de
contato entre o p! e a bola.
"onsiderando que a força m!dia multiplicada
pelo tempo de contato ! o impulso exercido
sobre a bola, pode-se afirmar que este produto !
igual % variação da
a& quantidade de movimento angular da bola
devido ao chute.
b& energia cin!tica da bola devido ao chute.
c& energia potencial da bola devido ao chute.
d& quantidade de movimento linear da bola
devido ao chute.
Questão 02 - (UNIFICADO RJ)

'm uma partida de futebol, a bola ! lançada em
linha reta na grande rea e desviada por um
jogador da defesa. Nesse desvio, a bola passa a
se mover perpendicularmente % trajet#ria na qual
foi lançada. (abe-se que as quantidades de
movimento imediatamente antes e
imediatamente depois do desvio t)m o mesmo
m#dulo p.
* impulso exercido sobre a bola durante o
desvio referido no enunciado ser igual a+
a& ,ero
b& p
c& - p
d& . p
e& -p
Questão 03 - (UNIFICADO RJ)

/ara que um bloco de massa igual a .0g,
inicialmente em repouso, adquira uma
velocidade de 10m2s em exatamente 1,-s, !
necessrio aplicar-lhe uma força cujo m#dulo,
em ne3tons, deve valer+
a& -400
b& -40
c& -4
d& -,4
e& 0,-4
Questão 04 - (UEMA)

5m proj!til de massa 14g incide hori,ontalmente
sobre uma tbua com velocidade 600 m2s e a
abandona com velocidade ainda hori,ontal de
700 m2s. Qual o m#dulo do impulso comunicado
ao proj!til pela tbua8
a& 1,4 N 9 (
b& .,0 N 9 (
c& 6,0 N 9 (
d& :,0 N 9 (
e& 14 N 9 (
Questão 05 - (UNESP)

; intensidade <m#dulo& da resultante das forças
que atuam num corpo, inicialmente em repouso,
varia como mostra o grfico.
= < N &
-
1
0
0 - 7 6 >
t < s &
?urante todo o intervalo de tempo considerado,
o sentido e a direção dessa resultante
permanecem inalterados. Nestas condições, a
quantidade de movimento, em @g.m2s <ou Ns&
adquirida pelo corpo !
a& >
b& 14
c& 16
d& -0
e& -7
Questão 0 - (PUC RS)

?ois carros, ; e A, se aproximam de uma
esquina movimentada da cidade vindos de
direções perpendiculares entre si. * carro ;, de
massa 1-00@g, se move com velocidade de
40@m2h, enquanto o carro A, de 1000@g, se
move com velocidade de 60@m2h. Na esquina os
carros colidem e, imediatamente ap#s a colisão,
se movem juntos. ?espre,ando-se a influ)ncia
de quaisquer forças que não as que atuam entre
os dois carros e indicando respectivamente por
i;
p

e
iA
p

o momento linear dos carros ; e A
antes da colisão e por
f;A
p

o momento linear
dos carros imediatamente depois da colisão, o
diagrama vetorial que pode representar
corretamente esses momentos lineares !
a&
b&
c&
d&
e&
Questão 0! - (UERJ)

*bserve a tabela abaixo, que apresenta as
massas de alguns corpos em movimento
uniforme.
-0 .600 hão min ca
B0 1100 autom#vel
60 1-0 leopardo
& h 2 @m <
C'D*"E?;?'
& @g <
F;((;
"*G/*(
;dmita que um cofre de massa igual a .00 @g
cai, a partir do repouso e em queda livre de uma
altura de 4 m.
"onsidere Q1, Q-, Q. e Q7, respectivamente, as
quantidades de movimento do leopardo, do
autom#vel, do caminhão e do cofre ao atingir o
solo.
;s magnitudes dessas grande,as obedecem
relação indicada em+
a& Q1 H Q7 H Q- H Q.
b& Q7 H Q1 H Q- H Q.
c& Q1 H Q7 H Q. H Q-
d& Q7 H Q1 H Q. H Q-
Questão 0" - (UFRN)

* funcionamento de um gerador e#lico !
baseado na interação entre suas ps e o vento.
Nessa interação, as ps do gerador funcionam
como defletor para a massa de ar incidente.
?urante a interação, o vetor quantidade de
movimento do ar incidente Q
inicial, tem a
orientação alterada para quantidade de
movimento do ar refletido, Q
final, pela
presença das ps, conforme mostrado na =igura
abaixo.

; variação da quantidade de movimento da
massa de ar incidente sobre as ps fa, com que
elas girem em torno de seu eixo gerando energia
el!trica. Ial variação na quantidade de
movimento do ar, Q ∆ # ! expressa por
inicial final
Q Q Q − = ∆ .
Neste sentido, a composição de vetores que
melhor representa a variação da quantidade do
movimento do ar est representada por+
a&
b&
c&
d&
Questão 0$ - (E%APA SP)

5m nJcleo radioativo em repouso decai em um
neutrino, um el!tron e um segundo nJcleo. *
neutrino e o el!tron são emitidos com
velocidades formando um Kngulo reto entre si e
possuem quantidades de movimento de valor
6,0
&
10
−-.
@g
&
m2s e >,0
&
10−-. @g
&
m2s
respectivamente. * m#dulo da quantidade de
movimento do nJcleo emitido !+
a& ,ero
b& -,0
&
10
−-.
@g
&
m2s
c& B,0
&
10
−-.
@g
&
m2s
d& 10
&
10
−-.
@g
&
m2s
e& 17
&
10
−-.
@g
&
m2s
Questão 10 - (UNIFOR CE)

(obre o tampo hori,ontal de uma mesa
perfeitamente lisa desli,a um carrinho de massa
m com velocidade de 1,- m2s. ?eixa-se cair
verticalmente na carroçaria do carrinho um
pedaço de argila de massa
-
m
. /ode-se dedu,ir
que o sistema carrinho L argila passa a mover-se
na hori,ontal com velocidade, em m2s,
a& 1,-
b& 1,0
c& 0,>0
d& 0,60
e& 0,70
Questão 11 - (PUC SP)

5m grupo de estudantes de =$sica reali,a um
clssico experimento que consiste em medir o
tempo de queda de um objeto do alto de um
edif$cio, despre,ando a resist)ncia do ar e
considerando a aceleração da gravidade local,
-
m2s 10 g = . *s alunos abandonam uma bola
de massa -40 gramas, a partir do alto do edif$cio
e observam que ela demora . segundos para
atingir o solo. ;nalisando os dados obtidos em
seu experimento, os estudantes chegam %s
seguintes conclusões+
E. ; altura do edif$cio ! igual a 74m.
EE. ; energia cin!tica da bola ao atingir o solo
vale --4 M.
EEE. ; quantidade de movimento da bola ao
atingir o solo ! B,4 N.s.
EC. ; energia potencial da bola no alto do
edif$cio em relação ao solo vale 11-,4 M.
(ão corretas as conclusões dos estudantes
presentes apenas nas alternativas
a& EE e EEE
b& EE e EC
c& EE, EEE e EC
d& E, EEE e EC
e& E e EE
Questão 12 - (UFRJ)

/ara demonstrar a aplicação das leis de
conservação da energia e da quantidade de
movimento, um professor reali,ou o
experimento ilustrado nas =iguras 1 e -, abaixo.
Enicialmente, ele fe, colidir um carrinho de
massa igual a 1,0 @g, com velocidade de -,0 m2s,
com um outro de igual massa, por!m em
repouso, conforme ilustrado na =igura 1. No
segundo carrinho, existia uma cera adesiva de
massa despre,$vel. ;p#s a colisão, os dois
carrinhos se mantiveram unidos, deslocando-se
com velocidade igual a 1,0 m2s, conforme
ilustrado na =igura -.
"onsiderando-se que a quantidade de
movimento e a energia cin!tica iniciais do
sistema eram, respectivamente, -,0 @g.m2s e -,0
M, pode-se afirmar que, ap#s a colisão,
a& nem a quantidade de movimento do sistema
nem sua energia cin!tica foram conservadas.
b& tanto a quantidade de movimento do sistema
quanto sua energia cin!tica foram
conservadas.
c& a quantidade de movimento do sistema foi
conservada, por!m a sua energia cin!tica
não foi conservada.
d& a quantidade de movimento do sistema não
foi conservada, por!m a sua energia cin!tica
foi conservada.
Questão 13 - (FA%EC SP)

5ma esfera se move sobre uma superf$cie
hori,ontal sem atrito. Num dado instante, sua
energia cin!tica vale -0 M e sua quantidade de
movimento tem m#dulo -0 N.s.
Nestas condições, ! correto afirmar que sua
a& velocidade vale 1,0 m2s.
b& velocidade vale 4,0 m2s.
c& velocidade vale 10 m2s.
d& massa ! de 1,0 @g.
e& massa ! de 10 @g.
Questão 14 - (UE' 'O)

Aaseando-se na cultura popular, que atribui %
fase principal da Dua influ)ncia relevante sobre
a deformação dos fluidos corporais, um
pesquisador analisou o nJmero de nascimentos
nas quatro fases principais da Dua. ;o todo,
107.616 nascimentos, ocorridos entre 1:.. e
1:>., foram analisados e representados no
grfico abaixo+
";?'GN* AG;(ED'EG* ?' 'N(EN* ?'
=N(E";, -0<1&+10--:. -00.. p. 1:. <;daptado&.
"om base nas informações e na anlise do
grfico, ! "*GG'I* afirmar+
a& os fluidos corporais não são deformados
pela ação gravitacional solar ou lunar, pois
o volume desses fluidos ! despre,$vel.
b& os fluidos corporais, assim como as guas
dos oceanos, são deformados pela ação
gravitacional da Dua e do (ol.
c& os fluidos corporais sofrem maior ação
gravitacional do (ol, enquanto a ação lunar
! despre,$vel.
d& os fluidos corporais sofrem maior ação
gravitacional da Dua dois dias antes do
quarto crescente.
Questão 15 - (UDESC)

;nalise as proposições abaixo sobre a
Oravitação 5niversal.
E. ; terceira lei de Pepler relaciona o per$odo
de revolução de cada planeta em torno do
(ol com a distKncia m!dia desse planeta ao
(ol.
EE. ; constante da gravitação universal O e a
aceleração da gravidade g t)m o mesmo
valor na superf$cie da Dua.
EEE. (at!lites geoestacionrios permanecem em
repouso com relação % Dua.
;ssinale a alternativa (o))et*.
a& (omente a afirmativa E ! verdadeira.
b& (omente a afirmativa EE ! verdadeira.
c& (omente a afirmativa EEE ! verdadeira.
d& (omente as afirmativas E e EE são
verdadeiras.
e& (omente as afirmativas EE e EEE são
verdadeiras.
Questão 1 - (UFU M')

; 'stação 'spacial Enternacional <E((&, que teve
sua construção iniciada em 1:>>, ! uma
reali,ação humana que tem propiciado ao
homem ocupar um lugar fora da Ierra e
desenvolver diversos tipos de estudos. 'la se
encontra a, aproximadamente, 700 @m da
superf$cie de nosso planeta, que possui raio
aproximado de 6 x 10
6
m e massa de 6 x 10
-7
Pg.
(obre a presença dos astronautas no interior da
E((, ! correto afirmar que+
a& a aceleração da gravidade % qual estão
sujeitos ! de, aproximadamente, >,B m2s
-
.
b& eles estão o tempo todo flutuando, uma ve,
que se encontram em uma região de
gravidade nula.
c& a força da gravidade somente atuaria sobre
eles se a E(( estivesse dentro da atmosfera
da Ierra.
d& na E(( existe uma força gravitacional
atuando, menor que na superf$cie da Ierra,
fa,endo com que o peso dos astronautas se
torne nulo e eles flutuem.
Questão 1! - (UFSC)

Q'u medi os c!us, agora estou medindo as
sombras. ; mente rumo ao c!u, o corpo
descansa na terra.Q
"om esta inscrição, Mohannes Pepler encerra
sua passagem pela vida, escrevendo seu pr#prio
epitfio. Pepler, juntamente com outros grandes
nomes, foi responsvel por grandes avanços no
que se refere % mecKnica celeste.
No que se refere % hist#ria e % ci)ncia por trs
da mecKnica celeste, assinale a<s&
proposição<ões& CORRE%A(S).
01. * astrRnomo "ludio /tolomeu defendia o
sistema geoc)ntrico, com a Ierra no centro
do sistema planetrio. M Nicolau
"op!rnico defendia o sistema
helioc)ntrico, com o (ol no centro do
sistema planetrio. IScho Arahe elaborou
um sistema no qual os planetas giravam
em torno do (ol e o (ol girava em torno da
Ierra.
0-. Oalileu Oalilei foi acusado de herege,
processado pela Egreja "at#lica e julgado
em um tribunal por afirmar e defender que
a Ierra era fixa e centrali,ada no sistema
planetrio.
07. Pepler resolveu o problema das #rbitas dos
planetas quando percebeu que elas eram
el$pticas, e isso s# foi poss$vel quando ele
parou de confiar nas observações feitas por
IScho Arahe.
0>. * movimento de translação de um planeta
não ! uniformeT ele ! acelerado entre o
peri!lio e o af!lio, e retardado do af!lio
para o peri!lio.
16. ; teoria da gravitação universal, de
Ne3ton, ! vlida para situações nas quais
as velocidades envolvidas sejam muito
grandes <pr#ximas % velocidade da lu,& e o
movimento não ocorra em campos
gravitacionais muito intensos.
.-. ; teoria da relatividade geral de 'instein
propõe que a presença de uma massa
deforma o espaço e o tempo nas suas
proximidades, sendo que, quanto maior a
massa e menor a distKncia, mais intensos
são seus efeitos. /or isso a #rbita de
FercJrio não pode ser explicada pela
gravitação de Ne3ton.
Questão 1" - (F'+)

"uriosamente, no sistema solar, os planetas
mais afastados do (ol são os que t)m maior
quantidade de sat!lites naturais, principalmente
os de maior massa, como MJpiter e (aturno,
cada um com mais de 60 sat!lites naturais.
"onsidere - sat!lites ; e A de MJpiter. * sat!lite
; dista G do centro de MJpiter e o sat!lite A
dista 7G do mesmo centro. (e ; demora n dias
terrestres para completar uma volta em torno de
MJpiter, o nJmero de dias terrestres em que A
completa uma volta em torno do mesmo planeta
!
a& n - ⋅ .
b& - ⋅ n.
c& 7 ⋅ n.
d& > ⋅ n.
e& > ⋅ - ⋅ n.
%E,%O- 1

'm setembro de -010, MJpiter atingiu a menor
distKncia da Ierra em muitos anos. ;s figuras
abaixo ilustram a situação de maior afastamento
e a de maior aproximação dos planetas,
considerando que suas #rbitas são circulares,
que o raio da #rbita terrestre <GI& mede 1,4×10
11
m e que o raio da #rbita de MJpiter <GM& equivale
a B,4×10
11
m.
Questão 1$ - (UNICAMP SP)

Quando o segmento de reta que liga MJpiter ao
(ol fa, um Kngulo de 1-0U com o segmento de
reta que liga a Ierra ao (ol, a distKncia entre os
dois planetas ! de
a& . G G G G
I M
-
I
-
M
− +
b& . G G G G
I M
-
I
-
M
+ +
c&
I M
-
I
-
M
G G G G − +
d&
I M
-
I
-
M
G G G G + +
Questão 20 - (UNICAMP SP)

?e acordo com a terceira lei de Pepler, o
per$odo de revolução e o raio da #rbita desses
planetas em torno do (ol obedecem % relação
.
I
M
-
I
M
G
G
I
I








=








, em que IM e II são os
per$odos de MJpiter e da Ierra, respectivamente.
"onsiderando as #rbitas circulares
representadas na figura, o valor de IM em anos
terrestres ! mais pr#ximo de
a& 0,1.
b& 4.
c& 1-.
d& 1-4.
O;A;GEI*+
1& '*.+ ? -& '*.- " .& '*.- ' 7& '*.- A 4& '*.-
;
6& '*.+ ' B& '*.+ " >& '*.+ " :& '*.- ? 10&
'*.- "
11& '*.+ ? 1-& '*.+ " 1.& '*.- ' 17& '*.+ ; 14&
'*.+ ;
16& '*.+ ; 1B& '*.+ .. 1>& '*.+ ? 1:& '*.+ ?
-0& '*.+ "