You are on page 1of 6

Programa – Economia Brasileira

1. Indicadores de Atividade Economica
2. Inflação e Indices de Preços
3. Politica Monetaria Setor Publico
4. Setor Publico
5. Setor Externo
A ascensão de Lula
 A eleição em um momento delicado:
o Crise Argentina
o Forte crise de confiança
o Fuga de capitais
 A manifestação do descontentamento popular e a derrota do candidato governista
José Serra
 A ascensão de Lula após 4 tentativas e a volta da esquerda ao poder desde Jango
A mudança de postura (ações do PT para fazer com que pessoas que estavam satisfeitas com
o governo de FHC a votar no Lula)
O abandono de velhas bandeiras petistas:
 Carta ao povo brasileiro
o Compromisso em manter os superávits primários
 Notas sobre o acordo com o FMI
o Compromisso em respeitar o acordo com o FMI
 Politica econômica e reformas estruturais
o Documento no qual o PT se comprometia a preservar a estabilidade e a
austeridade fiscal
 Indicações para os cargos chaves da economia
o Palocci para a Fazenda
o Meirelles para o BC
O teste Final
 A difícil situação herdada
o Risco país em 2.100 pb em Setembro/2002
o Expectativa de inflação para 2003 em 11% a.a.
o Taxa de cambio: 1 USD = 3,99 NRL em Set/02
Rompendo com a Ruspura
 Anuncio das novas metas de inflação:
o 4,0% (2003) – com bandas de 2,5%
o 5,5% (2004) – com bandas de 2,5%
o 4,5% (2005) – com bandas de 2,5%
o 4,5% (2006 – 2010) – com bandas de 2,0%
 Elevação gradual da SELIC
o Chegando aos 26,5% a.a. em meados de 2003
 Aumento da meta de superávit primário
o Saindo dos 3,75% do PIB para 4,25% do PIB
 Elevação da carga tributaria (38% PIB em 2005 – IBPT)
 Corte Inicial

Reformas propostas
 Proposta de reforma tributaria
o Unificar legislação do ICMS
o Renovar vigência do IRPF e da CPMF (até 2007)
o Elevar alíquota da COFINS (de 3% para 7%)
 Proposta de reforma previdenciária
o Taxação de servidores inativos
o Elevação da idade mínima para aposentadoria integral (60 anos para homes –
55 anos para mulheres)
o Definição do mesmo teto do INSS para os servidores que fosse contratados
Os avanços sociais
 Criação do bolsa família
 Politica de valorização do salário mínimo
 Forte ritmo de criação de empregos
o 15 milhões de novas vagas
 Redução dos níveis de pobreza
o 28 milhões fora da pobreza extrema
o 36 milhões incorporados à classe media (classe C)
 Avanços na educação (Prouni e FIES)
Reeleição e o programa de aceleração do crescimento
 A reeleição de Lula:
“O medo se transformando em esperança”
 O anuncio do PAC: carro chefe do 2º mandato
 Objetivo: Ordenar o dispêndio federal de capital por meio de um emaranhado de
projetos de investimento em áreas como:
o Transporte
o Energia
o Habilitação
Aexpansão do ritmo de crescimento no segundo mandato
 O cenário externo favorável e a explosão nos preços das commodities
 A forte expansão do consumo:
o A valorização do salario mínimo
o Os programas ...
o .
o .
o .
A crise de 2008, Tsunami ou Marolinha?
 A origem da crise
 A queda do Lehman Brothers e a propagação global da crise
 O discurso otimista de Lula diante da crise e a severidade das críticas
A reação brasileira à crise
 Os melhores fundamentos macroeconômicos
o Inflação controlada
o Superavits primários
o Razoável relação Divida/PIB
o Reservas internacionais em níveis recordes
o Economia relativamente fechada
o Demanda interna robusta
 O emprego de politicas anticíclicas
o Elevação nos gastos públicos
o Isenção tributarias para o consumo
o Queda na taxa Selic e nos compulsórios
o Manutenção do nível de credito pelos bancos oficiais (CEF, BB e BNDES)
------
IPA (60%) – É um índice, de abrangência nacional, que mede a variação de preços no atacado.
Os bens agropecuários tem peso de 24,2% enquanto os bens industriais totalizam os 75,8%
restantes de peso do índice.
IPC (30%) – É um índice de preços ao consumidor calculado para famílias com renda entre 1 e
33 salarios mínimos. Sua pesquisa de preços cobre sete das principais capitaos do pais. O
índice é composto, por sete grupos.
O IGP-DI é usado para balizar o comportamento dos preços em geral da economia por incluir
em seu calculo a variação de preços ao produtos e ao consumidor. Qual é a inflação ao
produtor.
IGP-M – Indexador financeiro. Correção de muitos preços administrados, como, por exemplo,
energia elétrica, tv por assinatura, entre outros.
INPC – serve de referencia para o reajuste de salários da grande maioria dos trabalhadores
IPC-Fipe também é usado como referencia aos reajustes salariais, em especial, dos salários dos
servidores do Municipio de São Paulo
IPCA é utilizado para corrigir balanços e demonstrações financeiras das companhias abertas,
além de ser índice oficial da inflação no país.
--
Gatilho salarial – se os preços subissem a um certo patamar, os salários deveriam ser
corrigidos antes do tempo previsto.
--
Estimular a atividade econômica, mesmo que isso signifique ter que trabalhar com uma
inflação mais alta.
--
Inflação verdadeira – não tem estimulo na produção, mas os preços continuam subindo.
--
Inflação de custos
 O tratamento teórico da inflação de custos admite que as causas iniciais do processo
se encontram no âmbito da oferta, cujos motivos são:
o Alterações salariais acima dos ganhos de produtividade, dado o poder de
barganha dos sindicatos
o Expansão dos custos de materiais primas: entressafras agrícolas; problemas
climáticos; forte depreciação cambial
o As elevações dos lucros de empresas em mercado não concorrenciais, ou seja,
pela elevação de preços de bens e serviços em mercados monopolistas ou
oligopolistas organizadas na forma de cartel ou conluios (inflação
administrativa)
o Os reajustes de tarifas publicas (inflação corretiva)
Preços administrativos
 São aqueles inelásticos às condições de oferta e demanda porque
 .
 .
 .
Peso dos Administrados no IPCA
 Atualmente, a cesta de produtos do IPCA inclui 28 bens e serviços classificados como
preços administrativos, totalizando 28,90% do indice cheio.
 Pesos dos preços administrativos por subcategoria do IPCA:
o Derivativos de petróleo (5,24%)
o Transporte (5,14%)
o Serviços telefônicos (4,53%)
o Plano de saúde (3,51%)
o Energia elétrica residencial (3,12%)
o Produtos farmacêuticos (2,75%)
o Outros (4,61%)
 \Preços administrativos x Preços livre (jan/1995 – Dez/2011)
o Preços administrativos: 460,4%
o Preços livres (aquilo que depende apenas de demanda local):197,0%
o IPCA: 234,9%
Regime de Metas
 O regime de metas para a inflação é um regime n qual o banco se compromete a atuar
de forma a garantir que a inflação efetiva esteja em linha com uma meta pre
estabelecida
 Entre as principais características presentes na determinação de um regime de metas
para a inflação, podemos citar
o Definição de meta: que pode ser pontual ou intervalar. No caso intervalar
(banda), ainda existe a alternativa de ter ou não uma meta central
o Existência de clausulas de escape: estabelecimento a priori de situações que
podem justificar o não cumprimento das metas.
o Escolha do índice de inflação: nesse caso há 2 alternativas> o índice cheio ou
um núcleo de inflação.
Nucleo de inflação
 Em alguns países a meta para a inflação é estabelecida em termos de um “Núcleo”
 O calculo do núcleo da inflação objetiva a obtenção de uma medida menos volátil,
permitindo uma visão do comportamento dos preços que exclua ou atribua menor
peso aos aumentos sazonais e circunstanciais.
 Há diferentes metodologias para apuração e divulgação de medidas de núcleo de
inflação associada ao IPCA
o Nucleo por exclusão: (IPCA-EX): calculado, retirando-se da inflação o
comportamento de determinados itens, como alimento e derivados de
petróleo.
o Nucleo por médias aparadas (IPCA-MA):......
O regime de metas de inflação no Brasil
 Regime brasileiro considera o “Índice cheio” como referencia. Nesse índice são
considerados todos os itens presentes no IPCA
 De acordo com o BCB, a adoção do índice cheio deveu-se a 2 motivos:
o Embora no longo prazo o núcleo e a inflação tendam a convergir, no curto
prazo podem divergir significativamente.
o Na implantação do regime, além da necessidade de explicar à população o que
significa o regime de metas (transparência), a introdução do conceito de
núcleo de inflação, que não reflete a inflação efetivamente ocorrida, poderia
gerar ainda mais dúvidas (credibilidade)
Politica Monetaria: Conceitos e objetivos
 Conceito: É a atuação do governo sobre a quantidade de moeda e sobre as taxas de
juros. É por meio dela que o governo procura determinar o comportamento dos
agregados monetários
 .
 .
Os agregados monetários
 Os principais agregados monetários apurados pelo Banco Central do Brasil são os
seguintes:
o Reservas Bancárias (RB)
 Com uma empresa qualquer, um banco precisa ter também uma conta
corrente para fazer a movimentação de seus recursos. Essa conta
corrente, aberta
o Base Monetaria (BM)
 É o total do papel moeda emitido pelo Banco Central do Brasil. De
outra maneira, a BM pode ser definida como o total das reservas
Bancarias mais o Papel moeda em circulação.
o Meios de Pagamento (M1)
 Compreende os ativos de liquidez imediata. É composto pelo PMPP e
o pelos Depositos à Vista. Os depósitos vistos são
Diferença básica entre Base Monetaria e Meios de Pagamento é o multiplicador bancário.
Fator do Multiplicador Bancario
 O multiplicador bancário, apurado oficialmente pelo banco Central, o resulta da
aplicação da seguinte formula: m = 1/[1-d (1-R)]