You are on page 1of 11

A GUERRA DAS CORRENTES

Edison vs Tesla
Felipe Flecha Gutiérrez
130200002
A Luta entre Edison e Tesla por impor seu standard de electricidade

A eletricidade era a palavra mágica no final do século XIX. Desde as primeiras tentativas
de Benjamin Franklin e Michael Faraday a tecnologia do telégrafo, os pedidos de eletricidade
cresceu continuamente.
Após a Exposição Mundial de Paris em 1881 e a apresentação da lâmpada de Edison,
novos sistemas de iluminação elétrica tornou-se avanço tecnológico mais importante do
mundo. A eletricidade poderia substituir o vapor para acionar os motores. Era uma segunda
revolução industrial e, em cidades europeias e americanas, as usinas podem se multiplicar
com base no design de Pearl Street, Edison estabeleceu o centro em 1882 em Nova York. Foi
a primeira usina comercial no mundo e embora fosse uma planta enorme para a época,
poderia produzir e distribuir energia elétrica para apenas 330 ha como Manhattan.

Pearl Street, New York, 1882
Lâmpada do carbono do Edison

A demanda de eletricidade logo levou ao desejo de construir usinas de energia maiores
e trazer energia para distâncias maiores. Além disso, a rápida distribuição de motores
1

elétricos industriais desencadeou uma forte demanda por uma tensão diferente para 110 V
usado para a iluminação.
Em 1884, o jovem Nikola Tesla emigrou para os Estados Unidos da Europa, com alguns
tostões nos bolsos, e um punhado de boas idéias para melhorar o padrão de energia elétrica
utilizada na época nos Estados Unidos e tinha inventado Thomas Alva Edison.
Em Nova York, ele começou quase imediatamente a trabalhar nos laboratórios de
Thomas Edison, onde completou o desenvolvimento de muitas das obras em que o inventor
americano trabalharam até muitos anos. A inventividade de Tesla e Edison ciúme profissional
fizeram o seu relacionamento terminou com a demissão de Tesla.
Mas Tesla não desistiu e começou a levantar fundos para construir o seu próprio
laboratório. Lá ele desenvolveu a primeira corrente alternada (AC), uma maneira mais simples
e mais seguro usar a eletricidade que o método contínuo proposto por Edison. De facto, o
sistema de corrente alternada que Tesla serviu para a empresa imposta no sistema de
alimentação pública proposta por Edison, com base na energia contínua.
No entanto, as boas intenções e conhecimentos de campos de mecânica, física e
matemática, logo entraram em conflito com os desejos e ambições de Edison, que
empreenderam uma luta para demonstrar os perigos da corrente alternada e assim continuar
a manter a sua corrente continua como o único fluxo de correr pelas veias e artérias das
cidades.
Isso duelo do correntes resolveria para milhões de pessoas na abertura da Feira Mundial
de Chicago de 1893. Milhares de espectadores se reuniram para as feiras para ver com seus
próprios olhos a nova energia elétrica de Tesla. Assim, quando o presidente dos Estados
Unidos, Grover Cleveland, apertou um botão e 100.000 lâmpadas incandescentes que
iluminou o espaço, o público irrompeu em aplausos entusiasmados. Não havia mais dúvida,
o AC tinha imposto e tornar-se consumidor de energia em curso do século XX.


2

Antes da Guerra

Essa luta de duas correntes havia começado muito antes, em 1879, quando Thomas Alva
Edison apresentou publicamente a sua mais recente invenção, a lâmpada incandescente.

A lâmpada incandescente inventada por Edison em 1878.
Queria a sua invençao em todos os lares do país e começou a trabalhar em um novo
sistema que fornece energia para iluminar América. Após oito anos de testes e experimentos,
chego com uma solução: a corrente contínua, que substituiu o vapor como fonte de energia.
Os norte-americanos rapidamente abraçaram a idéia de Edison, que já gostava de alguma
popularidade por suas últimas invenções, de braços abertos, mas logo começou a perceber
os muitos problemas e questões que surgiram.
A energia que flui em uma única direção e os fios eram derretidos para a passagem da
corrente, e o sistema não permite a transmissão de energia ao longo de mais do um ou dois
quilômetros, então eles tinham que instalar vários geradores ao redor da cidade. E como nem
podiam transformar a tensão, era necessário linhas de energia por separado para fornecer
para indústrias e residências de forma eficiente, segura e economicamente.
3

O resultado foi que o céu de Nova York estava coberta de fios de cobre de gordura que
lhe deram uma imagem de cidade presa em uma teia de aranha electrica. Mas isso não foi o
pior, sinão a falta de segurança com o sistema do Edison. Que Nova York estivesse coberta de
fios era perigoso, como foi destacado durante o episódio do Great White Hurricane que
enterrou a cidade em 1888. Os ventos brutais que atingiram a cidade quebrou muitos dos fios
que caiu sobre as pessoas que corriam de um lugar para outro em busca de refúgio. Nessa
tragédia, mais de 400 pessoas, muitas delas morreu eletrocutado.

New York em 1888 após do furacão.
Corrente Contínua e Corrente Alternada

O sistema de Edison, que usou a corrente contínua (DC), foi mal adequado para atender
a essas novas demandas. O problema do transporte foi ainda mais difícil, já que a transmissão
de longa distância de grandes quantidades de 110 volts CC era muito caro e sofreram grandes
perdas como a dissipação de calor.
Em 1886, George Westinghouse, um rico empresário, mas um recém-chegado no negócio
da electricidade, fundada Westinghouse Electric para competir com a Edison General Electric.
O primeiro sistema foi baseado nas descobertas e patentes de Nikola Tesla, que acreditava
4

apaixonadamente na superioridade da corrente alternada (AC). Seu argumento baseou-se no
facto era de que as perdas de electricidade é dependente da tensão: quanto maior é a tensão,
perdas inferiores. E, ao contrário DC, a tensão AC pode ser levantada com um transformador
a ser transportados a longas distâncias com baixa perda de calor. Portanto, antes de fornecer
energia para os clientes, a tensão pode ser reduzida a níveis seguros e econômicos.
Sua luta com Edison e suas tentativas de passar por cima das regras do capitalismo
mercantil valeu-lhe o opróbrio de empresários e a ignorância ativa dos funcionários.


Wardenclyffe Torre
Tesla vs Edison

Aos 28 anos, Nikola Tesla chegou a Nova York em 1884, com uma carta de recomendação
no bolso para Thomas Alva Edison que havia escrito um dos parceiros deste na Europa.
"Caro Edison: Eu conheço dois grandes homens e você é uma delos. O outro é este
jovem."
5

Embora Edison não fez uma boa impressão, decidiu contratá-lo. A primeira tarefa foi que
ele pudesse encontrar uma maneira de melhorar o seu sistema atual. Se ele conseguiu, ele
disse, o recompensaria com US $ 50.000. No entanto, pouco tempo apos do trabalho em
conjunto, as diferenças entre os dois homens começaram a causar conflitos; Edison não teve
educação formal e todas as suas invenções foram baseadas em um método de teste empírico,
tentativa e erro, enquanto Tesla tinha uma sólida formação em matemática, mecânica, física
e engenharia e foi capaz de resolver mentalmente os problemas técnicos que surgiram sem a
necessidade de realizar experimentos, o que enfureceu Edison.
Talvez por isso, quando Tesla foi apresentado a ele um ano depois, e anunciou que tinha
encontrado uma solução para o seu problema, Edison não acreditava e rejeitou a proposta.
O jovem tinha projetado um sistema de geração e transmissão de corrente alterna é
permitida a subir com um transformador, antes de serem transportados por longas distâncias
e, uma vez no momento da chegada, que foi reduzida para fornecer energia de forma
eficiente, segura e econômica.
Essa solução tinha muitas vantagens sobre o DC do Edison, mas isso, longe de reconhecê-
los, Tesla fui menosprezado e se recusou a pagar a recompensa prometida afirmando que só
era uma piada americana. "Tesla, você não entende o sentido de humor americano", ele
retrucou. Irritado e decepcionado, o jovem inventor renunciou.
Mas Tesla estava se tornando conhecidos e muitos investidores estavam interessados em
financiar o seu trabalho, como o AK Brown, que forneceu fundos para projetar um motor AC.
Ou a Western Union Company, que apoiou financeiramente sua pesquisa sobre geração e
transporte AC em longas distâncias. Foi quando George Westinghouse, inventor do freio de
ar para trens e proprietário da empresa A Westinghouse Corporation, percebeu o enorme
potencial do rapaz e fez-lhe um acordo: comprar o seu sistema de AC.
A comercialização do novo sistema de energia que marcou o início da Guerra das
Correntes enfrentados por quase uma década de Thomas Alva Edison e Nikola Tesla General
Electric Corporation e Wetinghouse. Em uma tentativa de manter o seu monopólio, Edison
empreendeu uma campanha de difamação e descrédito corrente alternada. Ele encheu a
cidade com cartazes alertando os cidadãos dos perigos envolvidos e se dedicou para
eletrocutar em público com a corrente alternada cães e cavalos para demonstrar sua pouca
6

segurança. Ele realizou uma série de falsas histórias sobre mortes envolvendo a invenção de
Tesla, e ainda tenho de conduzir, ainda que involuntariamente, a cadeira elétrica, que era
obcecado por querer associar com o atual Tesla.
Edison foi movido pelo aparecimento da tecnologia de Tesla que ameaçava seus
interesses em um campo que tinha criado. Westinghouse e Edison lutou uma batalha de
relações públicas para os jornais chamada "guerra das correntes" para determinar qual o
sistema se tornaria a tecnologia dominante. Edison inventou uma cadeira elétrica e
eletrocutado cães e gatos CA para mostrar que AC era perigoso.
Para neutralizar esta iniciativa, Tesla foi exposto a uma CA que perfurou seu corpo sem
causar qualquer dano. Diante dessa evidência, é passado Edison e prestígio foi
momentaneamente erodida.

Tesla na corrente alternada que foi exposto



7

Tesla derrota Edison

Depois de meses de batalha, o confronto terminou com Feira Mundial de Chicago de
1893, realizada de maio a outubro e teve um grande impacto internacional, 19 países
participaram em ela e passou mais de 27 milhões de pessoas . Os organizadores buscaram
uma fórmula para iluminar o recinto e se virou para Edison e Tesla. A proposta do Edison foi
seu sistema atual e pediu-lhes um milhão de dólares para implementar. Em vez disso, Tesla,
com a sua corrente alternada, apresentou um orçamento que somaram metade desse
montante e também evito o enxame do cabos da opção do Edison. A vitória foi, portanto,
claro, ea superioridade do AC tinha sido demonstrada.

Tesla e seu corrente alternada
Além disso, ambos os sistemas foram expostos durante a exposição. Tesla, um homem
grande de cerca de dois metros de altura, vestindo casaco preto e chapéu-coco, demonstrado
uma e outra vez a beleza eo poder da corrente alternada através de um show em que
saltavam faiscas dos seus dedos.
8

Edison, é claro, também deu uma demonstração de seu corrente, embora com menos
sucesso: quando ele ligo o interruptor na sua lâmpada incandescente, todas as luzes da
"cidade branca" esmaecido.

Feira Chicago à noite. 1892-1893. O primeiro espaço aberto iluminado com eletricidade.
Três anos mais tarde, Buffalo se convertió na primeira cidade dos Estados Unidos que
ficou alumiada pela corrente de Tesla, após que a Westinghouse Corporation instalasse uma
central hidroeléctrica nas cataratas do Niágara capaz de enviar energia até a 32 km de
distância. A partir desse momento, começou a substituir à corrente contínua como regular,
ainda que algumas cidades seguiram utilizando o sistema de Edison até bem entrado no
século XX, como Helsinki, onde esteve operativo até os anos 40, ou Estocolmo, até os 60.

Geradores elétricos da Tesla em Westinghouse, Chicago, 1893
9

Em Nova York, a companhia de Edison continuou proporcionando energia a muitos
clientes que tinham adoptado o sistema da corrente contínua a começos de século, sobretudo
hotéis que a empregavam para fazer funcionar seus elevadores. Foi o final da “guerra das
correntes” e a CA acabaria impondo-se em todo mundo.
Em janeiro de 1998, a central de Nova York que tinha fundado Edison a começos de
século ainda fornecia energia a 4600 pessoas, uma cifra que se reduziu, em 2006, a 60
clientes, até que, em 2007, a central fez sua última transmissão de corrente contínua.
A Tesla gostava de dizer: “o presente é seu, o futuro é meu”. E assim foi. Sua corrente
alternada alumia o mundo.


10