You are on page 1of 3

O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operacionalização (Workshop)

ACTIVIDADE – distinguir descrição de avaliação

1- Dos seguintes enunciados, indicar os que são descritivos e os que são avaliativos.

2- Melhorar os enunciados mais descritivos, transformando-os claramente em enunciados avaliativos (criação de hipóteses possíveis).

1- Dos seguintes enunciados, indicar os que são descritivos 2-Melhorar os enunciados mais descritivos, transformando-os
e os que são avaliativos claramente em enunciados avaliativos (criação de hipóteses possíveis).

Enunciados Hipóteses possíveis de transformação de enunciados descritivos em


Descritivos Avaliativos enunciados avaliativos
Realizaram-se reuniões com os Departamentos para avaliar se a colecção da BE
é adequada às necessidades sentidas por cada área curricular disciplinar e área
curricular não disciplinar. Feita a análise, concluiu-se que a colecção nas áreas X
1.Foi recolhida informação dos departamentos e Y não corresponde às necessidades. Pediu-se aos colegas que fizessem
sobre a colecção da BE. X
sugestões de aquisição de material livro e não livro para colmatar as lacunas
identificadas. Apresentou-se a lista à Directora para que fosse disponibilizada uma
verba para aquisição do material sugerido.

2.A BE promove sistematicamente mecanismos


de avaliação cujos resultados são utilizados na
planificação do trabalho.
X

3.Iniciativa de um projecto (parceria com a X A BE, em parceria com Câmara Municipal, aderiu a um projecto de
Câmara Municipal) de âmbito nacional. âmbito nacional, inserido no PNL, a que demos o nome de “ Festa dos
Livros e que tinha como objectivos promover hábitos de leitura e
articulação horizontal e vertical no Agrupamentos os hábitos de leitura
das famílias. A actividade desenvolvida em parceria com a Autarquia
mobilizou alunos e professores do pré-escolar ao 3ºciclo, para a leitura e
análise de um mesmo livro ”O Rapaz de Bronze” de Sophia de Mello
Breyner. Pelo número de turmas que aderiu a esta actividade e pelo
número de Pais, EE, familiares e amigos que assistiram à apresentação
do trabalho final na Praça de Touros de Coruche (cerca de 3000
pessoas), concluímos que devemos dar continuidade a trabalhos desta

Ana Cristina Marques e Teresa Montoia 1


O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operacionalização (Workshop)

natureza, em prol da promoção da leitura e da articulação curricular.


A BE desenvolveu ao nível do 1º ciclo o projecto: “ A comunidade conta um conto”
com o objectivo de envolver directamente as famílias dos alunos e representantes
da comunidade: Presidente da Câmara, Presidente do Conselho Executivo do
4. Aproximação estimulante às famílias e seu Agrupamento, Pároco, entre outras figura, transformando-os em “Contadores de
envolvimento no projecto da BE, com o projecto histórias”. Na avaliação do projecto recolhemos as seguintes evidências: grau de
“ Leituras em família”. adesão “dos contadores de histórias e grau de satisfação dos alunos. Através dos
X quais concluímos que esta actividade contribuiu para o desenvolvimento das
competências de leitura e para o reforço dos laços afectivos entre as crianças e
familiares / representantes da comunidade

O órgão de gestão do Agrupamento, para além das horas das duas professoras
bibliotecárias (uma a tempo inteiro na BE da Escola nº1 de Coruche e outra com
27h na Escola - Sede) distribuiu 12 horas por dois professores (uma com 4h e
outro com 8h) e indicou uma Assistente Operacional para cada uma das BE,
conseguindo-se assim cobrir todo o tempo de abertura da escolas e dando espaço
X para que as Educadoras e Docentes das escolas do Concelho pudessem vir à BE
requisitar livros e planificar actividades com a Equipa da BE.
5. Horário da BE cobre todo o tempo de
Apesar dos recursos humanos disponibilizados no início do ano lectivo, neste
abertura da escola.
primeiro período por falta de pessoal, a Assist. Oper.da BE da Escola-Sede deixou
de estar a tempo inteiro para vir, apenas das 14h às 15.30h. A Assist. Op. da BE
da Escola nº1 de Coruche tem estado de atestado médico. Perante este cenário,
o horário da Equipa BE não tem conseguido fazer a cobertura total do tempo de
abertura da Escola.
Tal impedimento foi considerado pelos alunos muito negativo, pois não lhes
permite utilizar as BE para estudarem, realizarem trabalhos de casa e ou de
grupo e outras actividades que as BE têm ao dispor dos alunos.

X
6. A actualização do material informático não
corresponde às necessidades dos utilizadores
(professores, alunos).

Ana Cristina Marques e Teresa Montoia 2


O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: metodologias de operacionalização (Workshop)

No final do ano lectivo transacto, a Equipa da BE em exercício apresentou em


Conselho Pedagógico a preocupação sentida pelo facto dos alunos terem
dificuldades em fazer trabalhos de pesquisa e informou que existem vários
modelos de guiões de pesquisa, nomeadamente os baseados no modelo Big6. A
7.A BE disponibiliza guiões de pesquisa partir deste diagnóstico, a CP formou uma equipa de trabalho presidida pela
baseados no modelo Big6. Coordenadora da BE para adaptar o modelo a cada nível de ensino. Depois de
concluído o trabalho foi apresentado novamente ao Conselho Pedagógico que
decidiu que o modelo deveria ser adaptado a cada área disciplinar e não
disciplinar, consoante o ano de escolaridade. No início deste ano lectivo foi pedido
X que os guiões fossem usados por todos os departamentos e pelos docentes de
Área de Projecto. Ao terminarmos o primeiro período podemos concluir (pela
recolha de evidências) que a maior parte dos alunos que realizam trabalhos de
pesquisa na BE, o fazem sem guião ou qualquer outro documento orientador.
Tirámos também uma ilação: os professores não usam o guião porque não
dominam a técnica da sua utilização. Para ultrapassarmos este constrangimento
decidimos fazer formação ao nível da utilização de guiões de pesquisa para
alunos e para professores. Estando agendado essa formação para o segundo
período.

Ana Cristina Marques e Teresa Montoia 3