You are on page 1of 8

1.

(FGV) Leia atentamente: “O vigilante guarda-noturno e o
seu valente auxiliar, nunca esmoreceram no cumprimento do
dever.” No período acima, a vírgula está mal colocada, pois
separa:
a) o sujeito e o objeto direto
b) o sujeito e o predicado
c) a oração principal e a oração subordinada
d) o sujeito e o seu adjunto adnominal
e) o predicado e o objeto direto

2. (FGV) Leia com atenção: “Nesta empresa, todos os
cargos que aspiro estão ocupados.” Na frase acima, há um
erro de regência verbal, pois o verbo aspirar, neste caso
pede:
a) objeto direto
b) predicativo do sujeito
c) objeto indireto
d) oração subordinada substantiva subjetiva
e) adjunto adverbial de finalidade

3. (FGV) Leia atentamente: “A maior parte dos funcionários
classificados no último concurso, optou pelo regime de
tempo integral.” Na frase acima, há um erro de pontuação,
pois a vírgula está separando de modo incorreto:
a) o sujeito e o predicado
b) o aposto e o objeto direto
c) o adjunto adnominal e o predicativo do sujeito
d) o sujeito e o predicativo do objeto direto
e) o objeto indireto e o complemento da agente da passiva

4. (FGV) Leia atentamente: “O funcionário referiu o incidente
a Diretoria. “Na frase acima, o termo a deve levar um acento
gráfico grave, pois Diretoria tem função de:
a) adjunto adverbial de finalidade
b) objeto direto
c) sujeito
d) adjunto adnominal preposicionado
e) objeto indireto

(FGV) Texto para as questões 5 a 8:
“Tomo a liberdade de perguntar a V. Exa. se as locuções
repolhudas do ilustre colega são parlamentares; e, se o são,
peço ainda a mercê de se me dizer onde se estudam
aquelas farfalhices.” (Camilo Castelo Branco)
5. “de perguntar a V. Exa.” é oração subordinada:
a) substantiva objetiva indireta, reduzida de infinitivo
b) substantiva completiva nominal, reduzida de infinitivo
c) adverbial causal, reduzida de infinitivo
d) adjetiva explicativa, reduzida de infinitivo
e) substantiva apositiva

6. A oração “se as locuções repolhudas do ilustre colega são
parlamentares”, é:
a) subordinada substantiva objetiva direta
b) subordinada substantiva predicativa
c) subordinada adverbial causal
d) subordinada adverbial condicional
e) subordinada adverbial consecutiva

7. A oração “se o são” é:
a) subordinada substantiva objetiva direta
b) subordinada substantiva predicativa
c) subordinada adverbial consecutiva
d) subordinada adverbial causal
e) subordinada adverbial condicional

8. A oração “de se me dizer” é:
a) subordinada substantiva objetiva direta
b) subordinada substantiva objetiva indireta
c) subordinada adverbial condicional
d) subordinada substantiva apositiva
e) subordinada substantiva completiva nominal

9. (FUVEST) Classifique as orações em destaque do
período seguinte: “Ao analisar o desempenho da economia
brasileira, os empresários afirmaram que os resultados eram
bastante razoáveis, uma vez que a produção não aumentou,
mas também não caiu.”
a) principal, subordinada adverbial final
b) principal, subordinada substantiva objetiva direta
c) subordinada adverbial temporal, subordinada adjetiva
restritiva
d) subordinada adverbial temporal, subordinada objetiva
direta
e) subordinada adverbial temporal, subordinada substantiva
subjetiva

10. (FUVEST) No período: “Era tal a serenidade da tarde,
que se percebia o sino de uma freguesia distante, dobrando
a finados.”, a segunda oração é:
a) subordinada adverbial causal
b) subordinada adverbial consecutiva
c) subordinada adverbial concessiva
d) subordinada adverbial comparativa
e) subordinada adverbial subjetiva

11. (FUVEST) “Sabendo que seria preso, ainda assim saiu à
rua.” A segunda oração é:
a) reduzida de gerúndio, conformativa
b) subordinada adverbial condicional
c) subordinada adverbial causal
d) reduzida de gerúndio, concessiva
e) reduzida de gerúndio, final

12. (SANTA CASA) Quando chamar tem o sentido de
qualificar, pode-se construir o período, por exemplo, com
objeto direto mais predicativo. Tudo isso se observa na
alternativa:
a) João é alto, mas treinador nenhum chama-o para jogar.
b) Era a viúva a chamar pelo falecido.
c) Os inimigos chamam-lhe de traidor do povo.
d) Chamei pelo colega em voz alta.
e) Alguns chamam-no de fiscal.

13. (FUVEST) Na frase “Entrando na faculdade, procurarei
emprego.”, a oração subordinada indica ideia de:
a) concessão
b) oposição
c) condição
d) lugar
e) consequência

14. (ESAN) Na frase: “Trabalhou-se com prazer.”, a palavra
se é:
a) partícula de realce
b) conjunção integrante
c) pronome reflexivo
d) índice de indeterminação do sujeito
e) conjunção coordenativa explicativa

15. (UF-UBERLÂNDIA) Éramos três velhos amigos na praia
quase deserta. O sujeito desta oração é:
a) subentendido
b) claro, composto e determinado
c) indeterminado
d) inexistente
e) claro, simples e determinado

16. (UF-UBERLÂNDIA) “São José da Costa Rica, coração
civil / me inspire no meu sonho de amor Brasil”, a
palavra me exerce a função de:
a) objeto direto
b) objeto indireto
c) predicativo
d) partícula de realce
e) complemento nominal

17. (UF-UBERLÂNDIA) “O sol entra cada dia mais tarde,
pálido, fraco, oblíquo.” “O sol brilhou um pouquinho pela
manhã.” Pela ordem, os predicados das orações acima
classificam-se como:
a) nominal e verbo-nominal
b) verbal e nominal
c) verbal e verbo-nominal
d) verbo-nominal e nominal
e) verbo-nominal e verbal

18. (UFE-PA) No trecho “Cecília … viu do lado oposto do
rochedo Peri, que a olhava com uma admiração ardente“, a
oração grifada expressa uma:
a) causa
b) oposição
c) condição
d) lugar
e) explicação

19. (UF SANTA MARIA-RS) Leia, com atenção, os períodos
abaixo:
Caso haja justiça social, haverá paz.
Embora a televisão ofereça imagens concretas, ela não
fornece uma reprodução fiel da realidade.
Como todas aquelas pessoas estavam concentradas, não se
escutou um único ruído.
Assinale a alternativa que apresenta, respectivamente, as
circunstâncias indicadas pelas orações sublinhadas:
a) tempo, concessão, comparação
b) tempo, causa, concessão
c) condição, consequência, comparação
d) condição, concessão, causa
e) concessão, causa, conformidade

20. (UE PONTA GROSSA-PR) Em “É possível que
comunicassem sobre políticos”, a segunda oração é:
a) subordinada substantiva subjetiva
b) subordinada adverbial predicativa
c) subordinada substantiva predicativa
d) principal
e) subordinada substantiva objetiva direta

21. (UE PONTA GROSSA-PR) Quando o enterro passou /
Os homens que se achavam no café / Tiraram o chapéu
maquinalmente (Manuel Bandeira)
A oração que se achavam no café é:
a) subordinada adverbial condicional
b) coordenada sindética adversativa
c) subordinada substantiva subjetiva
d) subordinada substantiva objetiva direta
e) subordinada adjetiva restritiva

Gabarito:
1-B 2-C 3-A 4-E 5-B 6-A 7-E 8-E 9-D 10-B 11-D 12-E
13-C 14-D 15-A 16-A 17-E 18-E 19-D 20-A 21-E

EXERCÍCIOS:



1. Classifique as orações coordenadas conforme o código abaixo:


( 1 ) oração coordenada assindética


( 2 ) oração coordenada sindética aditiva


( 3 ) oração coordenada sindética adversativa


( 4 ) oração coordenada sindética alternativa


( 5 ) oração coordenada sindética explicativa


( 6 ) oração coordenada sindética conclusiva


a) Gosto muito de dançar, pois faço “jazz”desde pequenina. ( )


b) Recebeu a bola, driblou o adversário e chutou para o gol. ( )


c) Acendeu o “abat-jour”, guardou os chinelos e deitou-se. ( )


d) Não se desespere, que estaremos a seu lado sempre. ( )


e) Ele estudou bastante; deve, pois, passar no próximo vestibular. ( )


f) Está faltando água nas represas, por conseguinte haverá racionamento de energia. ( )


g) Não me abandone, ou eu sou capaz de morrer. ( )


h) Não é gulodice, nem egoísmo de criança. ( )


i) Ela não só chorava, como também rasgava as cartas com desespero. ( )


j) Choveu muito na região sudeste; no entanto, o rodízio de água começará amanhã. ( )


l)Viajei até ao Norte, porém não consegui observar todas as paisagens.( )


m) Já vos foram fornecidos os exercícios, portanto trabalhem bem.( )


n). Traz-me as tuas revistas ou terei que comprar outras.( )



o) Seja pelo melhor, seja pelo pior, vou emigrar para Londres.( )


p). O meu amigo não aceita ajuda de ninguém, por conseguinte vou ajudá-lo sem que perceba.( )


q) Tudo é belo nestas paisagens mas falta-me a minha família.( )


r) Eles não terminaram o que tinham que fazer nem se esforçaram por isso.( )


s) Ora me dizes para estudar, ora me obrigas a trabalhar na loja. ( )


2. (Univ. Fed. Santa Maria – RS) – Assinale a seqüência de conjunções que estabelecem, entre as
orações de cada item, uma correta relação de sentido.


1. Correu demais, ... caiu.

2. Dormiu mal, ... os sonhos não o deixaram em paz.

3. A matéria perece, ... a alma é imortal.
4. Leu o livro, ... é capaz de descrever as personagens com detalhes.

5. Guarde seus pertences, ... podem servir mais tarde.


a) porque, todavia, portanto, logo, entretanto

b) por isso, porque, mas, portanto, que

c) logo, porém, pois, porque, mas

d) porém, pois, logo, todavia, porque

e) entretanto, que, porque, pois, portanto


3. Todos os períodos dados a seguir são compostos por coordenação. Separe as orações de cada um
deles e classifique-as.

a) Todos prometeram ajudar; muitos, porém, não cumpriram a promessa.

_________________________________________________________________________________
_

b) “O homem ao meu lado acende outro cigarro, dá uma tragada e joga-o pela janela”. (Stanislaw
Ponte Preta)

_________________________________________________________________________________
__

c) Ele trabalhava durante o dia e estudava à noite.

_________________________________________________________________________________
__

d) A criança ora cantava, ora se punha a correr pela sala.

_________________________________________________________________________________
__



4. Assinale a alternativa em que a oração em destaque foi incorretamente analisada:

a) ( ) Compre o bilhete PORQUE O SORTEIO SERÁ AMANHÃ. (Oração Coordenada Sindética
Conclusiva)

b) ( ) Viu o acidente E SOCORREU AS VÍTIMAS. (Oração Coordenada Sindética Aditiva)

c) ( ) O professor fala muito, QUESTIONA BASTANTE. (Oração Coordenada Assindética)

d) ( ) Volte cedo, POIS IREMOS À FESTA. (Oração Coordenada Sindética Explicativa)

e) ( ) Não correu NEM BRINCOU. (Oração Coordenada Sindética Aditiva)



5. (F. TIBIRIÇA-SP) No período "Penso, logo existo", oração em destaque é:
a) coordenada sindética conclusiva
b) coordenada sindética aditiva
c) coordenada sindética alternativa
d) coordenada sindética adversativa


Ele pensava numa nova edição do seu romance pela mesma editora; NÃO, PODERIA, POIS, TER
RESCINDIDO O CONTRATO COM ELA.”

6. A oração destacada classifica-se como

a) subordinada adverbial final.

b) subordinada adverbial consecutiva.

c) subordinada adverbial condicional.

d) coordenada assindética explicativa.

e) coordenada sindética conclusiva.


7. No período: “Paredes ficaram tortas, animais enlouqueceram e as plantas caíram”, temos:

a) Duas orações coordenadas assindéticas e uma oração subordinada substantiva.

b) Três subordinadas substantivas.

c) Três orações coordenadas.

d) Quatro orações coordenadas.

e) Uma oração principal e duas orações subordinadas.


8. Una as orações de cada um dos pares a seguir com a conjunção coordenativa adequada:

a.) O lavrador abriu sulcos. Depositou as sementes.
________________________________________________

b.) Precisamos preservar a natureza. Não
sobreviveremos.__________________________________________




9) Considere as frases abaixo:

1. Ao chegar a partilha, estava encalacrado, e na hora das contas davam-lhe uma ninharia.

2. Pouco a pouco o ferro do proprietário queimava os bichos de Fabiano.

3. Não se descobriu o erro, e Fabiano perdeu os estribos.

4. Passar a vida inteira assim no toco, entregando o que era dele de mão beijada!

5. O amo abrandou, e Fabiano saiu de costas, o chapéu varrendo o tijolo.


Pode-se afirmar que temos orações coordenadas sindéticas aditivas em:

a) ( ) 1, 2 e 3;

b) ( ) 1, 3 e 4;

c) ( ) 1, 3 e 5;

d) ( ) 2, 4 e 5;


10) A conjunção E normalmente é usada como conjunção coordenada aditiva. No entanto, em uma das
alternativas abaixo, isso não ocorre:

a) Entrou, comprou ingressos e saiu logo.

b) Maria é amiga de César e Vera, de Mário.

c) Não se preparou para o concurso e conseguiu passar.

d) Saia daí e não volte mais!

e) Nem um nem outro conseguiu pagar a conta e ficaram devendo o almoço.


11) A conjunção E tem valor adversativo na frase:

a) Cheguei, vi e venci.

b) Arrumou as malas e despediu-se.

c) Deitei-me exausto e não consegui dormir.

d) Siga o meu conselho e não se arrependerá.

e) Choveu durante toda a noite e não pudemos sair.


12) "Estava direito aquilo? Trabalhar como negro e nunca arranjar carta de alforria!"

Neste trecho temos:

a) uma oração coordenada sindética adversativa

b) uma oração coordenada sindética aditiva

c) uma oração coordenada assindética e uma coordenada aditiva

d) uma oração coordenada e uma subordinada


13)" Não quis ouvir o teu agouro.

Colhi todas as rosas que nasceram

Nos caminhos por onde me levaste

E as rosas não morreram."

(Álvaro Moreyra)

Considerando-se o último verso, ele se classifica como uma oração:

a) aditiva

b) explicativa

c) conclusiva

d) alternativa

e) adversativa


14) Meu dia outrora principiava alegre;

No entanto à noite eu chorava. Hoje mais velho,

Nascem-me em dúvida os dias, mas

Findam sagrados, serenamente."

(Manuel Bandeira)

No texto acima encontramos, pela ordem:

a) uma oração coordenada sindética alternativa e uma oração sindética adversativa

b) uma oração coordenada sindética adversativa e uma oração sindética alternativa

c) duas orações coordenadas sindéticas adversativas

d) uma oração coordenada sindética explicativa e uma oração sindética conclusiva

e) duas orações coordenadas sindéticas explicativas


15) "Já estava saturado daquil;. era preciso, porém, suportar aquele voltear de mulheres."

No texto é possível detectar:

a) uma oração coordenada sindética alternativa

b) uma oração coordenada sindética adversativa

c) uma oração coordenada sindética conclusiva

d) uma oração coordenada sindética explicativa


16) No período - "Choveu durante a noite, porque as ruas estão molhadas" -a oração destacada é:

a) coordenada sindética alternativa

b) coordenada sindética conclusiva

c) coordenada sindética aditiva

d) coordenada sindética explicativa

e) coordenada sindética adversativa


17) Chamando de:

1. o período composto por coordenação sindética,

2. o período composto por coordenação assindética,

assinale a alternativa correta:

a) Colhemos frutos, jogamos bola. (1)

b) Bem depressa chegou o trem; despedimo-nos sem demora.(1)

c) Os dois anos de serviço acabaram em 1855, e o escravo ficou livre, mas continuou o ofício.(1)

d) Dormi tarde, mas acordei cedo.(2)

e) Fui bem em Português, mas não acertei nada de Química.(2)


18) Assinale a alternativa que contém uma oração coordenada sindética adversativa.

a) A frustração cresce e a desesperança não cede.

b) O que dizer sem resvalar para o pessimismo, a crítica ou a auto-absolvição?

c) É também ocioso pensar que nós da elite, temos riqueza suficiente para distribuir.

d) Sejamos francos.

e) Em termos mundiais, como potência econômica, somos irrelevantes, mas extremamente
representativos como população.


19) Assinale a alternativa em que aparece uma conjunção coordenada sindética explicativa:

a) A casaca dele estava remendada, mas estava limpa.

b) Eles se amavam, contudo não se falavam.

c) Todos trabalhando: ou varrendo ou lavando as vidraças.

d) Chora, que lágrimas lavam a alma.

e) O time ora atacava, ora defendia e, no placar, o resultado não se movia.



GABARITO
1)a)(1-5)
b)(1-1-2)
c)(1-1-2)
d)(1-5)
e) (1-6)
f)(1-6)
g)(1-4)
h)(1-2)
i)(1-2)
j)(1-6)
l)(1-3)
m)(1-6)
n)(1-4)
o)(1-1-1)
p)(1-6)
q)(1-3)
r)(1-2)
s)(4-4)

2.Letra B

3.
a) Todos prometeram ajudar;/ muitos, porém, não cumpriram a promessa.Assindética e adversativa
b) “O homem ao meu lado acende outro cigarro, dá uma tragada/ e joga-o pela janela”. Assindética e
aditiva
c) Ele trabalhava durante o dia/ e estudava à noite.Assindética e aditiva
d) A criança ora cantava, /ora se punha a correr pela sala.assindética e alternativa

4.Letra A

5.Letra A

6.Letra E

7. Letra C

8.
a.) O lavrador abriu sulcos E depositou as sementes.
b.) Precisamos preservar a natureza PORQUE não sobreviveremos.
9) Letra C

10)Letra C

11) Letra C

12)Letra B

13)Letra E

14) Letra C

15)Letra B

16)Letra D

17)Letra C

18) Letra E

19) Letra D