Estudo Dirigido II - Fermentação e respiração celular

1) O que é fermentação e o que é respiração celular?
Fermentação: processo anaeróbio de fornecimento de energia. Acontece sem a utilização de
O2.
Respiração: processo aeróbio de fornecimento de energia. Ocorre com a utilização de O2.

2) Quais os tipos de fermentação existentes? Explique.
Alcoólica: utilizada pela indústria na fabricação de bebidas alcoólicas, realizadas por leveduras.
Lática: Utilizada pela indústria na fabricação de bolos e pães, por meio do fermento biológico.
Também é realizada pelas bactérias do leite na fabricação de iogurtes. Ocorre também nos
nossos músculos em situação de exercícios intensos e produz o lactato.

3) Quais são as vias de fornecimento de energia?
Sistema Anaeróbio Alático, Sistema Anaeróbio Lático e Sistema Aeróbio.

4) Explique detalhadamente o sistema Anaeróbio Alático, incluindo as enzimas responsáveis
pelos processos de ressíntese.
Sistema Anaeróbio Alático: Exercícios de altíssima intensidade e baixíssima duração,
aproximadamente 15 segundos, acontece no citoplasma da célula, não usa O2, sua ressíntese
é feita pela Creatina Fosfato, quebra da Creatina Fosfato é feita pela enzima Creatina quinase.

5) O que é ATP e como ele é ressintetizado?
ATP é a única molécula capaz de liberar energia para o funcionamento de diversas funções no
nosso organismo.
É ressintetizada no Sistema Aeróbio pela Glicose; no Sistema Anaeróbio Alático pela Creatina
Fosfato

1 Adenina + 1 Ribose = Adenosina.
ATP = Adenosina Trifostato = 1 Adenosina + 3 Fosfato
ATP é a única molécula capaz e responsável de liberar energia para o funcionamento de
diversas funções no nosso organismo.

6) Esquematize a quebra do ATP.
A+P~P~P → A+P~P~ libera energia... ☼
A+P~P~ → A+P~ libera energia... ☼
A+P~ → A+P~ libera energia... ☼
A quebra é feita pela enzima ATPase
7) O que é CP? Para que serve e onde é armazenado?
CP é Creatina Fosfato, serve para ressintetizar o ATP e é armazenado nos músculos.
8) O que é glicogênio?
Glicogênio é um conjunto de glicoses armazenadas juntas, quando elas se agrupam elas se
tornam glicogênio e são armazenadas no músculo e no fígado.
9) O que é lactato e como ele é formado?
O lactato é um produto que é produzido dentro do músculo em exercício de alta intensidade
formado pela união das moléculas de hidrogênio com a molécula de piruvato.
O lactato é produzido pelo organismo após a queima da glicose (glicólise), para o fornecimento
de energia sem a presença de oxigênio (metabolismo anaeróbico láctico).

10) Explique detalhadamente as características do sistema anaeróbio lático.
Exercícios de alta intensidade e baixa duração, tempo de aproximadamente 2 min, ressíteze da
ATP é feita pelo carboidrato e glicose, acontece no citoplasma da célula, não usa O2, gera
como produto final o Ácido Lático ou Lactato.
11) Esquematize o processo da glicólise.


12) Cite 10 exemplos de lances específicos de qualquer modalidade esportiva que
caracterizem o sistema Anaeróbio Alático e o Anaeróbio Lático. (10 para casa sistema)
Levantamento de peso, qualquer tipo de arremesso, tacada de beisebol, saque de vôlei,
pênalti, escanteio, lateral, pique pra roubar bola, lance livre do basquete, salto em altura...

13) Explique detalhadamente as características do sistema aeróbio.

Consiste no término da oxidação dos carboidratos
Envolve a oxidação dos ácidos graxos.
Ambas as partes do sistema do oxigênio possuem o Ciclo de Krebs como sua via final de
oxidação.
A energia liberada pela desintegração das substâncias alimentares e quando a CP é desfeita,
são utilizadas para refazer novamente a molécula de ATP.

14) Esquematize o ciclo de Krebs, indicando tudo que é ganho no decorrer da via.

15) Esquematize e explique como o Piruvato entra na mitocôndria e o que é formado nesse
processo.
O piruvato entra na mitocôndria por difusão passiva. Na mitocôndria o piruvato sofre a ação
do PDc (complexo Piruvato Desidrogenase, enzima alostérica), que retira CO2 e um par
eletrônico de H. O piruvato agora é acetil , - junta-se à coenzima A e faz acetilCoA. O oxalato
junta-se à parte acetil e forma citrato. O CoA é liberado. O oxalato é o sal do ácido oxalacético
(AoA).A parte anaeróbica só produz 2 ATPs , perde 2 no início, produz 2 do G3P, mais 2 do DHP
(que se transforma em G3P).
16) Elabore uma tabela que relate todos os ganhos de NADH, FADH2 e ATP das 3 etapas do
sistema aeróbio.

17) Esquematize e explique a cadeia respiratória.
São liberados quatro hidrogênios durante a glicólise, que foram capturados por duas moléculas
de NADH2. Na reação de cada ácido pirúvico com a coenzima A formam-se mais duas
moléculas de NADH2. No ciclo de Krebs, dos oito hidrogênios liberados, seis se combinam com
três moléculas de NAD, formando três moléculas de NADH2, e dois se combinam com um
outro aceptor, o FAD, formando uma molécula de FADH2.