You are on page 1of 21

SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO

PEDAGOGIA – 6º SEMESTRE
ALESSANDRA LIMA LOURENÇO

RELATÓRIO DO ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO II
– EDUCAÇÃO INFANTIL
RELATÓRIO FINAL

São Paulo
2013

0

ALESSANDRA LIMA LOURENÇO

RELATÓRIO DO ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO II
– EDUCAÇÃO INFANTIL

Relatório de Estágio apresentado ao curso Pedagogia
da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a
disciplina de Estágio Curricular Obrigatório – Educação
Infantil - 6º semestre.
Orientador: prof. Melina Klaus
Tutor eletrônico: Lucimar Lopes Milanez
Tutor de sala: Regina Maria Oliveira Monteiro

São Paulo
2013

1

...................................................................................................19 2 ............................................................................ 3.....................................SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO................06 4 PROJETO DE INTERVENÇÃO 4................3 Referencial Teórico............................................2 Dados Gerais do Projeto.................1 Introdução ......................................................5 Relato da Aplicação da Intervenção.....................18 REFERÊNCIAS......................................................................................................................................................09 4..................................................................2 A ROTINA....................12 4.............................................................................11 4......................1 A IMPORTÂNCIA DO ESTÁGIO PARA A FORMAÇÃO PROFISSIONAL........................................................................03 2 ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO II: ORGANIZAÇÃO E CONTRIBUIÇÃO 2...........10 4......................................... 18 MOSTRA DE ESTÁGIO............16 CONSIDERAÇÕES FINAIS................................................................................04 3 CAMPO DE OBSERVAÇÃO E INTERVENÇÃO.....................................................................04 3................................4 Planos de Aula da Intervenção.................................1 CARACTERIZAÇÃO DO CAMPO DE ESTÁGIO.............................

e uma percepção crítica. o Estágio nos permitiu fazer a transposição da teoria para a prática. Durante o período de estágio se teve a oportunidade de observar a relação existente na práxis do Ensino Educacional. Após concluídas as etapas de observação do cotidiano no Colégio.1 INTRODUÇÃO As experiências vivenciadas no Estágio. proporcionando a nós. com a colaboração da gestora e coordenadora daquela Instituição de Ensino. A escola exerçe um importante papel social. acadêmicas do Curso de Pedagogia. que abrangem sua atuação em sala de aula. Espera-se com esse relatório e respectivas vivências. refletindo a postura do docente. 3 . deram suporte para que fosse realizada a construção desse trabalho. participando da realidade daquela instituição de ensino.. encontram-se descritas as diretrizes que nortearam o Estágio. além de aperfeiçoar os resultados deste processo de ensino aprendizagem. por meio do relato das vivências e impressões no confronto de teoria e prática. percebendo sua dinâmica de funcionamento. a consolidação do conhecimento através da prática. discorrer sobra as experiências adquiridas durante as atividades de observação. serão apresentadas em forma de relatório e mostrarão a importância da relação teoria e prática na formação do/a pedagogo/a. tornou-se necessário o registro de percepção. análise de documentos e entrevistas promovidas pelo estágio. tornando-a uma referência em conhecimento para todos que nela buscam uma melhoria na qualidade de vida e um aperfeiçoamento como indivíduo e ser humano consciente. além do embasamento para a prática do Pedagogo e todas as suas habilidades na área educacional. As análises documentais aliadas à observação. Todo o processo permitiu sistematizar os conhecimentos adquiridos. No presente relatório. O estágio foi realizado no Colégio Princípio das Artes Localizado na Rua: Márcio Becker Machado nº 109 no Bairro Cidade Tiradentes-SP.

de refletir sobre quais práticas vai escolher futuramente. é possível também. quais as formas de agir dentro de uma sala com crianças da educação infantil. Pré I e II. bem como tem a oportunidade de conhecer e analisar a atuação do profissional de Educação Infantil em sua ação pedagógica. que contribui para formação do estudante de Pedagogia. (03) Berçaristas 01(uma) diretora. Com o estágio. ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO II: ORGANIZAÇÃO E CONTRIBUIÇÃO O estágio é de extrema importância. Pimenta (1995. todas com formação em pedagogia – Licenciatura.24) defende que “a atividade teórico-prática de ensinar constitui o núcleo do trabalho docente. alunos. na Cidade Tiradentes( zona leste de São Paulo). pois é através dele que o formando estabelece relação entre a teoria e a prática.02(dois) Play infantis sendo um no térreo e ou na parte superior. 02 (duas) 4 . 1968 apud Pimenta. aprimorar a prática em sala de aula.2. 01 (uma) coordenadora pedagógica e também 01 (uma) cozinheira. a partir do contato com as realidades de nossa profissão. estudantes e campo de estágio. e avaliar um Projeto de Intervenção Pedagógica. 3 CAMPO DE OBSERVAÇÃO E INTERVENÇÃO 3. O Colégio funciona no seu período integral das 07:00h as 19:00h. com o nome de Centro de Recreação Infantil Princípio das Artes. analisar e experimentar as práticas tão sonhadas teoricamente. envolvendo supervisores. A instituição conta com: (05) salas de aula amplas e adequadas à faixa etária. p. Além de elaborar. aprimoremos nossas escolhas de sermos professores. É tempo de conhecer. que nós. Mini Maternal. O presente estágio de docência na Educação Infantil teve como objetivos. executar.1 CARACTERIZAÇÃO DO CAMPO DE ESTÁGIO O Colégio CPA de natureza particular iniciou suas atividades dia 05/11/1998.” O pedagogo se baseia na teoria para fundamentar a sua prática. Estágio é onde temos a oportunidade de vivenciar tudo aquilo que aprendemos em sala de aula. Maternal. Localizado na Rua Márcio Becker Machado. Seu corpo docente é formado por: (03) professores. nº 109. ao estabelecer o processo de ação-reflexão-ação (Vásquez. 1995). atendendo Berçario. propiciar a aproximação da realidade profissional por meio da participação em situações reais de trabalho.

incentivar e formar alunos autônomos. brincar de diferentes maneiras. fantasiar. O processo de avaliação que consta no plano de gestão é diagnóstico dos alunos. pois permitem modificações no decorrer do ano. 01(uma)sala dos professores 01(uma) sala multiuso01(uma) Biblioteca. essa organização propicia espaço de convivência. estão se auto avaliando para possíveis alterações na sua metodologia. discutam seus pontos de vista. viabilizando a expressão de seus desejos. representação. A cada fechamento de 5 . que proporciona às crianças acolhimento e segurança ao se sentirem amadas e respeitadas. Também descentraliza a figura do professor. sentimentos e atitude no meio social. 1 (um) bebedouro. 04(quatro) aparelho de som. grandes coleções de pensadores da Educação Infantil. 02(dois) sanitários para professores. As salas são organizadas em espaços diversificados e flexíveis. A escola disponibiliza de 32 (trinta e duas) carteiras e cadeiras. No Colégio há um ambiente de afetividade e respeito entre todos. 02 (dois) sanitários femininos infantis. Oferecendo uma vasta quantidade. façam escolhas. críticos e reflexivos. tomem decisões. A instituição tem como objetivo auxiliar o aluno na sua formação com desenvolvimento pleno. expressem seus pensamentos através de diversas linguagens. livros de literaturas. linguagem e socialização. 01(um) refeitório e cozinha muito bem equipados. fazendo parte também da organização da sala. trava. imaginar. onde os professores ao avaliarem seus alunos nas observações diárias. 02 (dois) sanitários masculinos infantis. 03 (três) televisões acompanhada de DVD. Elas têm a oportunidade de criar. nas relações ensino-aprendizagem. contribuindo para o desenvolvimento da imaginação.sala de vídeo. psicomotor e emocional. observando e elaborando fichas descritivas. com um grande acervo bibliográfico adequado ao público atendido. de vídeos educativos. cognitivo. Esses espaços favorecem o desenvolvimento da autonomia da criança ao escolherem o espaço desejado para realizarem suas atividades em pequenos grupos ou individualmente. onde a criança é a figura O Colégio trabalha com o construtivismo. 03 (oito) Quadro negro. As atividades realizadas pelas crianças ficam em exposição. oportunidades para que assumam pequenas responsabilidades. Possui também Biblioteca do professor.línguas. sempre proporcionando a criança atividades que contribuam com o seu desenvolvimento no contexto psicossocial. coleções de almanaques.

semestre os professores se reúnem para discutir e trazer sugestões. alternativas e soluções para melhoria na qualidade do ensino. 2 A ROTINA OBSERVADA Sendo assim segue a rotina das crianças: Berçario I e II Horario segundafeira 7:00 ás Entrada 8:00 8:00 ás Mamadeira 8:30 s 8:30 ás Banho e 9:30 Troca 9:30 ás Banho de 10:30 Sol 10:30 Almoço ás 11:30 11:30 Sono ás 13:30 13:30 Lanche as 14:00 14:00 Exp. De ás Brincar e 15:00 Imaginar terça-feira quarta-feira quinta-feira sexta-feira Entrada Entrada Entrada Entrada Mamadeiras Mamadeiras Mamadeiras Mamadeiras 15:00 ás 15:30 15:30 ás 16:00 16:00 ás 16:30 Banho e Banho Troca Troca Banho de Sol Banho Sol Almoço Almoço e Banho e Banho e Troca Troca de Banho de Sol Banho de Sol Almoço Almoço Sono Sono Sono Sono Lanche Lanche Lanche Lanche Exp. Com a Expressivida de das Linguagens Artisticas (Horario de Tv) Troca janta janta janta janta janta Higienizaçã o Higienização Higienização Higienização Higienização 6 . De explorar a Linguagem Verbal Troca Troca Troca Troca Exp. Voltadas ao conheciment o de si e do outro Exp. 3. com a finalidade de ser elaborado a cada inicio de ano. De exploração da Linguagem Corporal Exp. O Projeto Político Pedagógico é desenvolvido ao longo do ano.

Horario segundafeira 7:00 ás Entrada 8:00 8:00 ás Café da 8:30 Manhã 8:30 ás Atividades da 9:00 Apostila 9:00 ás Banho e 10:30 Troca 10:30 Almoço ás 11:00 11:00 Sono ás 14:00 14:00 Lanche ás 15:00 15:00 Atividades ás em Folha 15:30 15:30 Troca ás 16:30 16:30 janta ás 17:00 16:00 Higienização ás 16:30 16:30 Saída de ás Alguns 17:00 17:00 Diversos ás 17:30 7 .16:30 ás 17:00 17:00 ás 18:00 18:00 ás 19:00 Saída alguns de Saída alguns de Saída alguns de Saída alguns de Saída alguns de Arrumando o restante Arrumando o Arrumando o Arrumando o Arrumando o restante restante restante restante Saída Saída Saída Saída Saída terça-feira quarta-feira quinta-feira sexta-feira Entrada Entrada Entrada Entrada Café da Manhã Atividades da Apostila Banho e Troca Almoço Café da Manhã Atividades da Apostila Banho e Troca Almoço Café da Café da Manhã Manhã Atividades da Recreação Apostila Banho e Banho e Troca Troca Almoço Almoço Sono Sono Sono Sono Lanche Lanche Lanche Lanche Atividades em Folha Atividades em Folha Atividades em Folha Atividades Livres Troca Troca Troca Troca janta janta janta janta Higienizaçã o Higienização Higienização Higienização Saída Saída Saída Saída Diversos Diversos Diversos Diversos Mni Maternal.

Da 15:30 Apostila) 15:30 Troca ás 16:30 16:30 janta ás 17:00 16:00 Higienizaçã ás o 16:30 16:30 Saída de ás Alguns 17:00 17:00 Assitir Dvd ás 17:30 Café da Café da Café da Café da Manhã Manhã Manhã Manhã Recreação Recreação Recreação Recreação Banho Troca Almoço e Banho Troca Almoço e Banho Troca Almoço e Banho Troca Almoço e Sono Sono Sono Sono Lanche Lanche Lanche Lanche Matemática Ativ. Da Apostila) Apostila) Troca Troca Troca janta janta janta janta Higienização Higienização Higienização Higienização Saída Saída Saída Saída Diversos Assitir Dvd Diversos Diversos 8 . Da Apostila Troca Natureza Sociedade Pintura (livre) (Ativ.17:30 ás 18:20 18:20 ás 19:00 Arrumar restante Saída o Arrumar restante o Arrumar restante o Arrumar restante o Arrumar restante Saída Saída Saída Saída terça-feira quarta-feira quinta-feira sexta-feira Entrada Entrada Entrada Entrada o Maternal Horario segundafeira 7:00 ás Entrada 8:00 8:00 ás Café da 8:30 Manhã 8:30 ás Recreação 9:00 9:00 ás Banho e 10:30 Troca 10:30 Almoço ás 11:00 11:00 Sono ás 14:00 14:00 Lanche ás 15:00 15:00 Português ás (Ativ. Da (Ativ.

para a Prep. para a Prep. No de Caderno de Português Almoço Café Manhã Ativ. para a Saída Saída Saída Saída Saída Saída Saída Saída 9 . para a Prep. No 10:30 Caderno de Português 10:30 Almoço ás 11:30 11:30 Sono ás 13:30 13:30 Lanche as 14:00 14:00 Recreação ás 15:00 15:00 Atividades ás em folha 15:30 15:30 janta ás 16:00 16:00 Prep. Apostila Ativ. Da 9:30 Apostila 9:30 ás Ativ. para ás a Saída 16:30 16:30 Saída ás 17:00 Café Manhã Ativ. Caderno Português Almoço da Café da Manhã Da Ativ. Apostila Ativ. Caderno Português Almoço da Café da Manhã Da Ativ. Da Apostila No Ativ. No de Caderno de Português Almoço Sono Sono Sono Sono Lanche Lanche Lanche Lanche Recreação Recreação Recreação Recreação Atividades em folha Atividades em folha Atividades em folha Atividades em folha janta janta janta janta Prep.17:30 ás 18:20 18:20 ás 19:00 Arrumar restante o Arrumar restante o Arrumar restante o Arrumar restante o Arrumar restante Saída Saída Saída Saída terça-feira quarta-feira quinta-feira sexta-feira Entrada Entrada Entrada Entrada Saída o Pré I e II Horario segundafeira 7:00 ás Entrada 8:00 8:00 ás Café da 8:30 Manhã 8:30 ás Ativ. Da Apostila No Ativ.

Estudiosos sobre o assunto. o Bullying ganhou popularidade a partir da influência dos meios eletrônicos.Quem se torna responsável em aplicar o Projeto: A estagiária Alessandra Lima Lourenço 10 . como a internet e a televisão.Carga horária: 24hs . e as instituições escolares precisam se equipar de recursos didáticos.4 PROJETO DE INTERVENÇÃO PROPOSTA DE ATUAÇÃO DO PROFESSOR DIANTE DA ORGANIZAÇÃO DO TRABALHO PEDAGÓGICO NO ESPAÇO EDUCATIVO 4.2 Dados Gerais do Projeto . alternado em suas rotinas. se olhados com maior atenção. porém alguns comportamentos agressivos ou tipos de brincadeiras.1 Introdução Pretende-se na elaboração deste projeto.Identificação da instituição: Colégio Princípio das Artes . afirmam ser essa uma das formas de violência que mais cresce no mundo. Trabalho feito com as crianças do Pré II entre os dias 10 e 16 de Outubro de 2013. 4. Sabe-se que a incidência desse fenômeno tem se projetado com maior ênfase entre os alunos dos ensinos regulares e médios. podem revelar características do Bullying. É um tema que não pode ser negligenciado. que incorporados à prática pedagógica considerem a importância de estar prevenindo e combatendo esse fenômeno. discutir o papel da Escola em parceria com as famílias na prevenção e combate à prática do Bullying entre os alunos da Educação Infantil. até então considerados normais na Educação Infantil. Apesar de não ser uma prática recente.

Fazer uma seleção de fábulas que contenham mensagens para trabalhar os valores humanos. professores e funcionários da escola para estudos e conscientização sobre o assunto Bullying. Trabalhar o conteúdo em dramatização.Metodologia: 1º Dia . Observar reações e fazer perguntas apropriadas. (rhora do lanche) 4º Dia - Motivar para que os alunos pratiquem continuamente. identificar suas características e refletir sobre formas de combater a prática desse fenômeno no cotidiano escolar.Promover reunião envolvendo direção. (todos acessíveis no You Tube). Promover parceria entre famílias e escola na busca do bem estar coletivo. . 2º Dia .um pintinho diferente.. A cada vídeo apresentado. . Dessa forma fortalecer laços de amizade e respeito pela individualidade.Recursos: Computador 11 . seja lá por qual for o motivo.Objetivos específicos: Resgatar valores que restabeleçam a prática de regras para um bom convívio social. instigando para que as crianças se manifestem sobre o enredo da história. levantar uma discussão. O patinho feio. . Fortalecer e estimular um posicionamento comprometido por parte de todos os envolvidos. 5º Dia . 3º Dia . 6º Dia .Temática – conteúdo: O Bullying na Educação Infantil. A história de uma flor e outros. desenvolvendo valores e posturas ao mesmo tempo. levando-os a concluir sobre o quanto é difícil não ser aceito no grupo.Reunir as crianças para assistir vídeos educativos. Tico e Teco .Objetivo geral: Reconhecer o Bullying como um problema social. tais como: Turma da Mônica em: Boas maneiras.Propor revezamento entre os professores para vigilância nos horários de atividades extra-sala.Definir dinâmicas que favoreçam a formação de diferentes grupos para reunirem no recreio. Por exemplo: oferecer balões coloridos e reuni-los de acordo com a cor escolhida. coordenação. .

Em se tratando do universo infantil. 4. mas sim compreender que todos somos responsáveis por essa situação.Avaliação: . não percebem a maldade nas brincadeiras de onde surgem os apelidos maldosos. não vem ao caso apontar culpados. e. a sociedade poderá contemplar caminhos mais amistosos e pacíficos. depressão. . muitas escolas ainda não conseguem discernir entre essa prática e casos específicos de indisciplina. A Dra.3 Referencial Teórico O Bullying é uma prática inaceitável. baixa-estima. seja ela física ou verbal. de atitude frente ao problema. revolta. tímidas. O Bullying extrapola a escola. Identificar situações de Bullying. que vem fazendo a cada dia novas vítimas. sofrem caladas frente ao comportamento dos seus ofensores podendo chegar ao isolamento. antes de tudo social. é um problema. Discriminadas. frustração. sentimentos esses que serão alicerce na formação de personalidades deformadas e que irão reproduzir seus reflexos no meio social. alguns casos com desfechos trágicos. Em BULLYING–MENTES PERIGOSAS NA ESCOLA. São muitas as vítimas dessa prática que por medo ou por vergonha não denunciam o agressor e sofrem em silêncio. “esse fenômeno ainda não foi incorporado nas discussões em sala de aula”. - Revisão das atividades previstas a partir dos resultados obtidos.Observação contínua da participação e envolvimento dos alunos nas atividades. Assim. Dessa forma vão alimentando insatisfação. sofrem intimidações constantes pelo simples fato de serem diferentes dos seus colegas. até porque a solução não está restrita ao âmbito escolar. gordinhas ou muito magras. Ana Beatriz Barbosa cita algumas características que podem ser alvos de Bullying tais como: crianças altas ou baixas demais. 2005). há de se considerar a necessidade de estar selecionando 12 . é preciso descobrir as causas que desencadearam tais comportamentos. Conforme citado pelo professor William Sanches. é indiscutível que a partir de um posicionamento bem definido e da prática de ações conjuntas entre famílias e escola. Porém.Impressora Papel chamex DVDs Balões . sem um motivo aparente. em casos extremos suicídio e homicídio. causando em suas vítimas consequências que vão desde o âmbito emocional até consequências na aprendizagem” (FANTE. nem sempre é uma tarefa fácil. Importa dizer ainda que o agressor necessita de atenção e acompanhamento psicológico tanto quanto a vítima. No entanto. estudioso do assunto. essas vítimas. “O Bullying é considerado toda a forma de agressão. mais frágeis ou muito sensíveis. Há falta de comprometimento. as perseguições contínuas que maltratam e condenam à humilhação.Análise das observações através de registros escritos dos resultados.

. Promover parceria entre famílias e escola na busca do bem estar coletivo.4 Planos de Aula da Intervenção Plano De Aula 1 . a partir da Educação Infantil. . que privilegiem as normas de uma boa convivência social. cujas ações pretendem impedir e/ou frear o desenvolvimento de comportamentos dessa natureza. .OBJETIVOS: Resgatar valores que restabeleçam a prática de regras para um bom convívio social. Fortalecer e estimular um posicionamento comprometido por parte de todos os envolvidos.CONTEÚDO: O Bullying na Educação Infantil. . coordenação. . professores e funcionários da escola para estudos e conscientização sobre o assunto Bullying. segundo o coordenador da Abrapia. Promover parceria entre famílias e escola na busca do bem estar coletivo.CONTEÚDO: O Bullying na Educação Infantil. Dados recentes mostram sua disseminação por todas as classes sociais e apontam uma tendência para o aumento rápido desse comportamento com o avanço da idade dos alunos. Considera-se que as ações devam focar medidas preventivas. como crianças dos primeiros anos de escolarização.OBJETIVOS: Resgatar valores que restabeleçam a prática de regras para um bom convívio social.PROPOSTA DE AVALIAÇÃO: Nenhuma PLANO DE AULA 2 . apesar de que. a prática do Bullying vem atingindo faixas etárias cada vez mais baixas. Daí a importância desse projeto. 4. Fortalecer e estimular um posicionamento comprometido por parte de todos os 13 .atividades didáticas e de orientação condizentes com a idade desses alunos.DURAÇÃO 4 horas - METODOLOGIA: Promover reunião envolvendo direção.RECURSOS METODOLÓGICO Sala de aula.

PLANO DE AULA 3 . . .envolvidos.DURAÇÃO 4 horas . Trabalhar o conteúdo em dramatização. .METODOLOGIA: Propor revezamento entre os professores para vigilância nos horários de atividades extra-sala. . A cada vídeo apresentado. 14 . Tico e Teco . tais como: Turma da Mônica em: Boas maneiras. instigando para que as crianças se manifestem sobre o enredo da história. Fortalecer e estimular um posicionamento comprometido por parte de todos os envolvidos. seja lá por qual for o motivo. levando-os a concluir sobre o quanto é difícil não ser aceito no grupo.OBJETIVOS: Resgatar valores que restabeleçam a prática de regras para um bom convívio social. desenvolvendo valores e posturas ao mesmo tempo.um pintinho diferente. Promover parceria entre famílias e escola na busca do bem estar coletivo. A história de uma flor e outros. levantar uma discussão.PROPOSTA DE AVALIAÇÃO: Observar reações e fazer perguntas apropriadas.DURAÇÃO 4 horas . .RECURSOS METODOLÓGICOS Sala de Video.CONTEÚDO: O Bullying na Educação Infantil.METODOLOGIA: Reunir as crianças para assistir vídeos educativos. O patinho feio. (todos acessíveis no You Tube).

OBJETIVOS: Resgatar valores que restabeleçam a prática de regras para um bom convívio social.DURAÇÃO 4 horas . . como no momento da recreação. . . socialização e etc. Promover parceria entre famílias e escola na busca do bem estar coletivo. . Fortalecer e estimular um posicionamento comprometido por parte de todos os envolvidos.RECURSOS METODOLÓGICOS Atividades extra-sala.METODOLOGIA Fazer uma seleção de fábulas que contenham mensagens para trabalhar os valores 15 .CONTEÚDO: O Bullying na Educação Infantil.. . Promover parceria entre famílias e escola na busca do bem estar coletivo.PROPOSTA DE AVALIAÇÃO: A observação PLANO DE AULA 4 .CONTEÚDO: O Bullying na Educação Infantil. .METODOLOGIA: Motivar para que os alunos pratiquem continuamente.PROPOSTA DE AVALIAÇÃO: Observação PLANO DE AULA 5 .RECURSOS METODOLÓGICOS: Motivação . Fortalecer e estimular um posicionamento comprometido por parte de todos os envolvidos.OBJETIVOS: Resgatar valores que restabeleçam a prática de regras para um bom convívio social.DURAÇÃO 4 horas .

5 Relato da Aplicação da Intervenção É muito importante que para um tema como esse se inicie pela concientização de todos aqueles que sejam proximos a criança. PLANO DE AULA 6 .PROPOSTA DE AVALIAÇÃO Observar e dessa forma fortalecer laços de amizade e respeito pela individualidade 4.RECURSOS METODOLÓGICOS: Livros . ..RECURSOS METODOLÓGICOS: Balões coloridos .CONTEÚDO: O Bullying na Educação Infantil. Por exemplo: oferecer balões coloridos e reuni-los de acordo com a cor escolhida. . ver em cada rosto a expressão de preocupação pela situação a qual seus filhos podem estar passando ou vão passar. afinal eles também provavelmente já passaram por isso. Poder reunir os alunos para assisitr aos videos. . e a cada vídeo apresentado. levantei discussão.OBJETIVOS: Resgatar valores que restabeleçam a prática de regras para um bom convívio social. mostrar a eles as consequencias da ação do Bullying. instiguei para que as crianças se manifestem sobre o enredo da 16 . Promover parceria entre famílias e escola na busca do bem estar coletivo.METODOLOGIA: Definir dinâmicas que favoreçam a formação de diferentes grupos para reunirem no recreio.PROPOSTA DE AVALIAÇÃO: Questionamentos acerca dos livros apresentados.DURAÇÃO 4 horas . Fortalecer e estimular um posicionamento comprometido por parte de todos os envolvidos.

Fiz também uma roda de conversa. onde pude contar algumas fabulas. eles prestaram bastante atenção. criando estratégias para que todos participem e emitam suas opiniões. O ponto negativo é o nervosismo porém procurei me expressar da melhor forma possivel. da solidariedade. 17 . do respeito. levando-os a concluir sobre o quanto é difícil não ser aceito no grupo. seja lá por qual for o motivo. Pude observa-los juntamente com a professora durante os momentos de lanche.história. Por fim. recreação e extra-sala. e ver que eles absorveram bem o tema. Trabalhei o conteúdo em dramatização. aproveiteir toda e qualquer situação proporcionada pelos alunos para estar enfatizando a importância da amizade. desenvolvendo valores e posturas ao mesmo tempo. o comportamento deles. e ocorreu tudo bem. Observei reações e fiz perguntas apropriadas. sempre motivando e parabenizando por cada ação percebida.

mas também na sua ludicidade. MOSTRA DE ESTÁGIO Explanação perante a turma com powerpoit de fotos tiradas durante todo o estágio.CONSIDERAÇÕES FINAIS Ao término deste estágio. Compreender que a linguagem oral e corporal manifesta um elo com o saber. Essas aprendizagens trouxeram para a minha formação profissional uma bagagem rica em novos conhecimentos e veio acrescentar a minha prática como estagiaria entender melhor como a criança adquire seus conhecimentos não só no pedagógico. que devem ser exploradas de maneira concreta. pode-se compreender que a prática educativa do professor deve estar sempre em favor do ensinar e do aprender. precisam de sensibilidade e afeto na procura do próprio “eu” da criança. relacionando objetos. suas angústias. A partir desses aspectos. A persepção de cada estagiária na sua vivência só acrescenta em nossa formação. lúdica e participativa envolvendo os eixos referentes à educação infantil e suas respectivas faixas etárias. tamanhos etc. seus medos e avanços na sua aprendizagem. pode-se entender que a criança é um ser dotado de capacidades além das esperadas pelo educador. o criar. onde o mesmo busca novas ações pedagógicas para promover o conhecimento dos alunos.. construindo e reconstruindo o conhecimento do mundo natural e social onde a criança está inserida. envolvendo o aprender e o brincar. cores. A convivência com essas crianças amplia a capacidade do professor entender seus sonhos. lugares. Ao aprender a criança adquire conceitos. uma cumplicidade entre o educando e o educador. havendo uma troca. 18 . o fazer. proporcionando uma série de capacidades que vão além das observações. Os trabalhos apresentados na Mostra de Estágio é de uma riqueza e tanto.

a idade sagrada: anos sensíveis em que nascem as virtudes e os vícios humanos. E. 71. REVISTA Nova Escola. C. 69.68. 2008. Campinas – SP: Verus.com. BR 19 . p.REFERÊNCIAS Entrevista com a Diretora Sandra Margarete Orientações Curriculares da Educação Infantil. Infância. B.william sanches.youtube.educacão. Fenômeno Bullying: Como prevenir a violência nas escolas e educar para a paz. Projeto Político Pedagógico do Colégio Princípio das Artes – São Paulo – 2013 FANTE. A.73. Bullying: Mentes Perigosas na Escola-Rio de janeiro: Objetiva. REICHERT. 2010. Junho/Julho. B.com.br/201104/06/falta-preparo-nas-escolas-para-lidarcom-o-bullying-dizem-especialistas. 2005. 70. 72. SILVA.htm www. ABRAPIA (Associação Brasileira de Proteção à Infância e a Adolescência) (2006) Programa de redução do comportamento agressivo entre estudantes Sites: WWW.com/watch?v=h3 http://www. 2010. E. Porto Alegre.uol.

20 .