You are on page 1of 27

Prototipagem Rápida e Fabrico

Rápido de Ferramentas
António J. Pontes
pontes@dep.uminho.pt

Dept. Polymer Engineering
University of Minho

Conteúdo

Introdução

Dept. Polymer Engineering
University of Minho

• O projecto do peça e do molde estão interligados. Polymer Engineering University of Minho . Dept. • Uso de Engenharia Assistida por Computador (CAE).Introdução • O desenvolvimento do processo para moldação por injecção pode ser complexo . • A Engenharia Simultânea é obrigatória. • A engenharia sequencial não é adequada.

Polymer Engineering University of Minho . que se inicia com a CAD/CAE criação de um modelo tridimensional num sistema Bases Dados Standard CAD Mercado Especificações Molde Especificações Peça Design Conceptual Peça Engenharia CAD/CAE Prototipagem Rápida CAD/CAE CAD/CAE Molde Projecto Preliminar Molde Projecto de detalhe Peça Alterações Bases Dados Standard CAD/CAE Teste do Molde Protótipo Rapid Tooling Molde Fabrico CAM Série Protótipo Peças Injecção Molde Montagem e teste Produto Dept.Introdução Novo Produto • Engenharia Concorrente – Equipas multidisciplinares participam nas diferentes fases do ciclo de desenvolvimento do produto e do processo Prototipagem Rápida produtivo.

Polymer Engineering University of Minho .Introdução • Protótipo: modelo físico que fornece informação mais completa sobre o produto numa fase preliminar do ciclo de desenvolvimento • Há necessidade de se realizarem protótipos mais fácil e rapidamente Dept.

Série Produção Peças finais Dept. Polymer Engineering University of Minho . Projecto Informacional Investigação e recolha de informação Definição das Especificações Projecto Conceptual Protótipos Conceptuais Estudo e avaliação de alternativas Selecção do conceito a desenvolver Projecto Detalhado Definição da geometria Análise de funções Protótipos Detalhados e Funcionais Protótipos técnicos Pré .Introdução • Engenharia Concorrente – Uso de protótipos nas diferentes fases do desenvolvimento de produto.

Polymer Engineering University of Minho . Definição Quantidade Material Geometria Testes Funcionais 1 Qualquer Não Não detalhada Conceptual Definição 1 Qualquer Detalhada Não 2-5 Próximo do Detalhada Sim Geométrica Análise final De Funções Modelo 5-20 Final Final Sim 500 Final Final Sim Técnico Pré-série Dept.Introdução • Engenharia Concorrente – Requisitos dos protótipos em cada fase de desenvolvimento de produto.

• O protótipo é produzido em horas . Polymer Engineering University of Minho . • verificação. Dept.Introdução • PR ajuda produzir protótipos físicos muito rapidamente. • iteração. – benefícios • visualização. • optimização • fabricação. • Prototipagem rápida ou produção rápida de ferramentas revolucionaram o processo de desenvolvimento de produtos.dias.

Polymer Engineering University of Minho .Introdução História Técnicas tradicionais • Metalurgia • Soldadura • Extrusão • Maquinagem CNC • Litografia Tecnologias que permitem a produção de componentes • lasers • Impressoras Ink-jet MAM CAD •Solid modelling Os métodos aditivos de manufactura (MAM) cresceram da junção de diferentes áreas tecnológicas Dept.

Métodos aditivos de Manufactura Definição de MAM Tradução de um ficheiro CAD 3D em um objeto tridimensional Dept. Polymer Engineering University of Minho .

Polymer Engineering University of Minho .Métodos aditivos de Manufactura Substitui uma técnica de manufactura 3 dimensional e subtractiva (convencional) Dept.

Métodos aditivos de Manufactura Por uma série de sequências Bi-Dimensionais e Aditivas (MAM) Dept. Polymer Engineering University of Minho .

Pós-processamento Dept. Modelação 3D 2. Construção 5.Métodos aditivos de Manufactura • A MAM apresenta 5 etapas que são comuns à grande maioria dos processos existentes: 1. Verificação e Preparação 4.STL) e Transmissão de dados 3. Conversão (. Polymer Engineering University of Minho .

Dept.Prototipagem Rápida • O que é Prototipagem Rápida? – É um método avançado e automatizado para a fabricação de um modelo físico – protótipo – a partir de um arquivo CAD tridimensional. Polymer Engineering University of Minho .

SLA-1 foi introduzida pela 3D Systems. Polymer Engineering University of Minho . – Em 1988. Dept.Prototipagem Rápida • História da Prototipagem Rápida – Nos anos 70. – Patente para estereolitografia em 1986. – Máquina apresentada em Autofact em 1987. Charles Hull começou o seu trabalho com a cura selectiva de photopolimeros.

Prototipagem Rápida • Desempenho – Dimensões: • Standard 250×250 × 200 mm. – Custos : • Maquina 125. • máximo 1800 × 600 × 450 mm. Polymer Engineering University of Minho . – Precisão: • Standard 2/10 mm/100 mm. • mínimo < 1 mm.000 € ou mais (excepto modelos conceptuais) • Material > 75€/kg – Produtividade : • Standard < 20 cm3 / hora • Especifica > 1000 cm3 /hora Dept. • Especifica 3/100 mm/100 mm.

Prototipagem Rápida • Aplicações correntes Other Aerospace Military Academic Percentage 2000 Percentage 2002 Medical Bureautics Automobile Comodities 0 5 10 15 20 25 30 Dept. Polymer Engineering University of Minho .

Polymer Engineering University of Minho .Prototipagem Rápida • Aplicações da Prototipagem Rápida Ot her Direct Mfg Direct t ooling Foundry models Percentage 2002 Indirect T ooling Percentage 2000 Fit and place Quot at ion support Funct ional part s Visual part s 0 5 10 15 20 25 Dept.

– Frequentemente o protótipo é feito em um material diferente da peça final. i.e. uma peça com funcionalidade limitada. – Ajuda a promover o desenvolvimento concorrente / simultâneo de produtos Dept. Polymer Engineering University of Minho .Por quê Prototipagem Rápida? • A Prototipagem Rápida é a utilização de técnicas de Métodos Aditivos de Manufactura (MAM) para se obter um protótipo.

• Peças produzidas por RT têm normalmente mais funcionalidades que as peças RP.Por quê Prototipagem Rápida? Fabricação Rápida de Ferramentas / Rapid Tooling é o uso de técnicas de MAM para obter um ou pequenas séries de produtos no mesmo material ou em material com propriedades similares. • Esses produtos podem servir como protótipos. ou como componentes para pequenas séries como produto final. Polymer Engineering University of Minho . Dept.

Dept. • Tipicamente. • A serie pode ir desde muito pequena (10 peças) a média séries (até 100000 peças).. Polymer Engineering University of Minho . no RT os insertos moldantes são aplicados em estruturas de moldes convecionais.Por quê Prototipagem Rápida? Fabricação Rápida de Ferramentas v/ Rapid Tooling é o uso das técnicas de MAM para obtenção de uma ferramenta molde no qual uma série de produtos poderão ser fabricados.

incluindo testes e avaliação de desempenho Dept. Polymer Engineering University of Minho .K).Por quê Prototipagem Rápida? • Aplicações típicas dos protótipos rápidos incluem: – Visualização (demo para o cliente) e verificação da exequibilidade de um conceito do produto – Auxiliar de concepção (para o projectista do molde) – Avaliação do funcionamento (como no caso de mecanismos.

Estabilidade dimensional ao longo do tempo. desde o polido até à ligeira textura.ACES Peças funcionais. Masters para Rapid Tooling Diferentes tipos de acabamento superficial. Protótipos com : Elevada Complexidade Rigor Qualidade Protótipos: Grande Volume Para Fundição de Precisão Excelente acabamento superficial e rigor dimensional. Protótipos Híbridos SL + HSM Combinação das vantagens de duas tecnologias Redução do tempo de produção Produção de protótipos de grandes dimensões (HSM) com pequenos detalhes (SL) Protótipos Funcionais Dept. Possibilidade de executar peças em diferentes materiais. Polymer Engineering University of Minho . com características mecânicas idênticas às das peças injectadas. de acordo com as necessidades do cliente.Protipagem Rápida HSM QuickCast Estereolitografia SL Sólido .Comparação .

2 Protó Protótipos HSM Técnicas/Tecnologias RP RP/RT Métodos Aditivos SL + HSM Pequena Sé Série Moldes Silicone até até 200 Métodos Subtractivos Pequena/Mé Pequena/Média Série Milhares Método indirecto Moldes RIM Método indirecto Moldes Alumí Alumínio Moldes Hí Híbridos Método indirecto Dept.Protipagem Rápida e Rapid Tooling SL 1. Polymer Engineering University of Minho .

Gama de aplicação - Quantidade vs. SLS.000 Moldes Alumí Alumínio 1500 Moldes Hí Híbridos 200 Moldes RIM 25 Moldes de Silicone 1 Prototipagem Rá Rápida . Polymer Engineering University of Minho . Complexidade Quantidade Moldes em Aç Aço 10. outros Complexidade Dept.SL. FDM.

Comparação Tamanho da Série / Prazo / Processo Nº Peças x Moldes em Alumínio x Moldes para RIM Moldes em Silicone x Moldes em Aço x Moldes em Resina Epoxy Tooling x Tempo Dept. Polymer Engineering University of Minho .

tarefas Simultâneas Dept.protótipos Técnicos Moldes Híbridos SLS + Epoxy Tooling HSM + Epoxy Tooling • Eliminação das operações de electroerosão • Simplificação do projecto: SLS + Epoxy Tooling • Postiços Flutuantes • Série no material Final • 15 dias úteis • Protótipos Técnicos (Obtidos pelo processo de transformação final) • Até 2000 peças (depende da geometria e do a material a injectar) Moldes Híbridos .Moldes híbridos Séries Reduzidas/Médias - Séries protótipo no material final . Polymer Engineering University of Minho .