Portal do Governo do Estado de São Paulo

Busca no site

A partir de 1º/7, fabricantes estão proibidos de entregar ao varejo eletrodomésticos sem certificação do
Inmetro

Qui, 28 de Junho de 2012 18:21

Técnicos do Inmetro e do Ipem-SP orientam os fabricantes e importadores
durante a 28ª Fispal
A partir de 1º de julho de 2012, próximo domingo, fabricantes e importadores não poderão mais entregar para o varejo produtos fora
das determinações das Portarias Inmetro nº 371/2009 e nº 328/2011, que estabelecem requisitos de conformidade para aparelhos
eletrodomésticos e similares.
Com o objetivo de orientar os fabricantes e importadores sobre estes requisitos, técnicos do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade
e Tecnologia (Inmetro) e do Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo (Ipem-SP) acompanharam no período de 26 a 28 de
junho a 28ª Fispal Food Service (Feira Internacional de Produtos e Serviços para a Alimentação Fora do Lar).
“O objetivo foi contatar as empresas orientado-as para a necessidade de adequação às novas normas uma vez que ali estavam
reunidas uma grande quantidade de fabricantes e estamos às vésperas da entrada em vigor da Portaria. A fiscalização foi orientativa”,
destacou José Tadeu Rodrigues Penteado, superintendente do Inmetro.
Os lojistas só poderão comercializar produtos sem certificação até 31 de dezembro de 2012.
Conforme as Portarias, o objetivo da certificação é ampliar a segurança dos produtos, principalmente no que diz respeito à parte
elétrica. Para o Inmetro, a certificação fortalecerá o mercado brasileiro e favorecerá a concorrência justa entre os produtos nacionais e
importados, uma vez que todos serão obrigados a seguir as novas normas.
É obrigatória a certificação por Organismos de Certificação de Produtos (OCPs) de 97 famílias de eletrodomésticos, dentre eles:
cafeteiras, liquidificadores, batedeiras, fogões e fornos elétricos, secadoras de roupa, ferros de passar, torradeiras, sanduicheiras,
máquinas de lavar louças, adegas, congeladores e conservadores comerciais, aquecedores híbridos de acumulação, bombas de calor,
banheira de hidromassagem (bomba), secadores de cabelo, etc.
Inmetro
O Inmetro, autarquia vinculada ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic), atua em todo o território
brasileiro. A sua missão é prover confiança à sociedade brasileira nas medições e nos produtos, por meio da metrologia e da avaliação
de conformidade, promovendo a harmonização das relações de consumo, a inovação e a competitividade do País. Está presente em
todos os estados da federação por meio de duas superintendências e 24 órgãos delegados, que integram a Rede Brasileira de
Metrologia Legal e Qualidade-Inmetro. Suas áreas de atuação são a Metrologia Científica e Industrial; a Metrologia Legal; a Qualidade e
Avaliação da Conformidade; Acreditação de Organismos e Laboratórios e a Articulação Internacional, sendo o ponto focal do acordo de
barreiras técnicas da Organização Mundial do Comércio (OMC).
O Instituto é o responsável pela implementação de Programas de Avaliação da Conformidade, com base no Guia de Boas Práticas de
Regulamentação. Desta forma, adota um processo sistemático para avaliar e, posteriormente, acompanhar o atendimento de um
produto, de um serviço, de um processo, ou até de um profissional, aos requisitos definidos numa norma ou num regulamento técnico,
com o menor custo possível para a sociedade. Atualmente, são 184 Programas de Avaliação da Conformidade implementados. Quando
compulsório, as regras e os requisitos devem ser seguidos de forma obrigatória, independentemente da origem do produto. No

O consumidor que desconfiar ou encontrar irregularidades em instrumentos de medição. buffets.gov. sorveterias.gov. lanchonetes. ou via e-mail: ouvidor-ipem@ipem. A Fispal De acordo com a organização da 28ª Fispal.sp.sp. empresas de catering e de refeições coletivas.br . ou enviar email para: ouvidor-ipem@ipem.gov. têxteis.sp. cadeiras de carros para crianças. Ipem-SP O Ipem-SP é uma autarquia vinculada à Secretaria da Justiça e. etc) assim como naqueles produtos que são de certificação compulsória (capacetes de motociclistas.processo de certificação.br aco@ipem.gov. hotéis.gov. padarias. realiza em todo o Estado de São Paulo operações de fiscalizações rotineiras e especiais em todos os instrumentos de medição (balanças. etc). preservativos. bombas de combustíveis.gov. o reconhecimento da competência técnica para conceder o selo do Inmetro ao produto ensaiado.br Assessoria de Comunicação Tathiana Barbar (11) 3581-2050 / 7291-2361 tathianabarbar@sp.br Taís Borges (11) 3581-2253 / 9760-3489 taisborges@sp. passou por testes e obedece às normas que definem requisitos de segurança. produtos de certificação compulsória ou prémedidos pode recorrer ao serviço da Ouvidoria do Ipem pelo telefone 0800-0130-522 de segunda a sexta. durante os quatro dias do evento profissionais de todos os segmentos deste mercado restaurantes. supermercados. redes de fast-food. cabe ainda ao Inmetro a acreditação de organismos e/ou laboratórios. como órgão delegado do Inmetro. É seu papel também conferir todos os produtos disponíveis no mercado que já vem o peso estampado na embalagem. entre outros – se encontram para conhecer as novidades do setor e participar de eventos de qualificação profissional. das 8h às 17h. de segunda a sexta.br.br Ligia Gielamo Oliveira (11) 3581-2015 / 9647-1596 lioliveira@sp. ou seja. bares. cozinhas industriais. das 8h às 17h. O selo é a principal evidência de que o produto está em conformidade com os requisitos técnicos estabelecidos. Dúvidas. sugestões ou reclamações sobre diversos assuntos do Ipem-SP podem ser feitas pelo telefone da ouvidoria: 0800-0130522.