You are on page 1of 11

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO

CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS
DEPARTAMENTO DE FARMÁCIA E NUTRIÇÃO

Miriã de Sousa Santana

RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM MANIPULAÇÃO
Farmácia Pharmacêutica Medicamentos

ALEGRE
2014

1

Dr.Miriã de Sousa Santana RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM MANIPULAÇÃO Farmácia Pharmacêutica Medicamentos Relatório exigido como atividade obrigatória para conclusão da disciplina de Estágio Supervisionado em Manipulação do curso de Bacharelado em Farmácia do Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Espírito Santo. Prof. Jefferson Pessoa Hemerly ALEGRE 2014 2 .

ME  Nome Fantasia: Pharmacêutica Medicamentos  Área de realização do estágio: Estágio em Manipulação  Profissional orientadora do estágio: Farmacêutico João Carlos Santos Hocayen – CRF 1029  Período do estágio: 01/08/2014 a 08/09/2014  Carga Horária: 108 horas SUMÁRIO 3 .IDENTIFICAÇÃO  Aluna: Miriã de Sousa Santana  Matrícula: 2009209176  Empresa: Pharmacêutica Medicamentos Ltda .

...................................9 3...........................2....................................11 6– REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS....................................12 1 – INTRODUÇÃO 4 ...........................2 Manipulação de sólidos..................8 3.....ATIVIDADES DESENVOLVIDAS..................................................................1 OBJETIVO GERAL.2.................................7 3.1 –ESTRUTURA.3 Acompanhamento dos procedimentos de controle da qualidade...........................................2.............................6 2......................... 2................................................................................................................10 5 .2 ........................4 Conferência de rótulos...................................................................................................................................... 3......8 3........................................1 Manipulação de Formulações....................................................... 3 – DESENVOLVIMENTO........................................................................... 3....................Conteúdo 1 – INTRODUÇÃO.......................CONCLUSÃO.....................................2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS...................2...................5 2 – OBJETIVOS...................9 4 – CRÍTICAS.........................................................

A farmácia Pharmacêutica Medicamentos produz medicamentos de acordo com os pedidos e prescrições médicas. ressaltando sempre os padrões de qualidade das matérias primas. compreendendo a avaliação farmacêutica da prescrição. de 8 de Outubro de 2007 que dispõe sobre Boas Práticas de Manipulação de Preparações Magistrais e Oficinais para Uso Humano em farmácias. posologia e modo de usar e preparação oficinal é aquela preparada na farmácia. processos produtivos e inspeção final. a manipulação. Preparação magistral é aquela preparada na farmácia. com a finalidade de elaborar preparações magistrais e oficinais e fracionar especialidades farmacêuticas para uso humano. número 89. A RDC Nº 67. Alegre – ES. forma farmacêutica. bem como o acompanhamento e adequação das inovações do mercado.O Estágio Supervisionado em Manipulação foi realizado na Farmácia Pharmacêutica Medicamentos. De acordo com a ANVISA. situada à Rua Dulcino Pinheiro. cuja fórmula esteja inscrita no Formulário Nacional ou em Formulários Internacionais reconhecidos pela ANVISA. Os procedimentos na farmácia são padronizados com o objetivo de manter e melhorar sempre qualidade de seus produtos. fracionamento de substâncias ou produtos industrializados. Centro. sob orientação do farmacêutico Joao Carlos Santos Hocayen. a partir de uma prescrição de profissional credenciado. rotulagem e conservação das preparações. 5 . e que estabeleça em detalhes sua composição. destinada a um paciente individualizado. no período de 01 de agosto a 08 de setembro de 2014. manipulação se define pelo conjunto de operações farmacotécnicas. referente a uma carga horária de 108 horas. envase.nos mostra que preparação é o procedimento farmacotécnico para obtenção do produto manipulado. no prazo prometido e a um preço justo.

6 . fabricação de produtos e a entrega do mesmo. Auxiliar na pesagem de fórmulas.1 Objetivo geral Acompanhar todos os processos da manipulação desde o recebimento de receitas. Auxiliar no acompanhamento diário das análises. 2.2 – OBJETIVOS 2. Auxiliar na manipulação dos produtos. Auxiliar no preparo de excipientes.2 Objetivos específicos      Auxiliar na conferencia de receitas e formulas.

Possui um quadro de 06 colaboradores. A separação dos ambientes é feita de acordo com as funções executadas. - Almoxarifado. Laboratório de manipulação de sólidos com área de pesagem separada.L (depósito de material de limpeza). destinado à manipulação de formas farmacêuticas sólidas e ao - encapsulamento de medicamentos sólidos. 3. dispondo de: - Sala de administração. baseada na legislação vigente. No campo de estágio. destinado à manipulação de fórmulas nas formas - farmacêuticas pastosas e líquidas. que durante todo o período. instruiu. com áreas de armazenamentos distintas para embalagens - e matérias-primas.3 – DESENVOLVIMENTO O estágio supervisionado em manipulação. - D. coordenado pelo docente Professor Dr. 7 . Área específica para lavagem de utensílios e embalagens utilizados na - manipulação. foi realizado na Farmácia Pharmacêutica Medicamentos.M. Sala de paramentação. A farmácia está lotada em um prédio de dois andares. o supervisor foi o farmacêutico João Carlos Santos Hocayen –CRF 1029. depósitos (embalagens e matérias-primas). responsável da instituição concedente. Laboratório de manipulação de líquidos e semissólidos com área de pesagem separada. sendo o andar térreo destinado ao atendimento ao publico e o primeiro andar destinado a administração. acompanhou e orientou as atividades exercidas. Jefferson Pessoa Hemerly da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES).1 –Estrutura A farmácia é muito bem estruturada. laboratórios de manipulação e sanitários. entre funcionários e estagiários.

e a homogeneização dos componentes com o auxílio de um saco plástico.Atividades desenvolvidas 3. E antes de encapsular. Pesava-se a devida quantidade de cada sache e acondicionava nas embalagens de saches que eram vedados com uma máquina seladora. o farmacêutico. Área de dispensação (recepção).2. durante a manipulação das formulações. Saches – Saches eram preparados da mesma forma que os pós.2 . O encapsulador utilizado em cada manipulação era previamente lavado e passado álcool 70%. em seguida a encapsulação. verificava qual cápsula utilizar e se a cápsula estava sem defeito.1 Manipulação de Formulações A farmácia possui Procedimentos Operacionais Padrão (POPs) para todas as atividades desenvolvidas. 3. posteriormente acondicionados e rotulados.a pesagem. inclusive para a manipulação das formulações.2. 3.- Área de circulação. - Um banheiro. Sendo assim. estagiários e auxiliares devem seguir os procedimentos descritos nos respectivos POPs. triturados em gral e homogeneizados os pós. Após o encapsulamento era feito a embalagem das cápsulas observando o tamanho da mesma para acondicionamento em melhor 8 .2 Manipulação de sólidos Pós – Após a separação dos componentes pertencentes à formulação faz a pesagem de cada um deles. área de atendimento ao cliente destinada para a entrega dos produtos e orientação farmacêutica. Cápsulas – fazia –se a separação dos componentes.

A pesagem de sólidos era feita em papel devidamente preparado e adequado a cada volume.São manipulados perante a lei. Manipulação de controlados. calibração das balanças) era realizado todos os dias entes de iniciar as manipulações. e era avaliado de acordo com os limites de variações determinados na farmacopéia. Só faz manipulação de controlados se tiver receita e com a retenção da mesma.2. 3. E como exige a legislação tanto as matérias primas quanto os produtos acabados que contenham substâncias sujeitas a controle especial devem ser armazenados em armários com chave. para verificar se a rotulagem esta correta. Onde é feito conferência com a ordem de manipulação.3 Acompanhamento dos procedimentos de controle da qualidade O Controle de qualidade interno (temperatura do ar.embalagem com sache de sílica para retirada da umidade e conservação. 3. embaladas e rotuladas formulações já prontas são encaminhadas para a mesa de conferência. 4 – CRÍTICAS 9 . Do produto acabado foi observada a realização do peso médio das cápsulas prontas.4 Conferência de rótulos Depois de manipuladas.2. e no perfeito estado para ser dispensado. geladeira.

isso está fora das legislações em vigor. não só conhecimentos técnicos. 10 . assim como a posição do farmacêutico em uma farmácia de manipulação.Positiva . Negativa .São preparadas algumas cápsulas que tem grande demanda e deixadas em estoque para facilitar o processo. 5 . Porém.CONCLUSÃO O estágio realizado trouxe. trabalha com respeito ao cliente e procura sempre atender os prazos estabelecidos com rigor e qualidade nos produtos.É uma farmácia que atende grande demanda e muito bem estruturada. e sem a paramentação não se pode entrar na área da manipulação. no qual cada formula deve ser feita individualmente para cada paciente conforme prescrição médica. Mostra os desafios da vida profissional. principalmente por aprender a trabalhar com outras pessoas. OS EPI’s são sempre utilizados. mas também crescimento pessoal.

de 8 de Outubro de 2007. 11 .gov.RDC Nº 67.6– REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS BRASIL.br/hotsite/segurancadopaciente/documentos/rdcs/RDC %20N%C2%BA%2067-2007.anvisa.pdf>. Disponível em: <http://www. Acesso em: 18 setembro de 2014. que dispões sobre Boas Práticas de Manipulação de Preparações Magistrais e Oficinais para Uso Humano em farmácias.