IOL Diário - «Avaliação dos alunos pode não ser a mais justa»

1 de 2

Faça do IOLDiário a sua homepage Adicione o IOLDiário aos seus favoritos

Informação

Desporto

Horas Vagas

Pesquisas

Classificados

Compras

Serviços

Correio

16 Abril 2008

ÚLTIMA HORA SOCIEDADE POLÍTICA ECONOMIA INTERNACIONAL AMBIENTE FOTOS VÍDEOS BLOGUES MODA&SOCIAL ESTA É BOCA ACREDITE SE QUISER

TECNOLOGIA
lisboa porto

MÚSICA
portugal

CINEMA

DESPORTO
O que são tags?

SOCIEDADE

crime educação espanha eua professores quiosque saúde

governo

jornal

1 de 53 artigos de Sociedade

seguinte

16-04-2008

-

16:55h

«Avaliação dos alunos pode não ser a mais justa»
Presidente do Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva preocupado com pedido de reforma dos professores
Por: Redacção / JCS

Vota
PUB

Resultado

votos

A A

AA

Citi FlexiCrédito, até 10.000€ e realize os seus desejos

Última hora
última hora
17:05 | Política

Filtrar por:
+ votados + comentados

O presidente do Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva, de Castelo Branco, manifestou-se esta quarta-feira preocupado com a avaliação final de alguns alunos, face ao número de professores que está a pedir a passagem à reforma em pleno ano lectivo, noticia a agência Lusa. Segundo Joaquim Cardoso Abrantes, presidente do Conselho Executivo daquele agrupamento de escolas, há o risco de alguns alunos virem a ser afectados nas avaliações finais do ano lectivo, devido ao número de docentes que estão a pedir a passagem à situação de reforma.

+ lidos

Jardim: visita de Cavaco «está a correr muito bem»
17:00 | Ambiente

Vila Verde: empresa entrega 250 «oleões»
16:55 | Sociedade

«Avaliação dos alunos pode não ser a mais justa»
16:50 | Política

Lisboa não se pronuncia sobre Júdice
16:49 | Cinema

Jackie Chan só queria contracenar com Jet Li
16:45 | Ambiente

LEIA MAIS:

Naquele agrupamento de Castelo Branco, sete » Professores: ministério vai abrir novo professores do segundo ciclo já pediram a concurso passagem à reforma - um deles já não está ao » «Avaliação não está em ponto-morto» serviço desde a semana passada - e outros 14 » Professores: sindicatos excluem recurso estão a preparar o processo.
à greve » «Houve chantagem com os professores» » Professores «salvaguardam impactos imediatos»

Ponte de Barca investe no controlo de consumo de energia

A situação leva Joaquim Cardoso a temer que a avaliação dos alunos possa vir a «não ser a mais justa». Média de idade entre 50 e 60 anos

Segundo Joaquim Cardoso Abrantes o corpo docente do segundo ciclo do agrupamento tem uma média de idade entre os 50 e 60 anos, tratando-se de professores que podem já reformar-se, apesar de algumas penalizações por não terem ainda os 61,5 anos de idade. Face a esta situação, o agrupamento vai ter que contratar novos docentes, fazendo contratos temporários. A preocupação é que os novos professores vão chegar à escola na fase final do ano lectivo e em período de avaliações. «Substituir professores nesta fase é complicado. Independentemente da sua qualidade e experiência, esses professores vêm acabar o trabalho que outros começaram. A avaliação dos alunos nesta situação pode não ser a mais justa», reconheceu o presidente do conselho executivo em declarações à Agência Lusa. Professores inseguros escolhem reforma Joaquim Abrantes admitiu que a situação actual do ensino terá contribuído para a decisão dos docentes que pretendem reformar-se. «No actual estado de coisas, quando há alguma insegurança quanto ao futuro, algum medo que as leis da aposentação se tornem mais penalizadoras para a função pública, numa altura em que o clima nas escolas não é tranquilo, há insatisfação e vontade de abandonar o sistema», disse. O Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva conta com 156 professores, 54 dos quais do segundo ciclo, e congrega nove estabelecimentos de ensino que abrangem todos os

Primeira Página
Testemunha-chave: juíza chama Interpol
Coimbra: acidente faz 44 feridos «Avaliação não está em ponto-morto» Menos presos preventivos Cavaco sensibilizado com... a oposição Agente da PJ baleado após tentativa de carjacking Alegre diz que Portugal pode tornar-se irrelevante
DOS LEITORES
FÓRUM: 1,8 milhões têm empregos precários. Como se resolve? BLOG: Pinto da Costa e a urgência do «Expresso»

http://diario.iol.pt/sociedade/alunos-professores-reforma-educacao-ensino-avaliacoes/940991-4071.html

IOL Diário - «Avaliação dos alunos pode não ser a mais justa»

2 de 2

graus entre a pré-primária e o terceiro ciclo. Ao todo, o agrupamento tem cerca de 1.200 alunos.
Vota Resultado votos
A A

O MELHOR:

Obrigadinho
DESPORTO

AA

Manual de carambolas e golos bizarros (vídeo)
CELEBRIDADES

MAIS NOTÍCIAS:

» «Avaliação dos alunos pode não ser a mais justa» » Portugal quer desenvolver robots de estimação » Mais de seis horas para levantar cadáver » Porto: PJ detém quatro homens por corrupção » Trabalho: acidentes mortais aumentaram para 29 » Sérvia estuda policiamento de Lisboa » Arquivada queixa contra Gebalis 1º de 53 artigos de: Sociedade seguinte

Naomi não conseguiu dar sangue no Brasil
CINEMA

Keanu Reeves agride colega de gravações
MÚSICA

James Morrison cancelou concerto no Rock in Rio Banco Best Produtos de poupança e investimento com condições muito competitivas www.bancobest.pt Aulas : pequenos anúncios Precisa de aulas particulares ? Veja na Olx www.olx.pt Estética Dentária Conheça Clinica Estética Dentária. Venha mudar o seu sorriso! www.cero.com.pt Hotéis em Castelo Branco Reserve agora e pague no Hotel. Hotéis confortáveis e económicos. www.booking.com

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Publicidade

Copyright © 2008 www.iol.pt

Meios Media Capital:Agência Financeira | Maisfutebol | Rádio Clube Português | TVI Meios Associados: Imprensa: AS | Cinco Días | EL País | Rádio: Cadena SER | Los 40 | TV: Cuatro | Plus

http://diario.iol.pt/sociedade/alunos-professores-reforma-educacao-ensino-avaliacoes/940991-4071.html