You are on page 1of 11

Curso “Avaliação e

Desenvolvimento
Institucional –
Fundamentos”
2ª edição
Plano de ensino 2015
Facilitadoras:
Martina Rillo Otero (coordenadora)
Juliana Cortez
Maria Emília Bretan
Pilar Cunha

Contexto

No campo social, há o reconhecimento da importância da avaliação
como prática das Organizações da Sociedade Civil (OSCs).
Há muitos modelos de avaliação, com uma variedade de conceitos
como o de uso de indicadores, gestão por resultados etc.

Apesar disso, boa parte do campo ainda enxerga a avaliação como
uma prática formal para atender demandas externas ou apenas
como ferramenta para a promoção dos projetos.
Mas a avaliação pode se tornar estratégica tanto para o
desenvolvimento das OSCs, como para a aprendizagem e
apropriação da sua prática pelas equipes.

Como podemos compreender a importância da
avaliação e criar condições para aproveitá-la ao
máximo?

Propósito

Promover o desenvolvimento de indivíduos e organizações da
sociedade civil através da aprendizagem no pensar e no fazer
avaliativos.
O desenvolvimento se alcança a partir da tomada de consciência da
própria prática, dos valores que subjazem a ela e do desafio em
relação ao estágio em que se encontra.

Prática é um conceito que vai
estar muito presente neste curso.
Com ele nos referimos ao modo
pelo qual cada sujeito – seja um
indivíduo ou organização – faz as
coisas. Que coisas? Tudo! O modo
como pensa suas iniciativas, o
modo como planeja e como
implementa ações e como avalia;
o modo como as pessoas se
relacionam e se comunicam dentro
da organização. Supomos que
existe uma relação entre todos
esses fazeres, e deles com
princípios. Aos fazeres e seus
princípios chamamos prática.

Contribuir para que os participantes:
•Reconheçam as práticas e o pensar avaliativos já existentes
nas suas organizações para que assim possam avançar em seu
desenvolvimento;

•Compreendam o funcionamento de uma processo de
avaliação e sua importância para o fortalecimento
institucional e para os projetos e iniciativas que empreendem;
•Identifiquem a necessidade e possíveis estratégias para
realizarem avaliações nas suas organizações ou projetos.

Conteúdo
O curso será construído ao redor das seguintes
questões:
• O que é avaliação?
Nesta seção discutiremos os diferentes significados e usos que a
avaliação tem no campo social, a partir das nossas próprias
crenças e contradições nesse tema.

• Qual é o passo a passo da avaliação?
Um processo de avaliação pode ter diferentes formatos e
“caras”, mas há passos, que mesmo podendo ocorrer de
maneiras muito diversas, estão sempre presentes. Nesta seção
exploraremos tais passos, assim como alguns conceitos que
podem ajudar a estruturá-los.

Conteúdo

Como construir perguntas de avaliação e indicadores
relevantes?

A construção de boas perguntas é fundamental para a realização
de uma avaliação relevante. Por isso, nesta seção, queremos
criar oportunidades para aprender a formular perguntas de
avaliação bem como critérios ou indicadores para respondêlas.

Como decidir sobre a metodologia de investigação mais
apropriada às minhas necessidades?

Nesta seção vamos compreender a investigação como processo de
observação acurada e seu lugar dentro de uma avaliação.
Discutiremos como decidir sobre a metodologia de investigação
mais apropriada considerando as necessidades e recursos
disponíveis.

Conteúdo

O que implica analisar e discutir resultados e construir
conclusões?

Processos avaliativos objetivam chegar a conclusões
importantes sobre um projeto ou uma organização. As
conclusões por sua vez , ajudam a enxergar mais sobre a
atuação e nos encaminhar para possíveis transformações.
Aqui poderemos ver diferentes formas de chegar às
conclusões!

Construção de capacidade avaliativa institucional

Depois de percorrer passos, conteúdos e desafios dos processos
avaliativos encerramos o curso discutindo o pensar
avaliativo como uma capacidade estratégica de
desenvolvimento institucional. Afinal, como tudo isso pode
contribuir para o desenvolvimento das OSCs?

Didática
Neste (per)curso, assume-se que cada participante é
responsável pela sua própria aprendizagem.
• O conteúdo do curso será tanto mais rico quanto maior a
participação e interação dos participantes;

• Cada pessoa terá oportunidade de aprender com o trabalho das
outras: todas serão tratadas como mestres e aprendizes.
• O percurso de aprendizagem deve ser harmônico com o dia a dia:
cada pessoa deve ditar o seu ritmo. Estima-se que o curso todo
demandará um investimento de 32 horas, cerca de 4 horas
semanais. Esta estimativa considera o tempo para ler, estudar e
refletir sobre o “básico”. Aprofundamentos pedem mais tempo!
• Cada módulo apresenta um conjunto de atividades e exercícios,
além de materiais disponíveis pelo Projeto Avaliação e Instituto
Fonte.

Didática
• Textos conceituais são mencionados como referência em
cada módulo. São oportunidade de aprofundamento e
consolidação do conhecimento.
• Tornar o aprendizado prático depende de sua
contextualização: enfatizamos o estudo a partir da prática,
seja por meio de estudos de caso trazidos pelos
facilitadores, seja focando os casos dos participantes.
• A avaliação será usada para favorecer a aprendizagem:
reconhecer avanços, refletir sobre diferentes ideias e
interagir criativamente com outras pessoas.
• O certificado será um reconhecimento pelo esforço de
aprender e promover a aprendizagem.

Tecnologia
O curso será 100% à distância, utilizando a plataforma Moodle
disponível em http://formacao.institutofonte.org.br.

•O curso começa no dia 9 de março e terminará em 17 de abril de
2015. A cada nova semana um módulo é aberto.
•O sistema fará o registro das atividades de cada participante, para
ajudá-lo a se organizar.
•Serão utilizados fóruns, textos online, planilhas, filmes e
videoaulas.
•A interação entre os participantes e com os facilitadores acontece
no Fórum de Apoio e Ajuda Mútua. Os facilitadores realizam
devolutivas e comentários para o grupo e não individualmente.

A iniciativa,
suas ações e
comunicação

•Este curso é gratuito e é uma realização em
parceria do Projeto Avaliação e do Programa de
Formação Web do Instituto Fonte.
•Após este curso de princípios básicos, outro de
aprofundamento prático será lançado.
•As duas ações têm apoio do Instituto C&A.
•A divulgação do curso se dará em etapas,
priorizando pessoas que estão na lista de espera
após a 1ª Edição, em 2014. Importante: as atividades
começam no dia 9 de março e, caso o participante
não tenha trabalhado no material à distância até 16
de março, será desligado e sua vaga será oferecida
para o próximo da lista de interessados.

rua natingui, 1100
vila madalena - são paulo - sp

11 3032-1108
www.institutofonte.org.br
facebook.com/institutofonte
twitter @institutofonte