0

FACULDADE DE TEOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL
FATERGS

GILMAR FUGA JUNIOR

PSICOLOGIA CRISTÃ NA SOCIEDADE MODERNA
“SEUS MITOS E SUAS CONCEPÇÕES NA SOCIEDADE BRASILEIRA”

Passo Fundo
2015

1 GILMAR FUGA JUNIOR PSICOLOGIA CRISTÃ NA SOCIEDADE MODERNA “SEUS MITOS E SUAS CONCEPÇÃO NA SOCIEDADE BRASILEIRA Artigo apresentado como requisito final para a conclusão do Curso de Teologia da Faculdade de Teologia do Rio Grande do Sul .FATERGS. Passo Fundo 2015 .

2 (EspaçoReservado1)"Portanto.. que. " Ezequiel 34:7-8b .. ouvi a Palavra do Senhor: Vivo eu. porquanto as minhas ovelhas foram entregues à rapina. diz o Senhor Deus. ó pastores.

.3 PSICOLOGIA CRISTÃ NA SOCIEDADE MODERNA “SEUS MITOS E SUAS CONCEPÇÃO NA SOCIEDADE BRASILEIRA Resumo: Nestes últimos anos homens e mulheres de Deus estão buscando o conhecimento tanto na Escritura sagradas como na revelação divina através do mundo físico. O objetivo primordial. é boa. Seu significado literal é “o estudo da alma” e como tal ela carrega uma conotação que tem implicações distintamente cristãs. Ser Humano. A psicologia cristã e um estudo científico é um meio válido para se chegar a uma compreensão da obra de Deus e pode ajudar muito nos caminhos da vida. mas passa ser questionado posteriormente por suas imprecisões e impregnações metafísicas. estudar a alma humana. quase mítico. perdendo a confiabilidade na segunda metade do período. ao longo da primeira metade do século XX . A palavra psicologia em si. pois somente alguém que se tornou perfeito em Cristo está adequadamente equipado para estudar a alma humana. Palavras-chave: Psicologia. Fé. senão místico senão a “mente” esta abstração idealista. Escritura. que bebe da mesma fonte. com fortes influencias das concepção crista de alma como sinônimo de existência imaterial e do pensamento dicotômico i cartesiano. mas a Psicologia Crista é capaz de satisfazer as necessidades espirituais do homem. subjetivista. este termo ainda era admitido como objeto cientifico. ela limita-se a estudar o comportamento humano. Psicologia Cristã. Mas a Psicologia não consegue. na realidade. Buscando soluções que estejam alicerçadas na palavra de Deus e na orientação do Espírito de Deus.

Atualmente o avanço da psicologia é tão alarmante que ela se agregou em todos os segmentos da sociedade. ou seja. mostrando o valor da psicologia na vida cristã. CONTEXTUALIZAÇÃO DA PSICOLOGIA: HISTÓRIA E MITO 2. conheço casos em que igrejas proporcionaram seminários para seus membros. A penetração no meio evangélico e crista se destaca nas mais diversificadas formas: através dos púlpitos. A psicologia está sendo propalada divulgada ao povo de deus. com o propósito atroz de conduzir o crente ao descrédito na plena suficiência das escrituras. e no aconselhamento "pastoral". Veja que a palavra de deus foi acolhida no mesmo nível da psicologia. 1. onde a bíblia é colocada em pé de igualdade com a psicologia. com mensagens psicologizadas. junto com a oração! Somente os que são especialistas em psicologia. . chegando ao ponto de seduzir pastores e líderes. PSICOLOGIA CRISTÃ NA ATUALIDADE . O que pretende-se neste trabalho e mostrar que a psicologia e a psicologia crista pretendem nos levar a crer que usar as Escrituras no aconselhamento bíblico é algo superficial. A penetração não para por aí. os que possuem o conhecimento secreto estão devidamente capacitados para ajudar as pessoas com problemas espirituais e emocionais.4 A proposta a ser discutida permeia a questão da Fe Fé e da razão pois nada define melhor o neognosticismo do que a fascinação da igreja pela psicologia humanista. A influência da teoria Behaviorista na igreja tem criado uma atmosfera na qual o aconselhamento bíblico tradicional é visto como simples e ineficaz.

a infusão da psicologia para dentro do ensino da igreja e seminários tem embaçado a linha divisória entre modificação e santificação. tem o poder de mudar a si mesmo. “Psicólogos cristãos” tem se tornado os novos campeões do aconselhamento nas igrejas. Muitos na igreja creem na noção ateísta de que os “problemas psicológicos” das pessoas são sofrimentos que nada tem a ver com a esfera física e espiritual. descreve uma coletânea de terapias e teorias que são. da forma que a expressão esta sendo usada hoje em dia. transformando-se numa pessoa melhor.5 Ó deus conhece a alma. por si só. e somente ele pode mudá-la. Ainda mais que a maioria das teorias da psicologia moderna tem sido desenvolvida por ateus. Além disso. A evidente mensagem dada por tal atitude é que apenas mostrar aos crentes a suficiência que há em Cristo é algo vazio e. quem sabe. Além do mais. A palavra “psicologia” não expressa mais o estudo da alma. essencialmente. Mas pelo contrário. a . é vazio e perigoso crer que qualquer problema está além do alcance das Escrituras e que não pode ser resolvido pelas riquezas espirituais existentes em Cristo e no seu evangelho. As pressuposições e a maior parte da doutrina da psicologia não se integram bem com a verdade cristã. Em nossos dias eles são festejados como os que verdadeiramente curam o coração humano. A “Psicologia cristã”. quase todas meramente ministram psicologia secular camuflada com terminologia espiritual. DuranteTe os últimos anos tem surgido um grande numero de clinicas psicológicas evangélicas. Embora a maioria delas reivindique oferecer aconselhamento bíblico. e o impacto disso nos últimos anos. humanísticas. fundamentada na suposição de que não há deus e de que o individuo. desde que se aplique certas técnicas. elas estão tirando o aconselhamento do seu devido lugar. a igreja tem abraçado muitas das teorias populares da psicologia secular. tem sido revolucionário. até perigoso. Surpreendentemente. Os pastores e leigos são levados a crer que a menos que tenha passado por um treinamento formal em técnicas psicológicas. pois as técnicas de psicologia são para tratar os comportamentos. em vez disso. é um paradoxo. estão mal equipados para aconselhar.

de outra forma. identificaram seu ministério com pessoas como sendo “um trabalho da alma”. ela está apta para lidar com pessoas num nível apenas superficial e temporal. muito antes do nascimento da psicologia. Não há “trabalhador da alma” que possa elevar outra pessoa a um nível mais alto do que aquele em que ele mesmo se encontra. As Escrituras são o manual para todo “o trabalho da alma” abrangente no diagnóstico e no tratamento de cada questão espiritual que. Visto que a psicologia secular se baseia em pressupostos ateístas e em fundamentos evolucionistas. pois só estes têm os recursos para a compreensão e a transformação da alma. seria até perigosa. Muitos pastores. Dessa forma. sentindo-se inadequado para a tarefa. ser semelhante a Cristo é a suprema qualidade para os verdadeiros psicólogos. prontamente passaram tais casos aos “profissionais”. detém a verdadeira chave para ajudar as pessoas em seus problemas profundos. Os puritanos. São problemas relativamente raros que. e também a mentira de que alguma ideia ou técnica. estão condicionando cristãos a se verem incompetentes para aconselhar. É possível encontrarmos certos tipos de doenças emocionais onde a raiz do problema é orgânica e onde certos tipos de medicação são necessários para estabilizar uma pessoa que. permitindo que estes assuma a tarefa que costumava ser parte vital do ministério pastoral. haverá de fazer o trabalho da alma utilizando as coisas profundas da Palavra de Deus e do Espírito e não perdendo tempo com modificações superficiais do comportamento. aplicadas pelo Espírito Santo no crente. Certas técnicas de psicologia servem apenas para minimizar o trauma ou a dependência. resultam na transformação das pessoas à imagem de Jesus Cristo. Por que um crente deveria optar pelo caminho das modificações do .6 igreja. Se alguém for um verdadeiro psicólogo cristão. A verdadeira psicologia (“o estudo da alma”) pode ser praticada somente por cristãos. oriunda dessa parte extra bíblica. entretanto não devem ser usados como exemplo para justificar o uso indiscriminado de técnicas de psicologia secular para problemas essencialmente espirituais. Esse é o processo da santificação. Muitos têm comprado a mentira de que parte crucial da sabedoria existe fora das Escrituras e do relacionamento que alguém pode ter com Jesus Cristo.

7 comportamento se ele possui ferramentas próprias para a transformação espiritual. mas tudo que aprendemos não diz respeito a transformação e sim a mudanças de comportamento e que na maioria das vezes não é plena. estudiosos da palavra de Deus. simplistas e completamente inadequados. filósofos) quiseram estudar a natureza do homem. pois só Deus através da sua palavra pode mudar a alma de um individuo. Leitura bíblica e oração são frequentemente desprezadas como sendo “simplistas”. estas pessoas foram estudar esta matéria e nunca mais voltaram para o seminário. bem como o seu braço forte. aplica a santificação divina. E o triste resultado disso é que: pastores. com muita prudência. fidelidade e oração. professores. haveria maior exatidão na compreensão do comportamento atual. Eles acreditavam que. A Psicologia. seria como um médico usando uma faca de açougueiro no lugar de um bisturi. mas na realidade. eruditos (na verdade. O conselheiro capaz é aquele que. Durante os meados do século 19. eles se valem de teorias seculares para tratar problemas espirituais. Mas o cristão de hoje tem chegado a crer que nenhuma dessas soluções realmente oferece oportunidade de cura para alguém. lembro-me que quando tive a matéria de psicologia no seminário. várias pessoas que nunca tinha estudado teologia entraram para aprender sobre psicologia. em predizer o comportamento futuro e em alterar o comportamento através da intervenção científica. moldando seu semelhante à imagem de Jesus. a oração e a graça – são as soluções tradicionais que os conselheiros cristãos têm apresentado as pessoas. talvez acreditassem que sairiam dali aptas para aconselhar os problemas psicológicos das pessoas. tidas como incompletas para alguém que luta contra a depressão e a ansiedade. Há até mesmo psicólogos que alegam usar uma técnica terapêutica que intitulam de “aconselhamento Cristão”. As Escrituras. na esperança de aplicar o método científico para observar. se as pessoas pudessem ser estudadas de maneira científica. Simplesmente foram buscar um “`conhecimento secreto”. são desdenhados como sendo conselheiros ingênuos. de . o Espírito Santo. como já mencionei é o retorno do gnosticismo que denominei neognosticismo ou seja a busca pelo conhecimento secreto que resolve os problemas das pessoas. Talvez não haja ameaça mais séria a vida da igreja hoje do que a debandada para abraçar as doutrinas da psicologia secular. a Psicoterapia. adicionando nelas referencias bíblicas. registrar e tratar o comportamento humano. têm adotado. Cristo.

Koch acrescenta: “Através da história da Psicologia como ‘ciência’. teorias e métodos da Psicologia. ou que registram resultados de pesquisas. a American Psychological Association nomeou Sigismund Koch para planejar e dirigir um estudo subsidiado pela National Science Foundation. suposições e métodos erroneamente observados como sendo científicos”. o campo está repleto de teorias e técnicas contraditórias. a partir de um estrito ponto de vista científico. saímos da ciência para o campo da opinião. podem ser científicas. E a opinião sobre o comportamento humano. suposições e explanações subjetivas). assessorando fatos. métodos e teorias envolvendo-o. é literalmente. quando deixamos de descrever o comportamento humano.Este estudo envolveu 80 eruditos eminentes. para explicá-lo e. tentando se igualar às formas da ciência. intitulada “Psychology: A Study of Science”. A Psicoterapia prolifera com muitas explanações conflitantes sobre o homem e o seu comportamento. A pseudociência ou falsa ciência inclui o uso do rótulo científico. emocionais e comportamentais e como tratá-los. Se ela tivesse alcançado sucesso como uma ciência. o grosseiro conhecimento que ela tem apresentado tem sido simplesmente negativo”. Koch publicou a ilusão de se pensar que a Psicologia é uma ciência: “A esperança de uma ciência psicológica tornou-se impossível no que se refere à mesma. particularmente. uma bagunça. de sua formação . conduzindo a conclusões falsas. Em vez disso. pessoalmente. Contudo. hoje em dia. como existem pesquisadores e terapeutas. Um aspecto da Psicologia dirigido pela pseudociência é a Psicoterapia. a fim de produzir e promover opiniões que não são prováveis nem refutáveis. Existem tantas técnicas.8 fato. das estrelas. todas elas comunicando confusão. os resultados foram publicados numa série de sete volumes. Toda a história subseqüente da Psicologia pode ser vista como um esforço ritualista. em lugar de alguma coisa organizada. Em 1983. terapeutas convencendo os clientes de que todos os seus problemas provêm de suas mães. uma prática científica. em seu artigo “Psychology Goes Insane. Ela se embasa em falsas premissas (opiniões. Tenho visto. Botches Role as Science”. O fato é que as declarações psicológicas que descrevem o comportamento humano. Sair da descrição para a prescrição é se mover da objetividade para a opinião. é simplesmente uma pseudociência. elas não têm conseguido satisfazer as exigências da ciência. O psicólogo Roger Mills. Ao tentar avaliar o status da Psicologia. mudá-lo. O dicionário define pseudociência como “um sistema de teorias. quando apresentada como verdade ou fato científico. a fim de manter a ilusão de que ela seja uma ciência”. Contudo. afirma: “O campo da Psicologia. haveria algum consenso no campo com referência aos problemas mentais.

E. principalmente o determinismo. o humanismo. Fuller Torrey. seus pontos de vista são: ABORDAGEM ENTRE PSICOLOGIA E PSICOLOGIA CRISTÃ CONSIDERAÇÕES FINAIS Pode-se concluir . o humanismo secular. no mesmo nível das práticas usadas pelos curandeiros da feitiçaria”. por isso é impossível falar de psicoterapia como se fosse uma ciência. Psicólogos modernos servem-se de centenas de modelos e técnicas de aconselhamento. Com mais de 150 sistemas diferentes de Psicoterapia. que estão alicerçados em miríades de teorias conflitantes entre si. com raras exceções.9 bioquímica. ou até mesmo fatos. é difícil visualizar opiniões tão diferentes. o existencialismo e. de sua dieta. do seu estilo de vida e até do carma de vidas passadas”. O psiquiatra de renome mundial. também. Entretanto os pontos de vista que citarei abaixo. mas que tem sido filtrado para dentro das igrejas e estão gerando um efeito profundo e perturbador em sua abordagem para ajudar as pessoas. diz claramente: “As técnicas usadas pelos psiquiatras ocidentais estão. provenientes das vastas divergências. como sendo ciência. é popularizado pela psicologia. cada um deles afirmando superioridade sobre os outros. o behaviorismo. Os verdadeiros fundamentos da Psicoterapia não são científicos.

10 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS .

i .