You are on page 1of 7

CAPTADOR DE GUITARRA

1 - O QUE É UM CAPTADOR DE GUITARRA?
Artefato formado basicamente por imã e fios de cobre (enrolados
geralmente em uma bobina), de propriedades eletromagnéticas
cuja função é transformar o som proveniente das vibrações das
cordas e das madeiras em um sinal elétrico que possa ser
amplificado.
CAPTADOR SINGLE COIL
CAPTADOR DE ÚNICA BOBINA

CAPTADOR HUMBUCKER
CAPTADOR DE DUAS BOBINAS

PEÇA DE PÓLO MAGNÉTICO
Magnetic Pole Piece

BOBINA
Coil
BOBINA
Bobbin

CONDUTORES DE SAÍDA
Output Leads

Captadores Ativos : Captadores "ativos" são os que tem um
circuito "ativo" (com alimentação de energia) proprio. São os
captadores que são ligados numa bateria. Normalmente possuem
ganho e saida maior que os caps conhecidos por "passivos" (os
mais comuns). Além de terem ruído praticamente zero, por serem
melhores blindados.

ocorrerá formação/indução de uma carga elétrica pelo fio da bobina. se um campo magnético que está envolto em uma bobina formada por fio de metal (cobre) enrolado (centenas a milhares de voltas) sofrer flutuação (a vibração da corda de metal da guitarra modifica o campo magnético). mas suficiente para ser interpretada e amplificada. . de 100 milivolts até mais de 1 volt nos captadores mais potentes. A carga elétrica gerada é pequena.Por uma lei da física.

d) Fator "Q": a combinação dos valores acima deve ter um certo equilíbrio. O fator Q dele certamente não estaria na faixa considerada ideal. se é mais ou menos brilhante. Quanto maior. b) Capacitância: vamos relacioná-la como responsável pela diminuição/atenuação de agudos do captador. alta capacitância e pico de ressonância de 4k (use de referência um captador Fender de stratocaster. Importante: A força magnética (tipo. Fator “Q”. . Indutância. pelo descrito acima. baixa/média indutância. por exemplo. a) Resistência e principalmente Indutância estão relacionados com a potência/volume do captador. Frequência de Ressonância. O fator Q é o resultado de uma fórmula que mostra se os outros valores estão equilibrados entre si. porém "abafado" e desequilibrado.PROPRIEDADES ELETROMAGNÉTICAS DOS CAPTADORES Resistência. O som vai ficar muito ruim e/ou estranho. não podemos enrolar muito fio e usar um imã fraco. um captador com muita resistência.2 . c) Frequência de Ressonância: define se o captador tem mais ou menos agudos. forma e volume do imã) também influencia no volume e é diretamente proporcional. que está por volta de pelo menos 89k de ressonância) será com certeza um captador mais potente. Quanto mais elevados mais sinal é enviado para o amplificador. mas agudo é o captador. Capacitância. Então.

Quanto mais alta. que está traduzindo um som. que geralmente está entre 1 e 10 kHz.5. e sim geram ainda mais força. . Mas ambos não se anulam. Traduzindo a combinação da resistência. mais agudo o captador (mas não necessariamente mais “limpo”).Resistência (expressa em Ohms): “Oposição à passagem da corrente elétrica relacionada com o comprimento e diâmetro do fio de cobre”. O nome já sugere tudo: metais absorvem/roubam/desviam eletricidade. É uma medida criada pelos engenheiros e baseada numa fórmula que analisa a relação Resistência e Indutância numa frequência prédeterminada (geralmente 1 kHz). E quando um sinal elétrico como o do captador. de 3 a 7 kHz. que se opõe ao do imã. A frequência dominante. Singles têm pico de ressonância entre 5 e 9 kHz geralmente. as frequências mais altas/agudas vão primeiro. ou no mínimo. A maioria dos captadores têm “Q” entre 2 e 3. indutância e capacitância: gera uma frequência. Um "Q Factor" muito alto ou baixo sugere um captador desequilibrado e provavelmente ruim. Frequência (pico) de Ressonância (expressa em Hertz): É a "impressão digital sonora" de um captador. O pico de ressonância revela mais de um captador do que sua resistência ou indutância. Capacitância (expressa em Farad ou Faradays): “Capacidade de um corpo de reter carga elétrica”. Indutância (expressa em Henries): “A capacidade de uma bobina em criar o fluxo com determinada corrente que a percorre é denominada Indutância (símbolo L) medida em "henry" cujo símbolo é H. a partir da qual ele reproduz as outras. Humbuckers. estranho. Fator “Q”: Fator de qualidade/eficiência do captador.” A corrente elétrica gerada e correndo pela bobina cria também um campo magnético. é desviado.

[3] Na eq. que. amplitude e taxa de decaimento. 1 observa-se que quanto maior o valor de N. 2). não há variação de campo magnético e. Equação 1 O sinal negativo da equação. dado pela Lei de Lenz. An e αn são valores arbitrários para. onde i é a corrente induzida. portanto não há produção de som. Equação 2 Em (eq. cria um fluxo magnético (ΦB). frequência angular. A vibração de uma corda pode ser modelada conforme a eq. pois quanto maior a fem. a superposição de modos ortogonais de mesmas frequências. significa que na espira fechada surgirá uma corrente induzida em um sentido que se oporá à variação que a produziu. ou seja.Com a corda em repouso. diminuindo as distorções do sinal elétrico entre a entrada (guitarra) e a saída (alto-falante). No toque do guitarrista ocorre o distanciamento da corda.t) forme uma curva semelhante (com diferenças apenas na amplitude) da formada pelo conjunto dos pontos i(t). onde cada modo. devido ao movimento realizado no plano paralelo à bobina. 2. após devidamente amplificada e distorcida (se for do desejo do guitarrista) é convertida em som por meio de um alto-falante. A corrente i. 1 (onde N é o número de espiras) produz uma fem na bobina. y é o deslocamento vertical da corda em função da posição horizontal x naquele ponto e do instante t. ωn. Esta possui valor negativo devido à perda de energia. O aumento no número das espiras aumenta a sensibilidade da guitarra à vibração provocada pelo guitarrista. de frequência e direção próprias funciona isoladamente de forma semelhante a um oscilador de uma partícula unidimensional. [2] Espera-se que o conjunto dos pontos y(x. menor será a amplificação a ser realizada por circuitos eletrônicos próprios. O distanciamento causa diminuição no número de linhas de campo magnético no interior da bobina. respectivamente. segundo a eq. maior o módulo da fem. . Ela considera um modelo linear. como é esperado.