You are on page 1of 12

Chimica

Edile
do Brasil

apresent

FRACT.AG 2 ARGAMASSA EXPANSIVA NÃO EXPLOSIVA PARA CORTES DE MÁRMORES. Produto desenvolvido pela Chimica Edile SRL – Italia Empresa Certificada ISO 9001 e SA 8000 CERTIFICADO ISO 9001 CERTIFICADO SA 8000 . CONCRETOS E DEMOLIÇÕES EM GERAL. GRANITOS.

O uso diário do FRACT.AG®.azul .Verde . Esta enorme quantidade de energia desenvolvida pelo FRACT.AG® funciona através de reação química que ocorre quando é misturado com uma quantidade exata de água ( 30% do peso do produto). para adaptar o uso em função da temperatura externa.AG® permite desenvolver técnicas de trabalho modernas e inovadoras. que aumenta o seu volume inicial em até 4 (quatro) vezes. O FRACT.esta operação deve ser realizada antes que se inicie a reação química (cerca de 10/15 minutos após a mistura) . + 5Kg 1. .AG® O FRACT.se a rocha for muito porosa ou a temperatura estiver = muito alta.Amarelo .ouro 60 a 70º C 50 a 60º C 35 a 50°C .AG® é liberada de modo progressivo e gradual. aplicando uma pressão de 8000 ton/m2 na superfície dos furos onde é colocado o FRACT.os furos (minas) não devem conter água nem sujeiras . INFLUÊNCIA DA TEMPERATURA EXTERNA O FRACT.vermelho 25 a 35º C 05 a 20º C < 5º C USO DO FRACT.prata .3 O QUE É FRACT. umedecer os furos (minas) para abaixar a temperatura e obter as condições ideais de trabalho. Esta reação causa a dilatação da mistura.AG®. como também para o corte de rochas de qualquer tipo.5 lt de água no recipiente onde será feita a mistura Obs: A água não deve conter óleo ou impurezas 2 Despejar lentamente o conteúdo de um saquinho (5 Kg) de FRACT.5 L . gerando com isso vantagens econômicas excepcionais. .AG® é uma argamassa expansiva para a demolição de betões. como também no acúmulo de detritos no local de trabalho. misturando o pó com a água até obter uma mistura fluida e homogênea 3 Despejar a mistura dentro dos furos (minas) já limpos e assoprados. com uma diminuição drástica no volume de perda de matéria prima. eliminando completamente todos os perigos e limitações que são típicas do uso de explosivos.AG® EM PÓ 1 Colocar 1.AG® é produzido em 6 (seis) diferentes tipos de composição química. blocos de cimento.

não polui. assim que a água parar de borbulhar. Um dos aspectos mais interessantes do uso do FRACT.AG® .tipo de FRACT. não podem ser utilizados e a única alternativa seria o uso de sistemas mecânicos tradicionais.AG® não é submetido a interrupções. que são muitos caros e requerem muitas horas de trabalho. é a sensível diminuição nos custos de produção. que varia em função dos seguintes fatores: .. devido ao fato que o corte ocorre sempre na linha que une o centro dos furos (minas) onde foi colocado o FRACT.AG® não requer o uso de máquinas ou de mão-de-obra especializada. o FRACT. O FRACT. Além disso. necessárias quando se usam os explosivos. como no caso dos explosivos. mergulhar em seguida no recipiente com água e esperar que absorvam a água necessária (mais ou menos 2 minutos) e.AG® não é necessário nenhum tipo de autorização. resultando em um aumento de produção e diminuição de mão-de-obra. ou pedras preciosas como diamantes. consegue-se reduzir o tempo para obter o corte. O FRACT.AG® .AG® é de duas a oito horas. . uma de cada vez e pressionando de modo que o cartucho fique bem compactado dentro do furo. Para se utilizar o FRACT.AG® EM CARTUCHOS 1 Encher um recipiente com água Obs: A água não deve conter óleo 2 Retirar os cartuchos de FRACT. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS DO FRACT. exceto aqueles típicos de qualquer cimento e principalmente de evitar o contato com a água ou a umidade. não levanta poeira e não faz barulho algum.4 USO DO FRACT. com a diminuição da distância entre os furos (minas) e/ou com o aumento do diâmetro dos mesmos. O trabalho com o FRACT. Tal redução baseia-se no total aproveitamento da matéria prima. não explode.AG ® O tempo de reação do FRACT.diâmetro e distância entre os furos (minas) .AG® não é perigoso.AG® .dureza e resistência do material a ser cortado ou demolido . É evidente portanto a grande vantagem econômica do uso do FRACT. e não requer nenhum cuidado para o seu armazenamento.AG® Com o tipo correto de FRACT. e portanto não produz detritos. granitos.AG® da embalagem plástica. eliminando a perda de material. o FRACT. etc. não sendo alterada por falhas naturais da bancada (prancha) e o processo não causa microfissuras na superfície do corte.AG® estará pronto para o uso 3 Retirar os cartuchos do recipiente e introduzir nos furos .AG® na extração de pedras ornamentais como mármores.temperatura ambiente .AG® è a solução ideal em todos os casos de demolição em que o uso de explosivos. por razões de segurança .

AG® nos furos (minas) e começar a chover cobrir imediatamente com um plástico os furos (minas). = 3.AG® . A profundidade dos furos (minas) deve ser maior que a metade da pedra no caso de demolição e igual à altura da pedra quando se quer cortá-la **.5 PREPARAÇÃO DA ROCHA PARA O CORTE Fazer uma série de furos (minas) na bancada ao longo da linha de corte estabelecida. ** Neste caso o furo (mina) deve ser mais curto alguns centímetros para evitar perda de produto pelo fundo.40 a 50 cm = demolição de cimento Os furos (minas) devem ter um diâmetro de 25 mm a 50 mm.broca de 40 mm.1 kg de FRACT. = 1.broca de 50 mm. se as condições de uso e manuseio não forem respeitadas. deve-se utilizar um saco de polietileno ou o FRACT.  Quando estiver colocando FRACT.broca de 45 mm.3 kg de FRACT. existe a remota possibilidade de expulsão violenta do pó que pode queimar os olhos.AG® .AG® e quando se deve fazer furos (minas) maiores consultar o revendedor.broca de 30 mm.  Nos furos (minas) que tenham rachaduras.AG® pôr metro linear è de: .AG® Muito importante : Nas primeiras vezes que se usa o FRACT.0 kg de FRACT.  Não se deve tampar os furos (minas). É aconselhável utilizar o FRACT. podem estourar. = 1. = 1.AG® em furos (minas) de diâmetro menor possível para uma maior economia e aproveitamento no uso do produto.AG®  Nas primeiras horas após a colocação do FRACT.  Não se deve colocar FRACT.broca de 34 mm. = 1.8 kg de FRACT.0 kg de FRACT. por causa da reação.10 a 30 cm = corte de rochas ornamentais .broca de 38 mm.AG® em garrafas ou recipientes muito estreitos pois.broca de 32 mm. = 2.30 a 60 cm = demolição de rochas .AG® em cartuchos. O consumo estimado de FRACT. .5 kg de FRACT. para ano desperdiçar o produto.AG® . = 2.AG® .6 kg de FRACT. A distância entre os furos (minas) deve ser: .20 a 25 cm = demolição de concreto armado . CUIDADOS NO USO DO FRACT. não aproximar o rosto dos furos (minas) pois.AG® .AG®.AG® .

Atílio Travaglia Proprietário “ Estou deixando de lado o maçarico para usar FRACT.responsável: Rodrigo Scaramussa .: (028) 9987-1173 . Antônio Serraria  Sigma do Brasil  Gramil – Tel.” Rodrigo Scaramussa Proprietário ESSA É A SOLUÇÃO Argamassa expansiva para cortes de granitos. além de melhorar substancialmente a segurança dos trabalhadores com a menor utilização de explosivos”. mármores e demolições em geral.responsável: Atílio Travaglia . Obtivemos economia de 60% comparando com o que a empresa gastava anteriormente.AG  Sto. com diminuição da mão de obra”. nem trincas ou ALGUNS DOS CLIENTES DA ARGAMASSA EXPANSIVA FRACT. “ Aumentamos o aproveitamento na extração das pedras e agilizamos o trabalho. não explode.6 GRAMIL Granitos e Mármores Ltda.AG. Estriel Vargas Supervisor de Extração SANTO ANTÔNIO Serraria SIGMA do Brasil “ Com a argamassa expansiva FRACT.: (028) 3521-0558 – Tel. inclusive. Não oferece risco.AG conseguimos um maior volume de produção aliado a uma menor geração de rejeitos.: (028) 3531-1144 – Tel. não produz detritos.responsável: Estriel Vargas .

ANTES .ALTURA MÁXIMA DAS PRANCHAS ERA DE 2 metros HOJE - DISTÂNCIA ENTRE OS FUROS DE 30 CM HOJE .DISTÃNCIA MÁXIMA ENTRE OS FUROS ERA DE 10 CM.PRANCHAS COM ALTURA DE MAIS DE 8 metros .7 Granitos Laranjeira Ltda. .

Depoimento Antes Com a argamassa expansiva FRACT.Estética – Ao tombar as pranchas era visível a irregularidade entre minas onde surgiam “calombos” que ocasionavam um trabalho duplo. Alto Mutum Km. sempre surgiam pequenas quebras na base da prancha onde se perdia mais de 20 m3.8 Granitos Laranjeira Ltda. .AG foi possível retirar pranchas com 150 m3. Lindemberg Cardoso Jr.AG não necessita sequer “ desbastar” . evitando o engavetamento . o FRACT. Mesmo não tendo defeitos.AG desloca as partes por igual. Caixa Postal 22 CEP 29730-000 Tel/Fax: +55-027-721-5977 .AG pode-se dizer com clareza que o quadro acima inverteu-se : .Estética – caso a furação esteja correta a face cortada pelo FRACT.O tombo – o FRACT. pois aquela face teria que ser cortada novamente Depois Após termos utilizado a argamassa expansiva FRACT. 29.Quebras – caso o material tivesse um ponto de fraqueza.AG ao reagir desloca a prancha por igual.A furação – o espaçamento entre minas aumentou para 20 a 30 cm.5 do Município de Baixo Guandu – Espírito santo.Dinâmica – gastava-se muitas cunhas. ao bater as cunhas a prancha quebrava. homens e tempo para abrir o corte .O tombo – no momento de tombar a prancha utilizava-se uma manobra muito complicada. .Dinâmica – gasta-se 2 homens e com pouco tempo todo serviço é feito . . .A furação – com furos de espaçamento de no máximo 12 cm . pois não há irregularidades ( calombos ) . pranchas estas que ao retira-las com cunhas de pressão nos traziam as seguintes perdas : .Quebras – mesmo a prancha estando totalmente dividida por algum difeito natural. pois a abertura proporcionada pela cunha não deslocava a prancha ocasionando um engavetamento.

A medida que nos afastamos do centro o ângulo aumenta progressivamente até 90% 4m d o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o d o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o d o o o o o o o 4m ABERTURA DE TÚNEIS Método B d 4m Diâmetro das perfurações 30 – 50 mm d: distância entre o centro das perfurações 20 – 30 cm. aprox . 2 m de al t ura.AG depoi s de 4 a 6 hs após a pri m ei ra séri e o As perfura ções rest ant es dever ão ser preenchi das com FR AC T. Est as perfu rações cen t rai s não deverão ser preen ch i das. o P ri m ei ra seri e de perfur açõ es a serem preenchi das com FR AC T.9 ABERTURA DE TÚNEIS Método A Diâmetro das perfurações 30 – 50 mm d: distância entre o centro das perfurações 20 – 30 cm. As perfurações devem ser realizadas de modo de iniciar a ruptura da parede criando-se uma valeta central.AG at é com pl et ar-se a dim ensão preest abel e ci da do t únel o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o o 4m Abert ura cent ral real i z ada m edi ant e perfur ações horiz ont ai s de di am . para cri ar-se um a zona li vre no cent ro da rocha. Para isso é necessário dar as perfurações da seção central a demolir um ângulo aprox.AG o S egunda séri e de perfur açõ es hori z ont ai s a serem preenchi das com FR AC T. 200 mm . Abert uras cent rai s de aprox . o o o o o o o o o . 45 – 60%.

para calcáreo 30 cm. As a entre 30 cm com perfurações de 34 mm de diâmetro.3 0 (1) m distância perfurações realizar-se com 1. (máxima) CONCRETO si de . (2) realizam-se 0. Para demolir com FRACT. de modo que se evite 4 m que a ação do FRACT. inclinação das perfurações : paralelas a superficie livre. podem-se realizar perfurações de diâmetro aprox.10 DESMONTE DE DEMOLIÇÃODE ESCAVAÇÃO FRENTE ROCHOSAPILOTIS Vista lateral Vista superior ESQUEMA PARA 0.8 inclinaçãom aproximadamente exceto as indicadas eixo central. 20 cm. As devem uma de 60º no .AG se desenvolva paralelamente aos ferros e a 2eficácia do produto se m perca nos mesmos.diâmetro das perfurações: aprox. NãoNN Para um diâmetro de 40do mm.50 m 0. 34 mm. .distância entre o centro das perfurações (d): para granito 20 cm.5 m d perfurações perfurações inclinadas de 4 m com diâmetro das mesmas de 34 mm VALETAS ABERTURA DE . . dependendo do grau aproximada da armação entre Distribuir as será perfurações linearmente com distância (Não armado) os centros de 40 cm. A carga das perfurações realizam-se em duas ou mais fases sucessivamente.não preencher as perfurações centrais 1ª ETAPA NÃO PREENCHER O FURO CENTRAL 2ª ETAPA CONCRETO ARMADO Neste tipo de aplicação é necessário que o plano de corte seja paralelo aos ferros principais. 40 mm. 34 mm.diâmetro das perfurações: aprox. a distância entre o centro profundidade entrede60perfurações a 80% da altura bloco (mínima) das mesmas aprox.AG um bloco de concreto de média resistência 1 m como Mostra o esquema.

11 MétododeCorte eDemoliçãode Colunas comOrifícioCentral Vista superior Vista transversal ferrosdaarmadura eixocoluna serie deperfurações as perfuraçõesse carregamcomcartuchos d ferro d: diâmetrodo orificio central150 mm Inicia-se carregando as series de perfurações radiais para eliminar a cobertura dos ferros e sucessivamente demole-se a coluna mediante a carga da perfuração central de 150 mm .

101.br .054/0001-74 Insc. Cachoeiro x Safra.com.20-5 Tel/Fax (28) 35116879 E-mail: fractag@chimicaedile.278.FRACT.ES Cep 29300-970 CNPJ 04. Estadual 082. BR 482 Km 6 Bairro União Cachoeiro de Itapemirim .AG 12 a argamassa DE QUALIDADE A única que não falha ! Produzido no Brasil sob concessão da Chimica Edile srl Italia Chimica Edile do Brasil Ltda Rod.