ESTRUTURA

DOMINICAL

E

ADMINISTRAÇÃO

DA

ESCOLA

BÍBLICA

I.

Conceito:

É a Escola de ensino Bíblico da Igreja, que evangeliza
enquanto ensina, conjugando assim os dois lados da comissão
de Jesus à Igreja. – Mt 28.20; Mc 16.15.

II.

Introdução:

Faz parte do plano de Deus.

Faz parte da Organização.

Estrutura

Ordem

Disciplina

III.

Objetivos:

Conhecer a Jesus – Jo 17.3; 3.3.

Crescer em Jesus – 2 Pe 3.18; 1 Ts 3.12.

IV.

Servir a Jesus – Jo 13.15; Mc 10.44,45.
Importância:

Grande alcance

Estudo Bíblico Sistemático e gradual

Grande número de convertidos

Atende diferentes idades

Oportunidade de dar expressão aos sentimentos religiosos.

V.

Diretoria da Escola Bíblica Dominical
1. Oficiais

Superintendente

Vice - Superintendente

Secretários

Tesoureiros

2. Professores

VI.

Titulares

Auxiliares

Funções Gerais:

1. Superintendente

1. Responsável por toda a Escola
2. Orienta os obreiros
3. Providencia mobiliário e material
4. Planeja os programas da E.B.D.
5. Convoca e preside reuniões de obreiros
6. Promove cursos de treinamento.
7. Mantém bom relacionamento
2. Vice- Superintendente
1. Substituir o Superintendente
2. Auxiliar nas suas funções

3. Secretários
1. Substituir o Vice- superintendente
2. Mantém em ordem os livros da E.B.D.
3. Faz o relatório geral
4. Faz o arquivo dos alunos da E.B.D.
5. Providencia anúncios:

Visitantes

Aniversariantes

Sociedades internas (departamentos)

Avisos gerais

4. Tesoureiros

Promove reuniões extra. Adolescentes 13 a 15 anos 6. Jardim de infância 4 a 6 anos 3. Presta contas dos movimentos. Reunião de obreiros: VII. Adultos acima de 25 anos. Chega cedo 2.1.D. Professores: 1. 5.Divisão de classes Departamentos (Idade) 1. Recolhe as ofertas e contribuições 2. Prepara a sala 3.classe 4. . 3. Mantém em ordem os livros da tesouraria da E. Visita os alunos 5.Rol de berço 0 a 3 anos 2. Primário 7 a 9 anos 4. Atende às convocações. Juniores 10 a 12 anos 5. Jovens 16 a 25 anos 7.B. Ora nominalmente pelos alunos 6.  Devocional  Instrução  Debate Observações .

Cântico  Oração  Leitura bíblica  Breve meditação b) Classe: 1 hora c) Encerramento: 15 minutos  Cânticos  Relatórios  Avisos Pastorais  Oração final Os materiais  Armário fechado  Uma pessoa responsável  Nome e carimbo da igreja  Fazer relação .Sugestão a) abertura: 15 minutos (culto) .O Programa .

Verena .Estrutura da EBD by Alexandre Araujo | fevereiro 27. Tony Silva e Pra. 2012 7:43 pm Escola Bíblica Dominical – Projeto Vida Nova de Irajá [1] Pr. Verena LÍDERES: Pr. Tony Silva e Pra.

Jailson SECRETÁRIO: Dc.Professores: Missionária Ana Martins/ Dc Anchieta e Beth NOVOS MEMBROS .SUPERITENDENTE: Dc. Alexandre e Érica . Alessandro ______________________________________________________________________ __________ [2] CLASSES E PROFESSORES NOVOS CONVERTIDOS .Professores: Dc. Marcos e Jaqueline / Dc. Rubens e Jaqueline NOIVOS . Waldson e Érica CASAIS . Levy e Aline / Dc.Professores: Ev.Professores: Dc.

Verena e Pra.Professoras: Dca.Professoras: Dca. Daniel OBREIRAS . Raquel MULHERES III: De 36 a 40 anos .Professores: Dc. Milcelane / Dca.Professoras: Emanuele / Dca.Professores: Pra. Érica [3] CLASSES DE MULHERES MULHERES l: Até 32 anos . Flávia Alencar / Dca Erica MULHERES IV : De 41 a 46 anos . Daniele MULHERES ll: De 33 a 35 anos .OBREIROS .

Professora: Dca. Flávia Perdigão / Emanuele MULHERES V: De 47 a 53 anos . Silvana / Dayse MULHERES VII: A partir de 65 anos .Professora: Dca.Professoras: Dca.Professora: Aux. Débora Beloni MULHERES VI: De 54 até 64 anos(Letras inicias de A – L) . Léa / Eliane CLASSES DE HOMENS HOMENS I: Até 35 anos ..Professoras: Dca. Leila MULHERES VI: De 54 até 64 anos( Letras inicias de M – Z) .

Professores: Dc. Marcos HOMENS III: A partir de 47 anos . Rafael Monsores /Aux. David / Dc.Professores: Aux. Rodrigo HOMENS II: De 35 a 46 anos . Reginaldo / Dc.. Gerson / Aux.Professores: Dc. Odilon CLASSES DE JOVENS Responsáveis: Evangelistas Fagner e Vivian .

CLASSE DE ADOLESCENTES Responsáveis: Dc. Eurico Mesquita e Kelly MINISTÉRIO INFANTIL Responsáveis: Dc. Gilberto e Rosane. .

Ensinador Cristão Home >> Ensinador Cristão A infra-estrutura da Escola Dominical e o seu impacto sobre a qualidade de ensino 02/06/2010 . O valor da educação dos crentes na igreja é inestimável. .13:49 A obediência ao mandamento bíblico de ensinar é de importância capital para a sobrevivência da igreja. Muitos pastores e líderes já se conscientizaram da grande necessidade de investir na Escola Dominical. ainda falta uma visão completa do que seja o cristianismo. A verdade é que tanto o ensino como a evangelização são necessários para o crescimento do povo de Deus. Para alguns. entretanto. pois deixam de lado o ensino bíblico e se preocupam apenas com o trabalho de evangelismo. É através do ensino que cumprimos a urgente tarefa de tornar discípulos os seguidores de Cristo.

Os outros verbos que encontramos na Grande Comissão são “indo.Quando é reconhecida a importância do ministério bíblico do ensino. ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho ordenado. teológico e organizacional. existem bases e princípios que devem servir de alicerces para o trabalho da Escola Dominical objetivando produzir resultados positivos na vida dos seguidores de Cristo. (ARA) Diante da Grande Comissão. cabe-nos a tarefa de fazer discípulos. Cristãos responsáveis que se multiplicam são pessoas que se entregam a Cristo e a seu comando para tornar outras pessoas discípulos também. portanto. . fazei discípulos de todas as nações. Fazer discípulos envolve pessoas. histórico. É necessário pensar. Por isso. E eis que eu estou convosco todos os dias até a consumação dos séculos”. também é necessário reconhecer a amplitude desse ministério e o importantíssimo papel que desempenha. que devem ser entendidos com a ajuda do imperativo (neste caso. batizando-os em nome do Pai. A infra-estrutura espiritual da Escola Dominical A grande comissão do Senhor Jesus em Mateus 28. São gerúndios. sóciopsicológico. e relacioná-las com as comunidades de pessoas cristãs. que ajudarão a compreender melhor qual o objetivo que se tem em mente quando se fala em Escola Dominical e sua infra-estrutura. batizando e ensinando”. denominadas igrejas. planejar e fundamentar a Escola Dominical do ponto de vista bíblico. do Filho e do Espírito Santo. Isso significa trazer às pessoas que não conhecem a Cristo e Sua igreja a revelação da fé salvadora e o compromisso de servirem o Senhor Jesus enquanto viverem. “fazei discípulos”).19-20 é o nosso principal mandamento missionário e educacional: “Ide.

batizando-os. É um processo contínuo pelo qual as pessoas que se convertem a Jesus Cristo relacionando-se entre si chegam a ser membros da igreja. >> Cristo foi um organizador A maneira sistemática como desenvolveu o seu ministério e a forma como procedia demonstrava o grau de sua organização para ensinar os discípulos que lhe acompanhavam. As pequenas coisas que fazia eram organizadas. Esses discípulos saem a fazer outros discípulos. por exemplo. por várias razões: >> O nosso Deus é um Deus de ordem A criação demonstra isso. Não podemos deixar de lado nenhuma atividade sem limitar o esforço de fazer discípulos. A complexa organização da vida humana em que cada órgão tem as suas funções coordenadas com os demais órgãos do corpo. Os discípulos devem cumprir o “indo. ensinando-os e relacionando à igreja. 1Co 14. aprendemos também a maneira como .40. A infra-estrutura organizacional da Escola Dominical Existe a necessidade de organização na Escola Dominical. Nos ensinamentos de Cristo. O poder de Cristo foi evidenciado na ordem. sem contar as mulheres e crianças. O apóstolo Paulo dá a seguinte recomendação em sua Carta à Igreja de Corinto: “Tudo porém seja feito com decência e ordem”. quando alimentou a multidão de cinco mil homens. numa verdadeira lição de como administrar para não faltar.Cada palavra indica uma atividade que deve se realizar para completar o imperativo. batizando e ensinando”. Fez com que a multidão sentasse em grupos de 50 e 100.

>> Muitos dos que Deus tem usado são organizadores Podemos exemplificar isso em Neemias. .Devem ter experiência de falar em público. organizou os líderes para conduzir o povo de Israel.Crente firme.Que sejam entusiastas. Em Atos. . Moisés. alegres e estáveis no temperamento. estabeleceu os diáconos para exercerem responsabilidades detalhadas de nutrição nos lares. encontramos o aspecto organizacional da igreja. especialmente o de alimentar as viúvas. amáveis no trato. . . A infra-estrutura pessoal e administrativa da Escola Dominical A estrutura pessoal e administrativa inclui a liderança da igreja. com um bom conhecimento da Bíblia Sagrada. de bom caráter e de bom testemunho. sabendo ler e escrever corretamente. . No capítulo 3 de seu livro ele nos mostra como a organização foi a base para a reconstrução dos muros e do templo de Jerusalém. a direção da Escola Dominical. no cuidado que tinha com as igrejas.Pontuais e fiéis na assistência. Superintendente. os professores e os alunos da mesma. seguindo a orientação de seu sogro Jetro. no capítulo 15. espiritual. A organização deverá sempre existir para viabilizar a efetivação da obra que estiver sendo proposta. O apóstolo Paulo.Que tenham capacidade para administrar. O Reino de Deus foi o centro de convergência de todas as parábolas proferidas por nosso Senhor Jesus Cristo.Ele organizou as parábolas em direção a um propósito. coordenador e dirigente >> Suas qualificações: . criativos.

sem pedi-lo. .Observar se todas as classes estão funcionando normalmente.Deve ser uma pessoa que saiba ler bem. . . . . através de cursos de atualização adequados para estes.Deve ser crente firme. .Planejar junto ao pastor as atividades e projetos internos e externos da Escola.Deve ser pontual e fiel à assistência da Escola Dominical.Dirigir a Escola Dominical cada domingo.Reunir a equipe de cooperadores (professores.Deve ser paciente e compreensivo. secretários. . O professor e seu substituto >> Suas qualificações: .Deve ser uma pessoa que sirva de exemplo de tudo o que ensina. . auxiliares etc) ao menos uma vez no trimestre para juntos planejarem novos trabalhos e projetos da Escola e.>> Seus deveres: .Manter uma boa equipe de professores e seus substitutos. os adolescentes. para resolverem problemas que porventura existam. de bom testemunho e de bom caráter. também.Deve ser uma pessoa amável no trato.Deve ser uma pessoa que saiba exigir respeito dos seus alunos. que realmente ame as crianças. . . os jovens ou qualquer outro grupo que trabalhe. .Preparar o programa do início e encerramento da Escola.Promover sempre os melhores interesses do Reino de Deus através da Escola Dominical. pois o treinamento será de grande valor.Designar os vários serviços da Escola a pessoas capacitadas e voluntárias para que estes também recebam experiência na liderança e em trabalhos relacionados ao programa da Escola. . falar corretamente. . contar .

Deve saber lidar com seu grupo.Levar cada um dos seus alunos a uma experiência pessoal de salvação em Jesus Cristo. oração etc. O ideal é duas pessoas para cada classe de 10 . tais como batismo nas águas.Criar aluno um profundo amor e respeito para com Deus. a igreja. >> Seus alvos: .Preparar-se com todo esmero para ensinar a Palavra de Deus. formar no aluno o sentimento para ser um bom cristão e um bom cidadão.Os professores das classes infantis devem sempre ter auxiliares ajudando-os na classe.Proporcionar ao aluno um bom conhecimento bíblico. principalmente dentro das doutrinas cardeais da nossa fé.Através do ensino da Palavra de Deus.Fazer cada lição relevante às necessidades espirituais dos alunos.Explicar claramente a lição e sua aplicação à vida dos alunos.Firmar o aluno para sempre nos caminhos do Senhor.Ajudar seus alunos espiritualmente. . jovens ou adultos. . . sejam crianças. >> Observações: . . Ceia do Senhor. . . . adolescentes. Se não tiver. >> Seus deveres: . . .Responder as perguntas de maneira bem clara e informativa.Aumentar o conhecimento bíblico de seus alunos. é recomendado que participe de cursos e treinamentos para adquirir conhecimento. .Ajudá-lo a achar o seu lugar na igreja e na obra do Senhor. . . instruindo-lhe nas ordenanças divinas. mostrando-lhes que a Bíblia tem a resposta para todas as situações da vida. Sua Palavra e Sua casa.histórias e que prenda a atenção de seus alunos.Deve ter conhecimento pedagógico.

>> Seus deveres: . que deverá ter as mesmas qualidades do secretário geral da Escola Dominical. Os músicos e o louvor na Escola Dominical >> Devem ser pessoas: . .Listar semanalmente os aniversariantes. Observações: O secretário também poderá acumular as funções de tesoureiro da Escola Dominical. escrever e tenha noções de matemática. de maneira que o substituto possa preparar adequadamente o ensino da lição.Fazer a chamada e o relatório das classes.a 15 crianças. . Observações: Cada classe também deverá escolher o seu secretário. adolescentes e jovens.Fiéis na assistência. devem planejar atividades sociais de vez em quando para os mesmos. . . contendo as informações necessárias. . . os ausentes.Que saiba ler.Apresentar cada domingo ao professor da classe ou ao coordenador da Escola Dominical os relatórios gerais. honesto e capaz.Os professores das classes de juniores.Que seja pontual.Os professores devem avisar os seus substitutos no caso de ser necessário faltar um domingo. Esse aviso deve ser feito com a maior antecedência possível. O(a) secretário(a) da Escola Dominical >> Suas qualificações: . . os visitantes etc.Que seja fiel a assistência.

Dispostos e alegres. com temperamento e controle próprio.Conhecimento bíblico Os.Salvação Sl. A Escola Bíblica Dominical deve ser vista como parte integrante da Igreja e alicerce para o crescimento sustentado da Igreja. Ef. 51:3 2º .Preparados para exercer sua função. . muito menos. entretanto. que a reunião da EBD não é igual a um culto. em todos os seus aspectos. Nela buscamos o aperfeiçoamento no estudo da Palavra de Deus através de um estudo sistemático. metódico e pedagógico sem deixar de ser. .Pontuais na Escola Dominical. e não como uma organização independente e. É importante lembrar. acima de tudo. 6:3 3º . . concorrente.Preparar o aluno para o trabalho e propagação do reino de Deus 2 Tm. Objetivos da EBD 1º . 4:14 4º . 2:15 A organização da EBD . o apoio incondicional da liderança da Igreja local e das famílias representadas pelos membros.Crescimento cristão 1 Co 13:11.. IMPLANTANDO UMA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL A ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL Para o sucesso na implantação da EBD é necessário. espiritual.Espirituais e dedicados ao seu trabalho.

1º Organização pessoal Para elaborar o organograma da EBD é necessário ser criterioso na composição desta estrutura. fiéis. Descreveremos as principais responsabilidades de cada função e os requisitos mínimos que devem ser observados aos postulantes a cada um dos órgãos que comporão a estrutura da EBD: Pastor: é o responsável e o real dirigente. Definiremos uma estrutura que consideramos a ideal e que deverá. devem ter dedicação ao ensino. assíduos e pontuais. no entanto. Funções: 1º escolher ou indicar pessoas para os vários cargos de acordo com a direção de Deus e os requisitos mínimos exigidos para o bom desempenho. 2º preparar professores e oficiais para o ensino bíblico. . 3º seu ministério de ensino é obrigatório e não optativo.Ao implantar uma EBD é necessário: 1º elaborar um organograma funcional (organização pessoal) 2º elaborar a proposta curricular e avaliação periódica (organização pedagógica) 3º estabelecer o local físico. ser adaptada à realidade da igreja local. ser constantes. Os integrantes devem ser bem escolhidos e preparados. o mobiliário e o material didático a ser utilizado (organização material).

como e quais os meios que serão utilizados. 7º incentivar. evangelistas. presbíteros. 4º orientar e coordenar as atividades do departamento da Escola Dominical. Funções: 1º estabelecer objetivos: dizer aos seus liderados onde se quer chegar. 2º motivar: estimular e incentivar os liderados na consecução dos objetivos. ensinar a classe dos ministros (pastores auxiliares. acompanhar. orienta e zela pela doutrina e pela organização da EBD. 5º investir e destinar recursos financeiros para o desenvolvimento da EBD. materiais ou financeiros. 5º orientar. exercendo de modo eficaz a liderança que lhe foi outorgada pelo Pastor. entusiasmar e proporcionar o crescimento na fé. 3º administrar: é o processo de planejar. organizar. dirigir e controlar os recursos. sejam humanos. 6º estar permanentemente alerta cuidando para que as doutrinas e os princípios bíblicos sejam preservados de acordo com o credo da Igreja. receber sugestões e implementar ações que dêem mais qualidade à EBD.4º se possível. Superintendente: é aquele que coordena. 8º coordenar e reunir regularmente o corpo docente e os administrativos da escola dominical para avaliar. . a fim de atingir os objetivos estabelecidos. assessorar a diretoria pedagógica na elaboração do conteúdo programático. 6º ser assíduo e pontual. proporcionar treinamento em instituições de ensino secular ou teológico. diáconos e cooperadores).

3º Ser servo. 4º Ser conciliador: ter a capacidade de transformar conflitos em oportunidades. sincero. 12º supervisionar o funcionamento da escola dominical dentro de suas atribuições administrativas e espirituais. 7º Ser criativo. 14º proporcionar um clima de fraternidade cristã. entusiasmado. 5º Ter bom testemunho: viver o que prega. humano. pontual (deve ser o 1º a chegar e o último a sair) e assíduo. Diretoria Administrativa: é a responsável pela organização e bom andamento da EBD. otimista. Requisitos: 1º Ser um estudioso da Palavra de Deus. 16º conhecer e aplicar o sistema de avaliação do corpo docente. 10º estar atento para prover substituições para as ausências de professores. 15º promover a escola dominical.9º prover recursos materiais e técnicos para o bom desempenho da escola dominical. didático e de relações humanas. discente e da organização administrativa. 13º manter a disciplina. 6º Ter preparo teológico. 11º zelar pelo bom funcionamento da escola dominical privilegiando o tempo de estudo em classe. Secretário: . 2º Ter amor ao genuíno ensino da Palavra de Deus.

organizado. 6º Ser bem humorado. desistências ou transferência de classe. 4º Ter noções de cálculo para apresentar estatísticas do desempenho da EBD quanto aos objetivos estabelecidos. otimista. . Recepção (introdutores ou “porteiros”): Funções: 1º conhecer a divisão de classe da EBD. 6º preparar o relatório geral com o desempenho da EBD. 2º Ter facilidade de falar em público e boa dicção. 4º orientar os secretários das classes no preenchimento do diário de classe. 2º manter os diários de classe atualizados com novas matrículas. entusiasmado. 3º enviar correspondência de incentivo e estímulo aos alunos faltantes. 5º distribuir os diários de classe aos secretários de classe. 5º Ter bom relacionamento interpessoal (fácil de se lidar). 3º Ter noções de administração. sincero. pontual e assíduo. 7º encaminhar à Biblioteca os relatórios do ano em curso para futuras pesquisas. Requisitos: 1º Ter habilidade de datilografia e computação. criativo.Funções: 1º manter os registros de matrículas em ordem.

3º orientar os novos alunos quanto à disposição física das classes. atlas. pontual e assíduo. 2º organizar os livros por assunto (teológicos. devoluções) 3º Ter facilidade de comunicação e bom relacionamento interpessoal. retiradas. dicionários. prestativo. 4º acompanhar novos lançamentos para aquisição. 2º Ser bem humorado. 6º incentivar a leitura dos livros disponíveis por parte. etc). principalmente. Requisitos: 1º Ter noções de organização bibliotecária. 7º divulgar o acervo da biblioteca para toda a Igreja. 2º Conhecimento de informática para controle dos livros (entradas. biografias. organizado. Requisitos: 1º Ter facilidade de comunicação e de se relacionar com as pessoas. 3º controlar os empréstimos e as devoluções de livros. pontual e assíduo. . 4º Ser bem humorado. 5º incentivar doações.2º encaminhar os visitantes para a classe em que deve assistir a ministração do ensino. gentil. gentil. educação cristã. Biblioteca Funções: 1º manter os livros em boa conservação. prestativo. humano. do corpo docente da EBD. seculares.

etc). pelo treinamento aos professores das matérias a serem abordadas.Diretoria Financeira: é a responsável pelos recursos financeiros da EBD. saídas e do saldo em caixa. doações. pela aquisição de materiais didáticos apropriados para classe de alunos para atingir os objetivos . divisão. 3º Ter noções de contabilidade. doações) que são fruto da EBD deveriam ser aplicados no desenvolvimento e crescimento da EBD com aquisição de livros didáticos e teológicos. 2º Prestar contas elaborando relatórios das entradas. Diretoria Pedagógica: responsável pela elaboração/aplicação do currículo de acordo com o definido. 5º Ser íntegro moral e espiritualmente. materiais pedagógicos e no aperfeiçoamento dos professores e demais integrantes para que possam ser devidamente “preparados para toda boa obra”. adição. 4º Ter facilidades para cálculos (soma. multiplicação. percentagem. Entendemos que os recursos (as ofertas. pontual e assíduo. Funções: 1º Registrar as entradas e saídas de dinheiro. 3º Incentivar a formação de poupança da EBD através de trabalhos voluntários. Requisitos: 1º Ter conhecimento na elaboração de orçamento. 2º Conhecer fluxo de caixa.

3º estar permanentemente alerta. 2º coordenar. 6º incentivar os professores e demais participantes da EBD (principalmente os alunos) a produzirem material didático. os materiais didáticos. 9º promover cursos e palestras voltadas às técnicas de ensino e aprendizagem para o aperfeiçoamento daqueles que se dispuseram a ensinar a Palavra. Neste dia. utilização de recursos didáticos mais adequados. carteiras. pintura. cuidando para que as doutrinas. pelo menos uma vez por ano. Coordenador Pedagógico: Funções: 1º atentar para o uso da literatura produzida e/ou recomendada pela igreja através do superintendente. conservação de janelas). etc). o “dia da restauração”. 10º Conhecer os sistemas de avaliação (qualidade e quantidade) . inclusive com materiais recicláveis. troca de piso. 8º colaborar com a diretoria de marketing nos eventos cujo cunho seja pedagógico ou cultural. princípios. os mobiliários (consertar bancos. etc). todos são convidados a consertar/ restaurar: as dependências da Igreja (reboco. mesas. 4º treinar os professores no uso da didática e pedagogia a fim de obter a excelência no ensino. orientar e assessorar os professores em sua tarefa docente (planejamento das aulas. 7º promover. 5º zelar pelo material didático disponível.estabelecidos pela superintendência no mês/trimestre/semestre ou ano. história e tradições da igreja sejam preservados.

diálogo não gritar linguagem deve ser simples e gramaticalmente correta evitar o uso de gírias e expressões ou palavras vulgares 6) confiança em si mesmo. clara e simples o tom de voz deve ser igual ao de uma conversa. Avaliação do corpo docente. agradável. convincente 5) linguagem fluente. seja por formação secular. Requisitos: 1º Ter conhecimento da pedagogia e da didática. revistas (estar sempre atualizado). 3º Ser dedicado ao ensino e gostar de leitura seja de livros de estudos bíblicos seja seculares. Avaliação da organização administrativa e pedagógica. 2º Ter conhecimento da Palavra de Deus (“maneja bem a Palavra da Verdade”) e a unção do Espírito Santo. visão e audição em boas condições 4) voz firme. iniciativa e liderança . jornais. Professor Requisitos fundamentais do professor da escola dominical I – Aptidões (atributos ou qualidades) naturais 1) saúde e equilíbrio emocional 2) boa apresentação 3) órgãos de fonação.Avaliação do corpo discente. com perfeito controle emocional 7) naturalidade e desembaraço 8) firmeza e perseverança 9) imaginação. seja pelo conhecimento auto-didático.

mental. devemos responder às seguintes perguntas: O que pretendemos alcançar? Como alcançar? Em quanto tempo? Como avaliar o que foi alcançado? 2.1) Ao planejar. mas valorizar os aspectos emocional e volitivo da comunicação as seguintes perguntas devem ser respondidas: O que sei que desejo que esses alunos saibam também? O que sinto e desejo que eles sintam também? . social e espiritual 4) valorizar o processo de comunicação humana não se limitar a transmitir a mensagem apenas intelectualmente. II – Preparo pedagógico 1) entender o processo de ensino-aprendizagem 2) saber planejar bem suas aulas 2.2) porque planejar para evitar a rotina e a improvisação para contribuir para a realização dos objetivos visados promover a eficiência do ensino garantir a economia de tempo e energia 3) ter conhecimento de psicologia educacional entender que os alunos são diferentes dependendo do grupo de idade e também do próprio grupo de idade entender que os alunos variam conforme seu desenvolvimento físico.10) habilidade de criar e manter boas relações humanas com seus alunos (sociabilidade) 11) vocação para o magistério 12) exemplaridade moral.

técnica de ensino) ü Definir objetivos ü Domínio dos métodos de ensino ü Preleção ü Perguntas e respostas ü De discussão ü Da narração ü Leitura ü Dinâmica de grupo ü Domínio dos meios auxiliares de ensino ü Multimídia ü Quadro de giz ü Flanelógrafo ü Flip-chart Conhecer os sistemas de avaliação (qualidade e quantidade) Avaliação do corpo discente Avaliação do corpo docente Avaliação da organização administrativa e pedagógica 6) precisa estar motivado (saber e dominar o que vai ensinar) III – Qualificação espiritual 1) Ser chamado por Deus para o ministério do ensino 2) Ter um relacionamento vital e real com Jesus Cristo 3) Ser aprovado No testemunho pessoal (1 Tm 4:16. 2 Tm 4:5) .O que faço e quero que eles façam? 5) Preparo didático (consiste na técnica de dirigir e orientar a aprendizagem.

jornais e periódicos (evangélicos e seculares) Ø Deve conhecer a história e a estrutura da Bíblia Ø A formação do cânon sagrado (como a Bíblia chegou até nós) Ø Manuscritos.Na vida familiar (Sl 128:1) Na vida social (Mt. 5:16) Na igreja (Ec 5:1-2) 4) Esforçar-se em seguir o exemplo de Jesus (o Mestre por excelência) na utilização dos métodos de ensino público alvo eficácia no ensino 5) Disposição de aprender (humildade) 6) Liderança positiva Lealdade à igreja e ao pastor Ser eticamente correto Ser crente integrado à sua igreja Viver o que ensina Ter um lar cristão modelar Apoiar a missão e a visão da igreja local Ter como alvo a salvação dos alunos Ser pontual e assíduo 7) possuir conhecimentos bíblicos Ø Ser um leitor persistente e estudioso da Bíblia 1 Tm 4:13 Ø Ser dedicado ao ensino Rm 12:7b Ø Ser um leitor de bons livros de estudo bíblico 2 Tm 4:13 Ø Conhecer várias versões da Bíblia Ø Utilizar dicionários. concordâncias e enciclopédias bíblicas Ø Ser um leitor de revistas. versões e revisões Ø Unidade física – estrutura e classificação dos livros . traduções.

a vida. Jorge Augusto Martins. Espírito Santo. símbolos. págs. Igreja. Precisa conhecer a linguagem figurada da Bíblia (tipos. etc). destacando: A Bíblia interpreta-se a si mesma: Mediante a lei do contexto (o que vem antes e depois do texto). 27 a 28) . as leis e as terras dos povos bíblicos. 33 a 36. Pecado. revista nº 17 de jan/mar 2004. cananeus. págs. Jesus Cristo. metáforas. Deve conhecer antiguidades bíblicas. Mediante o ensino geral da própria Bíblia. Homem. Justificação. etc). gregos. Precisa conhecer geografia bíblica. os costumes. págs. Idoneidade. Precisa conhecer o Plano Global de Deus exposto nas Escrituras (dispensações e alianças). 55 a 58 Compromisso nas escolhas. Mediante os textos paralelos. Mediante o ensino geral do livro e de seu autor. isto é. babilônicos. fidelidade e graça. Precisa conhecer a história da igreja. as Últimas Coisas. a Trindade. Elinaldo Renovato. assírios. revista nº 8 de out/dez 2001. palavras. Marcos Tuler. romanos. Salvação.Ø Deve conhecer as doutrinas fundamentais da Bíblia (Deus. etc) Deve conhecer as principais regras de interpretação da Bíblia. revista nº 6 de abr/jun 2001. (Textos extraídos dos artigos publicados na revista Ensinador Cristão: Formação integral do Professor. Regeneração. Precisa conhecer a história dos povos antigos mencionados na Bíblia (egípcios.

Diretoria de Música: responsável pela seleção dos hinos congregacionais e corais de acordo com o assunto da lição a ser estudada. Requisitos: 1º conhecer teoria musical e dominar um instrumento musical. sua mensagem será repetida dezenas/milhares de vezes) 4º ser servo. 2º ser conhecedor da Palavra de Deus. 5º zelar pelos instrumentos da igreja. 3º ser preocupado com o conteúdo teológico das letras (quer queiram ou não o compositor também é um professor. 3º incentivar a participação dos músicos da Igreja na EBD. 7º coordenar a aquisição de materiais. 9º colaborar com a diretoria de marketing em eventos ligados à música para crescimento e expansão da EBD. 2º zelar pelo genuíno louvor e adoração na Igreja. criativo. moderado. instrumentos e uniformes. bem humorado. partituras. 6º incentivar o louvor do hinário adotado pela Igreja. pontual e assíduo. conjuntos. 4º incentivar o surgimento de novos talentos. Funções: 1º selecionar os hinos adequados ao estudo da lição. . solistas e instrumentistas no desempenho de suas funções. 8º assessorar os coros .

semana da escola dominical. Os requisitos acima elencados são desejáveis. bem humorado. 3º Ser conhecedor da Palavra de Deus. 4º promover a comunhão e integração dos alunos e professores com a Igreja e a Comunidade. 6º instituir premiações e competições (na classe e inter classes) visando uma maior participação dos alunos e o crescimento espiritual. 2º estabelecer estratégias para expansão e crescimento da EBD. 5º envolver e motivar os integrantes da EBD em todas as atividades festivas (dia dos pais. conforme sua capacidade). da Bíblia. entre outros) e pela definição de estratégias para expansão e crescimento da EBD. mas não impeditivos. assíduo. passeios. escola bíblica de férias.Diretoria de Marketing: é a responsável pelos eventos realizados na Igreja (datas comemorativas. das mães. para aqueles que desejam trabalhar com o ensino. etc). Requisitos: 1º Ter conhecimento das técnicas de propaganda e marketing. das missões. 2º Ser criativo. Funções: 1º Divulgar os trabalhos da EBD junto à Igreja. moderado. 3º promover ações sociais e espirituais para fixar o aluno na EBD e na igreja. pontual. organizado. retiros. à comunidade local através dos meios de comunicação. O importante é que a obra do . pois não esqueçamos que o “Senhor capacita os chamados” (o Senhor utilizará cada vaso.

Para divisão das demais classes observar o espaço para que não haja interferência e dispersão da atenção dos alunos. Material e recursos didáticos É importante. 3º fantoches e outros recursos para contar histórias. principalmente. Diretoria Pedagógica e Diretoria de Marketing). boa iluminação e ventilação. mas não indispensável. com a anuência do Pastor. para que a EBD seja eficiente e eficaz todos esses requisitos. a EBD contar com os seguintes recursos: 1º quadros de giz ou flip chart. . 2º flanelógrafos. contribuem para o crescimento e expansão do sadio ensino das escrituras. 2º Organização material Instalações físicas e mobiliário A maioria das igrejas não possui salas adequadas ao ensino. Entretanto. mais a unção do Espírito Santo. dos recursos didáticos.Senhor seja feita! Entretanto. deve ser utilizado um espaço que tenha condições de ser adaptado para instalação do mobiliário. procure instalações adequadas para este intento. como por exemplo a cessão de salas de aulas das escolas públicas ou escolas particulares. sugerimos que a liderança da EBD (Superintendente. para o ensino das classes das crianças. Na ausência de condições de adaptação dos espaços. do ambiente.

por meio de belas ilustrações para pintar. pois entendemos mais abrangente no público a ser atingido. a revista Jardim da Infância a cada trimestre. Existem várias editoras que possuem lições para o estudo sistemático das escrituras (Central Gospel. 3º Organização pedagógica Currículo Consiste na definição da grade curricular a ser estudada. entre outras). a revista Maternal a cada trimestre. . para quem está iniciando.4º televisão. Editora Betel. cortar e colar. que contém as seguintes revistas: Voltada para a criança de 2 e 3 anos. a utilização do currículo definido pela Casa Publicadora das Assembléias de Deus – CPAD.permite que a criança se familiarize com as figuras que compõe o universo da Bíblia Sagrada. recomendamos. DVD. permite que a criança se familiarize com as figuras que compõe o universo da Bíblia Sagrada. Voltada para a criança de 4 a 5 anos. por meio de belas ilustrações para pintar. vídeo. 5º computador com acesso à Internet. porém.

possui várias ilustrações e exercícios que aliam o conhecimento bíblico à alfabetização. . Preparada para revelar verdades espirituais e práticas ao adolescente de 15 a 17 anos. a revista Juvenis. a cada trimestre. Voltada para o adolescente de 12 a 14 anos. possui ilustrações e vários exercícios que buscam alicerçar o conhecimento e a aplicação da Palavra de Deus na vida do aluno. Voltada para crianças de 9 a 11 anos. se mostra uma útil ferramenta para que eles possam conhecer mais a Palavra de Deus e a si próprios. a revista Adolescentes.Voltada para crianças de 6 a 8 anos. dá novos conhecimentos a respeito da Palavra de Deus. a cada trimestre.

Fé. um reforço espiritual para aqueles que desejam edificar suas vidas na Palavra de Deus.Ensina os primeiros passos para o novo convertido. Definição de local e horário Devem ser definidos os locais onde cada classe terá sua ministração do ensino. mensalmente ou no final do trimestre. . É ideal um mínimo de 60 minutos para a duração da aula. Sistema de Avaliação Sistema de avaliação para os alunos consiste em auferir. Dons do Espírito Santo e muito mais. A critério de cada professor. Pode ser atividade em classe ou extra-classe. aquilo que o aluno assimilou das aulas ministradas. o dia da semana e os horários (manhã. A cada trimestre. em condições adequadas. essa avaliação pode ser feita ao final de cada aula. ou de acordo com a definição da coordenação pedagógica. tarde ou noite). apresenta as doutrinas relacionadas a salvação e os ensinamentos básicos da Bíblia como Oração.

págs. 33 a 36. datado de 23/02/2002 e assinados por Joana D’Arc Meirelles (secretária) e Bispo João Alves de Oliveira Filho (Presidente da COGEAM) Artigo sobre o I Congresso Nacional de Escolas Dominicais da Igreja Metodista em maio/2001. págs.. págs. Claudionor – Manual do Superintendente. Marcos Tuler. revista Ensinador Cristão nº 3 de jul/set 2000. O ideal é que chegue. fidelidade e graça. Editora CPAD. Ciro Sanches Zibordi. Manual de Ensino – para o educador cristão. no mínimo. Profª Graciela Aço.metodista.Regimento da Escola Dominical da Igreja Metodista. Elinaldo Renovato. A infra-estrutura funcional da Escola Dominical A abertura da Escola . págs. revista Ensinador Cristão nº 12 de ou/dez 2002. Marcos – Manual do Professor. discentes e administrativos com vistas ao aperfeiçoamento e à correção dos pontos falhos. 57 a 68 Andrade. págs. 119 a 143 Gangel. & Hendricks. págs. Tem como objetivo conhecer a expectativa dos envolvidos seja docentes. Edição 2000 Formação integral do Professor. com 15 minutos . 33 a 36 Superintendência qualificada. Kenneth O.org. revista Ensinador Cristão nº 8 de out/dez 2001.br . págs. Jonas Batinga dos Santos Filho. revista Ensinador Cristão nº 17 de jan/mar 2004. Howard G. Antonio – Manual da Escola Dominical. Jorge Augusto Martins. Editora CPAD.O encarregado para iniciar a Escola deve ser pontual. Editora CPAD. BIBLIOGRAFIA: Gilberto.254 a 270Tuler. Editora CPAD. págs. revista Ensinador Cristão nº 6 de abr/jun 2001.Sistema de avaliação da organização administrativa e dos docentes consiste em avaliar se os serviços de ensino estão sendo satisfatórios e atingindo o objetivo. 27 a 28_Como implantar a Escola Dominical. 55 a 58 Compromisso nas escolhas. 6 a 9 www. Idoneidade.

capacitados e dedicados. . A leitura bíblica da lição . tanto no início como no fim da Escola Dominical. afim de que produza resultado.Breve comentário sobre a lição. .Apresentação de visitantes. .Os hinos deverão ser escolhidos de acordo com o assunto da lição. em classes divididas de acordo com a idade dos alunos. ressalvando-se a disponibilidade.A leitura ou apresentação do relatório.A recitação de textos bíblicos e apresentação de louvores pelas classes.O ensino deve ser feito por professores espirituais. . O encerramento da Escola Dominical .O ensino da lição deve ocupar de 45 a 60 minutos do tempo da Escola.de antecedência. Ver novo currículo da CPAD. . O ensino da lição .A melhor hora do dia para a Escola Dominical é no domingo pela manhã. . dirigente ou por um dos professores. . .No ensino da lição deve ser usado os melhores materiais e métodos possíveis. pelo coordenador. para que o ensino seja compreendido e absorvido pelo aluno. .Na sua opinião.Os louvores devem tomar aproximadamente cinco minutos de tempo.Anúncios e oração final. qual é o melhor método de fazer a leitura? Quem deve dirigir a leitura? A música . e que o horário seja compatível com a realidade de cada igreja ou congregação.

.Livros. Prédio – Salas específicas e independentes para as aulas.Quadros diversos.Dia do pastor. dicionários e enciclopédias. .Dia de missões. .Dia nacional da Escola Dominical.Dia do professor.Dia da Bíblia.Dia das mães. 2. . . . .Retroprojetor. Mobília – De acordo com os fins e a idade dos alunos. 3.Mapas.Computador.Aparelho de DVD. .Dia da promoção de uma classe para a outra.Dia da criança. .Datashow . . . A infra-estrutura material 1.Projetor de multimídia . .Natal.Etc. .Revistas e Lições Bíblicas.Aparelho de TV. .Páscoa. . Material didático e de apoio: .Dia dos pais. . . . . .Datas e programas especiais Os dias durantes o ano que devem ser lembrados e celebrados de maneira especial são os seguintes: .Dia da independência do país.

A igreja precisa de uma Escola Dominical com qualidade mais do que nunca. professor de Teologia. Para cumprir com os propósitos de Deus no mundo. É o meio ideal. Deus dará a visão e a Escola Dominical terá que oferecer a infra-estrutura para alcançar os objetivos para os quais existe.O que tenho mencionado. Tenho certeza que é o desejo da maioria dos professores e dos que frequentam a Escola Dominical. alcançando os perdidos e ajudando-lhes a converterem-se em dedicados discípulos de Jesus. Não é também o que muitos líderes de nossas igrejas pensam a respeito da agência de ensino mais importante da igreja. É demonstrado que a igreja pode cumprir melhor com os propósitos de Deus com a Escola Dominical do que sem ela. . De todos os departamentos que a igreja tem à sua disposição. Eliezer Morais é pastor na AD em Porto Alegre. infelizmente não é o que a maioria das nossas escolas dominicais possui em termos de infra-estrutura. São muitas as congregações que divagam sem visão e a infraestrutura necessárias. ainda que resumidamente. a igreja não deve medir esforços para investir em infraestrutura. conferencista e diretor do Instituto Bíblico Esperança. a Escola Dominical tem o maior potencial para lograr esses fins. Já está disponível uma maior infra-estrutura sobressalente de currículo e preparação.